Sobre avaliação médica para ingresso de PEB II

09/08/2012 at 19:55 176 comentários

Diário Oficial do Estado de São Paulo

Quinta-feira, 9 de agosto de 2012 – Página – 163/164

COMUNICADO CONJUNTO CGRH-SE/DPME-SGP 001, de 08/08/2012.

A Coordenadoria de Gestão de Recursos Humanos – CGRH, da Secretaria de Estado da Educação, e o Departamento de Perícias Médicas do Estado – DPME, da Secretaria de Gestão Pública, à vista das Instruções Especiais SE 1, de 24/12/2009, disciplinadoras do Concurso, publicadas no DOE de 25/12/2009, para provimento em caráter efetivo de cargos de Professor de Educação Básica II,

 COMUNICAM:

 I – Estarem previstas as nomeações para o mês de dezembro de 2012;

II – Ser requisito para posse, nos termos do artigo 47, VI, da Lei nº 10.261, de 28 de outubro de 1968: gozar de boa saúde, comprovada em inspeção realizada em órgão médico oficial;

III – A avaliação médica oficial tem por objetivo efetuar prognóstico laborativo do candidato, o qual deve considerar todo o tempo de permanência previsto no serviço público. Destarte, não basta estar capaz no momento do exame pericial, sendo necessário considerar, com base na experiência clínica e pericial, que as patologias eventualmente diagnosticadas, incipientes ou compensadas, não venham a agravar-se nem predispor a outras situações que provoquem permanência precária no trabalho, com licenciamentos freqüentes e aposentadorias precoces;

IV – Os candidatos participantes do Curso de Formação deverão providenciar os exames necessários e realizar perícia médica para obtenção do Certificado de Sanidade e Capacidade Física – Laudo médico, independentemente do Tempo de Serviço e de serem titulares de cargo ou admitidos do Quadro do Magistério da Secretaria de Estado da Educação. De acordo com a Lei Complementar 1.123, de 02/07/2010, nenhum candidato está isento de se submeter à perícia médica oficial.

V – Serão submetidos obrigatoriamente à perícia médica na Sede do DPME, situado na Av. Prefeito Passos, sem número – Várzea do Carmo – Glicério – São Paulo (próximo ao INSS) no período de 17 de setembro a 13 de dezembro de 2012, todos os candidatos (Lista Geral / Lista Especial) que escolheram vagas em unidades escolares da 1ª Região – Capital / Grande São Paulo e em unidades escolares 2ª Região – CEI.

VI – São documentos a serem providenciados pelo candidato para a realização da avaliação médica oficial, de acordo com as Instruções Especiais disciplinadoras do Concurso PEB II/2012, com a maior brevidade possível:

a) – duas fotos três por quatro recentes e idênticas; b) – cópia de documento de identidade com fotografia;

c) – exames médicos recentes, datados de no máximo de três meses;

d) – Guia de Perícia Médica para fins de Ingresso – GPM-I.

VII – Os exames médicos recentes deverão ser providenciados por todos os candidatos, inclusive pelos declarados portadores de deficiência e integrantes da Lista Especial, e apresentados, no dia e hora marcados para avaliação médica oficial, sem os quais o candidato não será submetido à perícia médica.

VIII – O candidato deverá apresentar os seguintes examesmédicos recentes:

a) – Hemograma Completo e VHS: são exames que auxiliam na detecção de anemias, infecções no organismo e afecções diversas do sangue;

b) – Glicemia de Jejum: é exame que possibilita avaliar a presença ou não de diabetes, quadro patológico de alta incidência em nosso meio;

c) – PSA Prostático – para homens acima de 40 anos de idade: é exame que possibilita verificar a existência de eventuais alterações prostáticas. Este indicador tumoral pode evidenciar o aumento da próstata. Indicador importante na detecção precoce de câncer da próstata, que tem alta incidência em homens a partir dos 40 anos. Acima dessa idade é recomendável a sua realização anual;

d) – TGO, TGP e Gama GT: são exames que indicam a presença de alterações hepáticas, sugerindo, a necessidade de se pesquisar infecções de caráter silencioso, como a hepatite C, que só apresentarão sintomas em estágio avançado;

e) – Uréia e Creatinina: são exames que avaliam a perfeita função renal, na maioria das vezes antes que a pessoa apresente sinais ou sintomas de anormalidade e suas graves conseqüências (insuficiência renal);

f) – Ácido Úrico, Urina Tipo I e Urocultura – se necessário:

i. – Ácido Úrico: é exame que, quando alterado, possibilita a detecção de eventuais distúrbios metabólicos, cujo acúmulo tem conseqüências danosas ao indivíduo. As leucemias, hemólises (destruição maciça de glóbulos vermelhos) e nos tratamentos de quimioterapia são algumas situações que podem determinar o aumento da produção desse ácido, por degradação dos ácidos nucléicos endógenos;

ii. – Urina Tipo I e Urocultura: o exame de urina tipo I pode demonstrar alterações infecciosas do trato urinário, mesmo quando insuspeitos. A confirmação se fará, quando necessária, por intermédio do exame de urocultura que evidenciará o agente infeccioso;

g) – ECG (eletrocardiograma), com laudo: é exame básico da função cardíaca e que pode indicar a existência de isquemias, arritmias e outras disfunções cardíacas, por vezes não detectadas pelo simples exame físico. Tais alterações demandam melhores investigações no intuito da prevenção de problemas futuros;

h) – Raio X de Tórax, com Laudo: é exame simples que permite a avaliação do arcabouço esquelético torácico, evidenciando alterações ósseas, dimensão da área cardíaca e, também, observação do parênquima pulmonar (estrutura dos pulmões).

Destaca-se, ainda, a possibilidade de visualização de alterações de volume do mediastino;

i) Colposcopia e colpocitologia oncótica (mulheres acima de 25 anos ou com vida sexual ativa) – 360 dias para mulheres até 50 anos e 180 dias para as acima de 50 anos: informam a presença ou não de situações que podem configurar em infecções ou neoplasias do trato genital feminino. A colpocitologia (exame de Papanicolau) é mera coleta de raspado vaginal enquanto que a colposcopia é a visualização direta do colo uterino. Tais exames permitem a detecção precoce da existência de neoplasia do colo uterino, com possibilidade até de biópsia, a ser tratada. A colpocitologia não oferece riscos à candidata virgem e a expressão vida sexual ativa refere-se à vida sexual iniciada Obs.: Candidatas com menos de 25 anos que não possuem vida sexual ativa, deverão apresentar declaração de seu médico ginecologista assistente;

j) – Mamografia e, quando necessário, Ultrassonografia de mama – mulheres a partir de 40 anos – 360 dias para mulheres até 50 anos e 180 dias para as acima de 50 anos: são exames para a detecção da existência de patologias mamárias, sendo que as doenças neoplásicas malignas têm alta incidência nesta população específica. Configura-se em tipo de radiografia especial. A mamografia de rotina é a melhor oportunidade de detectar precocemente qualquer alteração nas mamas antes até que o paciente ou médico possam notá-las ou apalpá-las;

k) – Exame de Laringoscopia indireta ou Vídeo Laringoscopia com foto: é exame realizado junto a consultório de médico otorrinolaringologista, recomendado a ingressante cuja voz é meio essencial de trabalho, no desempenho das atribuições de cargo, por intermédio do qual se detecta alterações anatômicas que podem prejudicar sua atuação e presença no trabalho. O exame de Vídeo Laringoscopia, com foto, dependerá de avaliação do otorrinolaringologista consultado;

l) – Audiometria Vocal e Tonal: são exames que possibilitam, respectivamente, a avaliação da capacidade de compreensão da fala humana e o grau e o tipo de perda auditiva, apurando-se a condição auditiva do ingressante. No caso de ingressante à carreira do magistério, afere-se a capacidade de integração do docente com os discentes.

IX – Os exames laboratoriais e complementares serão realizados às expensas dos candidatos e servirão como elementos subsidiários à inspeção médica para fins de ingresso para a constatação de inexistência de patologias não alcançáveis por mero exame clínico e poderão, a critério médico, integrar o prontuário do candidato junto ao DPME.

X – Para se submeter à avaliação médica oficial o candidato deverá também:

a) – Imprimir Guia de Perícia Médica para fins de Ingresso – GPM-I, a qual se encontra disponível no GDAE – link Escola de Formação, GUIA DE PERÍCIA MÉDICA;

b) – preencher todos os dados pessoais;

c) – responder aos Itens “Antecedentes Pessoais”, “Antecedentes Familiares” e “Para Mulheres”, datar e assinar;

d) – grampear em campo próprio uma das fotografias 3X4 e a outra ao lado desta (lado a lado).

e) – grampear a cópia do documento de identidade, de forma que ela fique no verso da última página.

XI – O candidato a prover dois cargos – inscrito em DUAS DISCIPLINAS – deverá imprimir e preencher DUAS Guia de Perícia Médica para fins de Ingresso – GPM-I, para emissão de dois Certificados de Sanidade e Capacidade Física, um para cada cargo.

XII – Do Encaminhamento da Guia de Perícia Médica para fins de Ingresso – GPM – I e dos Exames Médicos Recentes:

a) – os exames médicos recentes e respectivos laudos, quando for o caso, e a Guia de Perícia Médica para fins de Ingresso – GPM – I, devidamente preenchida e assinada, deverão ser apresentados pessoalmente pelo candidato na Diretoria de Ensino, da Jurisdição da vaga escolhida ou na Diretoria de Ensino na qual encontra-se classificado, preferencialmente até 30/10/2012, tendo em vista a necessidade de preenchimento das vagas disponibilizadas para perícia no DPME.

b) – o responsável pelo recebimento dos documentos na Diretoria de Ensino irá verificar:

i. – se todos os exames foram devidamente providenciados, constando os respectivos laudos, quando for o caso;

ii. – se a Guia de Perícia Médica para fins de Ingresso encontra-se devidamente preenchida e assinada;

iii. – após a confirmação de toda a documentação, o candidato e o responsável da Diretoria de Ensino deverão assinar o CHECKLIST para ratificação;

iv. – os EXAMES MÉDICOS RECENTES SERÃO DEVOLVIDOS ao candidato, que por sua vez deverá apresentá-los no DPME no dia e hora agendados para a realização da avaliação médica oficial;

v. – a GPM-I SERÁ RETIDA PELO RESPONSÁVEL DA DIRETORIA DE ENSINO, que por sua vez a encaminhará ao CEMOV/CGRH, para agendamento de avaliação;

vi. – o agendamento da avaliação médica oficial será realizado pelo Centro de Ingresso e Movimentação/CGRH da Secretaria de Educação, após o recebimento da Guia de Perícia Médica para Fins de Ingresso;

vii. – o agendamento da avaliação médica oficial dar-seá por ORDEM DE RECEBIMENTO da Guia de Perícia Médica para Fins de Ingresso, conforme encaminhado pela respectiva Diretoria de Ensino.

c) – A Secretaria de Estado da Educação não se responsabiliza por encaminhamentos indevidos de documentação à Diretoria de Ensino ou qualquer outro local, pelos candidatos;

XIII – Na ausência de um dos exames previstos em edital, o responsável pelos trabalhos referidos no item XIII, deste Comunicado, da Diretoria de Ensino não está autorizado a receber a Guia de Perícia Médica para fins de Ingresso – GPM – I, devendo o candidato, de posse de todos os exames, retornar em outro momento na Diretoria de Ensino.

XIV – Os exames médicos NÃO DEVERÃO ser, em hipótese alguma, encaminhados ao DPME ou ao Centro de Ingresso e Movimentação/CGRH.

XV – Do acompanhamento do agendamento da avaliação médica oficial e da disponibilização do Certificado de Sanidade e Capacidade Física:

a) – o agendamento da avaliação médica oficial a ser realizada no DPME, a partir de 17/09/2012, se dará por meio eletrônico;

b) – o candidato receberá no seu endereço de e-mail, cadastrado no Curso de Formação, informações pertinentes a data e o horário agendados;

c) – as informações pertinentes ao agendamento da avaliação médica ficarão, também, disponíveis para consulta do candidato, no GDAE – link Escola de Formação;

d) – os Certificados de Sanidade e Capacidade Física serão encaminhados pelo DPME ao CEMOV/CGRH, que os enviará à Diretoria de Ensino de opção de escolha de vaga, o qual ficará disponível ao diretor da unidade escolar para retirada a partir da publicação do Ato de Nomeação.

e) – os candidatos serão informados por email o envio dos Certificados de Sanidade e Capacidade Física às Diretorias Regionais de Ensino;

XVI – Da Avaliação Médica Oficial realizada no DPME:

a) – o candidato será submetido à avaliação, inicialmente, nas áreas de oftalmologia, clínica geral e psicológica. As mulheres, ainda, serão submetidas à análise da área da ginecologia;

b) – a critério médico, durante a avaliação médica oficial, poderá ser solicitada manifestação de médico perito em área específica ou avaliação psicológica individualizada, bem como ser solicitado ao candidato que apresente exames/relatórios médicos complementares.

c) – na hipótese prevista na alínea “b” deste item, o candidato.

i. – deverá comparecer ao DPME em nova data, a ser informada por intermédio do Diário Oficial do Estado, para se submeter à avaliação de médico especialista e/ou apresentar documentação solicitada, para conclusão da avaliação de ingresso;

ii. – será considerado inapto caso não compareça ao DPME na nova data agendada para a conclusão da avaliação iniciada;

d) – o Parecer Final do DPME relativo às avaliações será publicado no Diário Oficial do Estado por nome (conforme informado na Guia de Perícia Médica de Ingresso) e número de Registro Geral do candidato a partir da publicação do Ato de Nomeação.

XVII – A critério médico, mediante publicação em Diário Oficial, durante a avaliação médica oficial, o candidato poderá ter o prazo para posse suspenso por até 120 dias, para conclusão de perícia iniciada conforme disposto no artigo 53, I, da Lei 10.268/68, com a redação dada Lei Complementar 1.123/10.

XVIII – O candidato poderá interpor pedido de reconsideração do Parecer Final emitido, endereçado ao Diretor do DPME, mediante requerimento devidamente protocolizado junto ao Departamento, no prazo de cinco dias, a contar da publicação a que se refere o item XVI “d”.

XIX – Interposto o pedido de reconsideração do Parecer Final, o candidato será submetido à nova avaliação por Junta Médica, na sede do DPME, a qual decidirá quanto aptidão ou não do candidato, no prazo de 30 dias, a contar da protocolização do requerimento, conforme disposto no artigo 53, II, §2º, da Lei 10.268/68, com a redação dada Lei Complementar 1.123/10. Ao candidato será dada ciência do decidido mediante publicação no Diário Oficial do Estado.

XX – Da decisão emitida pela Junta Médica do DPME, em grau de reconsideração, poderá o candidato interpor recurso ao Excelentíssimo Senhor Secretário de Gestão Pública, junto à Secretaria; o qual decidirá, no prazo de 30 dias, a contar da protocolização do recurso, conforme disposto no artigo 53, II,§ 2º, da Lei 10.268/68, com a redação dada Lei Complementar 1.123/10. Ao candidato será dada ciência do decidido mediante publicação no Diário Oficial do Estado.

XXI – O candidato poderá requerer vistas de seu prontuário junto ao DPME, a qual será dada no momento da solicitação, bem como cópia reprográfica mediante pagamento da respectiva taxa, a qual será entregue em cinco dias após o pedido.

About these ads

Entry filed under: Artigos. Tags: .

II Conferência das Mulheres da APEOESP delibera sobre lutas e campanhas As Mãos do Meu Pai

176 Comentários Add your own

  • 1. Rafael  |  10/08/2012 às 13:45

    Olá Bebel, comparando a evolução a nível do mérito em progressão de 2011, a faixa salarial passou do nível 1 para o 3. E agora em 2012, a faixa salarial passará do nível 1 para o nível 2 ou 3 em progressão?
    Obrigado

    Resposta
    • 2. apeoesp  |  16/08/2012 às 15:24

      Prezado professor Rafael,
      Ainda não professores que, tendo evoluido da faixa 1 para 2 pela promoção, já tenham cumprido o interstício de 4 anos necessários para ir à faixa 3. Desta forma, continuará a progressão da faixa 1 para 2.
      Bebel

      Resposta
  • 3. elaine  |  10/08/2012 às 22:18

    Olá Bebel, gostaria de saber se é possível fazer esses exames pelo IAMSP.Eu nunca utilizei o plano ,depois cai de categoria e não pude usar, mas agora graças a Apeoesp consegui voltar a categoria F e como sei que os exames ficam caros gostaria de saber se é possível realizar pelo IAMSP no prazo determinado.Abraços.

    Resposta
    • 4. apeoesp  |  11/08/2012 às 14:42

      Prezada professora Elaine,
      Sim, é possível.
      Bebel

      Resposta
  • 5. Vilma  |  11/08/2012 às 07:35

    Cara Bebel, leia:
    11/08/2012
    Circular convoca diretores de escola para reunião pró-Serra
    Folha de S.Paulo

    Uma diretoria da Secretaria de Estado da Educação usou uma circular oficial e o site da instituição para convocar dirigentes de escolas estaduais da capital a participar de reunião de apoio à campanha de José Serra (PSDB).

    O chamado à reunião foi publicado em comunicado oficial da Diretoria Regional de Ensino Norte-1, que comanda as escolas estaduais de nove bairros da zona norte da capital. Quem assina a circular e o “convite” é Lúcia Regina Mendes Espagolla, que comanda a diretoria.

    A Secretaria da Educação faz parte da administração do governador Geraldo Alckmin (PSDB), aliado e cabo eleitoral de José Serra.

    No documento, editado pela diretoria semanalmente, o “convite” à reunião de campanha está entre avisos para comparecimento a cursos de qualificação profissional e requisição de merenda.

    “A Dirigente Regional de Ensino convida os diretores e vice-diretores para evento com a presença do prof. Alexandre Schneider na Casa Ilha da Madeira, Rua Casa Ilha da Madeira, nº 214, 11/08/2012 às 10h”, diz o texto publicado no site.

    Alexandre Schneider (PSD) é o vice da chapa de José Serra e ex-secretário municipal da Educação.

    Pelo telefone
    Segundo diretores e vice-diretores ouvidos pela reportagem, depois de disparar a circular, Lúcia Regina telefonou para seus subordinados ameaçando os que não comparecessem à reunião da campanha com a perda do cargo.

    Os diretores não quiseram revelar seus nomes.

    Pelo telefone, a dirigente teria dito que haveria uma lista de presença a ser assinada no local do encontro –um centro cultural na zona norte da cidade.

    Segundo eles, o aviso teria sido direcionado a professores que ocupam interinamente a direção nas escolas e, portanto, não têm estabilidade no cargo.

    Resposta

    Procurada pela reportagem, a Secretaria de Estado da Educação afirmou ontem, por meio de nota, que “ao tomar conhecimento do fato determinou o imediato afastamento da dirigente regional de ensino e instaurou procedimento administrativo de apuração”.

    Já a assessoria de imprensa da campanha de Serra disse desconhecer Lúcia Regina Espagolla e não quis comentar o caso.

    A reportagem ainda tentou contato com a dirigente, mas foi informada por uma assessora que ela estava fora da cidade ontem, em um evento da Secretaria da Educação em Serra Negra (139 km de SP).

    Ainda segundo a assessora, os dois celulares de Lúcia estariam desligados porque ela estava na estrada.

    Resposta
    • 6. apeoesp  |  11/08/2012 às 13:31

      Prezada professora Vilma,
      É um verdadeiro absurdo. Trata-se de crime eleitoral grave. Vamos verificar se podemos, como entidade, agir neste caso. Espero que as autoridades eleitorais tomem as providências não apenas contra a servidora que extrapolou os limites legais, mas também contra o candidato beneficiado.
      Bebel

      Resposta
  • 7. Professor Wallace  |  13/08/2012 às 00:25

    Bebel

    gostaria de saber qual o valor do 1° quinquênio, em reais mesmo, ou se é 1% 3% 5%? E se existe uma tabela com os valores desse beneficio, Obrigado.

    Resposta
    • 8. apeoesp  |  14/08/2012 às 10:06

      Prezado professor Wallace,
      Cinco por cento sobre o salário base.
      Bebel

      Resposta
  • 9. Fátima  |  13/08/2012 às 21:52

    Boa noite, Bebel
    gostaria de saber se vai ter concurso para Educação Física. Não encontrei a revista da APEOESP para estudar.
    Abçs.
    Fátima

    Resposta
    • 10. apeoesp  |  14/08/2012 às 10:05

      Prezada professora Fátima,
      De acordo com as informações preliminares da SEE, sim, mas é necessário aguardar a confirmação. Procure a subsede da APEOESP de sua região.
      Bebel

      Resposta
  • 11. Freitas  |  13/08/2012 às 22:40

    Existe a possibilidade dos meus exames expirarem, perder a validade, antes da apresentação no DPME,ou mesmo quando for apresentar,mesmo com data de recebimento da Diretoria de Ensino? Se isso ocorrer, como devo proceder?Consta que é por ordem crescente, entretanto sua ordem é de acordo com as Diretorias de Ensino?
    Estou com grande parte dos exames e devo apresenta-las em breve.

    Resposta
    • 12. apeoesp  |  16/08/2012 às 14:55

      Prezado professor Freitas,
      Os exames tem que ter sido realizados no prazo máximo de três meses antes da data da perícia médica. Caso este prazo seja ultrapassado, devem ser refeitos.
      Bebel

      Resposta
  • 13. SANDRA  |  14/08/2012 às 21:38

    Boa Noite a todos!
    Bebel fiquei com uma grande duvida, para o preenchimento da guia precisarei ir a diretoria de ensino aonde escolhi o cargo.
    XII – Do Encaminhamento da Guia de Perícia Médica para fins de Ingresso – GPM – I e dos Exames Médicos Recentes:

    a) – os exames médicos recentes e respectivos laudos, quando for o caso, e a Guia de Perícia Médica para fins de Ingresso – GPM – I, devidamente preenchida e assinada, deverão ser apresentados pessoalmente pelo candidato na Diretoria de Ensino, da Jurisdição da vaga escolhida ou na Diretoria de Ensino na qual encontra-se classificado, preferencialmente até 30/10/2012, tendo em vista a necessidade de preenchimento das vagas disponibilizadas para perícia no DPME.

    b) – o responsável pelo recebimento dos documentos na Diretoria de Ensino irá verificar:

    Obrigado!

    Resposta
    • 14. apeoesp  |  16/08/2012 às 14:52

      Prezada professora Sandra,
      Sim, é o que a norma estabelece.
      Bebel

      Resposta
  • 15. Mariana Yoshida  |  15/08/2012 às 00:30

    Boa noite Babel,

    gostaria de saber qual a data limite para o agendamento da perícia, pois não estou encontrando essa informação.

    Obrigada.

    Resposta
    • 16. apeoesp  |  16/08/2012 às 14:48

      Prezada professora Mariana,
      As perícias serão realizadas no período de 17 de setembro a 13 de dezembro de 2012.
      Bebel

      Resposta
  • 17. Glória B. Rosa  |  16/08/2012 às 22:37

    Bebel
    Por que toda vez que escrevo solicitando orientação não obtenho resposta?Já é a quarta vez que escrevo e fico aguardando.

    Resposta
    • 18. apeoesp  |  18/08/2012 às 15:22

      Prezada professora Glória,
      Em 16/08 publiquei resposta sobre sua dúvida a respeito da contratação do professor auxiliar por “período fechado” de dois meses. Naquele momento a nossa resposta foi:
      “Prezada professora Glória,
      Sim. Vamos discutir o assunto com o Secretário da Educação, na próxima reunião que manteremos com ele.
      Bebel”
      Bebel

      Resposta
  • 19. Lilian  |  16/08/2012 às 22:58

    Quem não vai assumir, tem que fazer a perícia médica?

    Resposta
    • 20. apeoesp  |  18/08/2012 às 15:18

      Prezada professora Lilian,
      No nosso entendimento, não. Para mais esclarecimentos, ligue para 11.33506214.
      Bebel

      Resposta
  • 21. Luciene Lemos  |  17/08/2012 às 13:06

    Bom dia Bebel, gostaria de saber se existe um prazo máximo para estar com todos os exames da perícia médica prontos?

    Obrigada.

    Resposta
    • 22. apeoesp  |  18/08/2012 às 15:09

      Prezada professora Luciene,
      Os exames tem que ter validade máxima de 3 meses.
      Bebel

      Resposta
  • 23. Iara Araujo  |  17/08/2012 às 18:31

    Gostaria de saber se o exame de laringoscopia tb segue o prazo do 3 meses, ou se posso usar o do ano passado.

    Resposta
    • 24. apeoesp  |  18/08/2012 às 15:03

      Prezada professora Iara,
      Segundo as regras do concurso, todos os exames precisam estar dentro da validade máxima de 3 meses.
      Bebel

      Resposta
  • 25. daniela  |  17/08/2012 às 20:07

    bebel eu não vou assumir o outro cargo. preciso fazer a pericia?

    Resposta
    • 26. apeoesp  |  18/08/2012 às 15:00

      Prezada professora Daniela,
      No meu entendimento, não.
      Mais esclarecimentos, ligue para 11.33506214.
      Bebel

      Resposta
  • 27. Ligia  |  17/08/2012 às 21:05

    Prezada Bebel,

    Sou categoria F e passei no concurso, gostaria de saber
    que quando assumir em dezembro de 2012 como efetiva, se perco
    a cateogira F, ou posso exercer os dois cargos ao mesmo tempo.

    Obrigada,
    Ligia

    Resposta
    • 28. apeoesp  |  18/08/2012 às 14:59

      Prezada professora Ligia,
      Perde. Você não pode manter dois tipos de vínculos funcionais com o Estado, simultaneamente.
      Bebel

      Resposta
  • 29. Lia  |  20/08/2012 às 12:13

    Olá Bebel!
    Sou professora categoia O antiga L, passei no concurso e preciso fazer os exames, alguns consegui pelo convênio, outros não. Eu posso usar o ianspe? Eu tenho a carteirinha mas nunca usei.

    Resposta
    • 30. apeoesp  |  23/08/2012 às 02:57

      Prezada professora Lia,
      Sim, pode.
      Bebel

      Resposta
  • 31. Fernanda  |  20/08/2012 às 14:16

    Bom dia, por favor , gostaria de saber se preciso realizar todos esses exames da perícia do concurso pebII , já que não pretendo assumir o novo cargo. meu interesse é apenas pela certificação e pontuação.

    grata!
    prof. Fernanda

    Resposta
    • 32. apeoesp  |  23/08/2012 às 02:55

      Prezada professora Fernanda,
      Os exames são para a posse.
      Bebel

      Resposta
  • 33. Luciene Lemos  |  21/08/2012 às 22:30

    Boa noite Bebel!

    Se não entregarmos os exames dentro do prazo estaremos eliminadas do concurso? Perderemos o direito à bolsa fornecida pela EFAP? Não poderemos concluir o curso de formação?

    Obrigada.

    Resposta
    • 34. apeoesp  |  23/08/2012 às 02:45

      Prezada professora Luciene,
      Não poderá tomar posse.
      Bebel

      Resposta
      • 35. Luciene Lemos  |  23/08/2012 às 23:40

        Boa noite Bebel!!!

        Não vou assumir o cargo, mas quero continuar o curso da EFAP, pois achei muito bom. Se não entregar os exames não poderei continuar e concluir o curso de formação?

        Obrigada pela atenção.

      • 36. apeoesp  |  25/08/2012 às 14:59

        Prezada professora Luciene,
        Os exames são necessários para a posse. Portanto, a não entrega não interfere no andamento do curso. Este é o nosso entendimento. Para confirmar, lique para 11.33506214.
        Bebel

  • 37. luan  |  22/08/2012 às 02:57

    Oi prof. Bebel
    Sou efetivo faz 6 anos e fui chamado no concurso novamente,
    só que estou com alguns problemas de saúde. faço tratamento HIV, (indetectavél já faz 4 anos), já tirei licença por depressão há 4 anos de 1 mes, e outras por alguns dias,mas faz mais de um ano que nao tiro licença. Será que compensa eu fazer os exames? Pois posso ser reprovado por ter AIds?

    Resposta
    • 38. apeoesp  |  23/08/2012 às 02:44

      Prezado professor luan,
      Creio que, legalmente, você não pode ser reprovado por ser HIV-positivo, se suas condições de saúde forem boas. Faça os exames. Se algo deste tipoa contrecer, recorra ao departamento jurídico.
      Bebel

      Resposta
  • 39. Luna  |  29/08/2012 às 16:32

    Professor, posso ser reprovada por ter estar em depressão?

    Resposta
    • 40. apeoesp  |  02/09/2012 às 00:35

      Prezada profeessora Luna,
      Sim, esta possibilidade existe, mas o departamento jurídico da APEOESP está à sua disposição para defendê-la caso isto ocorra.
      Bebel

      Resposta
  • 41. Freitas  |  12/09/2012 às 11:44

    Bom dia…
    Todo exame de videolaringoscopia necessita de fotos?
    Fiz o exame mas não foi necessário fotos, existe algum problema em apresenta-lo no DPME?

    Resposta
    • 42. apeoesp  |  12/09/2012 às 12:44

      Prezado professor Freitas,
      O mais importante é o laudo médico.]
      Bebel

      Resposta
  • 43. Giovana  |  15/09/2012 às 14:25

    Olá, gostaria de saber se no dia da pericia é realizado outro exame .ginecológico? Pois não entendi a necessidade da realização desse exame novamente

    XVI – Da Avaliação Médica Oficial realizada no DPME:
    a) – o candidato será submetido à avaliação, inicialmente, nas áreas de oftalmologia, clínica geral e psicológica. As mulheres, ainda, serão submetidas à análise da área da ginecologia;

    Resposta
    • 44. apeoesp  |  18/09/2012 às 02:56

      Prezada professora Giovana,
      A perícia médica verifica todas as condições de saúde dos(as) candidatos(as). caso você considere qualquer procedimento médico abusivo ou desnecessário, procure o departamento jurídico, na sua subsede ou ligue para 11.33506214.
      Bebel

      Resposta
  • 45. Daniele  |  16/09/2012 às 00:16

    Olá Bebel, mais uma vez recorro à sua ajuda.
    Estou com um grande problema, na verdade, uma grande encanação que não tem me deixado dormir. Em 2010, de setembro a dezembro, tirei licença médica para tratamento de saúde, por uma depressão que tive, mediante aos problemas familiares e pessoais que tive.
    Vi algumas reportagens que professores que tiraram licenças foram vetados na perícia e estou com muito medo de que isso ocorra, pois até o presente momento, estou muito bem de saúde e já não tenho mais essa doença.
    O que eu faço? Será que me vetarão por conta disso? Meus exames estão todos normais até o presente momento e dia 21 levarei na diretoria de ensino da região para fazer o agendamento.
    Aguardo o retorno.

    Daniele Mesquita – Ubatuba – SP

    Resposta
    • 46. apeoesp  |  18/09/2012 às 02:48

      Prezada professora Daniele,
      Você só pode ser reprovada por doença existente no momento da perícia. Caso ocorra algo diferente disto, procure de imediato o departamento jurídico da APEOESP.
      Bebel

      Resposta
  • 47. Luciene Lemos  |  18/09/2012 às 21:07

    Olá Bebel!!!

    Por que o II Encontro Presencial não é no mesmo local do I EP??
    Não tem mesmo a possibilidade de mudar de local? Encontro dificuldades para ir nesse encontro, pois é muito longe.

    Abraços.

    Resposta
    • 48. apeoesp  |  19/09/2012 às 13:14

      Prezada professora Luciene,
      Infelizmente, não tenho esta informação. Você deve entrar em contato com a Escola de Formação pelo telefone (11) 3866-0400.
      Bebel

      Resposta
  • 49. Luciene Lemos  |  18/09/2012 às 23:42

    Bebel,

    eu preciso ir pegar os Cadernos do Professor e do Aluno para concluir o curso de formação?

    Bjos

    Resposta
    • 50. apeoesp  |  19/09/2012 às 13:15

      Prezada professora Luciene,
      Infelizmente, não tenho esta informação. Por favor, entre em contato com a Escola de Formação pelo telefone (11) 3866-0400.
      Bebel

      Resposta
  • 51. Candido  |  23/09/2012 às 07:38

    Bom dia.
    Já fiz a perícia médica no dia 17;09 e foi super tranquilo e rápido. Acredito que devido aos problemas relacionados na mídia no ano passado eles estão mais maleáveis.. ou se dei sorte em passar com os mpedicos tranquilos pois nem olharam os exames direito e devolveram e marcaram apto.
    Então meus colegas, não sejam tão pessimistas. O exame psicológico foi responder algumas perguntas..sim ou não e desenhar uma árvore…..uma pessoa e uma casa. então vai a dica:
    árvore( faça-a com a raíz,com folhas,frutos e chão. A casa com chão, porta, janelas e telhados fechados e pessoa com roupa,olhos,cabelos,etc. espero ter ajudado.
    Boa sorte

    Resposta
    • 52. Daniele  |  26/09/2012 às 22:48

      Olá professor Candido, agradeço imensamente sua preocupação conosco que ainda não passamos pela perícia. Ainda estou apreensiva, já fiz todos os exames pedidos.

      Resposta
      • 53. josemar candido  |  30/09/2012 às 07:41

        Daniele, abra os exames e veja os laudos, se é que vão olhá-los realmente e depois os devolvem pra vc. Se os laudos tiverem bons não se preocupe e vá na fé. Qualquer dúvida estarei por aqui ok? Abraço.

  • 54. Barbara Dias  |  28/09/2012 às 19:10

    Boa tarde,

    Estou encontrando sérias dificuldades para conseguir o atestado do ginecologista, pois tenho 30 anos e sou virgem e o médico no qual me consultei (público), além de não autorizar os exames necessários, diz que não há como atestar a situação, que é um absurdo uma situação dessas, que um médico do trabalho não pode fazer estas exigências. Procurei outro que me deixou nesta mesma situação. Como resolver isso? Por que o Estado faz tantas exigências, como se a perícia fosse mais importante que o próprio concurso? Falta 1 mês para encerrar o agendamento da perícia na DE e desde agosto estou correndo atrás dos exames e só faltam estes.
    Gostaria de dicas de alguém que já passou por esta situação humilhante ou que tem informações úteis para mim.

    Resposta
    • 55. apeoesp  |  29/09/2012 às 14:29

      Prezada professora Barbara,
      Qualquer professora ou professor que se sente tolhido/a em seus direitos, desrespeitado/a ou violentado/a deve procurar o departamento jurídico da APEOESP para obter orientações ou iniciar procedimentos em sua defesa. Sugiro que você faça isto. Dirija-se à sua subsede e converse com o/a advogado/a.
      Bebel

      Resposta
  • 56. Elza  |  03/10/2012 às 19:54

    Boa tarde , fiz os exames e no exame de pulmão deu em um item alterações degenerativas da coluna torácica, posso ser reprovada por esse motivo , sou professora da rede desde 1994 e nunca tirei licença para nada.

    Resposta
    • 57. apeoesp  |  07/10/2012 às 14:52

      Prezada professora Elza,
      É preciso aguardar o laudo. Se ocorrer, você pode recorrer, inclusive pela via judicial, por meio da APEOESP.
      Bebel

      Resposta
      • 58. ana celia  |  22/10/2012 às 01:52

        Olá Elza,
        Obrigada por responder, estou mais tranquila agora, vou marcar perícia esta semana.

    • 59. ana celia  |  18/10/2012 às 02:16

      Olá Elza no meu exame também consta isso, vc já passou pela perícia? Teve algum problema? Estou muito preocupada.

      Resposta
      • 60. Elza  |  21/10/2012 às 03:51

        Olá Ana Célia, eu passei na pericia no dia 18/10 e deu tudo certo,eles olham muito rápido os exames , mas alguns foram reprovados no exame oftalmológico e terão que voltar novamente.Até mais, me fala como foi o seu.

  • 61. Paula  |  03/10/2012 às 22:07

    Olá pessoal, estou com um probleminha. Eu fiz a pericia médica e deu tudo certo, menos no exame psicológico, acho que a psicóloga não foi com os meus desenhos, na verdade eu não sou boa nisso mesmo. Bom eles me falaram que eu vou ter que voltar lá para fazer outro exame psicológico, e eu não fui a única pois alguns que estavam comigo também vão ter que fazer. Será que isso é grave, alguem pode me ajudar? Alguém sabe sobre esse assunto se ja aconteceu o ano passado? Aguardo respostas.
    Obrigada a todos.
    Ah só para constar, eu ja fiz muitos exames psicológicos e esse foi o primeiro que deu problema,então eu acho que eu não tenho problema psicológico.

    Resposta
    • 62. apeoesp  |  07/10/2012 às 14:45

      Prezada professora Paula,
      No momento, não há o que possa ser feito, pois não há ainda laudo. Se você sofrer uma reprovação por este motivo, poderá recorrer, inclusive pela via judicial.
      Bebel

      Resposta
    • 63. Josemar Candido  |  09/10/2012 às 03:00

      Paula quando se trata de exames psicológicos, é muito relativo. Mas uma dica pra quem vai realizá-los: a psicologia explica que quando pede-se para fazer uma árvore, deve-se fazer com chão, galhos, frutos e folhas e isso mostra o quanto a pessoa está inteira na questão como um todo. Quando desenhar uma pessoa, tem de por chão, olhos, cabelos, boca, nariz, dedos e quando fizer uma casa tem de por chão, janela, telhado, porta.

      Resposta
  • 64. Daniele Mesquita  |  11/10/2012 às 20:42

    Olá Bebel, conforme o que eu já havia colocado aqui, minha perícia que foi hoje, a psicóloga disse que por conta de minha licença do ano passado, a única em 9 anos de profissão, teria de ser justificada a um perito, médico psiquiatra. Fui barrada por ter ficado doente ano passado. Fizeram o agendamento para dia 21/01/2013. Me explique por favor se isto está correto ou não? Estou muito chateada mesmo, todos os meus exames deram ok, inclusive o psicológico, porém, já sabia disso desde o começo. O que posso fazer? Temo não poder ser chamada pra tomar posse ano que vem e enquanto isso, o que ocorre comigo?

    Resposta
    • 65. apeoesp  |  12/10/2012 às 13:15

      Prezada professora Daniele,
      Independente de minha opinião pessoal, você precisa saber disto do ponto de vista legal. Ligue para 11.33506214 ou procure o(a) advogado(a) na subsede.
      Bebel

      Resposta
  • 66. Sonia Regina  |  31/10/2012 às 09:48

    Por favor, aqueles que já fizeram a pericia, por favor relatem como foi
    Obrigada
    Sonia

    Resposta
  • 67. luciana Torres  |  08/11/2012 às 10:46

    Dia 07 de outubro, compareci no Departamento de Perícias Médicas do Estado, conforme a solicitação do agendamento, porém recebi uma Solicitação complementar para subsidiar parecer médico-pericial para fins de conclusão de inspeção para fins de ingresso,essa solicitação foi na área da psicologia, obtendo somente essa informação, gostaria de saber como devo proceder na próxima pericia psicologica. Grata pela atenção
    Luciana

    Resposta
    • 68. apeoesp  |  10/11/2012 às 13:46

      Prezada professora Luciana,
      Você deve cumprir o solicitado. Caso discorde, pode procurar o(a) advogado(a) do sindicato na subsede para verificar se algo pode ser feito.
      Bebel

      Resposta
      • 69. luciana Torres  |  10/11/2012 às 21:11

        Olá Bebel, obrigada pela atenção, realmente devo cumprir o solicitado, pois uma nova oportunidade foi solicitada, Pensei que estava reprovada.
        Um grande abraço,
        Luciana

  • 70. Paula  |  09/11/2012 às 21:43

    Olá Bebel você pode me tirar uma dúvida, muitas pessoas estão sendo retidas na pericia de ingresso, o meu caso como disse foi por exame psicológico. Ta todo mundo falando sobre prazo de posse ou nomeação que tem que pedir, que pode pedir até 120 dias. Eu não to entendendo nada sobre isso. É preciso pedir algo, fazer algo para não perder os prazos?´Se tiver que fazer algo, eu tenho que fazer isso logo? Ou só depois da prova do curso, ou depois que sair a nomeação somente? Aguardo respostas
    Obrigada

    Paula

    Resposta
    • 71. apeoesp  |  10/11/2012 às 12:36

      Prezada professora Paula,
      Você pedir prorrogação do prazo para a posse apenas após a nomeação. Para mais informações, ligue para 11. 33506214.
      Bebel

      Resposta
  • 72. Daniele Mesquita  |  10/11/2012 às 19:37

    Bebel, gostaria do mesmo esclarecimento.
    A nomeação será realizada para todos, até mesmo aqueles que ficaram retidos em janeiro? Depois que fizermos a nova perícia estará tudo ok, poderemos assumir em fevereiro?

    Resposta
    • 73. apeoesp  |  10/11/2012 às 20:29

      Prezada professora Daniele,
      Todo professor considerado apto, tendo cumpridos os requisitos exigidos na perícia, podem tomar posse normalmente. Os que não forem considerados aptos, dependendo do caso podem ingressar com ação judicial, por meio do departamento jurídico da APEOESP.
      Bebel

      Resposta
  • 74. Sergio  |  12/11/2012 às 20:56

    Olá Bebel e professores!
    Alguém sabe dizer se os exmes são obrigatórios para quem não vai assumir?Esse telefone informado para tirar dúvidas é de onde?Obrigado!

    Resposta
    • 75. apeoesp  |  18/11/2012 às 13:56

      Prezado professor Sérgio,
      Os exames são obrigatórios apenas para aqueles que vão assumir o cargo.
      Bebel

      Resposta
  • 76. joão  |  12/11/2012 às 23:36

    estou vendo muitos comentários de professores que foram retidos, e terão que refazer os exames médicos , e o teste psicologico, nos outros concursos os professores que tiveram que refazer a maioria entrou, ou não aguardo respostas…

    Resposta
    • 77. apeoesp  |  18/11/2012 às 13:52

      Prezado professor João,
      Não temos dados para responder a sua pergunta. Todo professor que se considerar prejudicado pela perícia pode recorrer por meio do departamento jurídico da APEOESP. Já vencemos várias causas em anos anteriores.
      Bebel

      Resposta
  • 78. Daniele Mesquita  |  15/11/2012 às 21:32

    Então Bebel, não sei se você entendeu o que estou colocando. Gostaria de saber se na nova perícia, que no meu caso, será no dia 21 de janeiro, eu já pego algum documento com o médico no dia e posso tomar posse no dia 22, você sabe me informar isso?

    Terá alguma demora, já que são tantos professores que terão de voltar por lá, tanto em janeiro, quanto em fevereiro! E agora? A gente recebe esse documento do médico no dia que já dá pra tomar posse ou teremos de esperar alguma publicação de todos os professores no D.O.E.?

    Resposta
    • 79. apeoesp  |  16/11/2012 às 12:44

      Prezada professora Daniele Mesquita,
      Do nosso ponto de vista, publicada a nomeação no Diário Oficial, o(a) candidato(a) precisa cumprir as exigências do edital do concurso. Uma vez de posse dos documentos necessários, inclusive resultados de exames e perícias, pode tomar posse imediatamente. Não há necessidade de aguardar novas publicações. Peço que confirme esta informação pelo telefone 11.33506214.
      Bebel

      Resposta
  • 80. Elza  |  29/11/2012 às 01:19

    Olá Bebel, gostaria de saber como fica os novos ingressantes , sendo que saiu a classificação dos professores efetivos da escola. Depois da publicação quanto tempo tenho para tomar posse. Como é feito isso.Sou categoria F e não sei como funciona as regras para os novos ingressantes.

    Resposta
    • 81. apeoesp  |  04/12/2012 às 10:03

      Prezada professora Elza,
      São 30 dias para a posse após a nomeação.
      Bebel

      Resposta
  • 82. Daniele Mesquita  |  10/12/2012 às 16:53

    Cara Bebel, gostaria de um esclarecimento a respeito dos valores salariais. Peguei dois cargos, 30 horas de Biologia e 30 horas de Ciências. Gostaria de saber mais ou menos quanto será o salário. Vi que um professor de 30 horas semanais, recebe R$ 1400? Gostaria de esclarecimentos de que com dois cargos, quanto receberei por mês?

    Grata!

    Resposta
    • 83. apeoesp  |  12/12/2012 às 13:57

      Prezada professora Daniele,
      Por favor, procure a sua subsede, onde poderá receber informações mais precisas e detalhadas sobre seu caso específico. Endereços e telefones em http://www.apeoesp.org.br.
      Bebel

      Resposta
  • 84. Roberta Xavier  |  19/12/2012 às 19:04

    Professora Bebel
    Caso o professor ingressante / 2013 resolva adiar a sua posse, como fica a sua situação quando esse prazo acabar: ele terá as suas aulas já com horário definido ou ele terá que esperar uma nova atribuição?
    Muito obrigada pela atenção!

    Resposta
    • 85. apeoesp  |  20/12/2012 às 11:46

      Prezada professora Roberta,
      As orientações que consegui são:
      Caso o ingressante tome posse até 31/01 (dentro do prazo para participar da atribuição de aulas) e opte por prorrogar somente o exercício, ele participará da atribuição de aulas normalmente. Porém se lhe foram atribuídas aulas a título de Carga Suplementar, ele perderá estas aulas por não entrar em exercício no dia 08/02/2011, permanecendo apenas com a jornada a que faz jus, segundo o Item IV da Instrução DRHU – 1, de 12-1-2011.
       No caso de o docente haver solicitado prorrogação de posse, ou prorrogação de posse e após de exercício, ele não participará da atribuição inicial de aulas. Ao fim da prorrogação, quando for assumir o exercício, sua atribuição será apenas da jornada que estiver enquadrado e seguirá a ordem inversa da classificação dos docentes da Unidade para atribuição de aulas, começando pelos temporários (sempre aulas livres), chegando até mesmo à carga suplementar dos outros efetivos da U.E. Se ainda assim não houver aulas suficientes para a composição da jornada, a mesma deverá ser completada com aulas de outra unidade, em atribuição a ser realizada pela DE. Atentar sempre para o que estabelece a Instrução DRHU – 1, de 12-1-2011.
      Bebel

      Resposta
  • 86. Roberta Xavier  |  19/12/2012 às 19:48

    Olá, Bebel!
    Mais uma dúvida: os ingressantes 2013 poderão participar do artigo 22? Como ele funciona? Consegui aula em uma cidade muito distante e terei muita dificuldade para assumir, sei que temos vagas nas escolas próximas. Não quero perder o cargo, o que posso ou devo fazer?
    Abraços!!!

    Resposta
    • 87. apeoesp  |  20/12/2012 às 11:42

      Prezada professora Roberta,
      Somente poderá usar este direito mediante ação judicial, pois o Estado restringe o uso.
      Bebel

      Resposta
      • 88. Roberta Xavier  |  20/12/2012 às 12:09

        Muito obrigada pelas informações!!
        Para tentar o art 22 a Apeoesp pode nos representar para usar o direito mediante a ação judicial ou temos que procurar um advogado trabalhista?
        Desculpe a insistência, mas temos muitas dúvidas e é difícil entender o que estabelecem as leis.
        Aproveito para parabenizá-la pelas lutas e vitórias que têm alcançado!!!

      • 89. apeoesp  |  23/12/2012 às 12:05

        Prezada professora Roberta,
        Você faz a inscrição.Os indeferimentos motivam a APEOESP para a ação coletiva. Ações individuais também podem ser impetradas a depender do andamento da ação coletiva.
        Bebel

  • 90. andrea  |  26/12/2012 às 12:35

    Bom dia Bebel! Minha perícia médica foi agendada para o dia 10/01, porém, não estarei no Brasil no mês de janeiro pois farei um intercâmbio nesse período. Já tentei me informar no Drhu se consigo reagendar a data, porém eles não sabem me informar como fica minha situação. Tenho direito a reaver essa questão ou perco o cargo por não comparecer à primeira perícia? Existe a possibilidade de recurso?

    Andrea

    Resposta
    • 91. apeoesp  |  29/12/2012 às 22:31

      Prezada professora Andrea,
      Perderá o cargo, a não ser que ingresse com mandado de segurança. Procure o departamento jurídico.
      Bebel

      Resposta
  • 92. Roberto  |  27/12/2012 às 18:48

    MINHA AMIGA É PEBI, E VAI ASSUMIR UM CARGO EM UMA CIDADE DO INTERIOR, O PREFEITO JA FEZ A CARTA PARA PEDIR QUE ELA NÃO PERCA OS BENEFICIOS, MAS A CLAUSULA PARA NÃO PERDER O CONVÊNIO NAO SABEMOS, VC SABE QUAL É? OBRIGADO.

    Resposta
    • 93. apeoesp  |  29/12/2012 às 22:07

      Prezado professor Roberto,
      Não compreendi sua pergunta. A que convênio você se refere?
      Bebel

      Resposta
  • 94. Renata  |  28/12/2012 às 21:15

    Olá!

    Fiz a perícia médica porém faltou um exame , eles remarcaram a data para levá-lo em janeiro. Só conseguirei assumir o cargo depois de levá-lo? Isso pode me prejudicar na atribuição de aula?

    Resposta
    • 95. apeoesp  |  29/12/2012 às 21:38

      Prezada professora Renata,
      Você tem a jornada pela qual optou garantida. Para mais informações, ligue para 11.33506214.
      Bebel

      Resposta
      • 96. Daniele Mesquita  |  29/12/2012 às 22:19

        Bebel, saiu a nomeação hoje, dia 29 de dezembro, porém, para aqueles que ficaram retidos, deverão ir para a perícia na nova data marcada com os exames complementares, relatórios de médicos e etc, de acordo com a orientação do pessoal do DPME.
        Pra mim não está clara a situação sobre a posse. Minha perícia será agora, no dia 21 de janeiro. Nesse mesmo dia o médico me libera algum documento que já apresento na escola no dia seguinte para a posse? Ou terei de esperar uma nova publicação no DOE com o nome de todos aqueles que passaram por essa perícia, lá para Março?

      • 97. apeoesp  |  31/12/2012 às 13:14

        Prezada professora Daniele,
        Você somente poderá tomar posse quando for publicada sua situação como apta. Para melhor esclarecimento e eventuais providências, ligue para 11.33506214.
        Bebel

  • 98. Prof.Souza  |  30/12/2012 às 23:21

    Olá Bebel e todos os queridos professores,
    Gostaria de saber como deverei proceder agora que o meu nome saiu no DO em 28 de Dez… em que periodo devo tomar posse e fazer inscrição para as atribuições em 2013.

    Resposta
    • 99. apeoesp  |  31/12/2012 às 12:57

      Prezado professor Souza,
      Será convocado para a posse no início de janeiro e a atribuição de aulas ocorrerá a partir de 23 de janeiro.
      Bebel

      Resposta
  • 100. Daniele Mesquita  |  31/12/2012 às 13:02

    Bebel, bom dia. Na página do facebook do concurso, o que me informaram é que depois dessa nova perícia para os retidos, esperaremos 5 dias e já podemos tomar posse, isso procede?

    Resposta
    • 101. apeoesp  |  31/12/2012 às 13:15

      Prezada professora Daniele,
      Sim, é possível, dependendo da agilidade do DPME.
      Bebel

      Resposta
  • 102. Rosi  |  02/01/2013 às 12:51

    Bebel, qual será a nossa jornada de trabalho? Reduzirá para 29 aulas?
    Tenha um maravilhoso 2013!

    Resposta
    • 103. apeoesp  |  04/01/2013 às 14:42

      Prezada professora Rosi,
      Obrigada. Para você também. Ainda não sabemos como ficará. Estamos lutando.
      Bebel

      Resposta
  • 104. rose  |  03/01/2013 às 20:39

    Bebel , boa tarde ! Me encontro com muitas dúvidas,também sou ingressante e tive pericia remarcada par 09/01, olhando o D.O. do dia 29-12 vi que meu nome está na lista dos nomeados ,minha dúvida é:
    Mesmo estando marcada outra pericia se já estou nomeada posso levar a documentação na escola e tomar posse independente dessa próxima perícia, não é?
    Se não, quero entender o processo, pois se o governo já me nomeou , meu nome está no D.O. na minha lógica eu posso tomar posse, ou então, há uma outra lista de NÃO APTOS NO D.O. e uma de APTOS NO D.O.?, nossa Bebel é difiícil de entender, acredito que essa é a dúvida de muitos

    Resposta
    • 105. apeoesp  |  04/01/2013 às 13:43

      Prezada professora Rose,
      É requisito para posse, nos termos do artigo 47, VI, da Lei nº 10.261, de 28 de outubro de 1968: gozar de boa saúde, comprovada em inspeção realizada em órgão médico oficial. Para mais informações e procedimentos, por favor ligue para 11.33506214.
      Bebel

      Resposta
    • 106. Sebastiana  |  04/01/2013 às 15:05

      Rose, a lista de aptos, não aptos e retidos, como você e eu, está no Doe do dia do dia 04/01/2013 no caderno II. A lista em questão começa na pg 16.

      Resposta
  • 107. Sebastiana  |  04/01/2013 às 12:46

    Sou novata no magistério, fiquei retida na perícia devido uma cirurgia que fiz no ombro. Minha nova perícia está marcada para o dia 07/01. O mais incrível é que só fui retida por relatar o fato de ter realizado a cirugia enquanto que um colega que estava preocupado por seu exame de creatinina ter dada alterado e o de audiometria ter acusado perda de audição não teve ses exames mem abertos pelo médico reponsável, isto é mesmo uma ironia, por não dizer incoerente.

    Resposta
    • 108. apeoesp  |  04/01/2013 às 13:18

      Prezada professora Sebastiana,
      Realmente é absurdo. Caso seja cometida alguma injustiça em decorrência deste procedimento, você pode recorrer ao departamento jurídico da APEOESP.
      Bebel

      Resposta
  • 109. Sebastiana  |  04/01/2013 às 15:11

    ::Obrigada pelo apoio, é exatamente o que pretendo fazer se por esse motivo me for negado o direito assumir o meu cargo, pois estou me sentindo perfeitamente bem e o médico que realizou a cirurgia em mim garantiu que não há motivo plausível para que eu seja barrada e não possa exercer minha função normalmente.

    Resposta
  • 110. Soraia  |  07/01/2013 às 16:06

    Bebel, boa tarde!
    Conforme alguns comentários que tenho lido e de algumas reportagens também eu fiquei muito “encanada” sobre a perícia médica do concurso. Será que realmente os peritos não aprovam quem já teve alguma licença por motivo de depressão( que foi o meu caso há 4 anos), mesmo que no momento o professor esteja recuperado, muito bem e sem fazer qualquer tipo de tratamento? Meu retorno será semana que vem, e estou muito apreensiva, e se caso eu for reprovada devido a estas condições como devo proceder? Obrigada pela atenção.

    Resposta
    • 111. apeoesp  |  07/01/2013 às 18:26

      Prezada professora Soraia,
      O perito médico não pode tomar decisões discricionárias e sem justificativas. Em caso de injustiça ou decisão injustificada, o(a) professor(a) deve recorrer ao departamento jurídico da APEOESP.
      Bebel

      Resposta
  • 112. Ricely Glauce  |  07/01/2013 às 19:21

    Cara Bebel, sou professora Efetiva a 13 anos, nunc tirei licença médica, só me afastei por 15 dias em licença premio, pssei nesse ultimo concurso passei por todas as etapas porem fui barrada na pericia por ter nódulos nas cordas vocais e estar com gordura no figado, fui retida direto nem tive a chance de refazer os exames, o que posso fazer?

    Resposta
    • 113. apeoesp  |  07/01/2013 às 20:09

      Prezada professora Ricely,
      Procure o departamento jurídico na sua subsede.
      Bebel

      Resposta
  • 114. Cláudia almeida  |  09/01/2013 às 19:48

    Boa Tarde Bebel. Vi nas instruções que posso adiar a posse por 30 dias. Como devo proceder nesse caso? a solicitação é feita na escola, na diretoria de ensino?

    Resposta
    • 115. apeoesp  |  09/01/2013 às 20:01

      Prezada professora Cláudia,
      Na escola.
      Bebel

      Resposta
  • 116. Soraia  |  09/01/2013 às 22:00

    Olá Bebel, me esclareça mais uma dúvida por favor: Os professores retidos já estão com a posse prorrogada automaticamente ou terá que pedi-la na escola mesmo assim? E depois que passarmos pela nova perícia, demora para sair o resultado ou é no dia mesmo da consulta, como funciona este processo? Você pode me explicar?

    Resposta
    • 117. apeoesp  |  13/01/2013 às 13:15

      Prezada professora Soraia,
      É automático, tendo em vista o que dispõe o comunicado conjunto CGRH/DPME: A critério médico, mediante publicação em Diário Oficial, durante a avaliação médica oficial, o candidato poderá ter o prazo para posse suspenso por até 120 dias, para conclusão de perícia iniciada conforme disposto no artigo 53, I, da Lei 10.268/68, com a redação dada Lei Complementar 1.123/10.
      Bebel

      Resposta
  • 118. joão  |  11/01/2013 às 13:10

    Boa tarde Bebel, estou com uma duvida sou funcionario publico autarquia municipal, e exerço um cargo de segurança, gostaria de saber se posso pedir afastamento do meu cargo e tomar posse do estado como professor, se o estado libera este procedimento.obrigado pela atenção..

    Resposta
    • 119. apeoesp  |  12/01/2013 às 14:09

      Prezado professor João,
      Não. Você só pode acumular dois cargos de professor.
      Bebel

      Resposta
  • 120. Edinéia  |  12/01/2013 às 15:00

    Olá BEBEL!
    Fiz todas as etapas do concurso PEB II, porém não fiz a perícia médica, porque perdi o prazo que eles deram. Gostaria de saber se há possibilidade para eu recorrer.

    Resposta
    • 121. apeoesp  |  12/01/2013 às 16:13

      Prezada professora Edinéia,
      Para obter essa informação, ligue para 11.33506214.
      Bebel

      Resposta
      • 122. Edinéia  |  15/01/2013 às 15:58

        OBRIGADA!

      • 123. apeoesp  |  16/01/2013 às 11:23

        Prezada professora Edenéia,
        Disponha.
        Bebel

  • 124. Sebastiana  |  16/01/2013 às 12:53

    Bebel, fiquei retida e compareci no departamento médico novamente, no dia 07/01/2013, onde poderei ver meu nome ?

    Resposta
    • 125. apeoesp  |  17/01/2013 às 01:33

      Prezada professora Sebastiana,
      Você deve consultar o GDAE.
      Bebel

      Resposta
    • 126. Roberta Xavier  |  17/01/2013 às 12:36

      Professora Sebastiana e cara Bebel,
      Eu também fiquei retida e passei por nova avaliação no dia 10. Nada consta ainda no Gdae, Consegui ver a minha situação apenas no Diário Oficial.No site http://www.educacao.sp.gov.br estão disponibilizadas cinco listas com os resultados.
      Abraços e boa sorte!

      Resposta
  • 127. Eneida Foelkel  |  20/01/2013 às 13:34

    Bebel, o prazo para recurso é de cino dias contados a partir do dia da publicação, como fica o vencimento se cair em um final de semana ? ( recurso perícia médica )?

    Resposta
    • 128. apeoesp  |  21/01/2013 às 23:46

      Prezada professora Eneida,
      Para todos os efeitos, sempre que um prazo cai em dia não útil, vale o dia útil imediatamente posterior. Confirme com o departamento jurídico, pelo telefone 11.33506214.
      Bebel

      Resposta
  • 129. joão  |  23/01/2013 às 14:17

    olá bebel adiei a minha posse, e a secretaria da escola me disse que a minha carga inicial é de 19 hrs, gostaria de saber quando for tomar posse ficarei na escola que escolhi? e se depois que ja foi feita a atribuição posso completar esta carga horaria porque ela é muita baixa…obrigado pela atenção..

    Resposta
    • 130. apeoesp  |  24/01/2013 às 14:33

      Prezado professor João,
      Você fica na escola que esolheu. Pode tentar ampliar posteriormente.
      Bebel

      Resposta
  • 131. joão  |  24/01/2013 às 22:31

    Mais uma coisa Bebel, em São Paulo no dia de escolher a carga horaria e a escola, escolhi carga completa, mesmo eu não participando da atribuição porque adiei a posse, sera que eu vou ficar na escola que escolhi, e vou trabalhar com a carga que havia escolhido a carga completa? O meu medo é me mandar para outra escola, porque sou de outra cidade dificultando muito mais o meu acesso…obrigado pela atenção….

    Resposta
    • 132. apeoesp  |  25/01/2013 às 14:01

      Prezado professor João,
      Você deve permanecer na escola de sua escolha. Quanto às aulas, é possível que tenha que completar em outra escola.
      Bebel

      Resposta
  • 133. ro  |  25/01/2013 às 11:40

    Será que a APEOESP e entidades defensoras dos direitos humanos tem conhecimento dos constrangimentos a que os candidatos a novos integrantes do quadro de magistério do Estado estão tendo por ocasião das perícias? Muito bem faria um representante da instituição naquele local de perícias nos dias em que as mesmas para admissão são feitas. Eu por exemplo fiquei retido em psicologia. Indago: se já sou professor do Estado e não passei no exame psicológico para outro padrão, posso continuar dando aulas? Não seria o caso de eu ser afastado então ou de ser admitido no novo padrão? Pelo que pude notar como professor e principalmente como acadêmico de Serviço Social, o tratamento ali, principalmente na área psicológica, é dado preconceituosamente, pelas aparências. Se a pessoa está bem vestida, se fala bem com as madames psicólogas (principalmente) ele está aprovado. Se está de short, de cabelo pintado com cor “diferente”, de chinelo ou de uma outra maneira q ñ agrada as madames psicólogas, então a pessoa é retida sem razão de fato. E o que é pior. Os retidos que cometem a audácia de questionarem o porque ou de pedir para verificar o seu próprio laudo, são tratados deseducadamente pelas madames psicólogas, numa demonstração de total despreparo para a função. Elas necessitam de tratamento psicológico ou outro mais aprofundado. Em uma sociedade onde houvesse humanidade no atendimento ao cidadão, elas não estariam mais lá. Um senhor que pediu para ver seu laudo foi tachado de agressivo. Até parece que elas não são. Uma senhora que cometeu o mesmo erro de pedir seu laudo foi chamada de descontrolada e o que é pior. Uma das madames psicólogas disse que a preclara professora tinha que se cuidar, pois a ansiedade a havia deixada gorda! Isso é um absurdo. Por favor. Investiguem o que estou pondo aqui.
    Grato,

    Resposta
    • 134. apeoesp  |  25/01/2013 às 12:34

      Prezada professora Ro,
      Sim, este tipo de ocorrência é bem conhecida de toda a categoria, das entidades e, certamente, do governo. Já solicitamos e realizamos reuniões com a diretoria do DPME e outros órgãos do Estado para tratar do problema, mas as coisas não mudam. Por outro lado, todo professor ou professora que não concorde com a resultado da perícia ou que tenha sido desrespeitado ou maltratado na perícia tem o direito de recorrer. Pode procurar o departamento jurídico da APEOESP na subsede, que tomará as providências necessárias.
      Temos questionado muito que professores que ministram aulas há anos como OFAs sejam barrados na perícia quando são aprovados em concursos. Se podem ministrar aulas como OFAs, por que não podem fazê-lo como professores efetivos?
      Bebel

      Resposta
  • 135. joão  |  04/02/2013 às 12:30

    Bom dia Bebel, prorroguei a minha posse no dia 23 de janeiro, gostaria de saber qual a data maxima que posso para tomar posse? E depois de tomar posse mais quanto tempo eu tenho para começar a dar aula? obrigado pela atenção….

    Resposta
    • 136. apeoesp  |  05/02/2013 às 11:39

      Prezado professor João,
      Você deve tomar posse até 22/02, participar de atribuição de aulas e entrar em exercício. Também pode prorrogar o exercício, por motivo justificável. Para melhor orientação, ligue para 11.33506214.
      Bebel

      Resposta
  • 137. joão  |  05/02/2013 às 12:59

    Bebel, mas quando eu tomar posse no dia 22/02 qual o prazo para que eu possa entrar em exercicio, sem prorrogar. obrigado pela atenção.

    Resposta
    • 138. apeoesp  |  07/02/2013 às 13:44

      Prezado professor João,
      No prazo máximo de 30 dias, a contar da posse.
      Bebel

      Resposta
      • 139. Edna Silva  |  13/02/2013 às 15:17

        Olá, Bebel!
        Sou professora efetiva em um cargo e ingressei este ano em outro cargo de professor, em cidade bem próxima à que estou. Gostaria de saber se, estando em estágio probatório deste 2º cargo, poderei me afastar em função de coordenadora pedagógica na cidade em que estou. E se há esta possibilidade, qual é a legislação que me garante isso?
        Obrigada.
        Edna.

      • 140. apeoesp  |  14/02/2013 às 12:50

        Prezada professora Edna,
        A normatização do estágio probatório diz:
        O período aquisitivo do estágio probatório é de 1095 dias, contados a partir do exercício no cargo. O cômputo desse período será suspenso e a contagem de tempo prorrogada, nos casos de licença-saúde, licença-família, licença-gestante, licença-adoção, licença acidente de trabalho, readaptação, afastamento para campanha eleitoral e/ou para exercer mandato eletivo e designação e/ou afastamento para exercício de funções com atribuições diversas de seu cargo.
        Para melhor orientação, procure o departamento jurídico na subsede ou ligue para 11.33506214.
        Bebel

  • 141. Cristiane  |  15/02/2013 às 19:06

    Querida Presidenta Bebel, tudo bem?
    A primeira fez que fiz a perícia no DPME, fui considerada inapta por não apresentar um exame, foi então marcada uma nova perícia médica para o dia 14/01/2013, sendo publicada apta em 23/01/2013.
    O prazo para eu tomar posse é de 30 dias após a data (23/01/2013) da publicação da perícia médica?
    Obrigado.
    Cristiane.

    Resposta
    • 142. apeoesp  |  16/02/2013 às 10:27

      Prezada professora Cristiane,
      O prazo para posse é 30 dias após a nomeação, salvo se houver sido prorrogado por mais 30 dias, neste caso conta este prazo de mais 30 dias a partir da data original da posse. Informe-se sobre sua situação na DRE.
      Bebel

      Resposta
  • 143. Augusta Ferreira  |  07/03/2013 às 05:06

    Prezada Bebel,

    Eu gostaria de me inscrever para atribuição de aulas e gostaria de saber se vou precisar fazer todos estes exames que estão descritos no texto acima. É a primeira vez que me inscrevo por isso a razão da minha dúvida

    Obrigada

    Augusta

    Resposta
    • 144. apeoesp  |  08/03/2013 às 11:40

      Prezado professor Augusto,
      Estes exames se referem ao ingresso por concurso.
      Bebel

      Resposta
  • 145. joão  |  26/03/2013 às 02:53

    Olá Bebel, entrei este ano como professor efetivo do estado, mas só que estou trabalhando na grande São Paulo, mas moro no interior, sera que no primeiro ano consigo pedir remoção para mais perto de minha casa. obrigado pela atenção….

    Resposta
    • 146. apeoesp  |  26/03/2013 às 09:31

      Prezado professor João,
      Estamos tentando junto ao juiz estender o alcance da sentença para todos. Aguarde informações sobre a execução.
      Bebel

      Resposta
  • 147. Raquel  |  26/07/2013 às 16:28

    Por favor, ainda não prestei o concurso para PEB II, mas tenho uma dúvida, sou funcionária pública da educação e tive um afastamento de 10 dias por F32.0 (Psiquiátrico), esse cid poderia prejudicar-me numa possível perícia de ingresso? Grata.

    Resposta
    • 148. apeoesp  |  27/07/2013 às 11:13

      Prezada professora Raquel,
      É possível que sim. Neste caso, deverá buscar apoio jurídico para reverter eventual decisão desfavorável. Se for associada da APEOESP, o departamento jurídico a apoiará.
      Bebel

      Resposta
  • 149. joão  |  21/08/2013 às 01:46

    olá bebel os professores do estagio probatório irão poder pedir remoção este ano????

    Resposta
    • 150. apeoesp  |  23/08/2013 às 03:19

      Prezado professor João,
      Sim, poderão.
      Bebel

      Resposta
  • 151. bruno  |  19/11/2013 às 15:09

    gostaria de saber o seguinte
    estou em estagio probatório…se eu for chamado para segundo cargo e nesse der como inapto , tenho chance de perder meu outro cargo?
    tem legislação sobre isso?
    agradeço e aguardo resposta

    Resposta
    • 152. apeoesp  |  24/11/2013 às 14:28

      Prezado professor Bruno,
      Não. Uma coisa nada tem a ver com a outra. Informe-se melhor pelo telefone 11.33506214.
      Bebel

      Resposta
  • 153. Juliana  |  07/02/2014 às 01:54

    Fui aprovada no cuncurso para pebII e estou realizando os exames necessários, porém o exame de audiomentria deu uma dissonância de grau leve. Gostaria de saber se poderei ser reprovada na perícia por este resultado.
    Att
    Juliana

    Resposta
    • 154. apeoesp  |  09/02/2014 às 11:15

      Prezada professora Juliana,
      Não tenho condições de prever esta situação. Se for prejudicada, poderá ingressar com recurso judicial, por meio da APEOESP.
      Bebel

      Resposta
  • 155. sarah  |  11/03/2014 às 00:59

    Prezada Bebel,
    gostaria de saber se é possível a pericia medica me reprovar, pois não entreguei o exame de laringoscopia, isso ocorreu porque estou gestante e a minha médica não me autorizou a fazer esse exame. Então para justificar a não entrega desse exame ela me entrou uma carta dizendo os motivos, para que eu entregasse junto com os outros exames.

    Resposta
    • 156. apeoesp  |  16/03/2014 às 13:03

      Prezada professora Sarah,
      Se ocorrer, você pode ingressar com ação judicial por intermédio da APEOESP, se for associada, pois o seu motivo é plenamente justificável. Se você entregou a carta da médica, creio que isto não ocorrerá.
      Bebel

      Resposta
  • 157. Patricia Dias  |  03/05/2014 às 19:15

    Olá.
    Tenho uma dúvida.. Fui chamada para escolha nesta 2ª fase, porém estou um pouco apreensiva com a perícia médica… Sou categoria O e estou no Estado desde 2011. No ano de 2012 para cá tirei alguns dias de licença para tratamento de uma infecção no meu joelho.. De inicio os médicos não sabiam direito do que se tratava então fui fazendo tratamentos em vão… Somente no meio de ano passado é que o médico diagnosticou como osteoartrose… Ele me tranquilizou dizendo que teria que tratar a vida toda, porém não me impediria de trabalhar… A minha dúvida é: será que serei prejudicada na perícia? Não são solicitados exames ortopédicos.. eles vão fazer como? Vão puxar os motivos de licença? Ou eu que devo preenche-los no atestado de antecedentes de saúde? Me auxiliem nesta dúvida… Grata…

    Resposta
    • 158. apeoesp  |  04/05/2014 às 14:16

      Prezada professora Patricia,
      Não podemos prever de antemão como a perícia ocorrerá. Creio que, por via das dúvidas, é melhor declarar o problema. É possível que eles busquem informações anteriores, e a omissão pode prejudica-la. Caso ocorra injustiça no resultado, poderá recorrer, com auxílio da APEOESP.
      Bebel

      Resposta
  • 159. Maria Malan  |  06/05/2014 às 19:49

    Boa tarde,
    Gostaria de saber se como faço, pois, não posso fazer o exame de colposcopia, somente o Papanicolau, a médica não acha necessário fornecer uma declaração de que não sou sexualmente ativa, pois, tal condição não me impede de assumir o cargo de professora. Que situação…Qual o procedimento diante desta situação absurda?

    Resposta
    • 160. apeoesp  |  11/05/2014 às 14:34

      Prezada professora Maria,
      Você deve solicitar esta declaração apenas se o médico perito a exigir.
      Bebel

      Resposta
  • 161. michelle araujo gomes  |  13/05/2014 às 17:25

    ola Bebel assumi o cargo PEBll porem só termino a faculdade esse ano sera que tenho chance de prorrogar até a minha conclusão do curso abç

    Resposta
    • 162. apeoesp  |  18/05/2014 às 17:44

      Prezada professora Michelle,
      Você pode prorrogar a posse por 30 dias, e mais 30. A SEE diz que neste caso poderá fazer uma “repescagem” no final da validade do concurso, caso ainda haja vagas.
      Bebel

      Resposta
  • 163. Edimar T Rocha  |  14/05/2014 às 14:02

    Sou portador de diabetes, meu exame de glicose deu 130, acima do normal portanto, faço tratamento e acompanhamento, será que serei considerado inapto para ingresso, fui aprovado neste último concurso.

    Resposta
    • 164. apeoesp  |  17/05/2014 às 13:36

      Prezado professor Edimar,
      Não é possível prever. Depende da avaliação do médico perito.
      Bebel

      Resposta
  • 165. Tatiane  |  21/05/2014 às 13:53

    O exame de urocultura é obrigatório, visto que o de urina está OK.

    Resposta
    • 166. apeoesp  |  25/05/2014 às 15:47

      Prezada professora Tatiane,
      Todos os exames são obrigatórios, a não ser que tenha outro dentro do prazo de validade.
      Bebel

      Resposta
  • 167. Ana Lucia  |  07/06/2014 às 02:28

    ola meus exames de colposcopia e colpocitologia nao ficaram prontos,mas devo me inscrever mesmo assim no endereço eletronico para agendar a pericia e fazer a declaraçao de atestado de saude ou devo pegar os exames primeiro para depois comparecer na D.E para o agendamento da pericia?
    grata.

    Resposta
    • 168. apeoesp  |  07/06/2014 às 15:45

      Prezada professora Ana Lucia,
      É importante que na data marcada você tenha todos os exames. Sugiro que entre em contato com o DPME para verificar o melhor procedimento.
      Bebel

      Resposta
  • 169. Tabata Lenice  |  25/06/2014 às 14:20

    OI professora Bebel, estou ingressando neste concurso peb II, e não vou poder comparecer na perícia médica, o que devo fazer?

    Resposta
    • 170. apeoesp  |  29/06/2014 às 14:40

      Prezada professora Tabata,
      Você deve solicitar na Diretoria de Ensino o adiamento perícia.
      Bebel

      Resposta
  • 171. Mena  |  27/06/2014 às 02:38

    Prezada Bebel,

    Sou professora na Rede Estadual há 17 anos (Categoria F) e no decorrer destes anos tenho 11 licenças a mais longa de 20 dias e as outras de curta duração como 2 dias e 3 dias o máximo de licenças que tirei foram duas de 3 dias em 2013. Ao realizar o exame de perícia a médica disse que estava apta, pois todos os meus exames estão ok, mas hoje ao conferir meu nome no diário oficial saiu com Não-Apto tendo como justificativa “multiplas licenças médicas. Fui hoje mesmo ao DPME e pedi Reconsideração de ingresso. Estou muito aflita e gostaria de saber quais são os próximos passos. Desde já agradeço a sua atenção!
    Obs: Tenho a “guia de documento de ingresso a qual me foi entregue pelo DPME , no final da mesma tem três pareceres com médicos diferentes. O primeiro Parecer médico consta “APTO”
    o segundo conclusão de ingresso consta “APTO” (Candidato preenche todos os requisitos para a vaga pretendida) e o último “parecer final” NÃO APTA (Multiplas LM)

    Resposta
    • 172. apeoesp  |  29/06/2014 às 13:43

      Prezada professora Mena,
      É necessário aguardar o resultado do recurso, para eventual ação judicial. Entretanto, procure desde já o departamento jurídico na subsede para orientar-se. Boa sorte.
      Bebel

      Resposta
  • 173. Renato Junior  |  30/06/2014 às 00:34

    Boa noite . . . sou professor de Matemática da rede há 15 anos e no ano passado tirei licença por stress com a qual fiquei afastado por 150 dias pelo Servidor.

    Tenho o laudo médico com o parecer de que recebi alta e não faço uso de medicamento nenhum e na minha perícia pareceu “não apto” por licença médica gostaria de saber se as pessoas que entraram com reconsideração conseguiram o resultado de “apto” pois no meu caso tenho o LAUDO do médico ?

    Grato

    Resposta
    • 174. apeoesp  |  05/07/2014 às 11:48

      Prezado professor Renato,
      Cada caso tem suas particularidades. Ingresse com recurso. Se o resultado não for favorável, poderá tentar a via judicial.
      Bebel

      Resposta
  • 175. Aline Gonçalves  |  21/09/2014 às 21:00

    Olá, fui considerada inapta na primeira perícia e entrei com o pedido de reconsideração, porém não acompanhei as publicações do DO e fui convocada para nova perícia, na qual não compareci, dias depois fui considerada inapta por não comparecimento. Nesse caso, existe algo que eu possa fazer para reverter essa situação?

    Resposta
    • 176. apeoesp  |  27/09/2014 às 13:19

      Prezada professora Aline,
      Dificilmente. Tente uma nova reconsideração. Explique seus motivos.
      Bebel

      Resposta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Mensagem da Presidenta da APEOESP às professoras

Clique no play para ouvir.

Blog Stats

  • 3,334,100 hits

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 427 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: