Professores da “categoria O” podem ingressar com ação individual pelo direito ao IAMSPE

01/06/2012 at 10:08 250 comentários

Juiz emitiu sentença desfavorável no mandado de segurança coletivo – APEOESP vai recorrer

O juiz Marcos de Lima Porta, da 5º Vara da Fazenda Pública do Tribunal de Justiça de São Paulo, emitiu sentença desfavorável à APEOESP no Mandado de Segurança Coletivo que solicita para os professores da categoria “O” o direito à filiação e uso do IAMSPE – Ins­tituto de Assistência Médica do Servidor Público do Estado de São Paulo.

A APEOESP vai recorrer da sen­tença. Entretanto, o resultado pode demorar muito tempo, razão pela qual o sindicato está preparado para ajuizar ações individuais para tantos quantos desejem fazê-lo. Para tanto, devem procurar o departamento jurí­dico nas subsedes ou na sede central, se for o caso.

About these ads

Entry filed under: Artigos. Tags: .

Ministério da Previdência normatiza aposentadoria por invalidez (EC 70/2012) Governador confirma que convocação de professores concursados será feita neste mês

250 Comentários Add your own

  • 1.  |  01/06/2012 às 17:34

    Não tenho mais esperanças com a educação, infelizmente sinto-me cansada de tanta desvalorização, seja ela por parte de alunos, pais e este maldito governo que tanto despreza a categoria. Não ter direito se quer a saúde isso é um absurdo … deixo a profissão, muito magoada por tanto desrespeito. Cresci sonhando ser professora. Tive que crescer para pagar os estudos, com muita mas muita dificuldade me formei e é isso que ganho. Estou vendendo bolos e doces e, juro, há dias não preciso tomar remédio para dor de cabeça e já não tenho mais insônia. Não quero voltar, farei qualquer coisa mas não darei à este governo o que resta de minhas forças.

    Resposta
    • 2. apeoesp  |  03/06/2012 às 16:13

      Prezada professora Jô,
      Lamento que você esteja desistindo. Compreendo seu estado de ânimo, que é o de muitos professores. Acredito, porém, que nossa união e nossa mobilização podem mudar as coisas. Precisamos de tosos os que compreendem a importância da educação, que se indignam, que não se conformam com esta situação. No dia 15 de junho temos assembleia. Vamos todos mostrar a este governo que não nos entregamos, que lutamos até o fim pelos nossos direitos e pelo que acreditamos.
      Bebel

      Resposta
    • 3. Sabrina Oliva  |  15/11/2012 às 01:38

      Seu depoimento é muito deprimente, a educação já tem sintomas mórbidos que precisam ser corrigidos imediatamente!

      Resposta
  • 4. fatima maria fiorini da silva  |  01/06/2012 às 18:20

    Meu comentário, não se refere ao texto mencionado, mas sim do desrespeito do SPPREV na demora para homologar uma Certidão T.S. desde de 2010 estou solicitando esse documento , foi para o setor citado, em fevereiro desse ano, e esse menciona que não sabe quando vai providenciar o documento, a respostas deles são sobre problemas administrativos,vou me aposentar pelo estado de santa catarina, essa certidão será só um complemento dos anos de trabalho. Será que o sindicato não pode fazer nada pra me ajudar?

    Resposta
    • 5. apeoesp  |  03/06/2012 às 16:09

      Prezada professora Fátima,
      O secretário assegurou que esses problemas administrativos serão resolvidos no decorrer de junho. Se desejar, procure o departamento jurídico na sua subsede para ajuizar mandado de segurança individual.
      Bebel

      Resposta
  • 6. Cibele  |  01/06/2012 às 20:08

    Boa tarde!
    Comos nosso ex governados Jose Serra deixou a educação boa, novo professores, como da categoria Ó não tem direito nem ao convenio medico… issso é indignante.

    Resposta
  • 7. Andreza  |  02/06/2012 às 17:11

    Olá Isabel, Sou professora PEB I categoria F aprovada,gostaria de saber se sou estável ou a qualquer momento posso perder essa estabilidade? Essa estabilidade é até quando? Sobre o concurso que o secretario anunciou…Vai ter concurso para PEB I também? Aguardo resposta Desde já agradeço a atenção…Um forte abraço

    Resposta
    • 8. apeoesp  |  03/06/2012 às 16:01

      Prezada professora Andreza,
      Você é estável e só perderá esta condições em caso de falta grave e após processo regular, com direito a ampla defesa.
      O secretário anunciou que haverá concurso também para PEB I.
      Bebel

      Resposta
  • 9. rosemeire rocha da silva  |  05/06/2012 às 00:26

    prezada senhora , hoje descobri que além de ter perdido o direito no iamsp, também perdi meus quinquenios, estou desolada encontro-me com minha mãe com cancer no figado e sem saber oque fazer. Desde já agradeço

    Resposta
    • 10. apeoesp  |  07/06/2012 às 13:45

      Prezada professora Rosemeire,
      Temos ação coletiva em relação ao IAMSPE. Não conseguimos sentença favorável e estamos recorrendo. Se desejar, pode ingressar com ação individual. Pode ingressar com ação quanto aos quinquênios também. Procure o departamento jurídico na subsede.
      Bebel

      Resposta
  • 11. Cristina  |  05/06/2012 às 00:40

    Boa Noite Bebel, o professor coordenador cat. F tem direito a quinze dias de férias e mais quinze de recesso em julho ou só direito as férias. Qual a resolução que fala sobre isto. Pois cada diretor interpreta de uma forma o que e correto. Aguardo uma resposta. Obrigado

    Cristina

    Resposta
    • 12. apeoesp  |  07/06/2012 às 13:49

      Prezada professora Cristina,
      No nosso entendimento, apenas aos 15 dias de férias, pois não está na sala de aula. Porém, você pode ser melhor orientada pelo telefone 11.33506214.
      Bebel

      Resposta
  • 13. May  |  05/06/2012 às 12:53

    Quando vai ser devolvido o dinheiro que nos foi descontado no mês de dezembro?

    Resposta
    • 14. apeoesp  |  07/06/2012 às 13:20

      Prezada professora May,
      A justiça, neste processo, não determinou, ainda, a devolução do que foi descontado. Apenas proibiu novos descontos. Se desejar mais explicações ou ingressar com ação individual, por favor, procure o departamento jurídico na sua subsede.
      Bebel

      Resposta
  • 15. Cleber  |  05/06/2012 às 14:33

    Bom dia Bebel, sou categoria O e estou atuando com aulas, esse mês é o mês de meu aniversário e não veio provisionado a primeira parte do 13° salário, o que devo fazer?

    Resposta
    • 16. apeoesp  |  07/06/2012 às 13:19

      Prezado professor Cléber,
      Protocole requerimento na escola solicitando explicações à CGRH. Se a resposta não for satisfatória, procure o departamento jurídico na sua subsede.
      Bebel

      Resposta
    • 17. nadya  |  15/06/2012 às 02:45

      Olá Cleber, fui categoria O até ano passado, e lhe informo que seu 13o salário virá integral em dezembro!

      Resposta
  • 18. Cleber  |  05/06/2012 às 14:34

    Cat. O tem direito ao 13° salário????

    Resposta
    • 19. apeoesp  |  07/06/2012 às 13:14

      Prezado professor Cléber,
      Sim, tem.
      Bebel

      Resposta
  • 20. ♥ Love Apple ♥ (@love_apple_sp)  |  06/06/2012 às 02:16

    Prezada Bebel,

    O direitor de minha escola, me deu duas faltas INJUSTIFICADAS, pq disse que uma delas eu não preenchi o requerimento na escola e como “punição” ele lançou injustificada, a segunda falta INJUSTIFICADA, foi um total de aulas picadinhas que eu dei que eu poderia estar abonando e ele argumentou que eu faltei num dia que não poderia faltar, e que por isso ele tinha poder para indeferir meu requerimento, e que ele iria indeferir. Isso está correto, há algum critério para dar faltas injustificadas ?

    Resposta
    • 21. apeoesp  |  07/06/2012 às 12:45

      Prezada professora,
      Infelizmente, as regras de gestão da rede estadual de ensino dão muito poder ao diretor. Porém, você tem direitos e deve lutar por eles. Procure o departamento jurídico na sua subsede para receber orientação sobre como proceder neste caso.
      Bebel

      Resposta
  • 22. souza  |  06/06/2012 às 13:17

    Bom dia Bebel. Sou Professor cat. O com 31 aulas atribuídas e prestei uma prova para prof do projovem urbano e fui chamado o horario coincide com algumas aulas que tenho fui informado que não posso desistir de “algumas aulas” ou desisto de tudo ou nada? é correto isso? e ao fato de ter um motivo de outro trabalho para não ficar impedido de pelo menos participar de outras atribuições ou ate mesmo trabalhar como eventual? Cada coisa que somos submetidos gostaria de maiores esclarecimentos sobre o que posso fazer para atribuir as aulas do projovem pela prefeitura sem perder o vinculo com o estado para que possa ter acumulo de cargo. Muito obrigado

    Resposta
    • 23. apeoesp  |  07/06/2012 às 12:39

      Prezado professor Sousa,
      Infelizmente, esta é a regra. Você deve procurar o departamento jurídico na sua subsede para que seja estudada alguma saída possível para esta questão.
      Bebel

      Resposta
  • 24. CRISTINA  |  06/06/2012 às 14:53

    OI BEBEL E SOBRE A LICENÇA SAUDE NÃO CONTAR PARA A APOSENTADORIA… O QUA ESTA SENDO FEITO OU EM VIAS DE ESCALRECIMENTOS?
    GRATA CRISTINA

    Resposta
    • 25. apeoesp  |  07/06/2012 às 12:36

      Prezada professora Cristina,
      Estamos em vias de ingressar com ação judicial, mas é preciso que se esgotem as possibilidades de um entendimento extrajudicial. Aguarda-se um posicionamento da Procuradoria Geral do Estado sobre o assunto. A semana que vem é muito importante para definições sobre este assunto.
      Bebel

      Resposta
  • 26. Prof. Clovis  |  07/06/2012 às 10:10

    Jô, eu já recebi o conselho (da gestão) de vender pastel. Será este o futuro dos professores? Chega de esperar vamos para as ruas.

    Resposta
  • 27. Jamile  |  07/06/2012 às 22:22

    Esses juizes são todos cobrinha do psdb, então não ajuda os professores categoria Ó ter o convenio….Infelizmente aqui é o Brasil, onde os trouxas vota em governo da elite, não tem onde cair morto e continua votando em psdb que vergonha.

    Resposta
  • 28. Profº Edilson  |  08/06/2012 às 12:15

    Olá, pessoal !
    É lamentável uma atitude como esta deferida ao Profº Clovis. Tal pessoa (nem sei se devo considerar uma pessoa dessas como ser humano) como essa deveria estar fora do serviço público, pois não possui qualidades fraternais para com o próximo. Como pode uma gestão dessas ter autoridade para prestar qualquer informação referente ao quadro de professores em âmbito geral !? Profº Clovis, Siga firme na busca pelos seus direitos, pois venceremos, passe o tempo que passar. Ser professor é muito bonito, muito honroso você poder passar aquilo que aprendeu; Não desanime, siga em frente, porque a virória é para os que crêem e esperam no Poder do Deus vivo, o Deus que fez os céus e a terra e tudo que neles há.
    Att, Prof Edilson

    Resposta
  • 29. Patricia  |  08/06/2012 às 14:45

    Devo entrar com recurso para consegui usar o servidor é isso? Mesmo sendo categorio O sempre.

    Resposta
    • 30. apeoesp  |  11/06/2012 às 00:56

      Prezada professora Patrícia,
      Sim, você precisa ingressar com ação individual.
      Bebel

      Resposta
  • 31. Ivone  |  08/06/2012 às 23:43

    Estou postando pela 3ª vez Bebel ainda aguardo o seu parecer sobre meu caso.

    Entrei na justiça em 2010 para mudança de categoria era F cai para L hoje sou NADA “O” tiraram tudo de nós hoje somos um resto de categoria humilhada e explorada pelo desmandos do governo e secretaria da educação. No dia 31/05/2012 saiu a conclusão de nossa luta INDEFERIDO segundo o juiz “foi uma mudança de lei” resumidamente achávamos que tivessem sido explicados nossos motivos eramos 18 professores com mais de 10 anos de estado e alguns com 15 e 20 anos não valeu de nada. Não tivemos uma defesa da forma que pensávamos mais incisiva e objetiva, se foi não foi eficaz como os advogados do estado. Estamos desolados com esse resultado 2 anos e NADA só perda de tempo. Para ajudar estive no mesmo dia na subsede aqui em Atibaia para poder entrar na justiça para voltar a ter direito há 2 quinquênios que tinha e também me tiraram, e que segundo você Bebel teria direito de entrar na justiça pois tratava-se de direitos adquiridos a “advogada” daqui nem quis me dar ouvidos dizendo já que era uma causa PERDIDA, acredita? Eu estou indignada com a postura dessa advogada nem se que tentar e fazer valer meus direitos. Sem comentários isso é um absurdo esse é o sindicato que deveria nos defender? O que mais pode tirar de nós categorias NADA.

    Resposta
    • 32. apeoesp  |  09/06/2012 às 14:51

      Prezada professora Ivone,
      Reproduzo a resposta já publicada no dia 07/06/2012:
      Prezada professor Ivone,
      O departamento jurídico da APEOESP é um dos maiores do Brasil e muito competente. São milhares de causas ganhas em favor dos professores. Porém, as decisões judiciais nem sempre são aquelas que atendem nossos argumentos e, do nosso ponto de vista, nem sempre são as mais justas. Entretanto, vamos sempre até o limite com todos os recursos que as leis nos permitem.
      A criação de “categorias” na rede estadual de ensino é um aviltamento da dignidade profissional de parte considerável dos professores, contratados em condições precaríssimas, como é o caso do professor da categoria “O”. Tão logo os professores foram divididos entre categoria “F” e “L”, tentamos uma ação coletiva, mas a justiça entendeu que somente seriam possíveis ações individuais. Desde então, temos ingressado com milhares de ações individuais, algumas com mais êxito que outras, pois tudo depende do juiz, da sua interpretação da lei.
      Nós, da APEOESP, temos nos empenhado muito para reverter estas injustiças. O resultado de um julgamente, a sentença do juiz, não significa o julgamento da capacidade ou do empenmho dos advogados e sim a interpretação que aquele juiz faz dos fatos e dos autos.
      O Estado criou esta situação. Por todos os meios tentamos revertê-la e ainda neste momento, estamos denunciando a situação dos professores da categoria “O” junto à Organização Internacional do Trabalho.
      Como sindicato, estamos cumprindo o nosso papel de defender os professores. Não podemos ser responsabilizados pelas sentenças proferidas pelos juízes. Há causas que ganhamos e há causas que perdemos. Infelizmente, isto é da natureza da disputa judicial.
      Bebel

      Resposta
      • 33. Ivone  |  11/06/2012 às 13:11

        Bom dia Bebel

        A senhora justificou o a lamentável conclusão da justiça que rolou por longos 3 anos por mudança de categoria e infelizmente para nós 18 professores com acima de 10 anos de estado perdemos a causa, mas não perdemos a fé que Deus há de fazer justiça.
        No entanto a senhora não justificou-me a postura da advogada da APEOESP da subsede de Atibaia de não querer ao menos tentar defender minha causa na justiça para reaver meus 2 quinquênios que me tiraram, segundo ela era causa perdida e que não adiantaria entrar na justiça. Mesmo sitando que já havia postado no site da APEOESP em seu blog e que você própria me posicionou a procurar a subsede de minha cidade e entrar na justiça, ela negou a pegar minha causa. É desta forma que somos representados,ou para nós categoria “O” que é igual a NADA nossa sina será amargurarmos no anonimato de uma categoria desafortunada.

      • 34. apeoesp  |  16/06/2012 às 18:59

        Prezada professora Ivone.
        Há uma diferença fundamental entre explicar que a justiça nem sempre decide em favor do que consideramos correto e justo e justificar a decisão judicial, o que não fiz.
        Em segundo lugar, a postura do nosso sindicato é a de sempre defender os professores até a última instância e todos os advogados estão orientados a assim proceder. Evidentemente, sou professora como a senhora e não domino os pormenores dos procedimentos judiciais. Sei que, em alguns casos, a justiça considera que determinadas ações não se justificam.
        Sugiro que a senhora busque novamente a subsede de Atibaia e, se possível, converse conjuntamente com a coordenação da subsede e o(a) advogado(a) para receber todas as informações sobre este caso. Se ainda persistirem dúvidas, por favor, procure o departamento jurídico na sede central.
        Bebel

  • 35. analu  |  12/06/2012 às 20:16

    Bebel sou aposentada mas me tornei categoria O devido a necessidade de ampliar meu ganho e também por gostar de estar na escola, não quero perder o vínculo de educadora tão necessária nesses tempos.O que gostaria de saber é se posso junto à Fazenda de Ribeirão Preto ter acesso à relação dos aposentados que terão direito aos bônus ganhos nas ações,seus valores e datas previstas ao recebimento.Obrigada! sua atenção nos é sempre muito valiosa.

    Resposta
    • 36. apeoesp  |  16/06/2012 às 19:17

      Prezada professora Analu,
      Você deve recorrer ao departamento jurídico da APEOESP, na subsede de Ribeirão Preto.
      Bebel

      Resposta
  • 37. daniel  |  13/06/2012 às 00:20

    essa ação individual é paga ????

    Resposta
    • 38. apeoesp  |  13/06/2012 às 10:22

      Prezado professor Daniel,
      A APEOESP cobra uma taxa de R$ 50,00. É simbólica, pois as custas de um processo chegam a várias vezes este valor.
      Bebel

      Resposta
  • 39. Claudia  |  13/06/2012 às 01:00

    Olá turma, estou bem deprimida, peguei meu holleritte hoje, e vi que foi descontado mais uma parcela de dezembro, e o mais assustador é que não sei o que estão descontando, e quantas parcelas irão descontar. Eles colocaram um percentual de 10. Bem perguntei falaram dez parcelas…, não entendi pois, acredito que em lugar nenhum o estado paga 1500,00 por 10 dias trabalhado, ao professor. Bem a resposta que ouvi era que se não estivesse satisfeita era para pensar, pois, não queria funcionário insatisfeito, .
    Quase fiz o que o Prof.Clovis esta pensando, vender pastel.

    Resposta
    • 40. apeoesp  |  13/06/2012 às 10:19

      Prezada professora Cláudia,
      Você deve imeidatamente procurar o departamento jurídico, na sua subsede, não apenas para verificar a exatidão do cálculo, mas, principalmente, para que cessem os descontos e seja estornado o dinheiro já descontado.
      Bebel

      Resposta
  • 41. Silzana  |  14/06/2012 às 01:38

    Olá era cat F virei L virei O e agora auxiliar o que mais de ruim vem por ai desculpe-me o desabafo, agradeço o que vcs do…tem tentado fazer por nós …responda-me há alguma perspectiva de melhora não desisti ainda pois acho desaforo perder 11 anos de minha vida profissional para o …quem deveria nos valorizar, que mais de ruim vem por ai…por favor estou sem saber o que faço com minha vida profissional nem falo as vezes que sou prof pois me sinto mal pela desvalorização…há algo de bom …de-me uma boa noticia…perdoe-me pelo…obrigado por tudo.

    Resposta
    • 42. apeoesp  |  17/06/2012 às 14:12

      Prezada professora Silzana,
      Nós também não desistimos. É indigna da maior rede de educação do país a situação dos professores da categoria O. Já denunciamos até à OIT. Continuamos lutando para que esta situação mude, inclusive na comissão paritária de gestão da carreira. Vamos continuar esta luta juntos.
      Bebel

      Resposta
  • 43. Andreia  |  14/06/2012 às 19:20

    Boa tarde, Bebel!
    Sou Professora categoria O e gostaria de saber detalhes sobre a licença gestante. Já fiz muitas perguntas na minha sede e na D.E da minha região e ninguém sabe me dar respostas concretas sobre o assunto…ninguém nunca sabe nada!!! Era categoria L até o ano passado e assinei o meu contrato como O em 01-02-2012. Este tem duração de 01 ano, correto? Ou seja, até o último dia letivo de 2012? Ocorrerá a prorrogação do mesmo? A questão é que se o contrato for encerrado em dezembro, os outros meses como janeiro, fevereiro, perderia o direito do salário maternidade? Teria que pegar aulas atribuídas para continuar recebendo?
    Desde já agradeço e se houver alguma lei que fale sobre isto, me oriente por favor!
    Grata.
    Profª Andreia.

    Resposta
    • 44. apeoesp  |  17/06/2012 às 14:06

      Prezada professora Andreia,
      O seu contrato poderá ser prorrogado por mais um ano. Durante o período da licença você mantem seus direitos, recebendo pelo INSS. Informe-se melhor pelo telefone 11.33506214.
      Bebel

      Resposta
  • 45. Letícia Nascimento  |  14/06/2012 às 22:17

    Boa noite Bebel! Estou muito preocupada referente ao mês de julho da Categoria O. Como serão 15 dias de férias e 15 de recesso, gostaria de saber se vamos receber por 30 dias ou se vamos receber só a metade do mês. Aguardo esclarecimento.
    Obrigada!

    Resposta
    • 46. apeoesp  |  17/06/2012 às 13:54

      Prezada professora Letícia,
      Pela lei 1093/09, o professor da categoria O só faz jus a pagamento de férias após completar 12 meses de exercício. Informe-se melhor pelo telefone 11.33506214, inclusive sobre a possibilidade de ação.
      Bebel

      Resposta
  • 47. Claudia  |  15/06/2012 às 00:08

    Ola Bebel, desculpe minha ignorância, mas subsede é a DE ou apeoesp?
    Claudia

    Resposta
    • 48. apeoesp  |  17/06/2012 às 13:52

      Prezada professora Cláudia,
      A subsede é da APEOESP.Pode encontrar telefones e endereços em http://www.apeoesp.org.br.
      Bebel

      Resposta
  • 49. Luciana  |  18/06/2012 às 03:55

    Sou professora categoria “O” – ainda sou estudante ( cursando o último ano de faculdade) – notei que recebo um valor inferior por hora/aula e meu holerite vem como “professora de educação básica I” – sendo que leciono para o ensino fundamental e ensino médio? Isso é correto? Não consegui encontrar essa determinação em nenhum lugar.
    Outro problema meu auxílio transporte e auxílio alimentação vem quando ” acham conveniente” – se recebo alimentação ando a pé – se ganho auxílio transporte não posso comer.
    Gostaria também de mais informações para me filiar.
    Grata

    Resposta
    • 50. apeoesp  |  19/06/2012 às 21:19

      Prezada professora Luciana,
      Você deve protocolar na escola requerimento dirigido à Coordenadoria Geral de Recursos Humanos questionando esses fatos. Se a resposta não for satisfatória ou não houver resposta, procure o departamento jurídico na sua subsede.
      Bebel

      Resposta
  • 51. maria isabel de almeida  |  19/06/2012 às 23:29

    Prezada Bebel
    Sabe que convenio médico, preciso sim, mas eu preciso primeiro de segurança de que vou continuar trabalhando no próximo ano, sem a necessidade de prestar aquela ridícula prova, que não vale de nada, agora todos podem assumir salas, sem nem mesmo ter feito inscrição no ano passado. alguns estão realizando esta inscrição agora, acho isso uma falta de respeito comigo, sendo que sou reconduzida, assim vejo que estou apta para exercer minha função.

    Resposta
    • 52. apeoesp  |  23/06/2012 às 13:45

      Prezada professora Maria Isabel de Almeida,
      Para termos segurança quanto ao nosso futuro, diante de um governo que não respeito nossos mínimos direitos, é preciso mobilização, assembleias muito massivas e muitoa pressão para que as coisas mudem. Nós, do sindicato, temos um calendário de mobilizações e chamamos toda a categoria a virem lutar, seja no Palácio dos Bandeirantes, na Avenida Paulista, na Assembleia Legislativa, na Secretaria da Educação, em todos os lugares. É preciso que, nas escolas, todos discutam e se organizem paras virem lutar juntos.
      Bebel

      Resposta
  • 53. Joice  |  20/06/2012 às 01:31

    Bebel, sou cat “O” e enquanto não for resolvido o imbróglio do IAMSPE, gastaria se saber se nós teríamos direito àqueles descontos em planos de saúde particulares aos afiliados à APEOESP, se sim, ainda não sou afiliada e como faço para tanto.
    Atenciosamente.

    Resposta
    • 54. apeoesp  |  23/06/2012 às 13:36

      Prezada professora Joice,
      Sim. Por favor, ligue para 11.3350600 e solicite falar com o departamento de convênios.
      Bebel

      Resposta
  • 55. eliane  |  20/06/2012 às 01:46

    Olá, sou categoria O e gostaria de saber se posso largar 2 aulas das 24 que tenho.
    Grata.

    Resposta
    • 56. apeoesp  |  23/06/2012 às 13:35

      Prezada professora Eliane,
      Você não pode deixar aulas parcialmente. Para mais informações ligue para 11.33506214.
      Bebel

      Resposta
  • 57. Luciana  |  21/06/2012 às 12:34

    Obrigada pela informação Bedel, vou fazer isso, afinal tenho as mesmas responsabilidades de um professor formado, preparo minha aula e nunca entro em sala de aula despreparada. Gostaria também de informações para me filiar a APEOSP.

    Resposta
    • 58. apeoesp  |  23/06/2012 às 12:54

      Prezada professora Luciana,
      Você deve procurar no site da APEOESP (www.apeoesp.org.br) o telefone e endereço da subsede de sua região. Lá poderá filiar-se. Pode ainda procurar o representante da APEOESP na sua escola.
      Seja bem vinda!
      Bebel

      Resposta
  • 59. JAQUELINE  |  21/06/2012 às 22:04

    Boa noite Bebel

    Eu era categoria L e esse ano virei categoria O. Você sabe me dizer se no mês de julho que ficamos em casa de férias, recebemos normalmente o salário em agosto, pois quando eu era categoria L sempre recebi o salario normalmente.

    abraços

    Jaqueline

    Resposta
    • 60. apeoesp  |  23/06/2012 às 12:48

      Prezada professora Jaqueline,
      Sim, deve receber normalmente.
      Bebel

      Resposta
  • 61. Silzana  |  23/06/2012 às 03:40

    Olá sairemos p/ 15 dias de recesso e 15 dias de férias e ai será que receberemos o mês inteiro haja visto que desde maio recebo normalmente pelas aulas que tenho só não receberei férias já que virei cat O agora ao pegar aulas era F virei L e agora ò… e será que haverá a bendita provinha da humilhação esse ano, há alguma noticia boa por ai…obrigado pelo espaço e pelas informações preciosas.

    Resposta
    • 62. apeoesp  |  23/06/2012 às 11:37

      Prezada professora Silzana,
      Sim, deve recebero salário normalmente.
      Bebel

      Resposta
  • 63. JAQUELINE  |  23/06/2012 às 10:55

    Boa noite Bebel

    Eu era categoria L e esse ano virei categoria O. Você sabe me dizer se no mês de julho que ficamos em casa de férias, recebemos normalmente o salário em agosto, pois quando eu era categoria L sempre recebi o salario normalmente.

    abraços

    Jaqueline

    Resposta
    • 64. apeoesp  |  23/06/2012 às 11:36

      Prezada professora Jaqueline,
      Sim, haverá salário normal. Se completou um ano de exercício, deve receber também 1/3 de férias correspondente ao período.
      Bebel

      Resposta
  • 65. Ana  |  25/06/2012 às 17:31

    Prezada Profª Bebel,

    Meu contrato da Categoria O (era L antes), iniciou 01/02/12. Receberei salário até completar 1 ano (janeiro 2013 trabalhado) ou somente até o último dia letivo (21/12/12) da Unidade Escolar da qual tenho aulas? Sou associada da APEOESP e agradeço por esse espaço.

    Resposta
    • 66. apeoesp  |  01/07/2012 às 16:03

      Prezada professora Ana,
      Havendo prorrogação de contrato, receberá ininterruptamente. Se não houver, receberá até o mês de janeiro, inclusive.
      Bebel

      Resposta
  • 67. michele  |  27/06/2012 às 19:29

    Ola senhora Bebel como todas as perguntas acima a minha não é muito diferente, minha categoria era L e caiu para ó e fiquei em quarentena… recebi meu primeiro pagamento de 2012 em Maio e no mesmo mês já comecei a receber desconto referente a 17 a 30 Dezembro de 2011 e neste mês junho e julho de 2012 novamente está provisionado o desconto ainda referente 17 a 30 Dezembro de 2011. Estou muito insatisfeita com esses descontos, o que posso fazer para cancelar a cobrança desses valores e para solicitar a restituição do que ja foi descontado. E como fica a questão das ferias e do recesso agora de julho como ficará o pagamento de agosto???
    grata Michele

    Resposta
    • 68. apeoesp  |  28/06/2012 às 03:08

      Prezada professora Michele,
      Quanto aos descontos, procure o departamento jurídico na sua subsede.
      Quanto às férias, se não receber 1/3 sobre 15 dias em julho, protocole requerimento cobrando este direito. Não sendo atendida, procure o departamento jurídico na sua subsede.
      Bebel

      Resposta
  • 69. Silvio  |  27/06/2012 às 22:15

    Oi Bebel boa noite!
    Por favor durante três meses ( 05,06 e 07) o governo vem decontando no meu salário quantias referente ao mês de dezembro . E este mês de julho é meu aniversário deveria receber uma parte de 13º. posso entrar com uma ação para receber estes descontos eles realmente são indevidos?

    Resposta
    • 70. apeoesp  |  28/06/2012 às 02:59

      Prezado professor Silvio,
      Sim, você pode. procure o departamento jurídico na sua subsede.
      Bebel

      Resposta
  • 71. Fernanda  |  29/06/2012 às 23:25

    Boa noite Bebel,
    sou professora categoria o (ex categoria l), assinei meu contrato em 01-02-2012. Estou grávida e vou ter o bebê no final de janeiro de 2013. Você sabe me informar como deve proceder para ter o direito a minha licença gestante? E quando deve entrar com esse processo, acho que vai ter que ser em dezembro, não é mesmo? Obrigada.

    Resposta
    • 72. apeoesp  |  01/07/2012 às 14:26

      Prezada professora Fernanda,
      Você deve protocolar o requerimento em dezembro ou janeiro, na escola. Informe-se melhor pelo telefone 11.33506214.
      Bebel

      Resposta
  • 73. Wilma Leoncio Yazawa  |  03/07/2012 às 17:33

    olá!
    Gostaria de receber algumas orientações sobre minha situação funcional.
    Comecei a trabalhar em escola de tempo integral desde 2006 até 2012, e fiquei estável e com vínculo.Nesse inicio de ano por motivos profissionais , precisei queimar meu anexo perdendo todos os beneficio adquiridos e sendo também estava aprovada na prova de professor temporário.
    Agora sendo categoria O, o que me espera?
    Fiquei muito triste, pois foram anos de inteira dedicação, mas não consegui conciliar dois empregos,
    Obrigada

    Resposta
    • 74. apeoesp  |  04/07/2012 às 15:11

      Prezada professora Wilma,
      Lamentamos que isto tenha ocorrido, mas sua situação, agora, só pode ser encaminhada juridicamente. Para saber se há alguma possibilidade de solução judicial, por favor, entre em contato com o jurídico na sua subsede ou pelo telefone 11.33510000.
      Bebel

      Resposta
  • 75. andré christian dalpicolo  |  12/07/2012 às 13:58

    Prezada Maria Isabel,

    Gostaria de saber qual é o estado atual daquela ação que os professores categoria “O” ganharam em meados de março acerca da devolução, por parte do Estado, dos descontos de fevereiro/2012 referentes a dezembro/2011

    um abraço
    andré christian

    Resposta
    • 76. apeoesp  |  14/07/2012 às 11:58

      Prezado professor André,
      O Estado recorreu. Está em procedimentos internos no TJSP. Esta fase costuma demorar bastante.
      Bebel

      Resposta
  • 77. maria  |  21/07/2012 às 14:46

    Nunca passei um constrangimento tão grande na vida…..levei meu filho para consultar e não tinha mais Iamspe, depois de 23 anos de serviço, cai nessa irregularidade de categoria O e eles cortaram meu plano…que vergonha!

    Resposta
    • 78. apeoesp  |  22/07/2012 às 13:14

      Prezada professora Maria,
      É uma indignidade o que estão fazendo com os professores da categoria O. Temos ação coletiva na justiça, ainda em tramitação; já pressionamos por diversas vezes a Secretaria de Gestão Pública, a Casa Civil e a Superintendência do IAMSPE, mas ainda não obtivemos resultado. Continuamos nesta luta.
      Bebel

      Resposta
  • 79. RUBENS LUCHETI FILHO  |  27/07/2012 às 23:37

    BOA NOITE BEBEL EU ME CHAMO RUBENS E GOSTARIA DE PARABENIZAR A APEOESP PELO EMPENHO DOS ADVOGADOS NO PROCESSO Q ENTREI DA MUDANÇA DE CATEGORI O PARA F GRAÇA A DEUS DEU TD CERTO MEU MUITO OBRIGADO

    Resposta
    • 80. apeoesp  |  28/07/2012 às 12:59

      Prezado professor Rubens,
      Que ótimo. Fico muito feliz. É mais um exemplo de que a tenacidade e a perseverança na defesa de nossos direitos dá resultado.
      Bebel

      Resposta
  • 81. RUBENS LUCHETI FILHO  |  27/07/2012 às 23:43

    BOA NOITE BEBEL ESTOU DESDE JANEIRO SEM RECEBER MEU QUINQUÊNIO O QUE DEVE FAZER? VOLTEI PARA A CATEGORIA F EM JUNHO 2012 E TAMBEM NÃO RECEBI 1/3 DE FERIAS EM JULHO O QUE DEVO FAZER? SEM MAIS MEU MUITO OBRIGADO

    Resposta
    • 82. apeoesp  |  28/07/2012 às 12:58

      Prezado professor Rubens,
      Você deve protocolar requerimento neste sentido na sua escola. Não havendo resposta ou sendo insatisfatória, procure o departamento jurídico da APEOESP na subsede.
      Bebel

      Resposta
  • 83. Natalia Aguiar do Nascimento  |  30/07/2012 às 23:17

    Boa noite!
    Sou professora eventual categoria O e gostaria de saber se tenho direito ao auxilio maternidade pois esse ano nao consegui aulas atribuidas

    Resposta
    • 84. apeoesp  |  31/07/2012 às 02:44

      Prezada professora Natália,
      Infelizmente o professor eventual não tem qualquer direito além da remuneração por aula ministrada. Mais informações pelo telefone 11.33506214.
      Bebel

      Resposta
  • 85. FRANCINE  |  31/07/2012 às 22:52

    OLÁ, SOU CATEGORIA F APROVADA, SE EU QUEIMAR ANEXO EU PERCO MINHA CATEGORIA, NÃO VOU FICAR SEM AULAS MAS PRECISO DESISTIR DE 4 AULAS EM ESCOLA DE TEMPO INTEGRAL, OBRIGADO.

    Resposta
    • 86. apeoesp  |  01/08/2012 às 02:34

      Prezada professora Francine,
      Você não pode desistir de aulas parcialmente. Informe-se melhor pelo telefone 11.33506214 ou na sua subsede.
      Bebel

      Resposta
  • 87. Luciano dos Santos  |  01/08/2012 às 03:41

    oi boa noite, sou o Professor Luciano da cidade de Socorro-SP, venho por meio deste pedir por favor que me ajudem em algumas questoes referente a minha categoria, eu era da categoria L tinha 1 quinquenio e agora que sou da categoria O não estou recebendo mais ja perguntei na subsede da minha região mas não obtive ainda uma resposta por favor vejam pra mim o que devo fazer se sei que é um direito adquirido e agora eu perdi.Muito obrigado Luciano.

    Resposta
    • 88. apeoesp  |  02/08/2012 às 02:31

      Prezado professor Luciano,
      Esta questão é controversa juridicamente, pois você foi desligado e recontratado com outro regime de trabalho (lei 1093/09). No entanto, insista com o departamento jurídico na subsede sobre a possibilidade de uma ação judicial.
      Bebel

      Resposta
  • 89. CLAUDIA  |  06/08/2012 às 02:41

    CONTINUO INJUSTIÇADA QUASE 20 ANOS E PERDI MEUS QUINQUENIOS GRATIFICACOES E FUI PARA O NIVEL I. E O A GRATIFICACAO DO MEU ENSINO SUPERIOR ?PERDI TUDO E HJ ME SINTO IMPOTENTE NADA DE RESPOSTA DA ACAO JUDICIAL DE MUDANCA DA CATEGORIA DO O PARA F TEMOS PARTICIPAR DESSA PROVA E FAZER INSCRICAO NA DIRETORIA DE ENSINO MESMO ESTANDO VINCULADA NA ESCOLA E RID ICULO E O DIREITO DAS ABONADAS AFINAL TRABALHAMOS IGUAL A TODOS OS OUTROS PROFESSORES PORQUE SO NOS DA CATEGORIA O SOMOS OBRIGADO A FAZEREM A PROVA ?ISSO NAO E DISCRIMINAÇAO TAMBEM . SINDICATO QUERO AINDA PORDER ACREDITAR AINDA EM VOCES QUE LUTAM PELA NOSSA CATEGORIA TAMBEM NAO SO PELA CATEGORIA F AFINAL SOMOS TODOS PROFESSORES.AGUARDO RESPOSTA CLAUDIA

    Resposta
    • 90. apeoesp  |  07/08/2012 às 14:28

      Prezada professora Cláudia,
      Em primeiro lugar, considero injusto que você diga que lutamos apenas pelos professores da categoria F. Lutamos por todos os segmentos da nossa categoria, cuja subdivisão é feita pelo governo contra a nossa posição e contra a nossa vontade.
      Todos os que acompanham a nossa atuação sabem o quanto lutamos que para não houvesse a divisão entre professores F e L. O quanto lutamos para que os professores L não fossem demitidos já em 2007, depois em 2009 e, em 2011, para que não houvesse a extinção da categoria.
      A demora nas ações judiciais não ocorre em decorrência da APEOESP, mas da própria justiça.
      Estamos denunciando a situação da categoria até mesmo à OIT. E em todas as pautas de reivindicações da entidade constam a luta pela dignidade na contratação, salários e condições de trabalho do professor da categoria O.
      Finalmente, quanto à questão da perda de direitos, você deve consultar o departamento jurídico na subsede, na sede central ou pelo telefone: 11.33506214.
      Bebel

      Resposta
  • 91. Eliane  |  07/08/2012 às 04:02

    Boa Noite,
    Sou professora Categoria O, estou arrasada com tamanho descaso com o professor, estou na ativa há exatamente 20 anos, completei o 4º quinquenio, e há 2 meses veio a notícia que professores categoria O perderiam seus quinquenios, acho um descaso, quer dizer que 20 anos de profissão não serviram para nada? Isso é direito adquirido, eu não sei a quem e onde recorrer, pois acho um desaforo o que está acontecendo, sabe me dar uma posição de quais providencias tomar? ou mais uma vez o professor categoria O sairá de pés e mãos atadas? Aguardo uma posição. Grata pela atenção

    Resposta
    • 92. apeoesp  |  07/08/2012 às 12:20

      Prezada professora Eliane,
      Você tem toda a razão. Estamos lutando por todos os meios contra esse absurdo, até mesmo recorrendo à OIT. Você deve recorrer ao departamento juídico da APEOESP, na sua subsede, para verificar se existe saída jurídica para esta questão, visto que houve desligamento e nova contratação, porém contra a sua vontade.
      Bebel

      Resposta
  • 93. Monica Fagundes  |  13/08/2012 às 00:20

    sou categoria o, estou gravida e vou ter meu bebê em janeiro, infelizmente ñ tenho direito ao iamsp, mas gostaria de saber sobre licença maternidade, posso ter meu contrato encerrado mesmo estando gravida?

    Resposta
    • 94. apeoesp  |  14/08/2012 às 10:07

      Prezada professora Monica,
      Não. A licença maternidade é um direito, na vigência do contrato. Para mais informações, ligue para 11.3350.6214.
      Bebel

      Resposta
  • 95. Glória B. Rosa  |  15/08/2012 às 23:33

    Bebel
    Dúvidas.O professor auxiliar será dispensado ao termino do bimestre como dar a entender no comunicado CGBE/CGRH do dia 14/08/12?
    24 – São Paulo, 122 (153) Diário Ofi cial Poder Executivo – Seção I quarta-feira, 15 de agosto de 2012
    Comunicado CGEB/CGRH, de 14-8-2012
    Aos Dirigentes Regionais de Ensino, Supervisores de Ensino e Diretores das Escolas Estaduais
    Comunicam:
    1. As aulas deverão ser atribuídas pelo período fechado, qual seja, de até 1 (um) bimestre letivo, não comportando a recondução de Professor Auxiliar, uma vez que trata-se de nova atribuição.
    2. Após a decisão do Conselho de Classe pela necessidade da continuidade da recuperação ou de nova recuperação, deverá ocorrer nova atribuição das aulas de Professor Auxiliar, de acor-do com o disposto na alínea anterior…

    Resposta
    • 96. apeoesp  |  16/08/2012 às 13:47

      Prezada professora Glória,
      Sim. Vamos discutir o assunto com o Secretário da Educação, na próxima reunião que manteremos com ele.
      Bebel

      Resposta
  • 97. Marilene  |  16/08/2012 às 01:14

    Olá!!!!!!!!!
    Vejos várias categorias fazendo paralisações, greves, passeatas, reivindicando aumento salarial, e nós, será vamos esperar cair do céu? ou 5% contentou a todos? Até agora, só ouço falar em categoria O, L, F, Lei do Piso, congresso de mulheres, reajuste da mensalidade do sindicato … mas nenhuma manifestação em relação ao reajuste salarial, estou pasma, como só 5% consegue calar uma classe como a nossa.

    Resposta
    • 98. apeoesp  |  16/08/2012 às 13:45

      Prezada professora Marilene,
      Greve não se faz pela vontade de algumas pessoas, mas por uma vontade coletiva, expressa em mobilização dos professores a partir das escolas. É preciso, professora, que todos os colegas que entendam a importância desta mobilização trabalhem isto nas escolas, em todos os momentos, para criar um movimento suficente para que realizemos uma greve vencedora, quano o momento se apresentar.
      Bebel

      Resposta
  • 99. FRANCINE  |  16/08/2012 às 23:38

    BOA NOITE BEBEL, GOSTARIA DE SABER SOBRE AS AULAS DE REFORÇO DO COLEGIAL E ENSINO MÉDIO, ESSAS AULAS SÃO LIVRES ATÉ QUANDO ????????? NINGUÉM SABE RESPONDER ISSO, OBRIGADO SE PUDER ME AJUDAR.

    Resposta
    • 100. apeoesp  |  18/08/2012 às 15:17

      Prezada professora Francine,
      São aulas atribuidas de acordo com regras próprias por decisão das equipes gestores e dos professores das classes/disciplinas por um bimestre. No final deste bimestre, a necessidade de continuidade é avaliada e, novamente, as aulas são atribuidas ou não.
      Bebel

      Resposta
  • 101. Luciana  |  29/08/2012 às 22:43

    Boa Noite Bebel, estou grávida de 7 meses e meio e sou categoria O, gostaria de saber se quanto tempo de licença terei e se terei que fazer alguma perícia no INSS.
    Atenciosamente, Luciana.

    Resposta
    • 102. apeoesp  |  02/09/2012 às 00:18

      Prezada professora Luciana,
      Você terá direito à licença de 120 dias e terá, sim, que realizar perícia no INSS.
      Bebel

      Resposta
  • 103. Luciana medeiro  |  03/09/2012 às 00:37

    Boa noite,
    Sou categoria O e peguei uma sala livre em 29 de março de 2012 até dezembpr de 2012, gostaria de saber quantas faltas médicas tenho direito, pois vou precisar fazer uma cirurgia e não sei se tenho direito., se relamente posso fazer essa cirurgia, vou ter quie pégar pelo menos uns 3 dias de atestado
    Será que posso? será que tenho direito

    Luciana Medeiro

    Resposta
    • 104. apeoesp  |  05/09/2012 às 03:16

      Prezada professora Luciana,
      As faltas médicas são regidas pela lei 1041/2008: 6 ao ano, 1 ao mês. Você poderá utilizar ainda duas faltas abonadas. Para mais informações ligue 11.33506214.
      Bebel

      Resposta
  • 105. Josiane  |  12/09/2012 às 23:00

    Sou professora cat O. estou gestante de 8 meses, porém estou no segundo ano do contrato, fiquei sabendo que as faltas que eu cometi no primeiro ano valem ainda para o segundo ano, ou seja, se tenho 2 justificadas e se eu já usei ano passado esse ano não tenho direito a nenhuma… é verdade? Além disso caso seja verdade corro o risco de ocorrer a rescisão ou extinção do contrato, gostaria de saber se nessa caso, como estou gestante eu posso perder a licença por conta dessa extinção? será que há algo que eu possa fazer para me precaver?? aguardo resposta!

    Resposta
    • 106. apeoesp  |  14/09/2012 às 12:47

      Prezada professora Josiane,
      Infelizmente, sim, pois a lei 1093/2009 praticamente institui o subemprego na rede estadual de ensino. Você tem direito à licença gestante, pelo INSS. Para melhor informação, ligue para 11.33506214.
      Bebel

      Resposta
  • 107. aNTONIO rIJO DOS sANTOS  |  13/09/2012 às 16:23

    Boa tarde BÉBEL,sou Prof cat O, estou numa reunião que começou as 8 e vai até 17;30 para discutir saresp, acho voce uma gata, ajude-nos

    Resposta
    • 108. apeoesp  |  14/09/2012 às 12:37

      Prezado professor Antonio,
      Muito obrigada pelo elogio. A APEOESP está atuando em todas as frentes possíveis para que os professores da categoria O tenham condições dignas de contratação e de trabalho, inclusive na justiça.
      Boa sorte.
      Bebel

      Resposta
  • 109. Elisabete  |  14/09/2012 às 23:39

    Olá…estou no Estado a pouco tempo como Professora de Reforço contínuo….Acredito que seja da categoria O…certo?…a minha pergunta é: mesmo ja atuando tenho que realizar uma prova todos os anos pra garantir uma sala de aula fixa?..e se nao passar na prova fico a merce das atribuiçoes?…Isso me parce um descaso com professor…

    Resposta
    • 110. apeoesp  |  19/09/2012 às 20:22

      Prezada professora Elisabete,
      Sim, infelizmente a prova é anual.
      Bebel

      Resposta
  • 111. Flávia Santos  |  18/09/2012 às 01:43

    Olá, o que a Apeosp tem feito para tentar reverter ou acabar com essa divisão de categorias? Era categoria L, agora sou O .Tinha planos de ser vice-diretora ou coordenadora, mas agora sendo O só posso dar aula.
    Muita indignação e os colegas professores que estão na DE falam: ” No Estado só sendo efetivo”.
    Sera isso uma verdade.

    Resposta
    • 112. apeoesp  |  18/09/2012 às 02:28

      Prezada professora Flávia,
      Este espaço seria pequeno para dizer tudo o que APEOESP fez e está fazendo, desde que o Estado criou a lei complementar 1010/2007 (SPPrev). Naquela ocasião, todos os OFAs seriam remetidos para o sistema geral da Previdência e ficariam vulneráveis, pois sua função seria considerada ainda mais descartável. Nossa ação impediu que a enorme maioria (cerca de 80 mil) sofressem esse ataque, permanecendo na SPPrev, sendo considerado estáveis. Mas o Estado colocou um “filtro”: só ficaram nessa condição os que estavam em efetivo exercício na data em que a lei entrou em vigor. Assim surgiram os professores da categoria L que, pela lei complementar 1093/2009 seriam desligados no final daquele ano. Conseguimos que ainda pudessem permanecer mais dois anos e tentamos, em 2011, que pudessem ficar na rede, nas mesmas condições, até a aposentadoria. Infelizmente, fizemos vários chamados para que estes professores viessem à praça pública lutar pelos seus direitos, mas apenas uma pequena parcela compareceu. O governo, assim, se sentiu em condições de efetivar a decisão de extinguir a categoria L, sendo esses professores recontratados como categoria O, nas condições precárias que todos conhecemos.
      Nós lutamos por todos os meios para que os professores da categoria O tenham os mesmos direitos que os demais. Agora, ingressamos na justiça com ação devido às condições de contratação, salário e trabalho desses professores. Também lutamos e conseguimos reduzir a quarentena de 200 para 40 dias e conseguimos que os contratos possam ser prorrogados por mais um ano, passando a ser de dois.
      São algumas coisas que a APEOESP faz e fez contra as injustiças da divisão dos professores em “categorias”.
      Bebel

      Resposta
  • 113. Flávia Santos  |  18/09/2012 às 01:46

    Puxa, lendo os comentários dos colegas,conclui uma coisa: professor cat. O nao pode ficar doente ou Er filhos.
    Que humilhação!

    Resposta
    • 114. apeoesp  |  18/09/2012 às 02:20

      Prezada professora Flávia Santos,
      Tem razão. Temos que nos unir e nos mobilizar para acabar com esta situação.
      Bebel

      Resposta
  • 115. lessia  |  20/09/2012 às 03:16

    Olá sou categoria O e no momento tenho apenas duas aulas atribuidas mas gostaria de sair pois não gosto da escola que leciono pelo descaso que ela trata quem ta começando como eu e quero pegar uma carga horaria de aulas maior em outra escola posso fazer isso sem temer ficar um ano sem trabalho?? aguardo resposta!! e parabéns pelo trabalho e luta que vocês fazem por nós que infelismente somos tão desvalorizados por esse nosso governo.

    Resposta
    • 116. apeoesp  |  21/09/2012 às 21:29

      Prezada professora Lessia,
      Se você abandonar as aulas, só poderá participar de nova atribuição em 2013. Muito obrigada.
      Bebel

      Resposta
  • 117. lessia  |  20/09/2012 às 04:34

    Há tenho uma outra pergunta categoria O com apenas duas aulas atribuidas pode ter quantas faltas abonadas???

    Resposta
    • 118. apeoesp  |  21/09/2012 às 21:29

      Prezada professora Lessia,
      Duas durante o contrato.
      Bebel

      Resposta
  • 119. deidy  |  27/09/2012 às 15:25

    oi sou categoria O, quebrei o tornozelo e a escola me informou que quando terminar o prazo do INSS nao poderei retornar ao trabalho pois o contrato se encerrou. Essa informação é verdadeira, alguem poderia me informar em que legislação esta fundamentada essa informação? Eu so posso trabalhar o ano que vem?
    Profª deidy

    Resposta
    • 120. apeoesp  |  29/09/2012 às 15:18

      Prezada professora Deidy,
      A licença é um direito do professor. Procure o departamento jurídico na sua subsede.
      Bebel

      Resposta
  • 121. Andreia Arruda  |  29/09/2012 às 16:02

    oi meu nome e andreia sou categoria o agente de organizaçao escolar por favor me responda esta pergunta meu filho tem 7 anos ele fez uma cirurgia e peguei um atestado d3e acompanhamento familiar mais na escola que eu trabalhava me mandou embora esta semana por causa que nao quiseram aceitar meu atestado pois elas de disseram que eu nao tinha direto no atestado fizeram que eu mesma me ezonerace so que fui ver na lei e tenho direito sim por favor que ajude estou desesperada o que eu faço obriga da desde ja.

    Resposta
    • 122. apeoesp  |  29/09/2012 às 17:06

      Prezada Andreia,
      Por favor, se você é do Estado de SP, entre em contato com a AFUSE, pelo telefone 11.5574.8200. É o sindicato dos servidores da Secretaria Estadual da Educação. Se é de outro estado, ligue para a CNTE (61.3225.1003) e informe-se.
      Bebel

      Resposta
  • 123. sissa.figueiredo@bol.com.br  |  03/10/2012 às 19:51

    Boa tarde!!!
    Prezada Bebel..
    Sou professora auxiliar, categoria O. Estou grávida de 3 meses, após o final do 4º bimestre vou ficar sem aulas, terei que passar por outra atribuição?? E quando meu filho nascer não terei direito a licença ?? Obrigada

    Resposta
    • 124. apeoesp  |  07/10/2012 às 14:53

      Prezada professora Sissa,
      Você não vai ficar sem aulas. A orientação da SEE é para não dispensar.
      Bebel

      Resposta
      • 125. sissa.figueiredo@bol.com.br  |  06/11/2012 às 23:46

        Obrigada prezada Bebel…

  • 126. eliane  |  28/10/2012 às 02:26

    É um absurdo ! Sou professora categoria ” O ” e não tenho direito ao IAMSP, fiz quatro anos de faculdade com muita luta e sacrificio, me formei hoje tento sobreviver em uma sala de aula, pois alunos nao querem nada e o sistema fracassado, progressão continuada forma analfabetos funcionais, milhões estão ingressando no mercado…Sou professora contrato do Estado, e este governo não ve que sou professora como os efetivos e que por ser categoria O não fico doente, e uma vergonha este pais este governo que trata professor igual lixo, quero ter direito ao servidor sim, é o minimo que o governo pode fazer…poder cuidar da saude, sou categoria O, sou professora formada, estou no estado desde 2007, não sou lixo, para nao ter direito ao servidor…espero que este governo comece a valorizar o professoriado pois se continuarem tratar os mesmo de tal forma, mais um tempo nao havera mais licenciados nao havera mais educação, nao havera mais nada, ser professor no Brasil é uma humilhação uma vergonha…A desvalorização da classe vai levar a extinção os professores, e a educação morta. Isso que o governo quer???

    Resposta
    • 127. apeoesp  |  28/10/2012 às 14:05

      Prezada professora Eliane,
      É um absurdo mesmo. Este governo não valoriza e não reconhece o trabalho dos professores. Ingressamos com ação coletiva na justiça, que ainda está tramitando, e você pode ingressar com ação individual.
      Bebel

      Resposta
  • 128. FRANCIELLI  |  29/10/2012 às 12:21

    BOM DIA BEBEL, GOSTARIA DE SABER SOBRE ESSE PARECER
    “Câmara de Educação Básica do Conselho Nacional de Educação aprovou Parecer nº 9/2012 sobre a aplicação da lei do piso.” , SERÁ QUE EM 2013 TEREMOS ESSA LEI APLICADA NA ÍNTEGRA??EM MINHA ESCOLA O SECRETÁRIO AFIRMOSU QUE PARA 2013 OUTRA LEI SERÁ APLICADA, A DO NÚMERO DE ALUNOS PERMITIDOS POR CLASSE, A APEOESP SABE DE ALGUMA INFORMAÇÃO?? OBRIGADO, FICO NO AGUARDO.

    Resposta
    • 129. apeoesp  |  17/11/2012 às 12:00

      Prezada professora Francielli,
      O parecer aprovado pelo CNE, que ainda depende de homologação do ministro da Educação, permite que as pertes negociaem a aplicação paulatina da lei do piso. No nosso caso, estamos buscando a negociação com a SEE e temos reunião agendada para o início de dezembro. A lei que limita o número de alunos por classe foi aprovada pelo Senado e depende de sanção presidencial para ser aplicada já em 2013.
      Bebel

      Resposta
  • 130. Felipe  |  12/11/2012 às 14:18

    Prezada Bebel,
    Gostaria de saber poque que algumas professoras tem 120 dias de licença maternidade e outras 180? Qual o critério para essa seleção?
    Estou perguntando, pois sou categoria O e assumi aulas de substituição de uma professora que entrou em licença dia 28/8, e gostaria de saber se vou ter direito as ferias desas aulas, ou não caso a licença seja de 120 dias e a professora retorne no final de Dezembro.
    Muito grato pela atenção e também por tirar as duvidas dos professores ingressantes na rede como eu nesse blog.

    Resposta
    • 131. apeoesp  |  18/11/2012 às 14:12

      Prezado professor Felipe,
      A LC 1054/2008 assegura licença gestante de 180 dias apenas às professoras regidas pelo Estatuto do Servidor Público Estadual. As demais permanecem com licenças de 120 dias. É preciso saber a situação desta professora.
      Bebel

      Resposta
  • 132. FRANCIELLI  |  14/11/2012 às 19:47

    OLÁ, ESTE BLOG ESTÁ DESATIVADO???FAZ UM MES Q MEU COMENTÁRIO ESTÁ AGUARDANDO MODERAÇÃO, OBRIGADO.

    Resposta
    • 133. apeoesp  |  17/11/2012 às 12:01

      Prezada professora Francielli,
      Desculpe-me, seu comentário havia passado desapercebido. Já foi respondido.
      Bebel

      Resposta
  • 134. Cléo.  |  17/11/2012 às 12:06

    Bom dia!
    Eu li a maioria das mensagens aqui postadas, mas gostaria de saber efetivamente quais são os direitos dos docentes categoria “O”. Esta categoria só surgiu infelizmente devido a nossa classe ser tão desunida. Você acredita que ocorre nas escolas um regime de segregação de categorias?
    Tenho vergonha do nosso governo, mas meu sonho de ser professora não irá acabar mediante tanta opressão, acredito que a luta continua.
    Se, eu digo se, ninguém aparecesse para realizar a prova, gostaria de saber como ele iria arrumar professores, visto que nas escolas o que mais falta são docentes, a forma com a qual o governo trata os professores, dá se por ele nos conhecer que somos “individualistas” e não iremos participar de paralisação se não for referente à “nossa categoria”.
    Bem desculpe o desabafo e parabéns por seu trabalho.

    Resposta
    • 135. apeoesp  |  17/11/2012 às 15:20

      Prezada professora Cléo,
      Os professores da categoria O tem pouquíssimos direitos. Tem direito a férias após 12 meses de exercício e ao 13º. Fora isso, tem direito a duas férias abonadas e o mesmo número como “licença” parta casamento e morte em família.
      É indigna e vergonhosa essa forma de contratação, mas o governo estadual está intransigente.
      Se nossa categoria não se unir, não for para as ruas, não lutar, continuará assim indefinidamente.
      Bebel

      Resposta
  • 136. FRANCIELLI  |  27/11/2012 às 18:46

    OLÁ CLÉO, TRISTE É A NOSSA DO MAGISTÉRIO, DESVALORIZAÇÃO TOTAL E EM TODOS OS SENTIDOS, O GOVERNO É NOSSO DITADOR, CLASSE DESUNIDA E NOSSOS SINDICATOS SÃO FRACOS DEVIDO A NOSSA DESUNIÃO, O ANO DE 2012 FICOU CONGELADO , NADA DE NOVIDADES BOAS, NADA DE NOVIDADE SOBRE A LEI DO PISO, ENFIM, MAIS UM ANO QUE FICAMOS A VER NAVIOS, E FICAREMOS MAI. FELIZ NATAL A TODOS!!!

    Resposta
    • 137. apeoesp  |  28/11/2012 às 13:15

      Prezada professor Francielli,
      Nossos sindicatos não são fracos. Temos uma enorme força potencial. Porém, falta a muitos professores o ímpeto de se mobilizar para conquistar seus direitos. Sem a participação da categoria nas mobilizações, o sindicato fica restrito à argumentação de sua direção perante um governo que se recusa a ouvir e a negociar. este é o problema.
      Bebel

      Resposta
  • 138. Gilmara Gonçalves  |  30/11/2012 às 20:43

    Estava na categoria “S”, e a escola onde trabalho estava com falta de professor para assumir a sala a direção me pediu para assumir a sala e acabei tornando “O” e com isso perdi a minha estabilidade e o direito de usar o Iamspe neste caso o que devo fazer????

    Resposta
    • 139. apeoesp  |  04/12/2012 às 09:42

      Prezada professora Gilmara,
      Você deve procurar o departamento jurídico da APEOESP na subsede, para ingressar com ação judicial.
      Bebel

      Resposta
  • 140. Gilmara Gonçalves  |  30/11/2012 às 20:45

    Acho que vou abandonar minha profissão definitivo!!!

    Resposta
  • 141. katia  |  06/12/2012 às 22:57

    boa noite, me chamo Katia e assinei contrato recente com o estado atribui 10 aulas de reforço do dia 27/11 até 21/11, gostaria de saber quanto receberei pelas aulas e htpcs, e quais meus direitos neste periodo, se tenho direito a auxilio transporte, refeição,?
    Grata

    Resposta
    • 142. apeoesp  |  08/12/2012 às 10:15

      Prezada professora Katia,
      Para melhor informação ligue para 11.33506214.
      Bebel

      Resposta
  • 143. Denise Maria Antonio  |  10/12/2012 às 16:49

    Boa Tarde Bebel.gostaria de uma informação: trabalhei o ano todo e gostaria de saber se receberei o 13º terceiro salário em dezembro, pois ouvi informações que não receberemos nada! Acho impossivel, pois mesmo sendo categoria O sempre recebi em dezembro o 13º junto com os outros professores.O que eu sei é que as férias sim são pagas em fevereiro? Estou errada? Desde já agradeço pela atenção.
    Att
    Denise Maria Antonio

    Resposta
    • 144. apeoesp  |  12/12/2012 às 13:59

      Prezada professora Denise,
      Os professores tem direito a receber o 13º em dezembro. Se não ocorrer, o departamento jurídico tomará as providências cabíveis. Quanto ás férias, é preciso completar 12 meses de exercício, mas o Estado costuma pagar apenas em janeiro. Sendo assim, talvez seja necessária ação individual para receber durante o ano.
      Bebel

      Resposta
  • 145. FRANCIELLI  |  10/12/2012 às 19:09

    BOA TARDE, LI RECENTEMENTE UMA REPORTAGEM NO SITE DA APEOESP :
    Ter, 04 de Dezembro 2012 – 17:21

    1/3 de hora-atividade para o magistério já! Assine a petição!

    SERÁ QUE AGORA VAI? EM 2013 VAMOS TER ESSA LEI APLICADA NA ÍNTEGRA COMO APRESENTADA PARA NÓS EM 2012??? OU VAMOS FICAR MAIS UM ANO A ESPERA DE UM MILAGRE???

    Resposta
    • 146. apeoesp  |  12/12/2012 às 13:52

      Prezada professora Francielli,
      Vamos continuar lutando. Esta é a nossa lida, sempre.
      Bebel

      Resposta
  • 147. Queli  |  11/12/2012 às 23:58

    Boa noite! Bebel sou professora categoria O e gostaria de saber se terei direito ao pagamento das férias em 2013. Tenho aulas atribuídas desde o início do ano letivo.
    Obrigada!

    Resposta
    • 148. apeoesp  |  12/12/2012 às 09:23

      Prezada professora Queli,
      Você tem direito. Se não ocorrer, procure o departamento jurídico.
      Bebel

      Resposta
  • 149. Silveli Cortez dos Santos  |  13/12/2012 às 17:34

    Sou categiria O, trabalho há tres anos e novamente fui reconduzida, porem fiz somente 28 pontos nesta ultima prova. Como fica minha situação . È um projeto.

    Resposta
    • 150. apeoesp  |  15/12/2012 às 15:27

      Prezada professora Silveli,
      Em princípio, não poderia ser reconduzida, mas há muita flexibilização, pois faltam professores.
      Bebel

      Resposta
  • 151. Michelle  |  13/12/2012 às 22:16

    Olá Bebel!
    Sou professora categoria O. Trabalhei o ano de 2012 até novembro, pois devidos alguns problemas particulares tive que deixar as aulas de Recuperação. Tenho direito ao 13o salário proporcional até novembro? Obrigada

    Resposta
    • 152. apeoesp  |  15/12/2012 às 12:50

      Prezada professor Michelle,
      Você deve receber todos os seus direitos. Se não ocorrer, procure o departamento jurídico.
      Bebel

      Resposta
  • 153. Maria Eugênia Gonçales  |  15/12/2012 às 06:22

    Bom dia ! Bebel sou professora categoria O formada bacharel (farmácia-bioquímica) sem licenciatura (em química e biologia) dou aula, desde 2011 para alunos do ensino médio e EJA e o meu salário é pago como professora PEB 1 em 2012 (ensino fundamental) porque não tenho licenciatura, isto é correto?Agradeço pela atenção .

    Resposta
    • 154. apeoesp  |  15/12/2012 às 09:51

      Prezada professora Maria Eugênia,
      Há diferenças de enquadramento. Para melhor informação, ligue para 11.33506214.
      Bebel

      Resposta
  • 155. janaina  |  16/12/2012 às 00:46

    Gostaria de saber como vai funcionar o meu 13º, pois estou com 16 aulasmais no saite do governo meu 13º esta marcando um pouco menos da metade do meu salario atual, sou categoria O, com aula atribúida. aguardo resposta desde ja muito obrigada… Janaína L.L.S.

    Resposta
    • 156. apeoesp  |  23/12/2012 às 13:46

      Prezada professora Janaina,
      O 13º incide sobre o número de meses em que você trabalhou no Estado neste ano. Se trabalhou os 12 meses, deve receber o valor integral.
      Bebel

      Resposta
  • 157. FRANCIELLI  |  11/01/2013 às 13:01

    LI NO SITE DA APEOESP SOBRE O DESCUMPRIMENTO ( MAIS UMA VEZ) DA LEI DO PISO, SERÁ QUE VAI PASSAR DE NOVO SEM SER APLICADA ESSA LEI ????

    Resposta
    • 158. apeoesp  |  12/01/2013 às 14:10

      Prezada professora Francielle,
      Não aceitamos isto. Por isto, além de estarmos pressionando o governo, estamos organizando a greve da categoria para o mês de abril.
      Bebel

      Resposta
      • 159. FRANCIELLI  |  12/01/2013 às 14:31

        ABRIL É MUITO TARDE, ELE VAI ALEGAR QUE O ANO LETIVO JÁ COMEÇOU E Q APLICAR A LEI EM ABRIL NÃO É VIÁVEL , E VAI FALAR Q EM 2014, 2015 , ……ENFIM, VAI NOS ENROLAR MAIS ALGUNS ANOS.

      • 160. apeoesp  |  12/01/2013 às 16:18

        Prezada professora Francielle,
        Proponho que lutemos com todas as nossas forças pelo que queremos, em vez de tentar antecipar o que o governo dirá ou não. Não há nada que não seja possível solucionar de tivermos uma greve muito forte, que coloque em movimento a força e a união de 230 mil profissionais. No mais, se não quisermos lutar, sempre poderemos arrumar um bom motivo: em fevereiro o ano também já terá se iniciado. Quando lutaremos, então? Em dezembro? Nas férias de janeiro? O momento de lutar é aquele no qual nos sentimos mais seguros, mais unidos, mais dispostos. Abril permite que preparemos tudo isto em fevereiro e março. A questão é outra: queremos lutar?
        Passividade e hesitação é que facilitam a enrolação do governo.
        Bebel

  • 161. FRANCIELLI  |  13/01/2013 às 15:09

    OBRIGADO BEBEL PELA RESPOSTA.

    Resposta
    • 162. apeoesp  |  14/01/2013 às 13:06

      Prezada professora Francielli,
      Disponha.
      Bebel

      Resposta
  • 163. Wagner  |  14/01/2013 às 14:15

    A categoria O tem direito a férias e 1/3 de férias?

    Resposta
    • 164. apeoesp  |  15/01/2013 às 15:58

      Prezado professor Wagner,
      Adquire este direito com 12 meses de trabalho. Não signfica que o Estado pague imediatamente.
      Bebel

      Resposta
  • 165. ROSANA  |  14/01/2013 às 16:17

    OLÁ!

    BEBEL

    O CATEGORIA “S” TEM ALGUMA ESTABILIDADE?GOSTARIA QUE VC ME ORIENTASSE SOBRE O CATEGORIA “S”…

    OBRIGADA

    Resposta
    • 166. apeoesp  |  15/01/2013 às 15:52

      Prezada professora Rosana,
      Não. Apenas recebe pelas aulas dadas.
      Bebel

      Resposta
  • 167. Vera  |  15/01/2013 às 14:16

    Boa tarde!
    Sou professora efetiiva e acabei de ler o calendário de atribuiçao de aulas para 2013. Minha escola será desativada esse ano de 2013, nossos alunos foram para outra U.E. Gostaria de saber se nossa atribuição ocorrerá no dia 23 pela manhã na Unidade Escolar ou se será na Diretoria de Ensino. Nesse caso seremos removidos ex-oficio?
    Grata

    Resposta
    • 168. apeoesp  |  15/01/2013 às 14:34

      Prezada professora Vera,
      Qual foi o motivo da desativação?
      Você precisa solicitar o esclarecimento à DRE sobre como será o procedimento. Nós, da APEOESP, defendemos o direito de escolha do professor. Ele deve poder escolher a escola para onde será transferido, caso seja realmente justificável o fechamento da escola. Sugiro também que procure a subsede da região e veja o que podem fazer para auxiliá-los neste processo.
      Bebel

      Resposta
  • 169. Maria  |  15/01/2013 às 14:36

    Boa tarde! Não consigo falar com o chefe do departamento jurídico,como foi orienado aqui.Então,gotaria que isto chegasse até ele ou ela.Meu processo está parado com o DR Marcus Vinicius,por quê?Qdo ele irá para o fórum,haja visto que estou sem emprego fixo devido a lei 1093.Ainda,se os documentos enviados ao advogado para ser entregue ao juíz da mudança de categoria foi entregue e qdo foi!?

    Resposta
    • 170. apeoesp  |  16/01/2013 às 11:33

      Prezada professora Ananias,
      Estou solicitando ao Departamento Jurídico que faça contato consigo para as devidas explicações.
      Bebel

      Resposta
      • 171. Maria  |  29/01/2013 às 09:56

        Bom dia!
        Até este momento, não obtive nenhuma resposta do departamento jurídico!Atraso na entrada dos processos no fórum dificultam a nossa vida.Mesmo assim, agradeço até aqui a atenção!Abraços.

      • 172. apeoesp  |  29/01/2013 às 12:03

        Prezada professora Maria,
        Há procedimentos jurídicos que não dependem da vontade de nossos advogados.
        Bebel

      • 173. Maria  |  29/01/2013 às 14:35

        Boa tarde!O processo parado,sem dar entrada,depende do advogado!Então se o processo não chegou no forum,depende sim ,do advogado!Sua resposta está equivocada!Descupa!Abraços!

      • 174. apeoesp  |  29/01/2013 às 14:44

        Prezada professora Maria,
        Neste caso, é preciso questionar diretamente o(a) advogado(a) responsável ou a coordenação da subsede. Se desejar que o façamos, deve nos informar nomes, subsede e demais detalhes.
        Bebel

  • 175. FRANCIELLI  |  19/01/2013 às 17:36

    BOA TARDE, PROFESSOR CATEGORIA F APROVADO QUANDO CHEGA A SUA VEZ DE PEGAR AULAS É OBRIGADO A PEGAR AS DISCIPLINAS CORRELATAS OU SIMPLISMENTE AS ESPECÍFICAS?
    SOU HABILITADA EM CIÊNCIAS COM HABILITAÇÃO ESPECÍFICA EM QUÍMICA, TENHO COMO CORRELATAS BIOLOGIA, MATEMÁTICA E FÍSICA, GRATA.

    Resposta
    • 176. apeoesp  |  21/01/2013 às 22:16

      Prezada professora Francielli,
      Você pode pegar aulas das disciplinas para as quais é habilitado ou possui formação suficiente.
      Bebel

      Resposta
  • 177. FRANCIELLI  |  21/01/2013 às 19:32

    BOA TARDE, PROFESSOR CATEGORIA F APROVADO QUANDO CHEGA A SUA VEZ DE PEGAR AULAS É OBRIGADO A PEGAR AS DISCIPLINAS CORRELATAS OU SIMPLISMENTE AS ESPECÍFICAS?
    SOU HABILITADA EM CIÊNCIAS COM HABILITAÇÃO ESPECÍFICA EM QUÍMICA, TENHO COMO CORRELATAS BIOLOGIA, MATEMÁTICA E FÍSICA, GRATA.

    Resposta
    • 178. apeoesp  |  22/01/2013 às 10:32

      Prezada professora Francielli,
      Você não é obrigada a pegar as correlatas.
      Bebel

      Resposta
  • 179. luciana  |  22/01/2013 às 22:49

    Boa noite, gostaria de saber se o professor categoria O com contrato vigente e que não participou da atribuição para este ano, por que ainda não ocorreu tem direito a receber referente a janeiro.

    Resposta
    • 180. apeoesp  |  22/01/2013 às 23:56

      Prezada professora Luciana,
      Os professores adquirem direito a férias com 12 meses de serviço. O Estado, por outro lado, não tem pago corretamente as férias aos professores da categoria O. Se já adquiriu o direito e não recebeu, procure o departamento jurídico.
      Bebel

      Resposta
  • 181. Tatiana  |  23/01/2013 às 12:38

    Bebel,
    Gostaria de saber como fica para este ano o convênio do Iamspe para os professores categoria O?
    Desde já agradeço.

    Resposta
    • 182. apeoesp  |  24/01/2013 às 14:37

      Prezada professora Tatiana,
      Nada foi alterado, ainda.
      Bebel

      Resposta
  • 183. Monica  |  27/01/2013 às 20:49

    Bebel, gostaria somente de te parabenizar pela atenção dedicada às nossas dúvidas mediante as suas respostas e esclarecimentos, vemos que nem tudo está perdido !

    Resposta
    • 184. apeoesp  |  28/01/2013 às 19:50

      Prezada professor Monica,
      Obrigada pelas suas palavras.
      Bebel

      Resposta
  • 185. Emilienne Margueritte Silve Rosa  |  28/01/2013 às 19:23

    Bebel,
    Sou categoria O e meu contrato iniciou-se em Abril de 2012, dei aulas até o final do ano letivo em substituição a licença aposentadoria de duas professoras estou grávida de 9 meses e terei meu filho na semana que vem, para ter direito a licença maternidade tenho que pegar aulas novamente?
    Na DE de Taubaté me informaram que para ter direito a licença maternidade tenho que ir no processo de atribuição durante essa semana.
    Você sabe dizer se recebemos proporcional a contribuição ou o salário continua o mesmo dependendo do número de aulas?
    Atenciosamente
    Emilienne

    Resposta
    • 186. apeoesp  |  29/01/2013 às 14:26

      Prezada professora Emilienne,
      Você deve comparecer à atribuição. Você recebe o valor correspondente à carga horária que lhe for atribuida.
      Bebel

      Resposta
  • 187. Sandra de Andrade  |  28/01/2013 às 20:39

    Prezada Bebel,
    Gostaria se possível, de alguma informação correta sobre as férias da categoria “O”, pois hoje liguei na D.E de Piracicaba e obtive informação de que esperam alguma informação de São Paulo. Trabalhei com aulas atribuídas durante todo o ano de 2012.
    Como o esperado, tem sido um martírio as férias de dezembro pra nós da categoria, pois ficamos desesperados por não sabermos como serão as novidades para o próximo ano vigente.
    Desde já agradeço sua atenção
    Profª Sandra

    Resposta
    • 188. apeoesp  |  29/01/2013 às 13:39

      Prezada professora Sandra de Andrade,
      Você passa a ter direito ao pagamento de férias quando completa 12 meses de exercício na função. Mas o Estado não costuma pagar imediatamente. Caso não receba após completar o período aquisitivo, entre em contato com o departamento jurídico na sua subsede para ajuizar ação.
      Bebel

      Resposta
  • 189. erica  |  30/01/2013 às 12:53

    Bom dia! Sou prof. cat. O, desde o mês de novembro não tenho recebido integralmente meu pagamento. Novembro não tive nada de pagamento, Dezembro, imaginei que viria o pag. referente aos dois meses e nada, veio um valor ref. a um mês apenas. Estava com 18 aulas no ensino fundamental e 10 no ensino médio, e nesses meses, desde que peguei estas aulas tenho recebido apenas as do ensino médio. Ninguém sabe o por quê, dizem que estou excedendo a quantidade de hrs aulas (200), mas como se estava com apenas 28 aulas? Estava esperando que neste mês viesse os atrasados e mais uma vez nada, além de todo o desgosto que estamos enfrentando, ainda mais essa de secretários incompetentes que não sabem e nem querem saber o que fazer para solucionar nossos problemas, nesta mesma escola onde me aconteceu isso, teve caso de professores terem que ir á São Paulo, direto na Fazenda para tentarem receber. Bebel, o que você me aconselha fazer? Já fui na D.E, na apeoesp e nada.. Aguardo resposta. Obrigada.

    Resposta
    • 190. apeoesp  |  31/01/2013 às 02:38

      Prezada professora Erica,
      Você precisa exigir que essas respostas da DRE ou da escola sejam dadas por escrito. Com este documento, procure o departamento jurídico na subsede para ajuizamento de ação individual para cobrança de seus direitos.
      Bebel

      Resposta
  • 191. roberta  |  30/01/2013 às 19:31

    gostaria de saber se o eventual tem direito a férias proporcionais em 2013

    Resposta
    • 192. apeoesp  |  31/01/2013 às 02:20

      Prezada professora Roberta,
      Não. O eventuaal recebe apenas pelas aulas ministradas.
      Bebel

      Resposta
  • 193. Sandra de Andrade  |  30/01/2013 às 21:09

    Olá Bebel,
    Grata pela informação.
    Abraço

    Resposta
  • 194. erica  |  31/01/2013 às 12:53

    Obrigada Bebel, seguirei suas orientações.
    Abraço

    Resposta
  • 195. Jaqueline  |  22/02/2013 às 23:05

    Boa noite!
    Sou formada em Letras (Português / Inglês), sou funcionária pública municipal e minha função é auxiliar administrativo de escola( cargo que exige ensino médio), com carga horária diária de 8h.
    Prestei o processo seletivo para professor PEB II e fui considerada habilitada. O meu objetivo é atuar apenas como professora eventual no período noturno. No entanto, a escola onde eu abriria a portaria me informou que eu não poderia atuar como eventual pois isso caracterizaria acúmulo ilegal de cargos, já em telefonema ao InfoEdu, a informação dada foi que não há acúmulo ilegal nesse caso porque como eventual eu não geraria vínculo. Mas o supervisor da D.E. diz o contrário, concordando com a escola, e até agora não consegui atuar.
    Dessa forma, peço orientações a respeito. O acúmulo nesse caso, mesmo sendo como professor eventual é ilegal?Um professor eventual estabelece vínculo com o Estado? Fiz algumas pesquisas e verifiquei os casos de acúmulo, no entando não consegui identificar, no caso de acúmulo como professor eventual, quais regras se aplicam.

    Desde já agradeço a atenção.

    Obrigada!

    Jaqueline

    Resposta
    • 196. apeoesp  |  24/02/2013 às 12:31

      Prezada professora Jaqueline,
      Creio que o supervisor está equivocado. Entre em contato com o telefone 11.33506214, informe-se melhor e oriente-se sobre como agir.
      Bebel

      Resposta
  • 197. fran  |  26/02/2013 às 13:20

    bom dia bebel, o ano mal começou e as coisas andam complicadas nas escolas, na minha escola o ensino médio noturno uma classe do 2º colegial conta com 51 alunos na lista, que frequentam a classe, impossível dar aulas ali , muita gente, muita conversa, enfim, é o problema de todos professores que ali passam, minha dúvida é o que é necessário para desmembrar esta classe? sintimos que a direção da escola não se importa com os fatos e já anunciou por várias vezes que não vai desmembrar, o que fazer?

    Resposta
    • 198. apeoesp  |  27/02/2013 às 12:43

      Prezada professora Fran,
      Se a direção da escola não considera as necessidades dos professores e estudantes, vocês devem levar a questão ao Conselho de Escola ou recorrer diretamente à Diretoria Regionai de Ensino. Oriente-se melhor no departmento jurídeico na subsede.
      Bebel

      Resposta
  • 199. Lúcia de Fátima Lopes dos Santos  |  19/03/2013 às 16:47

    Bom dia……

    Gostaria de uma informação , pois estou vivendo momentos de preocupação…sou categoria F como PEBI e categoria O como PEB II ..sempre acumelei ..este ano não queriam me atribuir aulas pois argumentaram que categoria O não faz acumulo…mesmo asim consegui aulas em uma escola , e o acumulo deu legal…mas saiu uma circular pela Diretoria de Ensino leste um de que não deveria atribuir aulas para professores nessas circunstancias..acumular funcões…gostaria que por favor esclarecesse-me se está na legislação o que eles estão impondo…agradeço e espero ansiosa uma resposta favorável ao meu caso….

    Lúcia d eFátima

    Resposta
    • 200. apeoesp  |  21/03/2013 às 02:06

      Prezada professora Lúcia,
      Você precisa de uma orientação jurídica. Em princípio, você não pode manter dois tipos de vínculos diferentes com o Estado. O acúmulo é possível, por exemplo, com dois cargos efetivos. Entretanto, a APEOESP defende o professor e utilizará os expedientes legais para isto. Procure a sua subsede ou ligue para 11.33506214.
      Bebel

      Resposta
  • 201. FRAN  |  24/03/2013 às 22:23

    GOSTARIA DE SABER A RESPEITO DESTA INFORMAÇÃO:
    CPP – Sede Central

    Ontem.

    Professor Júlio César,
    Na semana passada representantes das entidades reuniram-se na sede central do CPP e, em nenhum momento foi cogitado greve. Foi feito um ofício solicitando audiência c/ o governador – com assinatura de todos os presidentes de sindicatos e associações, inclusive da Apeoesp.
    Desde já agracemos sua atenção.
    Att: Maria Alice Bicudo Soares
    Diretora de Comunicação
    SECOM/CPP

    O CPP NÃO FALA EM GREVE OU PARALIZAÇÃO, SÓ A APEOESP, OS PROFESSORES SEI Q SÃO DESUNIDOS MAS NOSSAS SINDICATOS TBM ?

    Resposta
    • 202. apeoesp  |  01/04/2013 às 19:37

      Prezada professora Fran,
      A APEOESP comunicou às entidades presentes a deliberação de sua assembleia estadual pela greve. Não assumimos responsabilidade que dizem ou fazem as demais entidaes, a não ser naquilo que é deliberação comum. Estamos organizando a greve e nossa entidade tem 186 mil filiados, entre os 239 mil integrantes do magistério. Estamos trabalhando para que todos se unam no mesmo movimento.
      Bebel

      Resposta
  • 203. Talita  |  01/04/2013 às 23:03

    Boa noite,

    Peguei aulas em 3 escolas como professora auxiliar. No total são 21 aulas, sendo 5 a noite. Posso desistir dessas 5? Quais as consequências?
    Grata,

    Talita

    Resposta
    • 204. apeoesp  |  03/04/2013 às 15:36

      Prezada professora Talita,
      Em princípio, não, a não ser que haja uma forte justificativa. Neste caso, não pode participar de atribuições neste ano. Informe-se melhor pelo telefone 11.33506214.
      Bebel

      Resposta
  • 205. sissa.figueiredo@bol.com.br  |  29/04/2013 às 20:15

    Boa tarde…
    Trabalhei o passado inteiro na categoria “O” e não recebi férias, a moça da secretaria me disse que receberei quando terminar o contrato isso procede?? E também não recebi o 13º no mês do meu aniversário como no ano passado, será que receberei em dezembro??

    Resposta
    • 206. apeoesp  |  30/04/2013 às 00:49

      Prezada professora Sissa,
      Você tem direito a férias a partir do momento em que completa 12 meses de exercício. Devem ser pagas em julho. Se não ocorrer, deve procurar o departamento jurídico para ingressar com ação para garantir este direito.
      Bebel

      Resposta
  • 207. Ana Cláudia Fernandes Canos  |  16/05/2013 às 17:15

    Foi realmente liberado o convenio do iamspe para categoria O

    Resposta
    • 208. apeoesp  |  16/05/2013 às 19:14

      Prezada professora Ana Cláudia,
      A decisão já foi tomada. Mas é preciso mudar a lei geral do IAMSPE. O governo está redigindo projeto de lei para enviar à Assembleia Legislativa.
      Bebel

      Resposta
  • 209. ricardo  |  17/05/2013 às 02:13

    Boa Noite, quero saber como ficou nossa situação de categoria O, após a greve, participei das mobilizações e pancadarias, porém ainda ninguém me informou aonde é que vai haver mudanças, para que possamos dizer valeu apena lutar pelos nossos direitos..
    Por Favor, penso que não é apenas uma dúvida minha mais de vários colegas também.
    Obrigado.

    Resposta
    • 210. apeoesp  |  19/05/2013 às 14:24

      Prezado professor Ricardo,
      Publiquei várias matérias sobre isto aqui no blog. Você também pode verificar no site http://www.apeoesp.org.br. As alterações negociadas dependem de projetos de lei que o governo enviará no próximo período para a ALESP. São o direito ao IAMSPE, fim da prova, Redução do afastamento de 200 para 40 dias. Continuamos lutando para que os direitos da categoria F valham também para os da categoria O.
      Bebel

      Resposta
  • 211. Érika  |  17/05/2013 às 13:33

    Sou professora Categoria O e estou gestante. No inicio do ano letivo foi feita a rescisão do meu contrato e eu só recebi as férias. No meu caso isso foi certo, uma vez que eu estou grávida e tenho direito a estabilidade?

    Resposta
    • 212. apeoesp  |  19/05/2013 às 14:18

      Prezada professora Érika,
      Seu contrato não pode ser rescindido em meio à licença-gestante. Ligue para 11.33506214 ou procure o departamento jurídico na subsede para verificar como proceder.
      Bebel

      Resposta
      • 213. Ester  |  25/05/2013 às 08:52

        Olá no meu caso tive aulas atribuidas em março de 2012 e minha filha nasceu em fevereiro de 2013. Meu vinculo foi até dia 1 de fevereiro e minha filha nasceu dia 6 de fevereiro nao consigo dar entrada na minha L.M o que fazer?o inss já negou dizendo que a responsabilidade é do empregador. Gostaria de esclarecimentos

      • 214. apeoesp  |  26/05/2013 às 14:10

        Prezada professora Ester,
        Você precisa de uma orientação jurídica mais completa. Por favor, entre em contato pelo telefone 11.33506214 ou com o departamento jurídico na sua subsede.
        Bebel

  • 215. FRAN  |  22/05/2013 às 14:08

    BOM DIA, GOOSTARIA DE SABER PRA QUANDO É NOSSA DATA BASE, OBRIGADO.

    Resposta
    • 216. apeoesp  |  24/05/2013 às 02:50

      Prezado professor Fran,
      A data base é em março, mas o governo vem praticando reajustes no mês de julho.
      Bebel

      Resposta
  • 217. Fernanda  |  25/05/2013 às 12:29

    Bom dia… Gostaria de saber se o professor categoria o que deixar todas as suas aulas, pode pegar aulas no proximo ano, no caso em 2014, normalmente. Obrigada.

    Resposta
    • 218. apeoesp  |  26/05/2013 às 14:05

      Prezada professora Fernanda,
      Não poderá, pois será considerada quebra de contrato. Corre o risco de ficar cinco anos fora da rede. Informe-se melhor pelo telefone 11.33506214.
      Bebel

      Resposta
  • 219. Michelle  |  11/06/2013 às 14:55

    Olá! Trabalhei como professora categoria O no ano 2012 com aulas atribuídas. Nesse período fiquei grávida e deixai as aulas de reforço em dezembro. Eu tenho direito a licença maternidade, já que em todos holerites consta descontos para o inss? E se caso quiser retornar agora em Agosto, posso atribuir aulas?
    Grata
    Michelle

    Resposta
    • 220. apeoesp  |  12/06/2013 às 09:22

      Prezada professora Michele,
      Se seu contrato está em vigor, você tem direito a licença maternidade. Se o contrato foi encerrado, não tem.
      Informe-se melhor pelo telefone 11.33506214.
      Bebel

      Resposta
  • 221. Luciana  |  15/06/2013 às 12:31

    Bom dia Bebel!
    Sou professora categoria O com 20 aulas, sendo 8 à noite. Tenho tido muitos problemas em lecionar à noite nessa escola e gostaria de saber se há possibilidade de abandonar ao menos 2 salas (4 aulas) e continuar com as restantes. Aqui na minha DE deixaram bem claro que não, se abandonar parte das aulas perderei tudo. Estou adoecendo por conta da violência e desrespeito de alguns alunos. Me sinto fracassada como professora, mas fica impossível de se trabalhar com alunos alterados e entorpecidos. Obrigada!

    Resposta
    • 222. apeoesp  |  20/06/2013 às 03:29

      Prezada professora Luciana,
      Você não pode deixar apenas algumas aulas. Veja se consegue alguma orientação de uma saída jurídica no telefone 11.33506214.
      Bebel

      Resposta
  • 223. Luciana  |  15/06/2013 às 12:37

    Complementando minha dúvida, alguns colegas dizem que poderei fazer isso faltando 6 aulas nessas salas , outros dizem que poderei conseguir justificando o motivo por escrito e que a “única” penalidade que sofreria é a de ficar impedida de participar de atribuições esse ano e ainda há quem diga que nada acontece.

    Resposta
    • 224. apeoesp  |  23/06/2013 às 14:32

      Prezada professora Luciana,
      Reafirmo minha sugestão para que ligue para 11.33506214 ou entre em contato com o departamento jurídico na subsede para receber uma orientação mais completa.
      Bebel

      Resposta
  • 225. Regiane  |  17/06/2013 às 20:54

    Boa tarde, deixei as aulas que eu tinha em Abril, me falaram que tenho que ficar 200 dias sem pegar aulas, com quem verifico isso? Se eu pegar aulas antes, conseguirei receber?

    Resposta
    • 226. apeoesp  |  20/06/2013 às 02:59

      Prezada professora Regiane,
      Infelizmente, a situação é esta mesma. Estamos lutando junto à SEE, à Secretaria de Gestão Pública e outras instâncias para reduzir esta quarentena.
      Bebel

      Resposta
  • 227. Jose octavio rocha  |  20/06/2013 às 12:20

    M. Isabel!

    A categoria “O” tem direito a quantas faltas abonadas.
    Obrigado

    Resposta
    • 228. apeoesp  |  23/06/2013 às 13:55

      Prezado professor José,
      O professor da categoria O tem direito a:
      – Duas faltas abonadas durante o prazo de vigência do contrato, não excedendo a uma por mês;
      – Três faltas justificadas durante o prazo de vigência do contrato, não excedendo a uma por mês;
      – as faltas que excederem os limites acima serão consideradas injustificadas, cujo limite é de uma durante o período de vigência do contrato;
      – falta médica nos termos da LC 1041/08;
      – até dois dias por ano em questão, por motivos referentes à gala (casamento);
      – até dois dias consecutivos referentes ao nojo (falecimento de pais, irmãos, cônjuges e filhos);
      – serviços obrigatórios por Lei;
      – licença para tratamento de saúde, até o limite de 15 dias, pago pelo Estado, mediante apresentação de atestado médico, e superior ao limite, deverá agendar perícia no INSS para fins de concessão de auxílio-doença.
      Bebel.

      Resposta
  • 229. isnaldo dos santos  |  20/06/2013 às 18:33

    o supervisor de ensino não tem a obrigação de participar dos ATPCS segundo a legislação.obrigado

    Resposta
    • 230. apeoesp  |  23/06/2013 às 13:19

      Prezado professor Isnaldo,
      Não entendi se é uma pergunta, mas realmente não é obrigatório.
      Bebel

      Resposta
  • 231. isnaldo dos santos  |  22/06/2013 às 16:10

    a reposição de aulas tem que ser feita por dia parados ou pelo total de aulas.obrigado.

    Resposta
    • 232. apeoesp  |  23/06/2013 às 12:11

      Prezado professor Isnaldo,
      Deve ser feita pelo número de aulas que não forma ministradas, que serão pagas à medida que sejam repostas.
      Bebel

      Resposta
  • 233. Nadja  |  01/07/2013 às 16:04

    Boa Tarde!
    Sou categoria O
    Tenho sala no período da tarde e no período da manhã tenho 8 aulas de reforço. Gostaria de saber se posso deixar as 8 aulas de reforço, pois acabo não recebendo vale transporte e nem vale alimentação, sendo assim não vale a pena, pois acabo trocando figurinha. Posso desistir somente das 8 aulas de reforço?

    Fico no aguardo

    Obrigado

    Resposta
    • 234. apeoesp  |  02/07/2013 às 21:12

      Prezada professora Nadja,
      O Estado costuma impedir o abandono de aulas. Informe-se melhor e oriente-se pelo telefone 11.33506214.
      Bebel

      Resposta
  • 235. Talita  |  03/07/2013 às 18:10

    Boa tarde,

    É possível tentar coordenação em outra D.E.? Meu esposo é professor na D.E. de Limeira, residimos em Franca; o seu estágio probatório termina no segundo dia de aula de 2014 (fevereiro).
    Sabemos que o estágio é de 3 anos, no entanto esses dois dias letivos transformam o período em 4 anos. Assim, gostaria de saber se ele pode vir para Franca como coordenador.

    Desde já, obrigada.

    Resposta
    • 236. apeoesp  |  06/07/2013 às 15:36

      Prezada professora Talita,
      Você precisa de orientação jurídica e eventualmente de uma ação. Entre em contato com o departamento jurídico ou ligue para 11.33506214.
      Bebel

      Resposta
  • 237. FRAN  |  08/07/2013 às 14:52

    OLÁ BEBEL, GOSTARIA DE SABER SOBRE A POSSÍVEL BIBLIOGRAFIA PARA O CONCURSO 2013 PARA PROFESSORES, OBRIGADO.

    Resposta
    • 238. apeoesp  |  13/07/2013 às 15:30

      Prezada professora Fran,
      Está no site da SEE, mas será republicada.
      Bebel

      Resposta
  • 239. FRAN  |  09/07/2013 às 18:59

    OLÁ BEBEL, GOSTARIA DE SABER SOBRE A POSSÍVEL BIBLIOGRAFIA PARA O CONCURSO 2013 PARA PROFESSORES, OBRIGADO.

    Resposta
    • 240. apeoesp  |  13/07/2013 às 14:59

      Prezada professora Fran,
      Está disponível no site da SEE, mas será republicada para que todos possam tomar conhecimento.
      Bebel

      Resposta
  • 241. Viviane Medeiros  |  22/08/2013 às 21:25

    sou a Viviane
    olá peguei aula de licença medica com data até 22-08-13, neste caso poço entregar!! pois assinei o contrato até 22-08…respondam me por favor

    Resposta
    • 242. apeoesp  |  23/08/2013 às 02:49

      Prezada professora Viviane,
      Por favor, informe-se pelo telefone 11.33506214 e receba mais orientações.
      Bebel

      Resposta
  • 243. Mayara  |  22/10/2013 às 17:53

    Sou categoria O.
    Fiz cadastro emergencial esse ano em maio e meu contrato vai vencer em maio de 2014.
    Estou gravida e ganho bebe mais ou menos em jan. Liguei na diretoria de ensino e eles me falaram que não encerra meu contrato antes e que assim que ganhar bebe vou ficar de licença maternidade e receber pelo INSS. Gostaria de saber qual valor que que vou ganhar por mês, pois eu tenho poucas aulas. Quanto tempo tenho direito a licença e quais procedimentos devo tomar.

    Resposta
    • 244. apeoesp  |  23/10/2013 às 13:59

      Prezada professora Mayara,
      Sua licença será de 120 dias. Quanto a valores, não tenho elementos para informar. Por favor, busque mais informações pelo telefone 11.33506214.
      Bebel

      Resposta
  • 245. Lucélia  |  13/01/2014 às 01:07

    sou da cat o, e estou sendo informada que os contratos de professore que foram instintos no ano de 2013, teram que ficar 200 dias parados. Isso é verdade?
    como pode, como fica a familia desses professores?

    Resposta
    • 246. apeoesp  |  19/01/2014 às 13:50

      Prezada professora Lucélia,
      A APEOESP ingressou na justiça contra os 200 dias. Estamos confiantes em obter a liminar.
      Bebel

      Resposta
  • 247. Bárbara Mamede  |  17/02/2014 às 21:33

    Olá Bebel sou professora categoria “O”, meu contrato de encerra no dia 20/12/2014, estou grávida gostaria de saber se tenho direito a licença maternidade, de 120 dias ou 180 dias ?
    Desde já agradecida pela atenção.

    Resposta
    • 248. apeoesp  |  23/02/2014 às 15:39

      Prezada professora Bárbara,
      A licença é de 120 dias.
      Bebel

      Resposta
  • 249. Jaque  |  05/05/2014 às 21:37

    Professora sou categoria O em contrato de atribuição cobrindo licença saúde e premio. A professora titular não retornara tão cedo. Estou gravida e ficando cansada. Se desistir das aulas perco direito a licença? Obrigada!

    Resposta
    • 250. apeoesp  |  11/05/2014 às 14:16

      Prezada professora Jaque,
      Sim. Pode inclusive perder a chance de retornar à rede pelo prazo de cinco anos. Veja que opções você tem pelo telefone 11.33506214.
      Bebel

      Resposta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Mensagem da Presidenta da APEOESP às professoras

Clique no play para ouvir.

Blog Stats

  • 3,332,494 hits

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 427 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: