SEE publica comunicado sobre a prova de mérito

19/07/2012 at 15:46 186 comentários

Diário Oficial do Estado de São Paulo

Quinta-feira, 19 de julho de 2012 – Página 37

 Convocação

PROCESSO DE PROMOÇÃO – EDITAL DE CONVOCAÇÃO PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA.

O Coordenador de Gestão de Recursos Humanos, da Secretaria de Estado da Educação, nos termos do artigo 2º, da Lei Complementar estadual 1.097, de 27-10-2009, alterada pela Lei Complementar estadual 1.143, de 11-07-2011, regulamentada pelo Decreto estadual 55.217, de 21-12-2009, CONVOCA E INSTRUI os integrantes do Quadro do Magistério devidamente inscritos no Processo de Promoção, para a realização da prova (parte objetiva e dissertativa).

A definição dos perfis de competência e habilidades requeridos para os servidores da rede estadual, como também a bibliografia de referência para todos os campos de atuação, constam da Resolução SE 70, de 26-10-2010 e Resolução SE 13, de 03-03-2011.

Somente realizarão prova os candidatos devidamente inscritos no processo, que atendam aos requisitos previstos na legislação pertinente.

I – A PROVA

A Prova para Promoção será constituída de duas partes, sendo:

1. 1ª Parte Objetiva, composta por 60 questões, de múltipla escolha (5 alternativas), sobre formação específica por campo de atuação, avaliada de 0 (zero) a 10 (dez) pontos, e 2.ª Parte Dissertativa, composta de 1 (uma) questão, sobre formação pedagógica por campo de atuação, avaliada de 0 (zero) a 10 (dez) pontos.

3. As notas das duas partes da prova, objetiva e dissertativa, serão somadas, para obter-se a média aritmética que será considerada a nota do candidato.

4. Será considerado aprovado o candidato que obtiver nota igual ou superior a 6 (seis) pontos.

5. A Prova por campo de atuação versará sobre:

5.1. Docentes: conteúdos curriculares das respectivas disciplinas, práticas didáticas e conhecimentos pedagógicos.

a) Professor de Educação Básica I: anos iniciais do Ensino Fundamental.

b) Professor de Educação Básica II e Professor II: anos finais do Ensino Fundamental e das séries do Ensino Médio, nas disciplinas: Língua Portuguesa, Inglês, Alemão, Espanhol, Francês, Italiano, Japonês, Arte, Educação Física, Matemática,Ciências Físicas e Biológicas, Biologia, Física, Química, História,Geografia, Filosofia, Sociologia, Psicologia e Educação Especial (Deficiências: Auditiva, Física, Intelectual e Visual).

5.2. Suporte Pedagógico

a) Diretor de Escola e Supervisor de Ensino: temas da moderna gestão escolar e práticas da administração e supervisão educacionais.

b) Assistente de Diretor de Escola: as práticas didáticas e conhecimentos pedagógicos dos conteúdos curriculares, e os temas da moderna gestão escolar e práticas da administração.

II – DATA E HORÁRIO DA APLICAÇÃO DA PROVA

1. Para os cargos de Suporte Pedagógico e Professor de Educação Especial (DA, DF, DI e DV), a prova será realizada no dia 25-07-2012 (quarta-feira) nos municípios-sede das 91 (noventa e uma) Diretorias de Ensino da Secretaria da Educação, conforme segue:

Período de Aplicação: TARDE

Horário de apresentação: 12h

Horário de Fechamento dos Portões: 13h

Duração total da Prova: 04 (quatro) horas.

2. Para os cargos de Professor de Educação Básica I e Professor de Educação Básica II – Educação, a prova será realizada no dia 26-07-2012 (quinta-feira) nos municípios-sede das 91(noventa e uma) Diretorias de Ensino da Secretaria da Educação, conforme segue:

Período de Aplicação: TARDE

Horário de apresentação: 12h

Horário de Fechamento dos Portões: 13h

Duração total da Prova: 04 (quatro) horas.

3. Para os cargos de Professor de Educação Básica II e Professor II (Língua Portuguesa, Inglês, Alemão, Espanhol, Francês,Italiano, Japonês, Arte, Educação Física, Matemática, Ciências Físicas e Biológicas, Biologia, Física, Química, História, Geografia, Filosofia, Sociologia e Psicologia, a prova será realizada no dia 27-07-2012 (sexta-feira) nos municípios-sede das 91 (noventa e uma) Diretorias de Ensino da Secretaria da Educação, conforme segue:

Período de Aplicação: TARDE

Horário de apresentação: 12h

Horário de Fechamento dos Portões: 13h

Duração total da Prova: 04 (quatro) horas.

III – LOCAIS DE PROVAS

1. A confirmação da data, turma e as informações sobre horários e locais de Provas serão divulgadas no site da Fundação VUNESP: http://www.vunesp.com.br, sendo de inteira responsabilidade do candidato seu acompanhamento, não podendo ser alegada qualquer espécie de desconhecimento.

1.1. Nos 5 (cinco) dias que antecederem a data prevista para as provas, o candidato poderá consultar.

1.1.1. o endereço eletrônico da VUNESP;

1.1.2. o Disque VUNESP, em dias úteis, das 8 às 20 horas.

1.2. Eventualmente se, por qualquer motivo, o nome do candidato não constar da Convocação, esse deverá entrar em contato com a Fundação VUNESP, por meio do Disque VUNESP: fone (11) 3874-6300 – dias úteis – das 8 às 20 horas, para verificar o ocorrido ou dirigir-se à Diretoria de Ensino de sua jurisdição, de segunda a sexta-feira, das 9 às 17h.

2. Ao candidato só será permitido a realização da prova no respectivo local, data e horário constante na consulta disponível no site http://www.vunesp.com.br da Fundação VUNESP.

2.1. O horário de início da prova será definido em cada sala de aplicação, após os devidos esclarecimentos.

2.2. Em hipótese nenhuma será realizada prova fora da data, local e horários determinados.

3. No dia da realização da prova, na hipótese de o nome do candidato não constar das listagens oficiais, a Fundação VUNESP procederá à inclusão, com o preenchimento de formulário específico,

somente mediante LIMINAR expedida pela Justiça.

3.1. a inclusão será realizada de forma condicional.

3.2. Constatada a ilegalidade, a improcedência ou mesmo a inexistência da inscrição do candidato, a inclusão será automaticamente cancelada, sem direito à contestação, independentemente de qualquer formalidade, considerados nulos os atos dela decorrentes, inclusive a prova que o candidato tenha realizado.

4. O candidato não poderá alegar desconhecimentos acerca da data, local e horários de realização da prova como justificativa de sua ausência.

4.1. O não comparecimento à prova, independentemente do motivo alegado, caracterizará desistência do candidato.

5. O candidato deverá comparecer ao local de prova com antecedência mínima de 60 (sessenta) minutos, munido de documento de identificação e de caneta esferográfica de corpo transparente e de tinta azul ou preta, lápis 2 e borracha.

6. O candidato somente poderá retirar-se da sala de aplicação da prova depois de transcorrido o tempo mínimo de 75% da duração da respectiva prova, levando consigo somente o material fornecido para conferência da prova realizada.

IV – IDENTIFICAÇÃO

1. Somente será admitido na sala de prova o candidato que estiver portando original de um dos seguintes documentos de identificação: Carteiras e/ou Cédulas de Identidade expedidas pelas Secretarias de Segurança Públicas, pelas Forças Armadas, pela Polícia Militar, pelo Ministério das Relações Exteriores;

Cédulas de Identidade fornecidas por Órgãos ou Conselhos de Classe que, por força de Lei Federal valem como documento de identidade, como por exemplo, as da OAB, CREA, CRM, CRC, etc.; Certificado Militar ou Reservista; Carteira de Trabalho e Previdência Social, bem como Carteira Nacional de habilitação (com fotografia, na forma da Lei 9.503/97).

1.1. O documento a ser apresentado pelo candidato deverá estar em perfeitas condições, de forma a permitir, com clareza, sua identificação.

2. O candidato que não apresentar o documento conforme item 1 não fará a prova, sendo considerado ausente e eliminado.

3. Não serão aceitos protocolo, cópia de documentos citados no item 1, ainda que autenticada, ou quaisquer outros documentos não constantes deste Edital, inclusive carteira funcional de ordem pública ou privada.

V – REALIZAÇÃO DA PROVA

1. No ato da realização da prova, o candidato receberá a Folha de Respostas, o Caderno da Prova Dissertativa e o Caderno de Questões.

1.2. O candidato deverá conferir os seus dados pessoais impressos na Folha de Respostas, no Caderno de Prova Dissertativa e no Caderno de Questões, em especial seu nome, número de inscrição e número do documento de identidade.

1.3. O candidato deverá observar atentamente os termos das instruções contidas na capa dos cadernos de prova.

1.4. Em hipótese alguma, haverá substituição da Folha de Respostas ou do Caderno da Prova Dissertativa por erro do candidato.

2. A Folha de Respostas, cujo preenchimento é de responsabilidade do candidato, é o único documento válido para a correção eletrônica e deverá ser entregue, no final da prova, ao fiscal de sala, juntamente com o Caderno de Questões.

2.1. O candidato deverá transcrever as respostas para a Folha de Respostas, com caneta esferográfica de tinta azul ou preta, bem como assinar no campo apropriado.

2.2. O candidato que tenha solicitado à Fundação VUNESP fiscal transcritor deverá indicar os alvéolos a serem preenchidos pelo fiscal designado para tal finalidade.

2.3. Os prejuízos advindos de marcações feitas incorretamente na Folha de Respostas serão de inteira responsabilidade do candidato.

2.4. Não serão computadas questões não assinaladas na Folha de Respostas ou que contenham mais de uma resposta, emenda ou rasura, ainda que legível, mesmo que uma delas esteja correta.

2.5. Não deverá ser feita nenhuma marca fora do campo reservado às respostas ou à assinatura, sob pena de acarretar prejuízo ao desempenho do candidato.

3. A folha de texto definitivo será o único documento válido para a avaliação da Prova Dissertativa. A folha para rascunho será de preenchimento facultativo e não será considerada para a avaliação.

3.1. O texto da Prova Dissertativa deverá ser manuscrito, em letra legível, com caneta esferográfica de tinta azul ou preta, a fim de que, eventualmente o candidato não seja prejudicado na avaliação por parte da Banca Examinadora.

3.2. O Caderno da Prova Dissertativa, cuja produção do texto é de responsabilidade do candidato,  deverá ser entregue integralmente ao final da prova, ao fiscal da sala.

3.3. Não será permitida a interferência e/ou participação de outras pessoas, salvo em caso de Candidato com Deficiência, com impossibilidade de confecção do texto. Nesse caso, o candidato será acompanhado por fiscal da Fundação VUNESP, devidamente treinado, para o qual deve ditar o texto, especificando oralmente a grafia das palavras e os sinais gráficos de pontuação.

3.4. Nenhuma folha de rascunho e/ou texto definitivo da prova dissertativa poderão ser assinadas, rubricadas ou conter, em outro local que não o apropriado, qualquer palavra e/ou marca que identifiquem o candidato, sob pena de anulação da prova.

4. Após o término do prazo previsto para a duração da prova, não será concedido tempo adicional para o candidato continuar respondendo questão ou procedendo à transcrição para a Folha de Respostas ou Caderno de Prova Dissertativa.

5. O gabarito das questões da prova objetiva será publicado no Diário Oficial do Estado no dia 31-07-2012, podendo, também, ser consultado no site www.vunesp.com.br.

5.1. O Caderno de Questões e o Caderno da Prova Dissertativa serão disponibilizados, no endereço eletrônico da Fundação VUNESP, em 30-07-2012.

VI – OUTRAS DISPOSIÇÕES

1. Não será admitido na sala ou no local de provas o candidato que se apresentar após o horário estabelecido para o seu início.

2. Não haverá segunda chamada, seja qual for o motivo alegado para justificar o atraso ou a ausência do candidato, nem aplicação das provas fora do local, sala, turma, data e horário preestabelecidos.

3. A candidata lactante deverá levar um acompanhante, que ficará em local reservado para tal finalidade e será responsável pela guarda da criança.

3.1. No momento da amamentação, a candidata deverá ser acompanhada por uma fiscal.

3.2. Não haverá compensação do tempo de amamentação à duração das provas da candidata.

4. Excetuada a situação prevista no item 3 deste Capítulo,não será permitida a permanência de qualquer acompanhante nas dependências do local de realização das provas, podendo ocasionar inclusive a não participação do(a) candidato(a) no Concurso.

5. Não haverá prorrogação do tempo previsto para a aplicação das provas em virtude de afastamento, por qualquer motivo, de candidato da sala ou local de provas.

6. São de responsabilidade do candidato, inclusive no que diz respeito aos seus dados pessoais, a verificação e a conferência do material entregue pela Fundação VUNESP, para a realização das provas.

7. Durante as provas, não serão permitidas qualquer espécie de consulta ou comunicação entre os candidatos, nem a utilização de livros, códigos, manuais, impressos ou quaisquer anotações, utilização de outro material não fornecido pela Fundação VUNESP. O uso de telefone celular, aparelhos sonoros ou outro tipo se aparelho eletrônico, assim como protetor auricular, boné, gorro, chapéu e óculos de sol não serão permitidos.

8. O telefone celular e outros equipamentos eletrônicos em posse do candidato deverão ser lacrados antes do início da prova, utilizando saco plástico fornecido pela VUNESP, exclusivamente para tal fim.

8.1. No caso do aparelho celular tocar e não estivar dentro do saco lacrado, o candidato será eliminado da avaliação sem direito a reclamação, por qualquer formalidade, considerados nulos todos os atos praticados.

8.2. Os aparelhos eletrônicos deverão permanecer desligados até a saída do candidato do local de realização das Provas.

8.3. A VUNESP e a Secretaria de Estado da Educação não se responsabilizarão por perda de documentos, objetos ou equipamentos eletrônicos no local de realização das provas, nem por danos neles causados.

9. Será eliminado da Avaliação o candidato que:

a) não comparecer à prova, conforme convocação oficial, publicada no D.O, seja qual for o motivo alegado;

b) apresentar-se fora de local, sala, turma, data e/ou do horário estabelecidos no Edital de Convocação;

c) não apresentar o documento de identificação conforme o previsto;

d) ausentar-se, durante o processo, da sala ou do local de provas sem o acompanhamento de um fiscal;

e) estiver durante a aplicação das provas, fazendo uso de calculadora e relógio com calculadora, agenda eletrônica ou similar, aparelhos sonoros, BIP, pager, walkman, gravador e/ou qualquer outro tipo de receptor e emissor de mensagens, bem como fazendo uso ou com o celular ligado;

f) for surpreendido em comunicação com outro candidato ou terceiros, verbalmente ou por escrito, bem como fazendo uso de material não
permitido para a realização das provas;

g) utilizar meios ilícitos para a realização das provas;

h) não devolver ao fiscal qualquer material de aplicação das provas, fornecido pela Fundação VUNESP;

i) perturbar, de qualquer modo, a ordem dos trabalhos;

j) agir com incorreção ou descortesia para com qualquer membro da equipe encarregada da aplicação das provas.

10. Em hipótese alguma haverá vista de prova, seja qual for o motivo alegado.

11. Após a realização da prova, se for constatado, por meio eletrônico, estatístico, visual ou grafológico, ter o candidato utilizado processos ilícitos, sua prova será anulada e ele será automaticamente eliminado do Processo.

12. Os recursos referentes à parte objetiva da Prova, para todos os campos de atuação (Suporte Pedagógico – Supervisor de Ensino, Diretor de Escola, Assistente Diretor de Escola, Professor Educação Básica I, Professor Educação Básica II e Professor II) serão recebidos nos dias 01 e 02-08-2012, somente no site da VUNESP (www.vunesp.com.br).

About these ads

Entry filed under: Artigos. Tags: .

Garantir segurança pública para todos SEE publica convocação para o curso de formação do concurso de PEB II

186 Comentários Add your own

  • 1. Ivanete Candido  |  19/07/2012 às 16:11

    Bebel, também vou fazer o curso de formação, não sei onde será o curso, não consigo cadastrar minha conta corrente. Vocês colocam aqui como respostas para ligar num determinado número que acho que não existe, no gdae não há link para cadastro de conta. Todas as orientação que vocês pedem para que façamos estamos fazendo sem resultados, muitos que vão fazer este curso de formação estão precisando de respostas mais concretas, por favor poste algo com mais certeza aqui no site. Grata.

    Responder
    • 2. apeoesp  |  22/07/2012 às 14:21

      Prezada professora Ivanete,
      Publiquei neste blog comunicado da SEE sobre a prova de mérito com todas as informações.
      Bebel

      Responder
    • 3. Francisco  |  17/10/2012 às 14:45

      Olá a todos, vi pelo GDAE hoje 17/10 o resultado da prova do mérito 2012, não sei se é oficial porém consta como não aprovado pois tirei 1 na parte dissertativa (subjetiva), aguardo para verificar possível recurso, se alguem souber algo mais … ???

      Responder
      • 4. Roberto  |  28/10/2012 às 00:53

        Estou com a mesma dúvida. Quando será o momento dos recursos? Como fazer?

      • 5. apeoesp  |  28/10/2012 às 14:07

        Prezado professor Roberto,
        Você deve ingressar com recurso dirigido à Vunesp. Consulte o site http://www.vunesp.com.br.
        Bebel

      • 6. Jaqueline Cifarelli  |  02/11/2012 às 17:22

        Oi Francisco estou com o mesmo problema, quase impossível essa. Nota 1, afinal subjetiva, vc conseguiu interpor recurso?Só hoje vi o resultado, se conseguir alguma informação poderia postar por favor?grata

  • 7. Luciano do N. Leite  |  19/07/2012 às 17:22

    Como fica a situação dos Professores que injustamente tiveram suas inscrições indeferidas? Não sou sócio da Apeoesp, assim que tive minha inscrição indeferida pedi informações (via email) e não obtive nenhum esclarecimento. Tenho acompanhado o site da Apeoesp também, e até agora não vi nenhum posicionamento do sindicato.

    Responder
    • 8. apeoesp  |  22/07/2012 às 14:08

      Prezado professor Luciano,
      O edital de inscrições para a prova de mérito instruia e dava os prazos para os recursos em relação a indeferimentos. Por favor, busque mais informações pelo teledone 11.33506214.
      Bebel

      Responder
    • 9. viviane Crispim  |  19/10/2012 às 11:13

      desse mal tbm me queixo, impressionante sou sócia da Apeosp e não vejo nenhum posicionamento do Sindicato sobre a Prova de mérito, não passei na parte dissertativa e gostaria de saber o que eu faço.

      Responder
      • 10. apeoesp  |  20/10/2012 às 12:23

        Prezada professora Viviane Crispim,
        Infelizmente, você está muito mal informada sobre as posições do sindicato. Acredito que não lê os boletins da entidade, não lê o site do sindicato, nem mesmo este blog. Somos contra a prova de mérito desde que surgiu, como projeto de lei complementar 29, em 2009. Estivemos em vigília por várias dias na ALESP para que não fosse aprovada. Fizemos reunião do Conselho de Representantes sob o sol escaldante, no estacionamento ao lado da ALESP, porque o então governador Serra proibiu o uso do ginásio de esportes que havíamos agendado. Mesmo com o pé quebrado, em cadeira de rodas, estive o tempo todo coordenando esta luta. Como pode dizer que a entidade não se posiciona?
        Depois nos associamos a outras entidades em ação direta de inconstitucionalidade que tramita no STF. Em todas as nossas campanhas nos posicionamentos contra esta prova. na Conferência Estadual de Educação de 2009 deliberamos contra esta prova e na greve de 2010 (35 dias) este foi um dos pontos centrais. Acredito que você participou, não?
        O sindicato não concorda com esta prova, não orienta os professores a fazê-la (ao contrário), na comissão paritária da carreira está propondo outra forma de promoção (leia o caderno conversando sobre a carreira, disponível no site http://www.apeoesp.org.br) e não podemos nos responsabilizar pela nota que os professores obtem na prova.
        Para saber se cabe recurso sobre a parte dissertativa e como proceder, ligue para 11.33506214 ou procure o departamento jurídico na subsede de sua região.
        Bebel

  • 11. Simone Maria Souza  |  19/07/2012 às 19:31

    Olá Bebel , você sabe para quando será esse aumento?
    grata.

    Responder
    • 12. apeoesp  |  22/07/2012 às 13:34

      Prezada professora Simone,
      Começa a ser pago após a divulgação dos resultados e é retroativo a julho.
      Bebel

      Responder
      • 13. Maria Lúcia dos Reis  |  30/10/2012 às 00:17

        Oi Bebel, , lamento informar mas esse aumento não foi retroativo. Será pago em novembro mas não consta o retroativo. O que devemos fazer?

      • 14. apeoesp  |  31/10/2012 às 11:31

        Prezada professora Maria,
        Vamos nos informar junto à SEE Provavelmente haverá uma folha suplementar para os retroativos.
        Bebel

  • 15. Fabiana  |  24/07/2012 às 17:10

    A prova do mérito é só do nível I para o II? Ou é também do II para o III? Estive doente, não vi as inscrições…

    Responder
    • 16. apeoesp  |  25/07/2012 às 00:34

      Prezada professora Fabiana,
      Ainda não houve tempo para ser cumprido o interstício necessário para a promoção entre as faixas II e III.
      Bebel

      Responder
  • 17. Fernando  |  26/07/2012 às 03:36

    Um professor afastado (licença médica) poderia participar?

    Responder
    • 18. apeoesp  |  28/07/2012 às 13:35

      Prezado professor Fernando,
      Não pode participar.
      Bebel

      Responder
  • 19. Silvio Joaquim Lopes  |  26/07/2012 às 04:43

    Bebel gostaria de saber como ficam os niveis para professores com mestrado e doutorado/ Já saiu o novo plano de carreira contendo as reformulações de cinco para oito níveis?Abraços.Silvio.

    Responder
    • 20. apeoesp  |  28/07/2012 às 13:46

      Prezado professor Silvio,
      Este trabalho está em fase final, discutindo agora as situações dos diretores e supervisores de ensino. Pela que já foi acordado, os professores com mestrado e doutorado permanecem nos níveis IV e V, criando-se outras formas de evolução pela via não acadêmica para que todos possam chegar ao nível VIII.
      Bebel

      Responder
  • 21. deni  |  26/07/2012 às 23:17

    Até quando o professor terá que passar por esta humilhação? este ano me inscrevi e minha inscrição ñ foi confirmada, creio que é porque ñ tive os três anos na mesma escola, como é exigido. É realmente um absurdo tdo isto! O governo tem dinheiro para investir em tanta coisa desnecessária, como cursos e provas para concursados, provas de mérito ( o que isto realmente representa?), e outras coisas mais . Mas ñ tem para investir nos salários dos professores, que está ficando cada vez menores. É triste que um país tão rico, seja tão pobre no que se refere a educação. Que temos que ficar mendigando aumento, e melhores condições de trabalho!

    Responder
  • 22. Sonia Regina Bueno Borges Friggi  |  30/07/2012 às 00:45

    Eu fiz a prova do mérito só que não deu tempo para passar na folha de resposta certa dissertativa.Espero o que eu fiz no rascunho seja considerado.A prova foi extensa,nisso não dei conta de terminar.Se não aceitar será uma grande decepção em minha vida.

    Responder
  • 23. Rosi  |  31/07/2012 às 16:23

    Bebel, sou professora categoria F reprovada, qual é a nota mínima na prova de mérito que preciso para ser incluída na lista dos professores categoria F aprovados?

    Responder
    • 24. apeoesp  |  01/08/2012 às 02:51

      Prezada professora Rosi,
      Nota 6,0, no mínimo.
      Bebel

      Responder
  • 25. Neide  |  01/08/2012 às 00:41

    OLá,sinto informar, mas estava escrito que não seria considerada a redação que estava na parte do rascunho.
    bjs

    Responder
  • 26. Vera  |  01/08/2012 às 01:34

    Querida Bebel,

    Sou efetiva em dois cargos e realizei a prova de mérito em 2009. Na época obtive média 6,7 e consegui a promoção em um dos cargos e no meu segundo cargo veio uma mensagem´(Portal Gdae) dizendo que na próxima prova eu poderia optar pela média maior, ou seja, devo ter caído no tal sorteio, pois obtive promoção em um e no outro não ( sendo a mesma prova para ambos)! Bem, realizei a prova no último dia 27/07 e acertei 25 questões (será que deveria ter acertado, no mínimo 50% ?), caso não obtenha a média exigida, como devo proceder? Não tenho mais essa mensagem. E, caso consiga, a promoção será de 10 ou 25% nesse cargo em que não obtive minha promoção? Procede a tal mensagem que iriam considerar a média mais alta?
    Grata
    bjs

    Responder
    • 27. apeoesp  |  01/08/2012 às 02:18

      Prezada professora Vera,
      No nosso entendimento, você tem direito a usar a nota maior. Procure o departamento jurídico na sua subsede ou ligue para 11.33506214.
      Bebel

      Responder
  • 28. Sônia  |  01/08/2012 às 14:23

    Bebel, desejo saber o que esta sendo feito pela apeoesp em relação aos critérios injustos da promoção por mérito. Agora é necessário que o professor aguarde 9 anos para atingir o mesmo aumento (25%), que os professores que foram promovidos por mérito nos anos de 2010 e 2011? Quais os critérios atuais? Já liguei para o juridico e a Manoela me informou que não há nenhuma providência, ou recurso, ou contrariedade para a prova do mérito. Se o professor passar no concurso em questão, cujo a bibliografia é mesma, porque receverá somente 10,5%? Ele terá menos responsabilidades? Será menos cobrado, ou esta em um nível abaixo do demais? Por favor me esclareça.

    Responder
    • 29. apeoesp  |  02/08/2012 às 02:40

      Prezada professora Sônias,
      Não há o que fazer. A lei foi votada pela ALESP e não é inconstitucional. O reajuste de 25% estava vinculado ao limite de 20% dos professores para receber o benefício. Agora, todos os que obtiverem a nota, recebem os 10,5%. Somos contra a prova de mérito e temos ação direta de inconstitucionalidade no STF, juntamente com outras entidades.
      Bebel

      Responder
    • 30. meg  |  17/10/2012 às 13:55

      nossa,,,,,,, Sonia,,,,,,,, vc foi perfeita com as palavras,,,,,
      essas “manobras” só fazem nos deixar ainda mais descrentes do nosso papel e todo o nosso esforço que é infinito! Uma lástima fazer parte de um grupo de profissionais que nao sao considerados,,,na sociedade,,,é isso aí, vamos engolir mais essa,,,

      Responder
  • 31. edna  |  01/08/2012 às 17:01

    Bebel
    Boa tarde
    Bebel , no dia 30/07/12 foi publicado um,a portaria do GGRH nº 3 no qual fala do processo simplificado para o ano de 2013.
    Informa a data da inscrição para os efetivos, no periodo de 24/09a26/10/12e também para os docentes de Categoria “P”, “N” e”F” de 01/08 a 19/09/12, Bem e a Categoria “O”

    Responder
    • 32. apeoesp  |  02/08/2012 às 02:41

      Prezada professora Edna,
      Muito obrigada pela informação. Publicarei esta portaria aqui no blog.
      Bebel

      Responder
  • 33. sandra  |  01/08/2012 às 17:49

    Boa tarde BEBEL. minha pergunta é a seguinte: quando sairá o resultado final da prova de mérito, quem passar já recebe ainda este. OBRIGADA

    Responder
    • 34. apeoesp  |  02/08/2012 às 02:42

      Prezada professora Sandra,
      Ainda não tenho esta informação. O reajuste tem validade a partir de 1º de julho.
      Bebel

      Responder
  • 35. Maria N  |  02/08/2012 às 01:11

    Querida Bebel, por favor, quem obteve média 6 na promoção do mérito no ano de 2010 e não pode fazer a prova em 2011,pois não tinha os requisitos necessários, essa nota poderá ser usada este ano de 2012. Beijos!

    Responder
    • 36. apeoesp  |  07/08/2012 às 19:20

      Prezada professora Maria N,
      No nosso entendimento, sim.Ligue para 11.33506214.
      Bebel

      Responder
  • 37. Rubens  |  02/08/2012 às 20:59

    Bebel, fiquei muito pasmo com o nível da prova de portugues e de matematica pois, era impossivel pelo tempo você realizar a prova e mais a dissertativa. Parece que a cada ano eles beneficiam uma matéria para ser sacrificada. A prova de Eduacação Física nossa muito facil mesmo até eu que não sou da a´rea conseguiria responder. Mas solicito um exclarecimento seu a respeito da prova dissertativa: Foi pedido o caderno do gestor volume dois e nós somos professores. Como podem pedir uma análise fugindo dessa maneira? Quanto as perguntas, falam tanto do caderno do aluno, cursos, etc. e na hora de mostrar a realidade vivida pelo professor com relação ao caderno, fazem outra coisa? Como há incoerencia nisso tudo. Solicito então um parecer seu como será feita a correção ou seja os critérios da PROVA DISSERTATIVA por favor me responda.
    Um abraço

    Responder
    • 38. apeoesp  |  07/08/2012 às 18:56

      Prezado professor Rubens,
      As incoerências do processo de promoção baseado em prova estão na própria origem. As demais incongruências estão nos desdobramentos de um processo que é feito para prejudicar alguns ou, dito de outra forma, beneficiar alguns, em detrimento dos demais. Por isso, a utilização de “pegadinhas”, perguntas descontextualizadas ou em desacordo com as funções de cada profissional do magistério, como no caso que você aponta.
      Na comissão paritária de gestão da carreira estamos discutindo novos mecanismos para a promoção, para que a prova deixe de ser o único meio e, na sequencia, discutiremos a própria prova de mérito. Neste processo, lutaremos que para ela deixe de existir com esta finalidade.
      Bebel

      Responder
  • 39. carlos  |  03/08/2012 às 00:26

    Boa Noite:

    tirei uma nota 6,5 em 2010 e não evolui,este ano provavelmente minha nota será menor,posso trazer a nota de 2010??
    obrigado

    Responder
    • 40. apeoesp  |  07/08/2012 às 16:12

      Prezado professor Carlos,
      Pelo nosso entendimento, sim. Procure o departamento jurídico para melhor orientação. 11.33506214.
      Bebel

      Responder
  • 41. Roberta Xavier  |  03/08/2012 às 16:10

    Olá, professora Bebel!
    Gostaria de saber se após o curso de formação os professores da CEI que escolheram as vagas remanescentes da Grande São Paulo terão nova oportunidade de escolha, tendo em vista que muitos professores não assumirão o cargo, ou seja, gostaria de saber se teremos que assumir em cidades tão distantes, mesmo sabendo que haverá vagas disponíveis na região pela qual nos inscrevemos inicialmente.
    Obrigada pela atenção e parabéns pelo trabalho!

    Responder
    • 42. apeoesp  |  07/08/2012 às 15:33

      Prezada professora Roberta,
      Esta é uma “briga” que temos com a SEE desde o ano passado. Eles se recusam a permitir isto, dizendo que isto seria remoção, o que não é permitido em estágio probatório. Caberá ação judicial.
      Bebel

      Responder
  • 43. márcia elaine alves custodio  |  03/08/2012 às 20:26

    Gostaria de saber quando sai a nota das dissertativas de 2012, e a nota final?

    Prof. Márcia

    Responder
    • 44. apeoesp  |  07/08/2012 às 15:20

      Prezada professora Márcia,
      Ainda não tenho esta informação.
      Bebel

      Responder
  • 45. marcia  |  05/08/2012 às 21:49

    Olá, a prova de mérito só é realizada para a categoria F e os efetivos, por exemplo, aqueles que possuem muitos anos de estado e por ventura e coagidos estão na categoria O, não tem o mesmo direito, por que não terminam com a prova para qualquer circunstância?, pois assim não haveria discriminação entre os professores…..

    Responder
    • 46. apeoesp  |  07/08/2012 às 14:40

      Prezada professora Márcia,
      Temos discutido este assunto na comissão paritária da carreira, mas a discussão só avançará para mudanças na lei na próxima etapa do trabalho, no decorrer do segundo semestre.
      Bebel

      Responder
  • 47. silmara  |  16/08/2012 às 18:49

    Podem me informar quando sai o resultado da dissertativa da prova do mérito 2012?

    Responder
    • 48. apeoesp  |  18/08/2012 às 15:31

      Prezada professora Silmara,
      Ainda não temos esta informação.
      Bebel

      Responder
  • 49. sandra borges daher  |  17/08/2012 às 17:44

    Fui informada que neste ano todos receberão apenas 10,5% de reajuste caso obtenham nota 6,0 e, mesmo os que estiverem entre os melhores , entre os 20%, terão também só os !0,5%. Isso procede?

    Responder
    • 50. apeoesp  |  18/08/2012 às 15:06

      Prezada professora Sandra,
      A promoção “por mérito” foi alterada pela lei complementar 1143/2011. Não há mais o limite de 20% e o reajuste é 10,5% para todos os que obtiverem a nota mínima.
      Bebel

      Responder
  • 51. Rose  |  05/09/2012 às 12:31

    Bebel em 2010 fiz a prova do mérito, mas não tinha os requisitos, acertei 70% da Prova objetiva e tive a nota 8,3 na redação. Só que não saiu o resultado final por conta de não ter os requisitos. Efetivei em 2009 em outra Diretoria, não tinha como ter mesmo os requisitos solicitados. Não poderei ter o aproveitamento da nota, pois nesta última não fui nada bem. Agradeço a atenção.

    Responder
    • 52. apeoesp  |  05/09/2012 às 14:38

      Prezada professora Rose,
      No nosso entendimento, sim. Informe-se melhor pelo telefone 11.33506214.
      Bebel

      Responder
  • 53. Prof Doralice  |  11/09/2012 às 20:57

    Bebel a prova foi tão rápida, porque a demora para sair o resultado?

    Responder
    • 54. apeoesp  |  12/09/2012 às 03:05

      Prezada professora Doralice,
      Amanhã vamos questionar o secretário da educação sobre este ponto.
      Bebel

      Responder
  • 55. maria  |  13/09/2012 às 12:17

    Bebel em 2010 fiz a prova,fui classificada, mas não entrei nos 20%,sera que vou poder usar a nota de 2010?

    Responder
    • 56. apeoesp  |  13/09/2012 às 14:30

      Prezada professora Maria,
      No nosso entendimento, sim. Para melhor orientação, ligue para 11.33506214.
      Rocha

      Responder
  • 57. Rose  |  17/09/2012 às 02:45

    Bebel, os professores que conseguirem atingir a nota necessaria para a promoção terão
    um aumento de 10% enquanto os que conseguiram em anos anteriores tiveram 25%, essa diferença permanecerá até o final de nossas carreiras? È isso que eu entendo, daqui pra frente teremos dois grupos salariais.
    Existe alguma forma para corrigir esse erro?

    Responder
    • 58. apeoesp  |  18/09/2012 às 02:39

      Prezada professora Rosa,
      Sim, mas não se trata propriamente de um erro, mas de uma ação intencional. O governo fez essa mudança por meio da lei complementar 1143/2011, que também eliminou a barreira de 20% do total de professores para o reajuste.
      Estamos rediscutindo a carreira, mas a possibilidade de este reajuste voltar a ser de 25% é virtualmente nula.
      Bebel

      Responder
    • 59. meg  |  03/10/2012 às 13:55

      ACHO QUE NAO PODERIAM MUDAR AS REGRAS DO JOGO NO MEIO DO JOGO,,,EU REALIZEI A PROVA ESTE ANO 2012,,,QUE ALIAS , ESTAMOS EM OUTUBRO E NADA DE RESULTADOS,,,POIS BEM,,,SÓ FOI POSSIVEL QUE EU FIZESSE ESTE ANO DEVIDO AOS,CRITERIOS,(,TEMPO NA U.E)
      EU QUERO MUITO SABER,,,QUAL MOTIVO ME LEVA A NAO TER A MESMA PORCENTAGEM DE AUMENTO? PQ QUEREM ATENDER MAIS PESSOAS???UMA BARGANHA??? QUE RIDICULO,,,PREFIRO NAO CONSEGUIR ,,,ME PREPARAR MELHOR NA PROXIMA,A TER QUE PARTICIPAR DISSO!!!,ME SINTO PREJUDICADA,,,,,,,CONSIDERANDO , INCLUSIVE PELA PROVA ESTE ANO TER SIDO MUITO MAIS DIFICIL,,,??????O QUE PODEMOS FAZER ?? NADA?? SOU PROFESSORA DA MESMA FORMA QUE OS DEMAIS,!!!

      Responder
      • 60. apeoesp  |  03/10/2012 às 19:57

        Prezada professora Meg,
        Você está coberta de razão em suas reclamações sobre a SEE. A APEOESP não teve e não tem qualquer participação nessas decisões. Este governo não nos ouve e não segue praticamente nenhuma de nossas solicitações.
        Tanto a lei que criou a prova de mérito quanto aquela que a modificou forma iniciativas exclusivas do governo.
        A posição da APEOESP é clara desde o início: não concordamos com a prova de mérito nem com os critérios restritivos que a envolvem.
        Bebel

  • 61. Amarildo  |  18/09/2012 às 20:55

    Fiz a prova do mérito em 2010, porém não estava entre os 20% escolhidos. Em 2011 não consegui fazer a inscrição ( não sei porque!!!).
    Agora em 2012 pude fazer a inscrição mas não apareceu a nota de 2010, será que eles irão considerar esta nota caso seja maior que a deste ano?

    Responder
    • 62. apeoesp  |  19/09/2012 às 13:17

      Prezado professor Amarildo,
      No nosso entendimento, você pode reivindicar isto. Por favor, entre em contato com o telefone 11.33506214.
      Bebel

      Responder
    • 63. MARIA APARECIDA  |  17/10/2012 às 00:45

      BEBEL, GOSTARIA QUE VOCE ESCLARECESSE A RESPEITO DA PORCENTAGEM DE AUMENTO PARA ESTE ANO DE 2012 REFERENTE À PROVA POR MÉRITO PARA AQUELE PROFESSOR APROVADO. È VERDADE QUE SERÁ SOMENTE DEZ POR CENTO? POR QUE ESSA DIFERENCIAÇÃO DE AUMENTO EM RELAÇÃO AOS OUTROS ANOS ANTERIORES, NÃO DEVERIA EQUIPAR ESTA PORCENTAGEM, PARA QUE TODOS OS PROFESSORES OBTIVESSEM A MESMA? POIS TAMBÉM SERIA MAIS JUSTO.
      16 / 10 / 2012

      Responder
      • 64. apeoesp  |  20/10/2012 às 13:23

        Prezada professora Maria Aparecida,
        Uma nova lei foi aprovada em 2011 (LC 1143/2011), alterando o percentual de aumento e eliminando a barreira dos 20%. Todos os que forema aprovados recebem o reajuste. O índice de 25% não existe mais.
        Bebel

  • 65. Marta Pinheiro  |  20/09/2012 às 00:57

    Quando teremos o resultado e o pagamento da prova mérito 2012.

    Responder
    • 66. apeoesp  |  23/09/2012 às 11:58

      Prezada professora Marta,
      A SEE alega grande volume e complexidade para correção das provas e tabulação dos resultados. Estamos cobrando. O pagamento será retroativo à data legal (julho).
      Bebel

      Responder
  • 67. Olga Lavina Barros de Sousa Moura  |  21/09/2012 às 23:51

    Bebel,
    Lendo as dúvidas das pessoas que estão te pedindo ajuda para esclarece-las, vejo que você também demonstra insegurança pra gente.Pois você sempre responde que ao nosso entendimento sim.
    Aqui vai a minha pergunta, fiz a prova de promoção por mérito em 2010 e obtive a média de 6,5 e não fui contemplada com o aumento por não está dentro dos critérios. Em 2011 não pude fazer por motivos de não ter os requesitos. Agora em 2012 eu fiz a prova e percebi que não fui muito bem na mesma, será que vou poder usar a média do ano de 2010 ?

    Responder
    • 68. apeoesp  |  23/09/2012 às 11:41

      Prezada professora Olga,
      Em primeiro lugar, este espaço não foi pensado originalmente para responder sobre dúvidas funcionais e sobre legislação e sim para noticiar as ações do sindicato, propor debates educacionais e trocar ideias sobre atuação do nosso sindicato.
      Como tempo, os professores e professoras verificaram que pode ser um espaço também para esclarecimentos de dúvidas. Todas as dúvidas que tenho condição de esclarecer são respondidas; as demais são encaminhadas, seja para o departamento jurídico, seja para as subsedes, seja para os órgãos do governo. A APEOESP dispõe do Call center (fone 11.33506214), e os professores e professoras são orientados a ligar para lá.
      Sou professora como todos vocês e minha função de presidenta do Sindicato não me faz sabedora de todas as questões. Mas nunca deixo de dar um encaminhamento.
      Quanto à sua dúvida, há uma regra explicita de que a nota da prova de mérito pode ser usada, no caso dos OFAs (categoria F), para substituir a nota de classificação para a atribuição de aulas. Em 2011 pode ser usada a nota de 2010. Agora, não há menção explicita sobre isto. É preciso, portanto, que você consulte quem tem condições de responder a essa questão do ponto de vista jurídico, ligando para o Call center (11.33506214).
      Bebel

      Responder
  • 69. Mariana Moraes  |  25/09/2012 às 18:59

    Bebel, não existe nem uma previsão para esse pagamento??? em meses, dias… nada esta escrito?? nós professores ficamos angustiados com a demora sem esclarecimento… desde ja agradeço

    Responder
    • 70. apeoesp  |  26/09/2012 às 12:23

      Prezada professora Mariana,
      Estamos em busca desta informação. Quando a obtivermos, a publicaremos imediatamente.
      Bebel

      Responder
  • 71. maria lucia simao  |  25/09/2012 às 20:45

    Gostaria de saber se ja tem data para a divulgação da nota da prova dissertativa.
    obrigada

    Responder
    • 72. apeoesp  |  26/09/2012 às 12:22

      Prezada professora Maria Lúcia,
      Estamos cobrando, mas a informação é que estão ainda em fase de correção e tabulação dos resultados. O reajuste é retroativo a julho.
      Bebel

      Responder
  • 73. ERIVAN SOBRAL ALVES AMARAL  |  29/09/2012 às 13:25

    estamos no final de setembro qd sai a nota final da prova merito 2012

    Responder
    • 74. apeoesp  |  29/09/2012 às 13:59

      Prezado professor Erivan,
      Temos cobrado da SEE. Alegam o grande número de provas e compatibilização dos dados para a nota final. Pode ser em 10 ou 15 dias.
      Bebel

      Responder
  • 75. Rose Laine da Cunha Franchi  |  02/10/2012 às 01:32

    Bebel em 2010 fiz a prova fui bem acertei mais de 70% da prova e na dissertativa 8,3, mas não saiu a minha nota final, pois não tinha os requisitos. Agora fiz a prova e não fui bem, poderia recorrer para utilizar a primeira nota?

    Responder
    • 76. apeoesp  |  03/10/2012 às 20:45

      Prezada professora Rose,
      No nosso entendimento, sim, embora a regra atual não seja transparente neste sentido. Por favor, ligue para 11.33506214 e informe-se como proceder.
      Bebel

      Responder
      • 77. Elisangela Rodrigues da Coll  |  08/10/2012 às 14:44

        Meu caso é parecido com o da colega Rose, tirei 9 na redação e 76,67% da objetiva em 2010. Mas não sei se minhas notas de 2010 serão aceitas como havia sido publicado na época, tbm liguei no nº que foi passado acima mas ninguém atende, será que existe outro número para esse tipo de atendimento?
        Atenciosamente Elisangela Rodrigues da Coll

      • 78. apeoesp  |  12/10/2012 às 14:24

        Prezada professora Elisangela,
        A informação que temos é que a nota anterior não mais poderá ser aproveitada.
        Bebel

  • 79. MARIA TEREZINHA  |  04/10/2012 às 13:35

    BEBEL,QUANDO TEREMOS A RESPOSTA PARA NÃO DESCONTAR LICENÇAS PARA APOSENTADORIA?
    OBRIGADA.
    SANDRA MARA

    Responder
    • 80. apeoesp  |  06/10/2012 às 16:31

      Prezada professora Maria Terezinha,
      Estamos com ação judicial em tramitação. Estamos também pressionando o governo por uma reunião com a Procuradoria Geral do Estado.
      Bebel

      Responder
  • 81. irma oliveira  |  09/10/2012 às 13:50

    Gostaria de saber se ja saiu a nota da prova de merito. Se veio alguma coisa neste pagamento de outubro?

    Responder
    • 82. apeoesp  |  12/10/2012 às 14:17

      Prezada professora Irma,
      A informação que temos é que sairá após as eleições. O pagamento é retroativo a julho.
      Bebel

      Responder
  • 83. Edilene Souza de Moraes  |  09/10/2012 às 17:05

    Bebel, quando deverá sair o resultado final da Prova Mérito 2012?Já está passando os 15 dias e até agora nada.
    Obrigada.
    Profª Edilene

    Responder
    • 84. apeoesp  |  12/10/2012 às 13:54

      Prezada professora Edilene,
      A expectativa é que sejam divulgadas após as eleições, mas o pagamento é retroativo a julho.
      Bebel

      Responder
  • 85. Rosa Maria Pinto Martins da Sul 3  |  09/10/2012 às 23:50

    Bebel
    Em 2010, tirei 6,65 e 2011 fui impedida, porém fui mal nesta prova de 2012 e liguei para o tel11 33506214 Apeoesp e me disseram que não existe entrar em recurso ou proceder com algo, ou seja para esquecer a nota de 2010. Como se justifica a própria apeoesp dizer isso para mim e você entar com uma ação ou coisa parecida. Estão se desintedendo, pior que o governo.

    Responder
    • 86. apeoesp  |  12/10/2012 às 13:34

      Prezada professora Rosa,
      Quando encaminho os professores para ligarem para o telefone 11.33506214 é para que tenham informação e orientação jurídica.
      Muitas vezes nossa posição política ou nosso desejo de lutar pelas nossas reivindicações esbarra em impossíbilidade jurídica, por não haver legislação que ampare esse nosso desejo.
      Só pode ser reivindicada a nota de 2010 para substituir a nota atual se houver resolução ou lei que preveja isto, mas, ao contrário do que ocorreu com as primeiras edições da prova de mérito, esta possibilidade não existe mais. Existe apenas a possibilidade de que a nota do mérito substituia a nota da prova do OFA.
      Bebel

      Responder
  • 87. Maria Tereza Ferreira de Almeida Soares  |  11/10/2012 às 00:56

    saber lista de aprovados na prova de merito 2012

    Responder
    • 88. apeoesp  |  11/10/2012 às 09:43

      Prezada professora Maria Tereza,
      Pelo que apuramos, somente no início de novembro. O pagamento é retroativo a julho.
      Bebel

      Responder
  • 89. Sônia Maria Scudeler do Nascimento  |  12/10/2012 às 01:23

    70. Sônia Maria Scudeler do Nascimento l 11/10/2012
    Fiz a prova de mérito 2012,mas minha aposentadoria foi publicada dia 14/07/ 2012. Se eu tirar a nota necessária, terei direito no aumento?

    Responder
    • 90. apeoesp  |  12/10/2012 às 12:59

      Prezada professora Sonia,
      Acredito que não, mas você precisa de uma resposta mais completa. Por favor, ligue para 11.33506214.
      Bebel

      Responder
  • 91. Silzana  |  13/10/2012 às 01:23

    Bebel entrei para o estado em 2003 e com estas questões de cat era ,L, e agora O entei com o proc. de manut. de categoria e até agora nada quuando vejo as colegas que estavam na mesma situação que eu na F amparada pela lei não entendo…por favor esclareça há alguma chance de reverter essa bagunça… desculpe o desabafo. Aguardo resposta.

    Responder
    • 92. apeoesp  |  13/10/2012 às 04:41

      Prezada professora Silzana,
      O critério que o governo usou para determinar que professor seria da categoria F foi o de estar em efetivo exercício no dia 2 de junho de 2007, quando entrou em vigor a lei 1010/2007.
      A APEOESP ingressou e continua ingressando na justiça para reverter a situação daqueles que, por não estarem em efetivo exercídio naquela data, ficaram como categoria L, agora O.
      Nem sempre a justiça caminha no ritmo que desejamos ou decide a nosso favor, mas é o único caminho possível.
      Bebel

      Responder
  • 93. Prof Doralice  |  13/10/2012 às 13:40

    Bebel, pago a Apeoesp há vinte e três anos e ultimamente me questiono se está valendo a pena continuar pagando, pois sinto que às vezes estamos sem assistência junto ao governo. Parece que o nosso sindicato não tem mais força nenhuma junto ao governo . E se isto for verdade não justifica continuaramos pagando um sindicato que não nos esclarece nada. Este é o meu sentimento em relação a vocês , será que estou ERRADA?

    Responder
    • 94. apeoesp  |  20/10/2012 às 14:34

      Prezada professora Doralice,
      A força do nosso sindicato é proporcional à disposição da nossa categoria de ir à luta pelos seus direitos. Não basta pagar a entidade, como se paga a um prestador de serviços. Sem a mobilização dos professores, o sindicato não conquista. Precisamos de assembleias e mobilizações maiores e mais união. Mais discussões nas escolas e engajamento de todos. Do contrário, apenas pagar e esperar resultados, não produziremos os resultados que todos desejamos.
      Bebel

      Responder
  • 95. Mariana Moraes  |  16/10/2012 às 16:40

    Bebel, será que ainda não há novidades em relação a prova de mérito 2012?? Fizemos a prova no final de Julho, antes do retorno as aulas; o 4º Bimestre ja começou e nós, professores não temos nem uma previsão para que sai o resultado da prova!! Se possível agradeceria se pudesse repassar-nos alguma informação!!

    Responder
    • 96. apeoesp  |  20/10/2012 às 13:25

      Prezada professora Mariana,
      O resultado já foi publicado. Dia 18/10 no DOE.
      Bebel

      Responder
  • 97. Francisco  |  17/10/2012 às 14:52

    Olá a todos, vi pelo GDAE hoje 17/10 o resultado da prova do mérito 2012, não sei se é oficial porém consta como não aprovado pois tirei 1 na parte dissertativa (subjetiva) absurdo, aguardo para verificar possível recurso, se alguem souber algo mais … ???

    Responder
  • 98. Maria Eliane  |  17/10/2012 às 15:27

    Bebel gostaria de saber se cabe recurso na prova dissertativa.Tenho 47 acertos na objetiva, ficando com média 7,83 e fiquei com 3 na dissertativa, média final: 5,42 mas me lembro de ter contemplado tudo o que eles pediam na questão dissertativa.O que faço? Grata.

    Responder
    • 99. apeoesp  |  20/10/2012 às 13:09

      Prezada professora Maria,
      Não está previsto recurso. Você deve tentar a via judicial. Procure o departamento jurídico na sua subsede.
      Bebel

      Responder
  • 100. Maria de Fátima Nunes  |  17/10/2012 às 18:24

    Boa tarde. Fiz a prova de mérito e minha aposentadoria foi publicada em 01/07, se eu passar terei direito ao aumento?
    Se for afirmativo poderei usar a nota de 2010 já que em 2011 fui impedida de realizar a prova?

    Responder
    • 101. apeoesp  |  20/10/2012 às 13:04

      Prezada professora Maria de Fátima,
      O reajuste é retroativo a julho, portanto incide sobre seus vencimentos.
      Não poderá usar a nota de 2010.
      Bebel

      Responder
  • 102. ana lucia oliveira  |  17/10/2012 às 20:26

    O resultado da prova de merito saiu!!!!

    Responder
  • 103. elaine  |  18/10/2012 às 01:53

    Quando será a prova dos temporários 2012? Quanta injustiça, só 10.5% de aumento para os aprovados na prova de promoção!

    Responder
    • 104. apeoesp  |  20/10/2012 às 12:59

      Prezada professora Elaine,
      Segundo informações da SEE, deve ocorrer em meados de novembro.
      Bebel

      Responder
  • 105. Magali Hungria Magalhães  |  18/10/2012 às 02:22

    Olá! Finalmente pude fazer a Prova do Mérito em 2012, Geografia e das 60 questões objetivas acertei 42, e qual foi a minha surpresa a nota da prova dissertativa foi 4!!! Pensei que tinha ido bem na prova dissertativa, e não há publicação das respostas da prova dissertativa, penso que minha prova foi corrigida “de encomenda” para eu não passar! Portanto, gostaria de entrar com recurso, porém não consegui achar nada sobre recurso da prova dissertativa, apenas para a prova objetiva… Não posso entrar com uma ação via sindicato?
    Obrigada.
    Magali

    Responder
    • 106. apeoesp  |  20/10/2012 às 12:58

      Prezada professora Magali,
      Não há recurso quanto à prova dissertativa. Você precisa utilizar a via judicial. Procure o departamento jurídico. Ligue para 11.33506214.
      Bebel

      Responder
    • 107. Roberto  |  01/11/2012 às 13:48

      Olá caros colegas!

      Magali, a minha situação é parecida com a sua: acertei 46 das questões objetivas e tire 4 na dissertativa, média 5,84. Já busquei em tudo que é lugar, para ver se há algo referente à recursos, e nada.
      A Secretaria de “Educação” – SP em momento algum, que eu saiba, noticiou no seu site esse resultado, ou seja, é uma forma de não se entrar com recurso, se é que existe esse direito. É uma palhaçada. É tanto estresse para nada, em busca de 10,5%, e ainda uma correção, que pode ser proposital.

      Estou praticamente convencido (99,999%) que não passarei mas por essa humilhação. Que esse governinho pegue esse aumento é ……
      Abraços.

      Responder
  • 108. Gislaine  |  18/10/2012 às 19:21

    Boa Tarde Bebel, fiz a prova de mérito desse ano, mas não atingi a média, gostaria de utilizar minha nota anterior, saberia me dizer como proceder.

    Obrigada!
    Gislaine

    Responder
    • 109. apeoesp  |  20/10/2012 às 12:41

      Prezada professora Gislaine,
      Nós defendemos que sim, mas as regras não prevêem isto. Procure o departamento jurídico para verificar o que pode ser feito. Ligue para 11.33506214.
      Bebel

      Responder
  • 110. Kátia maria de almeida  |  18/10/2012 às 23:00

    Boa noite…
    Gostaria de saber se tenho alguma chance de entrar com recurso no resultado da prova de mérito. Tirei 4,84 na alternativa e 7,0 na dissertativa. Resultado 5.84. Para 6,0 foltaram 0,16. Tenho alguma chance?
    Obrigada.
    Profª Kátia.

    Responder
    • 111. apeoesp  |  20/10/2012 às 12:39

      Prezada professora Kátia,
      Procure orientação junto ao departamento jurídico. Por favor, ligue para 11.33506214.
      Bebel

      Responder
  • 112. AMARILDO  |  19/10/2012 às 11:52

    Mais uma vez o governo me pune com uma prova de mérito em um dos cargos que tenho pois Infelismente não consegui tirar a nota adequada na dissertativa deste ano – é muito estranho já que todos que conheço tiraram a mesma nota 5,0 – e por isso não fui promovido. O interessante, no meu caso, é que já fui promovido no cargo mais novo e no cargo mais antigo não sou considerado um professor do mesmo nível, pelos governantes.
    Gostaria de saber se realmente há a possibilidade de ganho de causa se eu entrar com processo para que a minha nota final anterior que era de 6,5 seja válida, e o governo simplesmente ignorou este fato através de um decreto criado após a prova de 2010

    Responder
    • 113. apeoesp  |  20/10/2012 às 12:15

      Prezado professor Amarildo,
      Não temos como dar garantias do resultado do processo judicial,pois depende da decisão de um juiz ou juíza, de sua orientação, da forma como julga etc. Mas vale a pena tentar. Procure o departamento jurídico na subsede ou ligue para 11.33506214 para receber orientações.
      Bebel

      Responder
  • 114. vania maria  |  19/10/2012 às 14:24

    Como faço para entrar com recurso na revisão da prova dissertativa? Não concordo com a nota. Para mim o critério é bem subjetivo.

    Responder
    • 115. apeoesp  |  20/10/2012 às 12:12

      Prezada professora Vania Maria,
      Por favor, verifique junto ao departamento jurídico se é possível recurso quanto á parte dissertativa e como proceder. Telefone 11.33506214.
      Bebel

      Responder
  • 116. maria  |  19/10/2012 às 14:44

    Bebel,você sabe quando vai sair o resultado da prova do merito?

    Responder
    • 117. apeoesp  |  20/10/2012 às 12:01

      Prezada professora Maria,
      Saiu no dia 18. O reajuste é retroativo a julho.
      Bebel

      Responder
  • 118. vania moraes lima  |  19/10/2012 às 21:26

    Gostaria de informar que uma grande de professores fizeram a prova de mérito e na dissertativa que obviamente não cabe recurso o resultado foi 0,1,2 .Pelo que entendi vamos ter que “engolir” o resultado calados.

    Responder
  • 119. Leni  |  20/10/2012 às 00:15

    Olá Bebel, boa noite fiz a prova pela primeira vez e tirei 5,67, a nota de corte foi de 6,0 cabe recurso ? revisão ? para uma prova difícil e em tão pouco tempo….como faço ?

    Responder
    • 120. apeoesp  |  20/10/2012 às 11:48

      Prezada professora Leni,
      Acredito que você possa pedir a revisão, não para questionar a nota de corte, estabelecida legalmente, mas para verificar erros de correção que possam fazê-la alcançara a nota. Para mais orientações e para ter certeza de que o recurso é possível, ligue 11.33506214.
      Bebel

      Responder
      • 121. Daniel Amolin Pinheiro  |  23/10/2012 às 22:54

        Olá, Bebel! Tudo bem? Por favor, como faço para pedir vista da prova dissertativa do mérito? Obrigado! Um abraço! Prof. Daniel

      • 122. apeoesp  |  25/10/2012 às 12:54

        Prezado professor Daniel,
        Você deve requerer à VUNESP, por escrito, exigindo resposta também por escrito.
        Bebel

  • 123. maria  |  20/10/2012 às 13:57

    Bebel fiz a prova em 2012 e não consegui atingir a nota,so que em 2010 ,fiz a prova, fui classificada ,nos 20% fiquei de fora.Gostaria de saber se vou poder usar essa nota,se não como faço para recorrer ,para que eu possa usar a nota.

    Responder
    • 124. apeoesp  |  23/10/2012 às 14:25

      Prezada profesora Maria,
      Não é possível usar a nota. Para mais informações, ligue: 11.33506214.
      Bebel

      Responder
  • 125. Magali de Cássia Merenda  |  21/10/2012 às 03:34

    Cara Bebel

    O meu caso é o mesmo que os demais. Acertei 37 na objetiva, porém a minha nota na dissertativa foi 4.Achei muito estranho,pois sei o que escrevi.Mas como não temos acesso aos critérios ficamos imobilizados. Vou ligar para a sub sede de Mogi,para verificar como fazer algo pela via judicial. Bebel. pelo que pude ver em seu blog e em casos de professores conhecidos, são muitos os que estão com o mesmo problema, O sindicato não poderia fazer algo em prol destes filiados? Solicitando talvez uma revisão destas dissertativas? Ou pelo menos “colocar a boca no trombone”, mesmo que não consigamos reverter esse quadro, porém mostraria ao governo e ao público em geral, as verdadeiras tramoias que acontecem nesses processos,. Um abraço. Prof Magali

    Responder
    • 126. apeoesp  |  21/10/2012 às 04:04

      Prezada professora Magali,
      Vou avaliar o assunto com a diretoria e com o jurídico. Havendo base para agir, certamente o faremos.
      Bebel

      Responder
  • 127. Cristiane Oliveira Veronez Gomes  |  22/10/2012 às 00:18

    Cara Bebel,
    Meu irmão fez a prova em 2010 e tirou 9,5 mas não teve requisitos e este ano sua média foi 5,59 não dando o 6,0 esperado. O que ele deve fazer?

    Responder
    • 128. apeoesp  |  23/10/2012 às 14:10

      Prezada professora Cristiane,
      Pode requerer revisão da prova para verificar se há possibilidade de elevar a nota.
      Bebel

      Responder
  • 129. João  |  22/10/2012 às 14:59

    Prezada Professora

    Tirei 5,85 na objetiva, porém me deram zero na dissertativa, juro que não entendi nada, pois escrevi o suficiente, o que faço agora?

    João

    Responder
    • 130. apeoesp  |  23/10/2012 às 13:39

      Prezado professor João,
      É realmente muito estranho. Você pode pedir vistas da prova. Se verificar irregularidade flagrante, procure o departamento jurídico para verificar se há base legal para eventual ação.
      Bebel

      Responder
    • 131. neusacostapereira@yahoo.com.br  |  24/10/2012 às 18:12

      Prezado João,
      Tirei 7,33 na objetiva e zero na dissertativa. Como dou aula para alunos de R.I. (recuperação intensiva) expus uma situação de recuperação dentro da sala de aula, a contínua, de nada adiantou. Deram-me zero porque não reproduzi a linguagem do caderno do gestor das páginas 23 e 24. Mesmo porque sou professora. Enfim, a questão foi pensada para confundir. E nos confundiu porque todos os dias convivemos com meninos e meninas com dificuldade de aprendizagem e a todo momento estamos tentando recuperá-las. E a questão formulada:”Segundo o caderno do gestor…” E eu li a grande maioria dos autores exigidos. Falei em saber-fazer e saber- aprender…e por aí fui. E o zero veio.

      Responder
      • 132. apeoesp  |  25/10/2012 às 12:03

        Prezada professora Neusa Costa,
        A orientação do Departamento Jurídico é a de que você peça vistas da prova, caracterize as razões para divergir da nota atribuída e procure o departamento jurídico na subsede para que se possa buscar uma brecha jurídica para recurso judicial, pois o poder judiciário firmou um entendimento segundo o qual não lhe caberia “substituir a banca examinadora”.
        Bebel

      • 133. Roberto  |  01/11/2012 às 13:51

        Gente zero é muito pouco. É proposital

  • 134. maura  |  22/10/2012 às 20:25

    boa tarde
    a APEOESP vai fazer alguma coisa para ajudar os professores?

    Responder
    • 135. apeoesp  |  23/10/2012 às 13:25

      Prezada professora Maura,
      Suponho que você se refira à nota da prova de mérito. Se for relativo à parte dissertativa, nem mesmo judicialmente é possível interferir nessa questão, pois o Judiciário já firmou posição de que não julga ações envolvendo correção de provas deste tipo, pois “não substitui a banca examinadora”. A alternativa é requerer vistas à prova e, verificando-se irregularidade flagrante, aí se pode tentar algum caminho judicial.
      Bebel

      Responder
  • 136. Sônia Maria Scudeler do Nascimento  |  23/10/2012 às 02:24

    Olá Bebel,entrei com pedido de sexta parte em 2009 judicialmente,ainda não foi julgada.Fui infomada pelo advogado da apeoesp que eu poderia pedir na escola a partir de 23/11/2011, que o prf. F teria direito. Porém a DE me informou que eles não podem fazer mais nada porque minha aposentadoria foi publicada em 14 de julho desse ano.Me disseram ainda que sou como um ser que não existe mais.

    Responder
    • 137. apeoesp  |  23/10/2012 às 13:06

      Prezada professora Sônia,
      A APEOESP defende, por princípio, que o professor sempre tem direitos, como trabalhador queé. Evidentemente, enfrentamentos as limitações legais, pois as leis nem sempre beneficiam o trabalhador. Neste caso, somente o departamento juridico pode elucidar a questão, ingressando com todas as medidas administrativas e judiciais que forem possíveis.Procure novamente os advogados da APEOESP.
      Bebel

      Responder
  • 138. Mariana Moraes  |  23/10/2012 às 16:54

    Ola, finalmente sai o resultado e o pagamento há previsão???

    Responder
    • 139. apeoesp  |  25/10/2012 às 13:19

      Prezada professora Mariana,
      Ainda não. É retroativo a julho.
      Bebel

      Responder
  • 140. Maria Luisa  |  23/10/2012 às 19:47

    Gente nem professora doutorada pela unesp passou na última prova o governo não vei dar aumento pra quase ninguem. Absurdo.

    Responder
  • 141. ana elydia de carvalho lima  |  23/10/2012 às 23:17

    quanta confusão tirei 5,35 acredito que a minha dissertativa escrevi tudo que escrevi bem mas para minha surpresa, quanta injustiça , não falto , em 4 anos tenho apenas 1 abonada para que? Acredito que vocês poderiam lutar mais por nós . Desculpe o desabafo.

    Responder
    • 142. apeoesp  |  25/10/2012 às 12:50

      Prezada professora Ana Elydia,
      Não fazemos outra coisa, dia e noite, que não lutar pelos professores. Sempre fomos contrários a esta prova de mérito como forma de promoção na carreira, justamente porque consideramos que uma avaliação subjetiva como esta não pode determinar que professores podem ou não ter direito a reajuste. Na comissão paritária estamos propondo outra forma, o memorial do professor, que é a síntese de toda a atuação profissional do professor durante o interstício que lhe dá direito à promoção. A SEE aceita em princípio, desde que mantenha também a prova.
      Chamamos muitas vezes a categoria a lutar para derrubar esta prova, até mesmo quando ela estava sendo criada, em 2009. Infelizmente a parcela que compareceu não foi suficiente para impedir a continuidade desta prova. O sindicato não se resume à diretoria ou à sua estrutura. Ele é o conjunto dos professores e é necessário que todos se unam e lutem juntos para consquistarem direitos e necessidades.
      Quanto à prova dissertativa, a justiça não costuma aceitar ações deste tipo, porque firmou um entendimento de que “não cabe ao judiciário substituir a banca examinadora”.
      A orientação do jurídico é que peça vistas da prova e, caracterizando claramente as razões para contestação, procure o jurídico para que se possa tentar encontrar base legal para o recurso judicial.
      Bebel

      Responder
  • 143. Sandra Regina da Silva  |  24/10/2012 às 19:02

    Bebel, quando vão deixar de descontar as licenças médicas para a aposentadoria de quem já está doente e cumpriu o tempo afastado porque não tem mais condições de aguentar as aulas?

    Responder
    • 144. apeoesp  |  25/10/2012 às 12:00

      Prezada professora Sandra,
      A intransigência do Estado no levou a ingressar com ação judicial. Porém, infelizmente, não houve liminar e a ação prossegue em tramitação no TJSP.
      Bebel

      Responder
  • 145. Vanessa Aline dos Santos  |  24/10/2012 às 22:45

    Boa noite Bebel.
    Fiz a prova de mérito pela primeira vez. A primeira decepção foi saber que não teria a mesma porcentagem de aumento que colegas já tiveram e a segunda decepção foi ao ver o resultado das provas dissertativas perceber que foram muito incoerentes. Você primeiro informou que não cabe recurso na prova dissertativa, depois informou também que o jurídico “Não julga correções de prova desse tipo pois não substitui a banca examinadora”, finalmente a orientação foi para pedir vistas a prova. Como deve ser esse procedimento? Feito pelo advogado da Apeoesp?Encaminhado a que departamento?
    Obrigado.

    Responder
    • 146. apeoesp  |  25/10/2012 às 11:49

      Prezada professora Vanessa,
      Você deve encaminhar o pedido à VUNESP, por escrito, solicitando resposta por escrito.
      Bebel

      Responder
  • 147. cassia  |  24/10/2012 às 23:13

    Lendo os comentarios parece que a maioria das pessoas estão reclamando das notas,como pode vc acertar 30 questões e a nota ser 4,5, qual o valor de cada questão? tem coisa errada ai;vcs do sindicato o que vão fazer?

    Responder
    • 148. apeoesp  |  25/10/2012 às 11:48

      Prezada professora Cássia,
      A justiça não aceita questões relativas a correção de provas dissertativas em concursos ou outras formas de seleção. Eles firmaram um posição de que “o judiciário não pode substituir a banca examinadora”. A orientação do jurídico é que o(a)professor(a) solicite vistas de sua prova e, identificando razões claras para que sua nota não seja aquela, procure o departamento jurídico para que este possa buscar brechas legais para recurso judicial.
      Bebel

      Responder
  • 149. Ligia  |  25/10/2012 às 01:10

    Nas duas ultimas provas do mérito o professor foi “contemplado”com 25% de reajuste salarial, nesta ultima o professor receberá apenas 10%. A APEOESP pode intervir para que seja garantido a mesma porcentagem das duas anteriores.

    Responder
    • 150. apeoesp  |  25/10/2012 às 11:43

      Prezada professora Ligia,
      A APEOESP luta contra a prova de mérito e lutou contra o limite de 20% dos professores para o reajuste da promoção. O governo aprovou outra lei, a LC 1.143/2011, alterando o reajuste de 25% para 10% e retirando o limite de 20%. Trata-se, portanto, de lei e neste plano não há mais o que possamos fazer.
      Bebel

      Responder
  • 151. Adriana Malosso Marin  |  27/10/2012 às 21:37

    Acredito que a prova de mérito de 2012 foi para ninguém passar!!! E ainda por cima com reajuste menor! Quem conseguiu os 25% ,beleza, quem não conseguiu vai ter que se contentar com 10%. E, se por acaso conseguir passar!

    Responder
    • 152. apeoesp  |  28/10/2012 às 14:08

      Prezada professora Adriana,
      A APEOESP nunca concordou e não concorda com a prova de mérito como mecanismo para a promoção na carreira. Na comissão paritária lutamos por outro critério, baseado na experiência profissional do professor e temos ação conjunta com outras entidades na justiça contra esta prova.
      Bebel

      Responder
  • 153. Telma Trindade Miranda  |  29/10/2012 às 20:40

    Boa noite! é triste ver tantas lamentações a respeito da prova, tirei 7 na prova dissertativa ( e quando li a pergunta não tinha nenhuma dúvida da resposta), respondi separadamente as alternativas a e b, e acredito que foi isto a minha melhore pontuação, não fiz redação, só respondi claramente o que foi pedido, mas fico ouvindo o dia todo professores reclamando e achando que eu tive sorte, como se meus 18 anos lecionando não fosse nada. Fico triste sim de não ter os 25% de aumento. Estudei muito para fazer esta prova, e mereço este aumento. Beijos a todos e boa sorte.

    Responder
  • 154. Vanessa Aline dos Santos  |  29/10/2012 às 22:53

    Boa noite Bebel. Fiz o pedido de vistas a prova pelo prórprio site da vunesp e veja a resposta: “Em hipótese alguma será dado vistas a prova, seja qual for o motivo alegado”, segundo o edital ítem 10. poxa, eles souberam mesmo como nos amarrar. Muito injusto.

    Responder
    • 155. apeoesp  |  31/10/2012 às 11:35

      Prezada professora Vanessa,
      De posse da resposta, procure o departamento jurídico, na sua subsede.
      Bebel

      Responder
  • 156. maria claudia rmalho  |  29/10/2012 às 22:59

    Eu gostaria de saber qual foi o aumento real da prova por mérito??
    Consultei o meu pagamento de novembro e observei que não veio o retroativo

    Responder
    • 157. apeoesp  |  31/10/2012 às 11:28

      Prezada professora Maria,
      O reajuste é de 10,5%. Quanto aos retroativos, vamos nos informar junto à SEE sobre a data de pagamento.
      Bebel

      Responder
  • 158. Ira  |  30/10/2012 às 02:01

    Olá Bebel!
    Ser promovido não significa, que terá os 10%, estou certa ou errada? Qual a previsão de pagamento desta “promoção”? Grata

    Responder
    • 159. apeoesp  |  31/10/2012 às 11:30

      Prezada professora Ira,
      O reajuste começa a ser pago em novembro, mas ainda não sabemos quando será pago o retroativo. Vamos nos informar junto à SEE.
      Bebel

      Responder
  • 160. Andrea  |  30/10/2012 às 16:54

    Boa tarde, Bebel…. gostaria de saber quando receberemos o retroativo da prova do mérito. O aumento já está constando no holerite de Novembro,mas o retroativo não… vc tem alguma informação sobre isso?

    Obrigada

    Responder
    • 161. apeoesp  |  31/10/2012 às 11:17

      Prezada professora Andrea,
      Ainda não temos esta informação. Vamos obtê-la junto à SEE.
      Bebel

      Responder
  • 162. ÈRICA FERNANDA DA SILVA SOUZA  |  30/10/2012 às 22:55

    Olá Bebel na folha de pagamento não consta o aumento retroativo a julho, só veio desse mês. Sabe quando virá o restante?

    Responder
    • 163. apeoesp  |  31/10/2012 às 11:03

      Prezada professora Érica,
      Ainda não temos esta informação. Vamos obtê-la junto à SEE.
      Bebel

      Responder
  • 164. neusacostapereira@yahoo.com.br  |  31/10/2012 às 21:59

    Bebel,
    Quero deixar aqui os meus parabéns aos professores que souberam responder à prova de mérito,e que provavelmente falaram em professor auxiliar. No caderno do gestor de 2008 não se fala em professor auxiliar trabalhando ao mesmo tempo com o professor da série, na mesma classe. Seria muito bom que aqueles que passaram nesta prova, fizessem um resumo da resposta que deram. Não me parece que o caderno do gestor de 2008 contemple as práticas de recuperação que são hoje vivenciadas em 2012. E penso e insisto que o caderno do gestor tem um interlocutor definido: o gestor.
    Não tem importância, estou muito acostumada aos mandos e desmandos procedimentais da SEE. E torno a insistir num outro ponto: Bibliografia é um elemento sério em um edital. A bibliografia não está ali para colorir. Não entendi até agora porque pediram o caderno do gestor de 2008. Quer dizer que não há outros cadernos do gestor posteriores a este?É acho que é isto.
    É lógico que lamentei a minha reprovação já que estou fazendo o Redefor e você simplesmente gasta muitos neurônios se quiser chegar até a etapa final: o TCC.
    No entanto, o comentário que mais me sensibilizou, aqui, foi o de uma professora que trabalhou três anos, dando apenas uma abonada, uma só…e foi reprovada com uma canetada de um ou mais examinadores. Isto é um contra-senso vil e baixo, pois a SEE deveria consultar qualquer educador de renome e eles provavelmente diriam que esta professora esteve permanentemente com os alunos e os alunos estiveram com ela. Ela gerou aprendizagem. Deixo aqui a minha repugnância pela reprovação da professora. Por meu lado, vou lutar até o fim.

    Responder
  • 165. Rosane  |  02/11/2012 às 13:08

    Bebel, estou muito decepcionada, acertei 75% da prova objetiva e para minha surpresa tirei 2 na dissertativa, ano passado conclui minha especialização pelo Redefor com nota 8,0. O que acontece? Nota 2,0 na dissertativa, tenho 18 anos no Estado, atualmente como coordenadora pedagógica, notas abaixo de 5,0 para professores experientes no Estado? Estranho, como posso julgar um ano de muito estudo e dedicação no Redefor? Incoerente, no mínimo. Somos todos inclusão? Como pode a SEE manter em sala de aula professores que não conseguem tirar uma nota 5,0 em uma dissertação? É para baixar a bola, nos manter em um patamar de exclusão social? Estou envergonhada, depois de tantos anos na Educação, penso que está na hora de pendurar a chuteira, o recado fica muito claro, sou incompetente! Lamento pelos meus colegas de profissão, que assim como eu tiveram a mesma decepção. Vou recorrer sim, mas é humilhante e vergonhoso ter que pedir vistas de uma avaliação com essa nota. Depois fico me perguntando, os colegas que corrigiram a dissertação são especialistas? Muito estranho.
    Abraços,

    Responder
    • 166. apeoesp  |  04/11/2012 às 00:56

      Prezada professora Rosane,
      Sim, tudo isto é mesmo muito estranho. Temos que recorrer à justiça, mas o único meio de fazê-lo é nos apoiar em elementos que possam ser colhidos por cada candidato, na medida em que o judiciário não tem aceito causas coletivas quando se trata de processos seletivos, concursos etc. Por favor, peça vistas da prova no site da VUNESP. Se negado o pedido, leve a resposta escrita ao departamento jurídico, na subsede, para que seja estudada eventual ação judicial.
      Bebel

      Responder
    • 167. kelly stabile  |  08/11/2012 às 13:08

      Olá , sou professora e psicóloga estou indignada com a correção da prova dissertativa … gostaria de sentar e discutir com especialistas na área já gostaria de me especializar em psicologia da educação … não passei na prova dissertativa e não sei , não tive uma devolutiva onde pedi recurso no site da vunesp … avaliar é deferir e trazer um aprendizado … está prova apenas tem carácter classificatório e por sua vez demonstrou muito subjetiva …
      o que fazer para uma revisão na prova dissertativa?

      Responder
      • 168. apeoesp  |  10/11/2012 às 13:37

        Prezada professora Kelly,
        Nosso departamento jurídico informou que o judiciário não tem aceitado ações em relação à correção de provas de concursos e semelhantes, pois eles consideram que “o judiciário não pode substiuir a banca examinadora”.
        Desta forma, ficamos de mãos atadas, pois a instância que poderia dirimir a questão se omite.
        De toda forma, sugiro que procure o(a) advogado(a) na subsede para verificar a viabilidade de uma ação.
        Bebel

  • 169. Eliel F. Alvares  |  13/11/2012 às 11:54

    Ola bom dia a todos! Passei na prova do mérito e gostaria de saber quando virá o valor retroativo a julho, ja que recebemos com aumento esse mês. Será que alguem poderia me informar isso. Bebel só para pensar um pouquinho: Passei nessa prova e agora só posso tentar novamente daqui a três anos. Quer dizer que só terei a possibilidade de aumentar mais 10 % daqui 3 anos? Caraca que bom né”””””” Acredito que o custo de vida daqui a 3 anos será o mesmo de hoje e que não haverá infração nem coisa desse tipo. Acredito tambem em papai noel. A politica educacional do estado de São Paulo é uma vergonha para o país e para o mundo. Se quisermos ter um país melhor daqui 30 anos temos que investir pesado na educação e isso passa por nós professores. Que vergonha da minha profissão mendigando 10 % de aumento de 3 em 3 anos.

    Responder
    • 170. apeoesp  |  18/11/2012 às 12:15

      Prezado professor Eliel,
      Ainda não sabemos quando virão os retroativos. A SEE informa apenas que será por folha suplementar.
      Sim, você tem razão. A carreira do magistério está desfigurada. Estamos lutando para reduzir os interstícios e para criar novas formas de evolução e promoção, no âmbito da comissão paritária.
      Bebel

      Responder
  • 171. fatima  |  19/11/2012 às 17:55

    Oi Bebel, não consegui acessar minhas notas no gdae, como faço.

    Responder
    • 172. apeoesp  |  20/11/2012 às 11:54

      Prezada professora Fátima,
      Você pode requerer à Coordenadoria de Gestão de Recursos Humanos (CGRH) que informe a sua nota.
      Bebel

      Responder
  • 173. JOSIMEIRE DA SILVA LEAL VIEIRA  |  22/11/2012 às 14:01

    Olá querida Bebel, obrigada por responder ás questões da classe sempre. Passei na prova de mérito e recebi o aumento no mês de novembro. Você tem alguma informação sobre os retroativos?? estou preocupada, temos direito desde 1º de julho ao aumento e dos meses anteriores nada foi creditado em minha conta..
    Um abraço Josimeire.

    Responder
    • 174. apeoesp  |  25/11/2012 às 11:17

      Prezada professora Josimeire,
      A informação que está sendo divulgada é que foram provisionados para 27/11.
      Bebel

      Responder
  • 175. carlos alberto pires  |  18/12/2012 às 11:35

    Óla Bebel, gostaria de saber, se há algum processo , encaminhado pela apeoesp em relação aos professores que foram , aprovado na prova de promoção em 2010, mas que não receberam, pois eu tive nota 6,65, e não recebi, sou sócio da apeoesp . Em 2011 não deixaram , eu fazer a prova pois sou da categoria F e tive que mudar de sede . Em 2012 fui empedido novamente pois, não tinha tempo de casa, fiz a prova este ano , mas a minha nota foi 5. Me sinto injustiçado, pois a nota que tirei antes não teve nenhuma validade. O advogado de minha sede , quando convercei com ele , me disse que a apeosp já havia entrado , com um processo em a favor de quem tinha sido aprovado, gostaria de saber se realmete isto é verdade. Muito obrigado, aguardo uma resposta . Professor Carlos.

    Responder
    • 176. apeoesp  |  18/12/2012 às 21:27

      Prezado professor Carlos,
      Não existe ação coletiva nestes casos. Procure o departamento jurídico ou ligue para 11.33506214.
      Bebel

      Responder
  • 177. Salem  |  24/12/2012 às 12:23

    Olá, Bebel.
    Fiz e passei na prova do mérito de 2010 com a nota 8,9. Quando poderei fazer a próxima? Em 2011 eu tirei dois meses de licença prêmio, isso pode impedir de alguma forma minha próxima inscrição para a prova?

    Responder
    • 178. apeoesp  |  25/12/2012 às 12:15

      Prezado professor Salem,
      Você deve cumprir o interstício de 4 anos para realizar novamente a prova.
      Bebel

      Responder
      • 179. Salem  |  28/12/2012 às 14:45

        Mas, então, eu estou pela lei antiga ou nova? Terei de esperar sempre 4 anos de interstício? Atualmente, não é a cada 3 anos? Farei prova para 10,5% ou 25%?

      • 180. apeoesp  |  29/12/2012 às 21:47

        Prezado professor Salem,
        Você tem razão, são três após a faixa inicial. Os reajustes são de 10,5%.
        Bebel

  • 181. Ana Maria Itame  |  28/01/2013 às 13:31

    Bebel, quem foi aprovado na prova do mérito em 2010 fará outra prova em 2013 ou 2014?

    Responder
    • 182. apeoesp  |  28/01/2013 às 19:06

      Prezada professora Ana,
      Somente em 2014, após cumprir os três anos de interstício exigidos pela lei.
      Bebel

      Responder
      • 183. Ana Maria Itame  |  29/01/2013 às 00:32

        Mas Bebel se o interstício são 3 anos será agora em 2013 não é?

      • 184. apeoesp  |  29/01/2013 às 12:18

        Prezada professora Ana,
        Não. O interstício compreende os anos de 2010-2011, 2011-2012, 2012-2013. Portanto, somente em 2014 poderá fazer a prova, pois necessita ter cumprido os três anos para se inscrever.
        Bebel

  • 185. jocely  |  07/06/2013 às 09:03

    Bom dia com fico sabendo se devo fazer a prova do merito ? pois me comunicaram que esse ano eu faria mas não estou sabendo em que site devo fazer a inscrição! estou na mesma UE desde 2010 esse ano eu posso ou não? obrigada Jo

    Responder
    • 186. apeoesp  |  08/06/2013 às 16:36

      Prezada professora Jocely,
      A informação da CGRH é que o interstício de três anos se completa neste ano de 2013 e que, portanto, uma nova prova só poderá ser feita em 2014. Informe-se melhor pelo telefone 11.33506214, inclusive se é possível contestar judicialmente. Vou também encomendar ao departamento jurídico um estudo a respeito.
      Bebel

      Responder

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Mensagem da Presidenta da APEOESP às professoras

Clique no play para ouvir.

Blog Stats

  • 2,974,593 hits

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 401 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: