Orientação sobre a prova para os ACTs, que acontecerá em 11 de novembro

10/11/2012 at 16:12 188 comentários

Reproduzimos o Edital de Convocação e Orientações Jurídicas para o processo seletivo sim­plificado dos professores ACTS.

A prova será realizada no próximo domingo, 11 de novembro. É de suma importância que os candidatos atentem para todas as orientações.

O professor impossibilitado de atender à convocação para a realização da prova deve justificar a ausência em requerimento dirigido ao Dirigente Regional de Ensino da diretoria de Ensino da sua região (em duas vias, ficando com cópia do requerimento devidamente protocolado, anexando comprovante(s) necessário(s) para análise do pedido), sob pena de se ver dispensado, caso a justificação não seja aceita, nos termos do disposto no artigo 4º das Disposições Transitórias da Lei Complementar nº 1.093/2009.

Segundo a Resolução SE nº 8/2010, o professor tem o prazo de cinco dias para apresentação da justificativa pelo não comparecimento, contados da data da realização da prova.

Provão é obrigatório

Alertamos a todos de que o provão é obrigatório, e não fazê-lo de forma injustificada impedirá que os Estáveis e os “Categoria F” participem do processo de atribuição de aulas para o ano de 2012. Recomenda-se que os professores ACTs readaptados também façam a prova, porque se a readaptação for cessada por qualquer motivo este professor poderá ter aulas atribuídas para si.

Só não está obrigado a fazer a prova o professor da Categoria F que tenha sido considerado aprovado nos processos anteriores, ainda que tenha usado o tempo de serviço para compor a nota mínima.

Fique atento aos horários da prova, que será realizada no dia 11 de novembro

Os professores que farão as pro­vas devem ficar atentos aos horários. Todos devem comparecer ao local da prova com, pelo menos, meia hora de antecedência de seu início, portando caneta esferográfica de material trans­parente azul ou preta, lápis preto nº 2 e borracha.

OS PORTÕES SERÃO FECHADOS ÀS 8h30 NO PERÍODO DA MANHÃ E ÀS 14h30 NO PERÍODO DA TAR­DE, NÃO SENDO PERMITIDO O INGRESSO DE RETARDATÁRIOS.

Manhã:

Início às 8h30

Duração: 4 horas

Campo de Atuação Aulas: Alemão, Arte, Biologia, Ciências Físicas e Biológi­cas, Educação Física, Espanhol, Filosofia, Física, Francês, Geografia, Historia, Inglês, Italiano, Japonês, Língua Portu­guesa, Matemática, Psicologia, Química, Sociologia e Educação Especial.

Tarde:

Início às 14h30

Duração: 4 horas

Campo de Atuação Classe

Locais da prova

Os professores que se inscreveram regularmente devem consultar os sites da Fundação VUNESP (www.vunesp.com.br) ou da Secretaria da Educação (www.educacao.sp.gov.br) para saber onde farão as provas.

Se o nome de qualquer dos inscritos não constar da consulta relativa aos lo­cais da prova, o mesmo deverá entrar em contato com o DISC VUNESP pelo telefone (011) 3874-6300, de segunda até sexta-feira, das 8 às 20 horas e, ao mesmo tempo, com a Diretoria de Ensino de Opção, de segunda até sexta-feira, das 9 às 17 horas.

Se o problema persistir, o professor deverá formular na Diretoria de Ensino que optou para a realização da prova o modelo de requerimento relativo à inscrição na prova.

Não se esqueça de levar documen­to de identificação.

Plantão jurídico

A Secretaria de Legislação e Defesa do Associado vai manter plantão no dia de prova, das 8 às 18 horas, para todos os que precisarem de orientações.

Os advogados de plantão na Sede Central atenderão pelos te­lefones: (011)- 3350-6068 e (011)- 3350-6162 (estas linhas funcionarão apenas no dia de plantão).

As subsedes do interior também manterão advogados de plantonistas, de modo que cada um de nossos escritórios permaneça de plantão na maior subsede em que presta atendimento. As subse­des, dentro de sua área de abrangência, deverão divulgar amplamente o número do telefone que será utilizado pelo advo­gado, a fim de que todos os sócios que enfrentem problemas na prova possam ser adequadamente atendidos.

“Provão dos ACTs”: orientações jurídicas

A despeito de ser um processo seletivo simplificado, os princípios constitucionais relacionados aos con­cursos públicos têm que ser observados também nesta prova, especialmente aqueles que visam tratar todos os can­didatos de maneira igualitária, de modo que todos tenham as mesmas chances de aprovação.

Desta forma, qualquer irregulari­dade poderá ser questionada juridica­mente. Para tanto, é importante que os professores tomem as seguintes medidas:

1) Utilizando os modelos de repre­sentação que estão reproduzidos neste material, o professor deverá elaborar, imediatamente, o reque­rimento em duas vias e protocolar junto à Diretoria da Escola em que realizará a prova. Se a Escola negar o protocolo, este deve ser feito junto às Diretorias de Ensino.

2) Feito isso, o professor deverá en­caminhar a cópia do protocolo à subsede da APEOESP mais próxima, que deverá reencaminhar para a Secretaria de Legislação e Defesa dos Associados, aos cuidados de Paulo Azevedo, para que as medi­das judiciais cabíveis, se for o caso, possam ser tomadas.

Subsedes

As subsedes também deverão man­ter plantão com Conselheiros e Direto­res para atendimento aos professores.

Na primeira versão da prova, que foi anulada através de ação judicial, verificou-se a ocorrência de, ao menos, as seguintes irregularidades:

a) A existência de gabaritos divulgados antes do dia da prova;

b) A existência de prova que circulava fora dos locais de aplicação antes mesmo do início oficial de sua aplicação;

c) A existência de provas que foram retiradas dos envelopes lacrados muito antes do horário em que a prova deveria ser aplicada.

Em caso de irregularidade, é fun­damental que se consiga provar a existência dessas e de outras eventuais ilegalidades, o que poderá ser feito através de prova testemunhal, mas também, e principalmente, através do registro dessas ocorrências em órgãos públicos, cujas declarações tenham fé pública.

Se a subsede tomar conhecimen­to do vazamento de documentos (gabaritos, provas e etc.) em dias da semana, deverá levar esse documen­to a qualquer cartório e solicitar que sejam feitas, ao menos, duas cópias autenticadas do documento; além disso, deverá, portando o original e uma das cópias autenticadas, registrar a ocorrência na Delegacia de Polícia mais próxima da subsede onde o problema for verificado.

Se tomar conhecimento do vaza­mento de documentos (gabarito, provas e etc.), no sábado que anteceder a data da prova ou no domingo em que a prova ocorrer, deverá ir até a Delegacia de Polícia portando o documento original e registrar a ocorrência, SOLICITANDO QUE A AUTORIDADE POLICIAL REGISTRE FIDEDIGNAMENTE A HORA EM QUE O DOCUMENTO FOI EXIBIDO NA DELEGACIA DE POLÍCIA..

Outro caso bastante comum: por­tões são fechados antes do horário determinado para tanto.

Neste caso, a subsede deve enviar ao local da ocorrência ao menos um Conselheiro que distribuirá àqueles que possam testemunhar esse fato o modelo de declaração que vai formulado abaixo. Além disso, esse Conselheiro deverá acompanhar os prejudicados que se dispuserem ir à Delegacia de Polícia mais próxima do local dos fatos para o registro da ocorrência. Se possível deve levar à Delegacia testemunhas que não sejam os diretamente prejudicados pelo fato.

(veja os modelos de requerimentos no boletim APEOESP Urgente nº 79 no site da entidade: http://www.apeoesp.org.br)

Anúncios

Entry filed under: Artigos.

Retroativos da promoção na carreira serão pagos no 5º dia útil Nota: Pela continuidade da política democrática e inclusiva na educação pública básica

188 Comentários Add your own

  • 1. `Paulo  |  11/11/2012 às 03:52

    olá Bebel
    sou professor titular mas minha esposa é categoria o desde 2011, isto é, o fim do contrato é ate 21/12. O fato é que ela está gestante com previsão de parto entre 15 e 27 de dezembro. Caso o parto ocorra depois do fim do contrato ela perderá o direito à licença? Outra dúvida, na DE informaram que LG para Cat. o é pelo inss, neste caso, como seriam os procedimentos?

    Obrigado pela atenção de sempre

    Responder
    • 2. apeoesp  |  18/11/2012 às 15:03

      Prezado professor Paulo,
      Acredito que para que isso não ocorra é necessário uma medida jurídica. Procure o departamento jurídico da APEOESP na subsede ou ligue para 11.33506214. O ideal seria que ela pedisse licença desde já. A licença é pelo INSS.
      Bebel

      Responder
    • 3. Matheus Brito de Lima  |  21/11/2012 às 17:27

      Olá Bebel, hoje passei pela pericia médica e meu exame de videolaringoscopia e audiometria ficaram retidos, sou professor categoria O, seu não for considerado apto para lecionar como efetivo posso tirar licença saúde?

      Responder
      • 4. apeoesp  |  25/11/2012 às 11:33

        Prezado professor Matheus,
        Por coerência, sim. Mas deve buscar orientação jurídica, pois pode recorrer. Procure o(a) advogado(a) na subsede.
        Bebel

  • 5. marcia  |  11/11/2012 às 17:24

    Olá, poxa vida, trabalho na rede há quase 9 anos, alem de ter sido prejudicada com relação a categoria, não trabalho com ensino médio na disciplina de Lingua Portuguesa, e hoje senti muita dificuldade ao fazer a prova, e, uma duvida eram 20 questoes da bibliografia geral ou era a metada da prova inteira? Poderiam deixar o profissional fazer a avaliação de acordo com o que ele leciona na rede.

    Responder
  • 6. Sílvia  |  11/11/2012 às 19:57

    Olá Bebel,

    A pergunta não está vinculada ao tópico, porém não encontrei tópico sobre o assunto. Então vamos lá:

    Fui convocada para fazer o curso de formação deste ano e no próximo ano pretendo me efetivar. No entanto, não havia vagas perto da cidade onde moro (Mirassol), portanto, escolhi Inglês em São Paulo (6 horas de viagem) e Português em Sumaré (5 horas). Preciso saber se no período do Estágio Probatório eu poderei me inscrever no artigo 22, pois sei que a remoção não é possível. Fica inviável para mim ter que ir à São Paulo toda semana para trabalhar, mas é mais inviável ainda continuar fazendo parte da categoria O que não tem direito a nada – Ouvi falar que entraram com liminar pela APEOESP para garantir o direito da 22 e ganharam.. Queria saber se está em andamento algo no sentido de diminuir esse tempo de estágio probatório, só conheço uma profissão que deve ficar tanto tempo provando que sabe trabalhar: Professor. Também gostaria que abordasse a questão do novo concurso em que o edital sairia esse ano, mas não sairá mais, pois ainda vão enviar projeto referente ao curso de formação, sabendo que já deveriam ter enviado faz um bom tempo, no entanto, deixam para fazê-lo em Dezembro, em que os deputados entram em recesso e ainda demoram 45 para todo o trâmite de votação, etc. Então, você tem alguma notícia sobre esse assunto? Qual seria a previsão: Março, abril? Outra questão: Os concursos não teriam que ser realizados de dois em dois anos? Não era isso que constava em uma lei complementar que saiu há alguns anos atrás? Aguardo um retorno.
    Obrigada
    Sílvia.

    Responder
    • 7. apeoesp  |  18/11/2012 às 14:51

      Prezada professora Silvia,
      A APEOESP ingressará com nova ação judicial para garantir aos professores em estágio probatório o uso do artigo 22. Todos os anos temos obtido ganhos de causa.
      Quanto aos concursos, a lei prevê sua realização de quatro em quatro anos.
      Bebel

      Responder
      • 8. Sílvia  |  04/12/2012 às 16:45

        No caso, essa ação judicial é para todos ou só para quem procurar o departamento jurídico da APEOESP?

      • 9. apeoesp  |  08/12/2012 às 10:47

        Prezada professora Silvia,
        A qual ação judicial se refere?
        Bebel

  • 10. Luciane Antoniolli  |  11/11/2012 às 20:03

    Olá, sou uma professora de matemática iniciante, mas apaixonada pelo que faço, e portanto pertenço a categoria “O”.
    Já fui “aprovada”, neste Processo Seletivo, que não intitulo como “provinha”, pois dependo da minha aprovação para poder trabalhar no ano subsequente, e por isso fico muito angustiada em ter que passar todos os anos nessa prova.
    Acredito que a prova tenha sua importância, principalmente para ingressarmos na carreira, mas mesmo assim acho que ela não prioriza, como ocorre com a categoria “F”, a aprovação dos pertencentes a categoria “O”, acredito ter plena competência para estar em sala de aula, mas se por infelicidade, não conseguir provar isso, não “sirvo” mais para o Estado.

    Até quando nós da categoria “O”, que não somos concursados, como os professores da categoria “F”, seremos excluídos?

    Infelizmente a resposta é:

    Até você passar no concurso e virar categoria “A”, e olhe lá!

    Responder
    • 11. apeoesp  |  18/11/2012 às 14:46

      Prezada professora Luciane,
      Você tem toda a razão. A prova que o professor precisa prestar para provar sua capacidade é aquela do concurso público. O estado não deveria exigir uma prova para contratar o professor nessas condições precárias e indignas. Lutamos contra esta prova desde que ela foi criada e ela continua aí. Precisamos de mais união, mais força e mais participação nas lutas que o sindicato convoca. Somente mostrando nossa força podemos acabar com esta prova.
      Bebel

      Responder
  • 12. vivian  |  12/11/2012 às 11:36

    Autores que nao constavam no edital, cabe recurso?

    Responder
    • 13. apeoesp  |  18/11/2012 às 14:12

      Prezada professora Vivian,
      Você tem o direito de fazer o recurso.
      Bebel

      Responder
  • 14. GEOGRAFIA  |  13/11/2012 às 00:14

    Boa noite Bebel gostaria de saber se dia 20-11-2012 é feriado aqui em guarulhos.
    A diretora da minha escola disse q se trata de aula normal,pq o prefeito daqui de guarulhos nao autorizou o feriado. ela disse ainda q o governador deu o ponto facultativo.
    Pensa comigo trabalho em uma escola estadual como o prefeito pode intervir nesse assunto.
    sem mais conto com seus esclarecimentos
    bjos e obrigada

    Responder
    • 15. apeoesp  |  18/11/2012 às 13:37

      Prezada professora Geografia,
      O prefeito antecipou o feriado para 19/11. Como o feriado é municipal, a interpretação jurídica da SEE é a de que o ponto facultativo do Estado deve acompanhar. Discordamos deste posicionamento, mas não houve tempo hábil para recorrer devido ao feriado de 15/11 e ponto facultativo em 16/11.
      Bebel

      Responder
  • 16. Mariana  |  13/11/2012 às 07:58

    Bebel, para o categoria O o temo de serviço poderá ser somado para ser aprovado? ou seja 32 + os pontos? como calcular os pontos? Obrigada

    Responder
    • 17. apeoesp  |  18/11/2012 às 13:17

      Prezada professora Mariana,
      Sim, desde que tenha cinco anos ou mais na rede. Calcula-se cada dia multiplicado por 0,004.
      Bebel

      Responder
  • 18. Márcia Lopes  |  13/11/2012 às 10:17

    Bom dia cara Bebel,

    Estou na dúvida: participei do processo seletivo no dia 11/11/2012 acabei de ver minha nota da prova na imprensa oficial consegui 37 pontos na prova, sou da extinta categoria L , agora sou O como tenho mais de 5 anos de trabalho conseguirei completar os pontos restantes com este tempo de serviço chegando ao mínimo que são 40 pontos.

    Desde já agradeço sua atenção.

    Márcia

    Responder
    • 19. apeoesp  |  18/11/2012 às 12:28

      Prezada professora Márcia,
      Você pode usar o tempo de serviço. Não há nenhuma restrição na legislação.
      Bebel

      Responder
  • 20. July  |  13/11/2012 às 13:41

    July
    Bebel sou categoria F e acertei 32 está valendo completando com a pontuação? Passei?

    Responder
    • 21. apeoesp  |  18/11/2012 às 12:08

      Prezada professora July,
      Se tem mais de cinco anos de tempo de serviço, sim.
      Bebel

      Responder
  • 22. Angela  |  13/11/2012 às 18:51

    Gostaria de saber se o professor categoria O, com tempo de serviço superior a 5 anos, pode ter a nota completada para 40 pontos, se atingir mais de 32 pontos

    Responder
    • 23. apeoesp  |  18/11/2012 às 11:32

      Prezada professora Angela,
      Sim, você pode pleitear, pois a lei não faz restrição neste caso.
      Bebel

      Responder
  • 24. Geraldo Rondelli  |  13/11/2012 às 19:59

    Oi Bebel, boa tarde. Estamos chegando ao final do ano e até o momento não teve mais nenhuma notícia a respeito da implantação da jornada do piso ( 26 aulas). Há alguma possibilidade de redução de aulas para o início de 2013, ainda que, como já foi cogitado diversas vezes, de forma paulatina? Obrigado.

    Responder
    • 25. apeoesp  |  18/11/2012 às 11:30

      Prezado professor Geraldo,
      Lutamos por isto, inclusive buscando negociação com a SEE.
      Bebel

      Responder
  • 26. Simone  |  13/11/2012 às 20:29

    Por gentileza,

    Qual a previsão para o resultado final do processo seletivo simplificado e classificação final?

    Obrigada!

    Responder
    • 27. apeoesp  |  18/11/2012 às 11:26

      Prezada professora Simone,
      A classificação deve ser publicada apenas em janeiro.
      Bebel

      Responder
  • 28. Adislaine  |  13/11/2012 às 23:45

    OLÁ, BEBEL,
    Passei na prova do mérito, mas até hj dia 13/11 não recebi o retroativo.

    Responder
    • 29. apeoesp  |  18/11/2012 às 11:00

      Prezada professora Adislaine,
      A SEE informou que o pagamento será feito por folha suplementar. Prometeu para o quinto dia útil, o que não ocorreu. Não deram nova previsão de data. Estamos insistindo.
      Bebel

      Responder
  • 30. Ana  |  14/11/2012 às 00:49

    Olá Bebel!!
    Você sabe se continuará prevalecendo a regra dos anos anteriores do uso dos pontos para chegar na média dos 50% de acertos?
    Pergunto porque acertei somente 39 questões.

    Desde já agradeço a atenção.
    Abraços. Ana

    Responder
    • 31. apeoesp  |  18/11/2012 às 10:55

      Prezada professora Ana,
      Sim, as regras não mudaram.
      Bebel

      Responder
  • 32. Antonio da Silva Bispo  |  14/11/2012 às 01:51

    Bebel fiz a prova, fui aprovado com 43. Estarei iniciando a carreira no próximo ano. Independente da categoria é possivel eu me sindicalizar?

    Responder
    • 33. apeoesp  |  18/11/2012 às 10:54

      Prezado professor Antonio,
      Sim, você pode se sindicalizar, qualquer que seja a categoria.
      Bebel

      Responder
      • 34. Antonio da Silva Bispo  |  19/11/2012 às 00:29

        Ótimo, farei isso no inicio de 2013. Participando e fortalencendo a luta do professorado. Abraços e conte comigo.

  • 35. Maria  |  14/11/2012 às 01:53

    Com relação ao dia da Conciência Negra, quando feriado é facultativo no municipio as escolas estaduais podem aderir também ao feriado?

    Responder
    • 36. apeoesp  |  18/11/2012 às 10:51

      Prezada professora Maria,
      Sim, será ponto facultativo também no Estado.
      Bebel

      Responder
  • 37. Maria  |  14/11/2012 às 01:57

    Como é feita a contagem de dos pontos para a prova de mérito? É somente dentro dos 4 anos de tempo de trabalho no Estado ? Poís, não tive pontuação necessaria nste ultimo processo, gostaria de saber de quando a qundo é calculado esta pontuação?

    Responder
    • 38. apeoesp  |  18/11/2012 às 10:52

      Prezada professora Maria,
      Sim, a contagem é feita dentro do interstício.
      Bebel

      Responder
  • 39. edna santana souza  |  14/11/2012 às 03:02

    Olá Bebel, gostaria de saber se a categoria O, assim como ano passado, tem acrescentado o tempo de serviço à nota da prova, a fim de classificação. Grata

    Responder
    • 40. apeoesp  |  18/11/2012 às 10:44

      Prezada professora Edna,
      Sim, as regras não mudaram.
      Bebel

      Responder
  • 41. kely  |  14/11/2012 às 12:16

    Bom dia Bebel!
    Esse seletivo vai ser classificatório ?Em uma lista só ou vai ter lista de aprovados e lista dos reprovados? Quando que vai acabar esse sofrimento ?Abraços

    Responder
    • 42. apeoesp  |  18/11/2012 às 10:45

      Prezada professora Kely,
      Haverá duas listas, como antes. É classificatória no sentido de que todos podem obter aulas, em momentos diferentes. Nossa luta terá que ser muito maior e mais forte, para as coisas mudarem.
      Bebel

      Responder
  • 43. vivi  |  14/11/2012 às 15:38

    Quando saberemos se alguma questão foi anulada?????A prova de português estava muito confusa!!!!

    Responder
    • 44. apeoesp  |  18/11/2012 às 10:46

      Prezada professora Vivi,
      Ainda não há nenhuma informação sobre anulação de questões da prova.
      Bebel

      Responder
  • 45. Arnaldo  |  14/11/2012 às 18:44

    Eu gostaria de saber como é que pode se ter apenas dois dias para estar recorrendo do gabarito da prova se eu não tenho acesso as questões, isto é, a prova que foi aplicada neste dia 11?
    Não deveria ser publicada primeiro a prova para depois estar recorrendo de alguma questão?
    pois eu estou intrigado com algumas questões mas não me lembro quais são, e quero saber se será disponibilizado a dita prova, e quando isso será disponibilizado.

    Responder
    • 46. apeoesp  |  18/11/2012 às 10:28

      Prezado professor Arnaldo,
      Não tenho essa informação e, em razão do feriado, somente será possível tentar obtê-la na segunda ou quarta-feira.
      Sugiro que ligue na quarta-feira para 11.33506214.
      Bebel

      Responder
  • 47. Andrea  |  14/11/2012 às 19:11

    Boa tarde, Isabel… gostaria de saber se vc já tem alguma informação sobre o pagamento do retroativo da prova do mérito. Tentei falar na subsede várias vezes e, a única vez que atenderam, não tinham nenhuma informação, na verdade, a pessoa que me atendeu disse que nem sabia que já havia saído a lista dos aprovados na prova do mérito. Gostaria muito de alguma informação se a SEE já deu alguma resposta, e se existe uma previsão para o pagamento.

    Obrigada

    Responder
    • 48. apeoesp  |  17/11/2012 às 12:03

      Prezada professora Andrea,
      Foi nos informado apenas que haverá folha suplementar, mas não precisaram a data. Continuamos insistindo.
      Bebel

      Responder
  • 49. Paulo Vizoná  |  14/11/2012 às 22:38

    Boa noite, infelizmente faltei a prova dos ofas neste ultimo domingo. Gostaria de saber se, eu como ofa f aprovada, corro o risco de ter problemas futuros por ter faltado a prova.
    Desde já agradeço.

    Responder
    • 50. apeoesp  |  17/11/2012 às 11:56

      Prezado professor Paulo,
      Não haverá problemas.
      Bebel

      Responder
  • 51. LUciana da silva  |  15/11/2012 às 00:52

    sou categoria f,fiz as provas nos anos anteriores e passei.Este ano me inscrevi mas não compareci.Isto pode me prejudicar de algum modo?

    Responder
    • 52. apeoesp  |  17/11/2012 às 11:55

      Prezado professor Luciano,
      Não. Não haverá nenhum prejuízo.
      Bebel

      Responder
  • 53. CÉLIA Rodrigues Gomes Antonieto  |  15/11/2012 às 01:11

    BEBEL ,VOCE SABERIA ME INFORMAR PARA SE APROVADO COM A NOTA DA PROVA DO MÉRITO A MÉDIA É 5 ?

    Responder
    • 54. apeoesp  |  17/11/2012 às 11:54

      Prezada professora Célia,
      Não. A média é 6,0.
      Bebel

      Responder
  • 55. prof. Renato  |  15/11/2012 às 01:27

    Cara presidenta Bebel,
    Poderia me orientar por gentileza? Pergunto para um amigo. “Sou categoria O e não alcancei a nota de “corte” na provinha; posso adicionar a pontuação de tempo de serviço à pontuação da prova para fins de atribuição”?
    Obrigado desde já a orientação,
    Renato.

    Responder
    • 56. apeoesp  |  17/11/2012 às 11:54

      Prezado professor Renato,
      Nada há na resolução que trata do assunto que impeça o uso do tempo para completar a nota.
      Bebel

      Responder
  • 57. Carlos Henrique Tretel  |  15/11/2012 às 08:55

    Olá, Bebel, bom dia!
    Acompanhando a última reunião do Conselho de Educação de Piracicaba, onde moro, fiquei sabendo de reunião na Câmara de Vereadores local a respeito do PPA no tocante à área de educação, em que se faria presente uma representante da Apeoesp de nome, salvo engano, Leonor. A reunião, se efetivamente realizada, estava marcada para a segunda-feira passada, dia 12, às 14 horas. Não sei se ela aconteceu pois não pude me fazer presente e também porque ninguém, até o momento, fez ou pôde fazer a gentileza de relatá-la para o blog para o qual escrevo no momento, o DE OLHO NOS CONSELHOS DE EDUCAÇÃO, http://www.deolhonosconselhos.wordpress.com, ainda que tenha suplicado por diversas vezes algum retorno por lá, notadamente da assessora Érica do vereador Paiva, que foi a pessoa presente à reunião do CME-Piracicaba, a que me referi acima, incumbida pelo vereador Paiva de realizar o convite aos (novos, por sinal) conselheiros. Veja a notícia completa da posse da nova composição do CME-Piracicaba para o período de 2012-2014 no próprio blog. Convido-a pois, Bebel, para que você, bem como todos(as) os(as) demais professores(as), participem desse blog, enviando matérias ou comentários. Se possível, peça, por gentileza, para a Leonor relatar-nos por lá a importante reunião, da qual nada ficamos sabendo pelo site da Câmara de Vereadores, http://www.camarapiracicaba.sp.gov.br, notadamente em seu campo COMISSÕES que, a bem da verdade, não informa quase nada, apenas os nomes de seus vereadores membros. Pagamos caro para os vereadores nos oferecerem tão pouco… Dá, com os recursos que a Câmara de Vereadores conta, para a Comissão de Educação se comunicar muito melhor conosco, vocês não acham? Quem sabe se o Projeto de Resolução número 04/2012, do próprio vereador Paiva, for melhor discutido, ele pode suprir essa lacuna atual do site do que alguns ousam chamar a Casa do Povo?

    Responder
  • 58. juliana  |  15/11/2012 às 12:57

    Oi Bebel,
    Os MUITOS professores retidos na pericia médica precisam de orientações de como proceder com o atraso na nomeação e posse. Por favor, o que faremos até sair a nomeação?

    Responder
    • 59. apeoesp  |  16/11/2012 às 13:32

      Prezada professora Juliana,
      Verifique junto ao departamento jurídico na subsede ou ligando para 11.33506214, o procedimento a tomar.
      Bebel

      Responder
  • 60. Eduardo Costa  |  15/11/2012 às 14:20

    Edital do concurso para professor PEB II deve ficar para 2013

    O concurso para professores de educação básica II (PEB II) da Secretaria Estadual de Educação de São Paulo deverá ficar para 2013, após a aprovação de um projeto de lei que será encaminhado em breve pelo governador Geraldo Alckmin para a Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp). A proposta visa excluir o curso de formação como etapa do concurso para aplicá-lo somente após a posse dos docentes. “Uma das razões é o fato de que muitos que faziam o curso com bolsa de estudo por quatro meses não tomavam posse. Era um
    desperdício de recurso. Nós estamos invertendo. Só fará o curso quem já estiver na sala de aula”, explicou o secretário adjunto da pasta, João Cardoso Palma Filho. O salário inicial varia de R$626,48 a R$2.088,27, dependendo da jornada de trabalho.

    A proposta vai alterar a lei 1.094/2009, que está em vigor. Para que isso ocorra é preciso que o projeto seja aprovado pela Assembleia Legislativa. Isso exige um processo de tramitação que costuma superar os 45 dias. Esse é o prazo para projetos que tramitam em regime de urgência serem avaliados pelas comissões legislativas para ir à votação. Além disso, há o recesso parlamenentar que costuma ter início em meados de dezembro. Em meio à incerteza, o secretário adjunto de Educação afirma que após a sanção da lei pelo governador não haverá demora. “Aprovada essa lei, nós imediatamente podemos publicar o edital para a realização do concurso”, disse Palma.

    A conclusão do levantamento de vagas depende agora do número de candidatos que atenderão à nomeação da última chamada dos aprovados em 2010, que visa incorporar 10.800 pessoas que estão no curso de formação. Desde janeiro de 2011, ingressaram 23 mil aprovados daquele concurso. A nomeação acontecerá em dezembro, com posse em janeiro de 2013. Fontes do Departamento de Recursos Humanos do órgão estimam que o número de vagas será superior ao do último concurso, que contou com uma oferta de 10.083. Essa expectativa também já havia sido levantada pelo secretário adjunto em agosto, quando declarou que o número não seria diferente do concurso anterior.

    A nova seleção será destinada ao preenchimento de vagas em todo o estado e em todas as disciplinas curriculares, o que inclui Arte, Biologia, Ciências Físicas e Biológicas, Educação Física, Filosofia, Física, Geografia, História, Inglês, Língua Portuguesa, Matemática, Química, Sociologia. O último concurso para PEB II, que aconteceu em 2010, reuniu 261.489 candidatos, que realizaram prova objetiva com 80 questões. O conteúdo abordou temas sobre Formação Básica e Específica do professor. A seleção também contou com avaliação de títulos e curso de formação, que foi considerado como etapa do concurso.

    Tabela de salários

    PEB II
    40 horas R$2.088,27
    30 horas R$1.566,20
    24 horas R$1.252,96
    12 horas R$626,48
    Disponível :http://www.folhadirigida.com.br/fd/Satellite/concursos/noticias-Secretaria-de-Educacao-EstadoSP-2012-professores-2000004792346/Edital-do-concurso-para-professor-PEB-II-deve-ficar-para-2013-2000028611019-1400002102880 15/11/2012

    Responder
    • 61. apeoesp  |  16/11/2012 às 13:30

      Prezado professor Eduardo,
      Embora consideremos que o concurso deveria ser realizado em 2012, concordamos com a mudança, pois a APEOESP já havia proposto esta alteração desde que o curso de formação foi criado. Para nós as provas do concurso já avaliam o professor e o curso deveria dar mais sentido ao estágio probatório.
      Bebel

      Responder
  • 62. Eduardo Costa  |  15/11/2012 às 14:21

    Como sempre alguns atrapalham os outros né!!!!!

    Responder
    • 63. apeoesp  |  16/11/2012 às 13:31

      Prezado professor Eduardo,
      Veja meu comentário anterior. A mudança é correta, não apenas por causa daqueles que usam a bolsa e não assumem o cargo.
      Bebel

      Responder
      • 64. Eduardo  |  16/11/2012 às 14:41

        Também concordo Isabel só que o sindicato podia insistir né como estado para que saia realmente esse concurso já não está dando mais para ficar na categoria O onde no incio do ano letivo ficamos sem aulas e só depois de um tempo conseguimos aulas e mesmo assim ficamos de eventual é desmotivante e depressiva essa situação. Creio que quanto mais efetivos melhores as condições de trabalhar sobre a escola de formação também aprovo as mudanças o que achei ruim foi ter anulado ainda guardava esperanças para que esse edital saisse este ano pois já vinha me preparando.

      • 65. apeoesp  |  17/11/2012 às 11:34

        Prezado professor Eduardo,
        Continuamos lutando, sim, mas este governo vem causando uma decepção atrás da outra, com promessas não cumpridas. Precisamos da pressão de todos os professores para que possamos conquistar nossas reivindicações.
        Bebel

  • 66. Jacob  |  16/11/2012 às 11:22

    Bebel,Os Prof. categoria “O” podem usar o tempo ( utilizando aquele cálculo de dias trabalhados x 0,004 ) para complementar os pontos da provinha ?

    Responder
    • 67. apeoesp  |  16/11/2012 às 12:25

      Prezado professor Jacob,
      Não há impedimento. Porém, é preciso ter pelo menos cinco anos de tempo de serviço.
      Bebel

      Responder
  • 68. damasco  |  16/11/2012 às 20:39

    Bebel, Gostaria de saber se PB II, que acertou 29 pontos na prova pode completar com o tempo de serviço?

    Responder
    • 69. apeoesp  |  17/11/2012 às 11:29

      Prezado professor Damasco,
      Não. É preciso ter acertado pelo menos 32 questões.
      Bebel

      Responder
  • 70. Luciane  |  17/11/2012 às 17:59

    Bebe, sou categoria O e sempre fui bem nas provas, mas infelizmente este ano aceitei apenas 39 questões e tenho 3,500 pontos, tenho apenas 3 anos na rede, se não for anulada nenhuma questão na prova de matemática, será que meus pontos poderão compor minha nota da prova e eu ser aprovada? Pois a lei fala que além de ter pontuação mínima de 0,004 e máxima de 8,000 tem que ter 2000 dias trabalhados. Se for assim me considero desde já reprovada e estou muito desmotivada, pois sempre passei e sei que esta prova não provou meu potencial.

    Responder
    • 71. apeoesp  |  18/11/2012 às 10:26

      Prezada professora Luciane,
      Você teria que ter o equivalente a 5 anos trabalhados para pleitear o uso do tempo de serviço na nota da prova. Entretanto, faltam professores na rede e sua chance de conseguir aulas é grande. Apenas isto não ocorrerá logo no início do ano letivo.
      Boa sorte.
      Bebel

      Responder
  • 72. CÉLIA Rodrigues Gomes Antonieto  |  17/11/2012 às 20:02

    Bebel, não deu para fazer a prova do dia 11, mas eu fiz a prova de merito posso usar a nota dessa prova para ser aprovada no processo seletivo .Se eu poder usar quantas questões da prova tem que acertar . Para ser aprovada.? Sou categoria F.

    Responder
    • 73. apeoesp  |  18/11/2012 às 10:22

      Prezada professora Célia,
      Pode. A nota tem que ser equivalente a 40 questões da prova de OFA.
      Bebel

      Responder
  • 74. VANESSA  |  17/11/2012 às 21:50

    Bebel…
    Está previsto que haverá concurso somente para PEB II no ano que vem? E para PEB I?

    Responder
    • 75. apeoesp  |  18/11/2012 às 10:22

      Prezada professora Vanessa,
      Oficialmente foi anunciado concurso para PEB II. Extraoficialmente nos foi dito que a SEE pensa em concurso para PEB I também.
      Bebel

      Responder
  • 76. CRISTINA  |  18/11/2012 às 13:48

    BEBEL, QUEM É CATEGORIA O E FEZ 38 PONTOS NA PROVA, E TEM MAIS DE 5 ANOS NO ESTADO PODERÁ USAR OS PONTOS CORRETO? MAS Ó CÁLCULO É FEITO AUTOMÁTICO PELA SEE OU TEREI QUE ENTRAR COM RECURSO?
    GRATA

    Responder
    • 77. apeoesp  |  20/11/2012 às 12:23

      Prezada professor Cristina,
      O cálculo deve ser feito automaticamente pela SEE. Se não ocorrer, você deve ingressar com recurso.
      Bebel

      Responder
  • 78. Angela  |  18/11/2012 às 18:30

    Boa tarde Bebel,
    Para os professores categoria “o” que não alcançaram os 40 pontos, mas tiverem acima de 32 pontos, com mais de 5 anos de serviço.
    Como será incluído os pontos para completar 40? Será automático, pois no sistema do GDAE já consta o tempo de serviço? Ou o professor tem que entrar com recurso ou algum tipo de solicitação?

    Desde já, agradeço pelas instruções.
    Grata.

    Responder
    • 79. apeoesp  |  20/11/2012 às 12:26

      Prezada professora Angela,
      Deverá ser automático. Se não ocorrer, deve ingressar com recurso.
      Bebel

      Responder
  • 80. wanderley  |  18/11/2012 às 19:42

    Boa tarde,
    Bebel, o governador em sei decreto determinou que dia 16/11 é ponto facultativo e que 20/11, na cidade onde for feriado por lei, os funcionários estaduais seguem o calendário do município, pois bem, aqui em guarulhos existe o feriado estabelecido pela lei 5.950 de 2003, mas o prefeito decretou a transferência, neste ano, do feriado para o dia 16, portanto o antigo DHRU orientou que temos que cumprir o decreto do prefeito, mas já consultei um advogado que disse:
    – o prefeito não pode alterar o dia do feriado por decreto;
    – o decreto abrange os funcionários municipais e não estaduais, portanto vale o que o governador determinou, se o município tem o feriado da consciência negra instituído por lei, não se trabalha no dia 20, já reclamei onde pude, mas não me deram ouvidos, pois já questionei que além do decreto ser ilegal para essa questão o que o governador diz em seu decreto é outra coisa, por favor, nos ajude! Vamos ter que trabalhar sendo que o governador no deu esse dia!

    Responder
    • 81. apeoesp  |  20/11/2012 às 12:22

      Prezado professor Wanderley,
      A SEE manteve o entendimento de que o Estado segue a legislação local. Portanto, se o prefeito mudou o feriado, o Estado seguirá esta decisão.
      Bebel

      Responder
      • 82. Elizabeth  |  20/11/2012 às 21:45

        Olha, fico decepcionada com este tipo de resposta, me faz pensar pra quê pago sindicato? Para defender questões de meu interesse? Acho que não!
        Tb estive nesta mesma situação que o professor descreve, mas imagino que ele assim como eu, esperávamos uma postura diferente desta do sindicato, de que tudo aceita e pronto!
        A legislação local diz que o feriado é no dia 20, o prefeito não pode deslocar a data do feriado, isso é inconstitucional e o seu decreto além de inconstitucional não abrange nós funcionários do estado, a lei sim, o decreto não.
        Será que não seria o caso de primeiro consultar o seu jurídico para vver o que pode ser feito.

      • 83. apeoesp  |  25/11/2012 às 11:55

        Prezada professora Elizabeth,
        O jurídico foi consultado. Haveria possibilidade de uma tentativa de ação, mas que deveria necessariamente ser anterior ao feriado. Entretanto, para que uma ação seja possível, é necessário primeiro uma tratativa com o Estado, o que foi feito. Ocorre que tudo isto ocorreu pouquíssimos dias antes do feriado, não tendo havido tempo hábil para todos os procedimentos.
        Bebel

  • 84. maria medrano  |  18/11/2012 às 20:18

    Bebel…
    Havendo concurso para Peb I, não passando …
    ficando sem classe…Como ficará a categoria F ?
    Abraços !!!!

    Responder
    • 85. apeoesp  |  20/11/2012 às 12:21

      Prezada professor Maria,
      Permanece da mesma forma, com estabilidade e horas de permanência na escola.
      Bebel

      Responder
  • 86. Maria  |  18/11/2012 às 21:55

    Olá!
    Sou professora da categoria “O”, antiga” L”, passei no último concurso, fui chamada este ano e estou terminando o curso de formação, mas ainda falta a prova do dia 02 de dezembro.
    Como será a transição de professor categoria “O” para efetivo? Quando serei chamada na escola? Receberei meus direitos, como 1/3 de férias referente a 2011 e 2012?Ficarei sem pagamento em fevereiro de 2012?Agradeço desde já sua atenção.Maria

    Responder
    • 87. apeoesp  |  20/11/2012 às 12:19

      Prezada professora Maria,
      Você deve receber todos os seus direitos como categoria O. Se isto não ocorrer, procure o departamento jurídico da APEOESP. Seu vínculo cessa apenas quando tomar posse, pois não pode ter dois vínculos diferentes com a mesmo Secretaria do Estado.
      Bebel

      Responder
  • 88. Maria  |  19/11/2012 às 14:06

    Ola Bebel.
    Lendo esta página vi em uma de suas respostas que a APEOESP entrará com ação para garantir aos professores em estágio probatório o direito ao artigo 22.
    Vc sabe me informar se esta ação será coletiva a todos associados?
    E se nesta ação há uma clausula que beneficie aqueles que tiveram mais faltas que o permitido?

    Responder
    • 89. apeoesp  |  20/11/2012 às 12:13

      Prezada professora Maria,
      A ação será coletiva. Se não obtiver êxito, os professores poderão ingressar com ações individuais. A ação será voltada para garantir que os professores em estágio probatório possam utilizar o artigo 22, apenas.
      Bebel

      Responder
  • 90. Leonardo Augusto Pereira  |  19/11/2012 às 18:32

    Olá, minha mãe, Adenir Alvez Pereira (58 anos, doente, incapaz de lecionar e tentando se aposentar há anos com dificuldade por causa do problema com as licenças médicas) sofreu mais uma pancada hojê.
    Segundo ela, ela foi escrita no provão de atribuição de aulas mas não foi informada nem de data nem de local da prova. Somente hojê que ficou sabendo que a prova já havia sido realizada.
    Com isso, ela corre o risco de perder as aulas que ela já não consegue dar, ficar sem trabalho quando ela esta tentando se aposentar, e perder sua única fonte de renda.
    Nessas circurstâncias, estamos sem saber o que fazer. Por tanto peço ajuda, em busca de conselho. APEOESP, o que podemos fazer?

    Responder
    • 91. apeoesp  |  20/11/2012 às 11:51

      Prezado professor Leonardo,
      Ela deve imediatamente procurar o departamento jurídico da APEOESP na subsede da região para obter informações sobre as possibilidades de alguma ação administrativa ou judicial para assegurar seus direitos. Entretanto, pelo que relata, é uma situação complicada do ponto de vista legal. Por outro lado, sabemos que faltam professores na rede, e sua mão certamente conseguirá obter aulas num momento posterior.
      Bebel

      Responder
  • 92. Leandro  |  19/11/2012 às 19:03

    Sou antiga categoria L e virei O, todo processo seletivo passo entre os primeiros colocados, e este não foi diferente somei 56 pontos. Será que a Secretaria da Educação pelo menos não poderia reconhecer o caso dos professores que sempre são aprovados, e lhes dar uma estabilidade??? Será que poderia acontecer algo neste sentido?? Pois esta prova foi a nível de concurso praticamente.

    Responder
    • 93. apeoesp  |  20/11/2012 às 11:49

      Prezado professor Leandro,
      Legalmente esta possibilidade não existe. Por outro lado, consideramos esta prova um processo incompleto e injusto e não deveria ser padrão sequer para a classificação para atribuição de aulas. Nossa luta é para que todos os professores tenham condições dignas de contratação, salários e condições de trabalho. Sugerimos que ingresse com ação judicial para que, tendo sido categoria L, possa ser considerado categoria F.
      Bebel

      Responder
  • 94. Gláucia Rossi  |  19/11/2012 às 22:43

    Bebel, estou no 4ºsemestre em “Licenciatura em Arte – Educação Artística” e já sou formada em pedagogia, gostaria de saber se poderei fazer este concurso em 2013 ou tenho que concluir o curso primeiro?

    Responder
    • 95. apeoesp  |  20/11/2012 às 11:44

      Prezada professora Gláucia,
      Na medida em que você tenha cursado 160 horas de qualquer componente curricular, é considerada apta a lecionar, na ausência de professor habilitado naquela disciplina, mas só pode tomar posse em vaga por meio de concurso público se for formada.
      Bebel

      Responder
  • 96. Alexandre  |  20/11/2012 às 01:12

    Olá, gostaria de saber se o sindicato não vai se pronunciar contra a reportagem apresentada na revista Veja de 18/11. É impressionante como essa revista é contra os professores! Estou enojado com as sandices e mentiras que publicaram.

    Responder
    • 97. apeoesp  |  20/11/2012 às 11:39

      Prezado professor Alexandre,
      Há anos a revista Veja ataca os professores. Nossas cartas não são publicadas. Já desafiei um de seus articulistas, Gustavo Ioschpe, para um debate público sobre educação, mas ele covardemente, não respondeu.
      Acredito que não valha a pena polemizar com uma revista sem nenhuma ética. Não vamos valorizar o absurdo que escrevem sobre a nossa categoria.
      Bebel

      Responder
  • 98. Prof. Clovis  |  20/11/2012 às 08:32

    Saudações aos companheiros(as) que lutam por um país livre do racismo e do preconceito.

    Responder
  • 99. Carlos Azevedo  |  21/11/2012 às 07:06

    Bebel estou na rede desde 2008 antiga categoria L. Será poderia entrar com uma ação para entrar na categoria F ou o pelo menos retornar a L. É um absurdo essa categoria O.

    Responder
    • 100. apeoesp  |  25/11/2012 às 11:45

      Prezado professor Carlos,
      Sim, você pode pleitear. Procure o departamento jurídico.
      Bebel

      Responder
  • 101. sheila  |  21/11/2012 às 13:40

    Bebel.
    Sou categoria O e acertei exatamente 32 questões na ultima prova dos OFAs, tenho mais de 5 anos no estado, sendo assim somando a pontuação da prova com a de tempo de serviço atinge os 40 pontos, minha dúvida é, nessa situação eu devo ficar classificada na lista dos aprovados ou não? Caso não me classifiquem na listagem dos aprovados cabe entrar com recurso mesmo eu sendo categoria O?

    Responder
    • 102. apeoesp  |  25/11/2012 às 11:44

      Prezada professora Sheila,
      Fica na lista dos aprovados.
      Bebel

      Responder
  • 103. sergio  |  22/11/2012 às 16:43

    Estamos perdidos com esse governo de SP.O governo de SP esta fazendo propaganda sobre o ensino médio de tempo integral na televisão.O sindicato não vai fazer nada?O governo de SP quer fechar o ensino médio noturno.O sindicato não vai fazer nada?Aqui em Americana querem fechar salas do ensino médio noturno transferindo essas salas para escolas polos.O sindicato não vai fazer nada?Aqui em Americana o sindicato não esta atuante.Uma pena.

    Responder
    • 104. apeoesp  |  25/11/2012 às 03:36

      Prezado professor Sérgio,
      É preciso definir o que você entende por “sindicato”. Nós, dirigentes da APEOESP, convocamos e temos convocado seguidas assembléias e outra mobilizações, nas quais a questão do ensino médio integral e ensino médio de forma geral estão sempre presentes. Em agosto realizamos um encontro estadual específico sobre este assunto. Temos uma ação judicial contra o projeto de ensino médio integral do governo estadual, contra a remoção ex-officio, contra a perda de direitos de professores e alunos. Estas informações e convocações estão disponíveis não apenas na forma de boletins impressos, mas também no site da APEOESP. Mas o sindicato não é seus dirigentes. O sindicato são os professores mobilizados.
      Você compareceu a estas mobilizações? Você discutido esse assunto com seus colegas na sua escola? Você os tem incentivado a participar das lutas?
      Sem união e mobilização, nada conseguiremos.
      Se cada um fizer sua parte, poderemos vencer. Se não, será realmente um pena.
      Bebel

      Responder
  • 105. Mônica dos Anjos  |  22/11/2012 às 22:36

    Bebel, me tire uma dúvida no dia da escolha 26/06/2012 recebi da apeoesp um folheto com a tabela de salários e estava no salario base carga de 24 aulas na básica R$ 1491,62 e mais 5% a partir de 01/07/2012 que dava em torno de R$ 1566,20, agora vejo um salario reduzido.

    Responder
    • 106. apeoesp  |  25/11/2012 às 03:27

      Prezada professora Mônica,
      Você deve procurar o(a) advogado(a) na subsede, como os holerites, para que seja feita uma análise da sua situação específica.
      Bebel

      Responder
      • 107. Mônica dos Anjos  |  27/11/2012 às 12:22

        Não assumir ainda, mas gostaria de saber quanto vou receber quando eu assumir. 24 aulas, jornada básica.

      • 108. apeoesp  |  28/11/2012 às 14:09

        Prezada professora Mônica,
        O salário inicial para jornada de 24 horas semanais de trabalho é de R$ 981,83.
        Bebel

  • 109. jailson  |  23/11/2012 às 00:23

    Boa noite Bebel,
    Gostaria se possível, me esclarecesse uma dúvida. Este é meu primeiro ano como efetivo, ingressei em fevereiro e estou na rede desde 2006.
    Estava lecionando em uma escola distante 162 KM da minha residência, digo “estava” pois em Setembro sofrí um acidente e estou em licença médica, que no total somam 105 dias. Por ter me afastado por um período maior do que 20 ausências fico impossiilitado de concorrer à atribuição pelo artigo 22? Caso sim, como posso proceder?
    Desde já agradeço toda luta e empenho em prol da categoria.

    Responder
    • 110. apeoesp  |  25/11/2012 às 03:24

      Prezado professor Jailson,
      Sim, você terá dificuldades. Para melhor orientação, ligue para 11.33506214. Boa sorte.
      Bebel

      Responder
  • 111. Danilo  |  23/11/2012 às 01:23

    Bebel
    sou estudante de licenciatura 4° semestre, e fico muito chateado quando chego na atribuição e vejo um bacharel passar na minha frente, pois eles não fazem faculdade pensando em dar aulas, não tiveram disciplinas pedagogicas e nem preparo para lecionar.
    O mais correto seria eles pegarem aula por ultimo, poiis eu como estudante me qualifico melhor.
    Essa regra tem que mudar.

    Responder
    • 112. apeoesp  |  25/11/2012 às 03:23

      Prezdo professor Danilo,
      Na qualidade de habilitado, de acordo com a LDB, você tem o direito de requerer as aulas de sua disciplina que tenham sido atribuidas a um bacharel.
      Bebel

      Responder
  • 113. Marli Cavalcante pereira  |  24/11/2012 às 14:56

    Bom dia…
    gostaria de saber se tem uma posição sobre quando e onde sairá o resultado (classificação) da prova feita no dia 11/11. Aguardo retorno. Grata
    Marli

    Responder
    • 114. apeoesp  |  25/11/2012 às 00:00

      prezada professora Masrli,
      Ainda não temos esta informação. Geralmente a publicação é feita no final de dezembro ou iníco de janeiro.
      Bebel

      Responder
  • 115. Maria Souza  |  24/11/2012 às 23:54

    Olá,gostaria de saber quando acaba o contrato dos professores categoria O, é 20 de dezembro ou somente em fevereiro de 2013, já que assinamos o contrato em fevereiro de 2012. Obrigado.

    Responder
    • 116. apeoesp  |  25/11/2012 às 02:46

      Prezada professora Maria,
      O contrato deve acabar apenas em fevereiro de 2013.
      Bebel

      Responder
  • 117. edna  |  25/11/2012 às 09:40

    Bebel, Bom Dia!!!
    Gostaria de saber onde encontro o Parecer CJ/SEE nº 1842/2012, pois conversando com uma colega , ela me disse que esse parecer o “O” perde a contagem de tempo. Por favor me envie esse parecer para levar ao meu advogado para analisar pois tenho um processo de mudança de categoria mas até agora não saiu nada.
    Muito Obrigada. Estou aguardando resposta.

    Responder
    • 118. apeoesp  |  28/11/2012 às 15:21

      Prezada professora Edna,
      Não localizei o texto deste parecer publicado. Solicitamos cópia, mas ainda não a recebemos. Consultando o departamento jurídico, a informação que recebi é que o tempo de serviço do professor da categoria O é computado no Sistema Geral de Previdência Social e, portanto, não conta no Estado. Vou aguardar o texto do parecer para um melhor posicionamento.
      Bebel

      Responder
  • 119. Edson Delerre  |  25/11/2012 às 10:35

    Olá Bebel
    Saiu a minha readaptação em D.O do dia 23/11/12, foi até a minha escola para fazer a comunicação e a minha secretaria me falou que eu tenho que volta a trabalha no próximo dia útil mais a minha licença saúde vai ate janeiro de 2013, queria saber se isso pode, gostaria de uma resposta se tenho que volta a trabalhar agora ou tenho que espera termina a licença saúde. Obrigado Edson

    Responder
    • 120. apeoesp  |  25/11/2012 às 11:08

      Prezado professor Edson,
      Acredito que você tem direito a cumprir a licença toda, mas você deve buscar orientação no departamento jurídico, na subsede ou pelo telefone 11.33506214.
      Bebel

      Responder
  • 121. Val  |  25/11/2012 às 12:28

    Bom dia.
    Quanto a atribuição de 2013, não tem nenhuma posição em relação a jornada (lei do Piso)? Será que haverá redução de aulas para 2013? Não está havendo mais movimentos para que seja implantada?
    Obrigada

    Responder
    • 122. apeoesp  |  28/11/2012 às 15:05

      Prezada professora Val,
      Não cessamos um minuto de lutar por isso. O secretário da educação prometeu que negociaria este assunto no âmbito da comissão paritária e estamos pressionando para que isto ocorra imediatamente. Também estamos com nossas ações judiciais tramitando nos tribunais, em SP e no DF.
      Bebel

      Responder
  • 123. JOYCE  |  25/11/2012 às 18:03

    É UM ABSURDO OS PROFESSORES DA CATEGORIA O, HÁ MAIS DE 10 ANOS NO ESTADO, APROVADOS E QUE ESTÃO NO PROGRAMA ESCOLA DA FAMILIA NÃO PODEREM SER DESGNADOS COMO VICE-DIRETORES E REMANEJADOS PARA OUTRA ESCOLA QUE NÃO HÁ VICE E SIM UM EDUCADOR. EXISTE ALGUMA RESOLUÇÃO OU LEI QUE PRESECREVE ISSO????

    Responder
    • 124. apeoesp  |  28/11/2012 às 14:48

      Prezada professora Joyce,
      É um total absurdo mesmo. Por isto lutamos pelo fim desta forma de contratação e precisamos de uma ampla mobilização dos professores e das professoras para conseguir isto.
      Bebel

      Responder
  • 125. VALERIA PINTO FERREIRA SANTOS  |  26/11/2012 às 20:05

    Ola Bebel
    sou categoria f PEBI acertei 29 sera q posso com minha pontuacao de trabalho considerar aprovada
    grata

    Responder
    • 126. apeoesp  |  28/11/2012 às 14:17

      Prezada professora Valéria,
      Sim, desde que o tempo de serviço, multiplicado por 0,004 seja suficente para chegar a 32.
      Bebel

      Responder
      • 127. VALERIA PINTO FERREIRA SANTOS  |  28/11/2012 às 15:22

        os pontos do tempo de servico e incorporado automaticamente ou somos nos que devemos entrar

      • 128. apeoesp  |  04/12/2012 às 10:07

        Prezada professora Valéria,
        Já saem na calssificação.
        Bebel

  • 129. Selia  |  27/11/2012 às 00:22

    Boa noite Presidente Bebel!
    Por gentileza, sou categoria “O” e iniciei meus trabalhos em 2012 no Estado, tendo sido aprovada para o referido ano. Mas, para 2013, obtive apenas 38 pontos de acerto, na prova do dia 11 de novembro. Ao ler algumas das perguntas acima, me questionei… Eu poderei acrescer ao resultado da prova para exercicio em 2013 minha pontuação, ou isso só acontece quando se tem pelo menos 5 anos de exercicio no Estado? E, como vejo minha pontuação? Tenho 32 aulas livres, atribuidas em 2012.
    Grata, desde já,
    aguardo resposta.
    Parabens pelo belo trabalho!

    Responder
    • 130. apeoesp  |  28/11/2012 às 14:12

      Prezada professora Selia,
      Você pode multiplicar seu tempo de serviço por 0,004. Se o resultado em pontos for suficiente para que você alcance 40, está aprovada na prova.
      Bebel

      Responder
      • 131. Selia  |  30/11/2012 às 13:34

        Mais uma vez, grata pela atenção.
        Quando você se refere à “tempo de serviço” significa, a pontuação obtida no decorrer deste ano? Consulto esta pontuação no site do GDAE?
        Grata.
        Selia.

      • 132. apeoesp  |  04/12/2012 às 09:51

        Prezada professora Selia,
        Tempo de serviço é o número de dias em que você trabalhou na rede estadual de ensino. Multiplicado por 0,004 dá a pontuação que voc~e pode usar para somar à nota da prova.
        Bebel

  • 133.  |  27/11/2012 às 15:18

    Bebel, professores formados em Biologia com habilitação em Matemática no ensino fundamental, prestam a prova de Biologia e na atribuição pegam aula de Matemática, porém na prova de Biologia não há Matemática, neste caso não seria justo que nas provas dos professores de Biologia com habilitação em Matemática houvesse também execícios matemáticos? Quero deixar claro que estou expressando minha opinião mas com todo respeito pelos meus colegas biólogos!

    Responder
    • 134. apeoesp  |  28/11/2012 às 14:00

      Prezada professora Rô,
      Na realidade, esta prova não tem nenhuma razão de ser, na medida em que faltam professores das diversas disciplinas. Aplicam-se provas de seleção se há mais professores que vagas, mas não no caso contrário. Não creio que seja o caso de “corrigir” distorções desta prova e sim de eliminá-la, ao mesmo tempo em que se promovam mais concursos públicos de provas e títulos para efetivar os professores.
      Bebel

      Responder
  • 135. ADRIANA REIS PURIFICAÇÃO PEREIRA DA SILVA  |  27/11/2012 às 15:45

    Boa tarde, Bebel.
    2013 será meu primeiro ano como professora, e tenho algumas dúvidas, como verifiquei que você está sempre disposta em nos esclarecer, me senti na liberdade de pedir sua ajuda. Terminei esse mês meu curso de letras e passei na prova OFA com 52 questões certas. Como tenho planos de engravidar, gostaria de saber se caso eu engravide, como funciona os direitos dos professores temporários, e se tiver o meu filho em dezembro ou janeiro de 2014, tenho direito de licença maternidade? o que você me aconselha ler para saber mais sobre o direito dos temporários? Há previsão de novos concursos? Vou começar a ler o caderno “Conversas sobre a carreira do magistério” Muito obrigada pela atenção. Adriana

    Responder
    • 136. apeoesp  |  28/11/2012 às 13:58

      Prezada professora Adriana,
      Você tem direito a licença gestante, pelo INSS, na vigência do seu contrato. Para saber mais sobre seus direitos (que infelizmente não são muitos), leia a lei complementar 1093/09 e o Decreto Nº 54.682, de 13 de agosto de 2009. Para dirimir qualquer dúvida, você pode ligar para 11.33506214.
      Bebel

      Responder
  • 137. antonio  |  27/11/2012 às 21:46

    Boa noite presidenta Maria Izabel, hoje estive conversando com a secretaria da escola ,pois eu queria abonar no dia 30/11.
    Ela me explicou que meu contrato categoria O , só da direito a duas abonadas, peguei aula ano passado em 2011 no começo de maio até dezembro e tirei duas abonadas, esse ano peguei aula e meu contrato foi prorrogado e não me da direito de abonar mais nenhum dia.
    Por favor, da pra me explicar direito como funciona esse contrato, pois se esse contrato sempre for prorrogado isso quer dizer que não terei direito de abonar mais nenhum dia.

    Responder
    • 138. apeoesp  |  28/11/2012 às 13:04

      Prezado professor Antonio,
      A contratação dos professores da categoria O é indigna, injusta e absurda. Por isto lutamos contra a lei 1093/09. Na lei original sequer havia a possibilidade de prorrogação do contrato e a quarentena (período em que o professor precisa ficar fora da rede) era de 200 dias. Conseguimos a prorrogação e a quarentena foi reduzida para 40 dias, porém mantiveram-se as demais condições.
      Entre na luta pela revogação desta lei, participando das atividades da APEOESP e discutindo o assunto com os professores da sua escola.
      Bebel

      Responder
  • 139. Marlon  |  28/11/2012 às 06:17

    Olá, tudo bem? No dia do processo seletivo simplificado, fiquei impossibilitado de comparecer, por motivo de saúde. Entreguei meu recurso com atestado médico em anexo dois dias após a prova, li as leis que norteiam minha categoria (O) e a lei da categoria F e mesmo assim fiquei com dúvida, é confuso…rs…enfim, quero saber se tenho o direito de justificar minha falta e receber a resposta, deferido ou indeferido? Ou se a categoria “O” não tem está possibilidade (recurso)?

    Grato Marlon Cordeiro

    Responder
    • 140. apeoesp  |  28/11/2012 às 12:40

      Prezado professor Marlon,
      A prova é obrigatória para os professores da categoria O. Você tem o direito a receber uma resposta a seu recurso. Se isto não ocorre, solicite auxílio junto ao departamento jurídico da APEOESP sobre como proceder. Ligue para 11.33506214.
      Bebel

      Responder
  • 141. edna  |  28/11/2012 às 07:43

    Bebel, Bom Dia!
    Por favor sabe me informar se os professores da categoria “O” vão receber décimo terceiro e quando?
    Por favor me informe.
    Obrigado

    Responder
    • 142. apeoesp  |  28/11/2012 às 12:31

      Prezada professora Edna,
      Sim. Recebem integral ou proporcionalmente em dezembro.
      Bebel

      Responder
      • 143. Débora  |  30/11/2012 às 00:17

        Gostaria de saber qual dia de Dezembro, receberemos o décimo terceiro.

        Grata.

      • 144. apeoesp  |  30/11/2012 às 11:19

        Prezada professora Débora,
        Ainda não temos esta informação.
        Bebel

  • 145.  |  28/11/2012 às 15:23

    Bebel, quero lhe agradecer por toda atenção dispensada ao nos responder, eu particularmente nunca fiquei sem respostas. que Deus lhe dê sabedoria para continuar representando nossa classe. Continue firme, pois muitos estão orando por você!
    A paz!!!

    Responder
    • 146. apeoesp  |  04/12/2012 às 10:08

      Prezada professora RÔ,
      Muito obrigada. A luta é de todos.
      Bebel

      Responder
  • 147. Cristiano  |  28/11/2012 às 21:34

    Olá Bebel, o professor categoria O que teve o contrato iniciado em fevereiro deste ano, receberá o salário referente a janeiro que será pago em fevereiro?

    Responder
    • 148. apeoesp  |  04/12/2012 às 10:10

      Prezado professor Cristiano,
      Sim.
      Bebel

      Responder
  • 149. Ana Paula  |  30/11/2012 às 01:05

    Boa noite Bebel!!
    Gostaria de saber se eu sendo categoria O, posso me inscrever para os projetos Sala de Leitura e Escola da Familia? Desde já agradeço!

    Responder
    • 150. apeoesp  |  30/11/2012 às 11:18

      Prezada professora Ana Paula,
      Há restrições da SEE pelo fato de o professor categoria O ser contratado por tempo determinado. Há, contudo, diretorias que flexibilizam. Por favor, informe-se na sua DRE.
      Bebel

      Responder
  • 151. cristiano  |  30/11/2012 às 10:57

    Olá Bebel, ja fiz essa pergunta mas nao tive resposta. O professor categoria O que teve contrato iniciado em fevereiro deste ano, terá seu contrato prorrogado por mais um ano ? receberá o pagamento de janeiro pago em fevereiro?
    Obrigado

    Responder
    • 152. apeoesp  |  30/11/2012 às 11:12

      Prezado professor Cristiano,
      Sim, poderá ter o contrato prorrogado, desde que aprovado no processo seletivo.
      Bebel

      Responder
      • 153. Katita  |  30/11/2012 às 11:49

        Querida Bebel, bom dia!!!!!
        Acompanho as lutas da categoria há anos, faço paralisações e já participei de inúmeras greves pois não me conformo e Nunca me conformarei com a falta de respeito do Governo do Estado, mais isso me custa caro, enfrento a equipe gestora….tenho 25 anos no magistério público e estou cansada ….não posso me aposentar pois tenho 47 anos ( outra injustiça com isso perco a aposentadoria especial do professor, um absurdo), mais o que tem me preocupado é a Lei do Piso em relação a nossa jornada, outra indignação minha, quando falo disso na minha UE sou motivo de chacotas minha diretora já falou “Esquece isso NUNCA irá acontecer “, então Bebel desta vez será que o Secretário irá cumprir a promessa…..um grande abraço!!!!!

      • 154. apeoesp  |  04/12/2012 às 09:54

        Prezada professora Katita,
        Não devemos desanimar nunca, pois nossa luta é a nossa principal arma. estamos lutando pela lei do piso, pressionando o secretário e encaminhando nossas ações judiciais. De uma forma ou de outra, vai sair.
        Bebel

  • 155. cleide  |  30/11/2012 às 19:35

    Olá Bebel, boa tarde,
    Sou categoria F, na prova ainda não consegui passar, e só este ano 2012 estou com pontuação de 2120 , o ano passado fiz 32 pontos na prova,, mas ainda não tinha a pontuação necessária, será que pode ter um aproveitamento neste ano desta nota de prova?
    Grata,

    Responder
    • 156. apeoesp  |  04/12/2012 às 09:47

      Prezada professora Cleide,
      Se você multiplicar seu tempo de serviço por 0,004 e obtiver a pontuação 8, poderá somar com a pontuação da prova e estará aprovada.
      Bebel

      Responder
  • 157. cristiano  |  30/11/2012 às 22:52

    Olá Bebel, o contrato do categoria O acaba em fevereiro, mas recebemos o salário de janeiro em fevereiro?
    Cristiano

    Responder
    • 158. apeoesp  |  04/12/2012 às 09:38

      Prezado professor Cristiano,
      Sim. Se estiver no primeiro contrato, poderá ser prorrogado.
      Bebel

      Responder
  • 159. Maria  |  03/12/2012 às 15:39

    Olá!
    Sou professora categoria “O” com aulas de Professora auxiliar. Hoje fui informada que só receberei pelas aulas de auxiliar até o dia 08.12.2012. Isso procede? Onde posso buscar essa informação, se no calendário escolar as aulas vão até o dia 21/12?
    Desde já, obrigada.

    Responder
    • 160. apeoesp  |  04/12/2012 às 09:18

      Prezada professora Maria,
      Sim, procede. As atividades de professor auxiliar só ocorrem durante o ano letivo.
      Bebel

      Responder
  • 161. cristiano  |  03/12/2012 às 22:03

    Olá Bebel, ja havia feito esta pergunta e vou repeti-la: o contrato do categoria O acaba em fevereiro, mas recebemos o salário de janeiro em fevereiro?
    Cristiano

    Responder
    • 162. apeoesp  |  04/12/2012 às 09:09

      Prezado professor Cristiano,
      Não. Não há salário após o encerramento do contrato.
      Bebel

      Responder
  • 163. rose  |  03/12/2012 às 23:55

    boa noite Bebel,
    por gentileza me esclareça uma dúvida, me efetivei este ano e estou preocupada com o período probatório, pois faltei mais do que devia, ao todo foram 16 dias afastada(licença saude), 2 faltas medica, 4 abonadas. 9 justificadas, 3 doações d sangue e 1 injustificada, mesmo sabendo da avaliação não tive como evita-las. Minha dúvida é: ainda posso recuperar esses pontos negativos nos próximos anos ou como uma amiga disse não ha muita esperança para aprovação? Na minha escola sede não há dialogo com a secretária, infelizmente, por isso conto com o seu esclarecimento, sei q somos avaliados em 7 itens e q é necessário atingir um valor mínimo para aprovação, tbm sei q a assiduidade é o item q mais pesa, mas o que eu não sei é se tirando zero em assiduidade no primeiro ano ainda ha condições d atingir o valor para aprovação. E quanto a injustificada, isso pod me impedir d continuar no periodo probatorio? Aguardo sua resposta. Muito obrigado e parabéns por tanta dedicação.
    Abraços..

    Responder
    • 164. apeoesp  |  04/12/2012 às 09:06

      Prezada professora Rose,
      Você precisa de uma orientação jurídica detalhada. Por favor, procure o departamento jurídico na sua subsede ou ligue para 11.33506214.
      Bebel

      Responder
  • 165. Ana  |  04/12/2012 às 13:12

    Prezada Profª Bebel,

    Sou Categoria O, ano passado na prova tive 33 acertos, usei
    meu tempo de serviço (2808 dias) para compor a nota e fiquei aprovada. Esse ano (35 acertos) poderei usar novamente o tempo de serviço, já que possuo mais de 5 anos de efetivo exercício? Obrigada.

    Responder
    • 166. apeoesp  |  08/12/2012 às 10:55

      Prezada professora Ana,
      Sim, poderá.
      Bebel

      Responder
  • 167. carla ramois  |  04/12/2012 às 15:48

    ola Bebel,eu era antiga cat L e este ano me tornei O,peguei aulas atribuidas no final de fevereiro gostaria de saber se tenho direito a decimo terceiro,ferias e recisao de contrato?outra coisa as aulas que estou dando agora em dezembro quando vou receber?em janeiro?por favor responda minhas questoes uma a uma muito obrigado

    Responder
    • 168. apeoesp  |  08/12/2012 às 10:52

      Prezada professora Carla,
      Você recebe o 13º proporcional. Só recebe férias após 12 meses de exercício como O. Não tem direito a rescição de contrato, pois é por prazo determinado. Pode ser prorrogado por mais um ano. Recebe em janeiro o que for apurado até o dia 12.
      Bebel

      Responder
  • 169. Lurdes  |  05/12/2012 às 15:54

    Boa tarde!
    Sou categoria F e até agora não passei na prova. Nste ano de 2012 fiz 39 pontos. Tenho mais de cinco anso no estado. Entro na lista dos aprovados?
    Obrigada!
    Lourdes.

    Responder
    • 170. apeoesp  |  06/12/2012 às 13:04

      Prezada professora Lurdes,
      Prezada professora Lurdes,
      Sim. Seu tempo de serviço completará a nota.
      Bebel

      Responder
  • 171. Dora  |  05/12/2012 às 17:16

    Olá Bebel,
    Quando acaba o contrato do professor categoria “O” que iniciou em fevereiro deste ano?
    Professora Dora

    Responder
    • 172. apeoesp  |  06/12/2012 às 13:02

      Prezada professora Dora,
      Poderá ser prorrogado por mais um ano.
      Bebel

      Responder
  • 173. Néia  |  05/12/2012 às 21:30

    Boa noite. Sou categoria O
    Consultei minha nota no site da Vunesp (38 pontos) e não foi contado o tempo de serviço, informando a situação Reprovada.
    Está correto? E quanto a resolução? não está sendo aplicada? Para ser aprovado no processo seletivo não teria de somar o número de acertos na prova objetiva + tempo de serviço (até 8 pontos) + títulos?

    Responder
    • 174. apeoesp  |  06/12/2012 às 12:48

      Prezada professora Néia,
      A Vunesp é responsável pela nota da prova. A CGRH, ex-DRHU, fará a classificação, aplicando a resoluçaõ.
      Bebel

      Responder
  • 175. Antonio Sérgio Ferreira  |  06/12/2012 às 10:34

    Olá, Bebel!!Parabéns pela luta!! tivemos um ano difícil sem a implantação da lei do piso, mas acredito que vamos ganhar as ruas de novo, como em 2010, e não tenho dúvidas que a vitória é certa. Bem, estou entrando em contato para perguntar a respeito da possibilidade da SE inserir uma nova disciplina- ética e política- já para 2013. A notícia dessa possibilidade foi divulgada pela Udemo. Você sabe de algo? Obrigado.

    Responder
    • 176. apeoesp  |  06/12/2012 às 11:28

      Prezado professor Antonio,
      Obrigada pelo incentivo. Não tenho informação sobre essa disciplina, em particular. Sabemos que a SEE pode estar estudando modificações, mas não tenho uma informação precisa. Teremos reunião com o secretário na próxima semana e vamos questioná-lo sobre isto.
      Bebel

      Responder
  • 177. marcos  |  06/12/2012 às 11:38

    Olá Cara Bebel.
    Gostaria de saber se haverá ação para o artigo 22 esse ano ?
    Aguardo ancioso.

    Responder
    • 178. apeoesp  |  06/12/2012 às 11:49

      Prezado professor Marcos,
      Sim, professor, como sempre fazemos.
      Bebel

      Responder
  • 179. Ana  |  07/12/2012 às 20:13

    Boa noite!!
    Bebel, gostaria de saber se a sr já sabe algo sobre mais uma chamada desse último concurso de 2010, já esta confirmado ou só são boatos? Desde já agradeço!

    Responder
    • 180. apeoesp  |  08/12/2012 às 10:11

      Prezada professora Ana,
      Não hpa nenhuma informação neste sentido.
      Bebel

      Responder
  • 181. sonia  |  11/12/2012 às 11:50

    pois tirei 36 pontos na prova e acertei 27, e tenho 37.000pontos de estado pois tenho 15 anos

    Responder
    • 182. apeoesp  |  12/12/2012 às 00:04

      Prezada professora Sonia,
      Você pode utilizar o tempo de serviço para ser considerada apta a atribuir aulas.
      Bebel

      Responder
  • 183. marli25  |  11/12/2012 às 22:01

    Boa noite, Bebe…
    gostaria de saber se professor Categoria O com 34 pontos de acerto na prova e 6,030 de pontos por tempo de serviço (não tenho 5 anos), somando dá os 40 pontos. Vai para a lista dos aprovados ou não?

    Responder
    • 184. apeoesp  |  11/12/2012 às 23:48

      Prezada professora Marli,
      É considerada aprovada, mas após os que não precisaram utilizar o tempo de serviços.
      Bebel

      Responder
  • 185. Maria  |  19/12/2012 às 22:08

    Boa noite Bebel, me esclareça uma dúvida sou categoria F, estou em uma escola em que o professor efetivo da minha disciplina exonerou o cargo, portanto, para 2013 terá um cargo completo em minha U.E. se prevalecer as regras de atribuição atual terei que atribuir todas as aulas nesta U.E, ou poderei atribuir somente 10 e ir para atribuição na DE.
    Obrigado.

    Responder
    • 186. apeoesp  |  20/12/2012 às 11:30

      Prezada professora Maria,
      Você deve atribuir todas as aulas na UE. Numa fase seguinte, poderá atribuir novas aulas na DRE. Para mais informações, ligue para 11.33506214.
      Bebel

      Responder
  • 187. Renata  |  19/12/2012 às 23:37

    Ola, Sou professora categoria O, qndo iniciei esse ano, começei sendo “eventual”, em abril atribui aulas e continuei sendo eventual, gostariade saber se meu decimo terceiro vem integral, pois não entendi essa situação de ser pago metade em dezembro e outra no aniversario. Meu aniversario foi em março . obrigada

    Responder
    • 188. apeoesp  |  20/12/2012 às 11:22

      Prezada professora Renata,
      O Estado não paga metade do 13º no aniversário, no caso dos professores da categoria “O”.
      Bebel

      Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Mensagem da Presidenta da APEOESP às professoras

Clique no play para ouvir.

Blog Stats

  • 4,854,049 hits

Comentários

apeoesp em
apeoesp em

%d blogueiros gostam disto: