Informações sobre reposição das aulas não ministradas durante a greve

15/05/2013 at 15:37 77 comentários

Em contato com a Secretaria da Educação, a APEOESP obteve informações de que a pasta está preparando uma orientação unificada sobre a reposição das aulas não ministradas no período da greve ocorrida no período de 19 de abril a 10 de
maio.

Segundo a Secretaria, a reposição poderá ser feita por todos os professores que participaram do movimento grevista e seu cronograma passará por decisão do Conselho de Escola.

Em breve será realizada reunião entre a APEOESP e a Secretaria para mais detalhamento dessas medidas, incluindo a
retirada das faltas do prontuário.

Anúncios

Entry filed under: Artigos.

Violência nas escolas A quem o PSTU representa?

77 Comentários Add your own

  • 1. Professora Gi  |  15/05/2013 às 22:31

    Boa Noite!
    Bebel já houve o julgamento da lei do piso que estava previsto para 13 de maio?
    Obrigada.

    Responder
    • 2. apeoesp  |  16/05/2013 às 17:21

      Prezada professora Gi,
      Foi novamente adiado. É possível que ocorra na proxima segunda.
      Bebel

      Responder
      • 3. Rodrigo  |  21/05/2013 às 17:25

        E por que isso não foi divulgado no site e ficamos sem nenhuma informação sobre esse assunto? Por que foi omitida essa informação?

      • 4. apeoesp  |  22/05/2013 às 01:36

        Prezado professor Rodrigo,
        A que assunto você se refere?
        Bebel

  • 5. Anna Maria  |  16/05/2013 às 00:05

    Prezada Bebel,
    Sou professora da categoria “O” e fui informada pela Gerente Escolar que não irei receber pagamento dos dias parados porque não tem opção para justificar as faltas da greve no sistema de pagamentos. Isso é correto? O que devo fazer?
    Aproveito para parabenizar toda a Diretoria da Apeoesp que enfrentou este movimento com dignidade e sabedoria. Obrigado por tê-los conosco. Beijo.

    Responder
    • 6. apeoesp  |  16/05/2013 às 17:20

      Prezada professora Anna Maria,
      Estamos negociando com a SEE a reposição de aulas para que esses valores possam ser estornados. Informaremos brevemente sobre os procedimentos.
      Bebel

      Responder
      • 7. Anna Maria  |  16/05/2013 às 22:35

        Obrigada pela informação e presteza ao atender nossas solicitações.

      • 8. apeoesp  |  17/05/2013 às 10:20

        Prezada professora Anna,
        De nada. Ao vosso dispor.
        Bebel

  • 9. Luiza  |  16/05/2013 às 00:58

    E agora o que você vai fazer em relação aos professores categoria “O”, na situação em que se encontra, no caso, contratos suspensos no período de greve, e agora uma recontratação dos mesmos, tirando-lhes o direito de reposição, reposição na situação atual somente como eventual, prejudicando assim o 13º salário, férias, entre outros problemas que teremos que enfrentar. Qual o seu posicionamento frente a essas retalhações? Foi isso que foi “combinado” com a SEE?

    Responder
    • 10. apeoesp  |  16/05/2013 às 17:17

      Prezada professora Luiza,
      O que conversamos com a SEE foi o direito de reposição para todos os professores. Em nenhum momento nos foi falando algo sobre retaliação para os professores da categoria O ou restrições à reposição de aulas. Discutiremos o assunto no momento oportuno, se surgir.
      Bebel

      Responder
      • 11. Silvana  |  17/05/2013 às 00:04

        Olá Bebel! quando entrará em vigor as novas conquistas para nós da categoria O?

      • 12. apeoesp  |  17/05/2013 às 10:23

        Prezada professora Silvania,
        São necessárias mudanças na lei complementar 1093. Acredito que vigorem para 2014. Quanto ao IAMSPE, ainda neste ano, após mudança da lei geral, que está sendo remetida pelo governo para a ALESP.
        Bebel

  • 13. ROSANA  |  16/05/2013 às 17:54

    OLÁ! BEBEL/ OUTRO ASSUNTO

    POR FAVOR TENHO UMA LIMINAR FAVORÁVEL COLETIVA, NA QUAL A JUÍZA MANDA A FAZENDA PÚBLICA CUMPRIR NO VALOR DE R$1.000,00 por dia no caso de descumprimento a partir de 15/05, PEÇO A TI QUE ENTRE EM CONTATO COM A DRª PATRÍCIA OU ADVOGADA (COORDENADORA DO JURÍDICO DA APEOESP), P/ ME ORIENTAREM, POIS ESTÁ MUITO DIFÍCIL E DEMORADO MARCAR HORÁRIO E “NECESSITO DE ORIENTAÇÃO” UREGENTE!!!
    OBS: AÇÃO P/ REVERSÃO DE CATEGORIA “F”

    MEU PROCESSO Nº 0047366-61.2009.8.26.0053
    MEU Nº DE ASSOCIADA DO SINDICATO É: 188898

    GRATA!

    Responder
    • 14. apeoesp  |  17/05/2013 às 10:15

      Prezada professora Rosana,
      Recebi as seguintes informações do departamente jurídico:

      O Departamento Jurídico, através da Dra. Patrícia está acompanhando atentamente a tramitação dessa ação. Para esclarecimento da professora, prestamos as seguintes informações:

      1. No dia 11 de janeiro de 2013, foi feita uma petição ao Juiz da 2ª Vara da Fazenda Pública, requerendo que fosse deferida a tutela antecipada (liminar) requerida no pedido inicial, já que a ação foi julgada procedente (favorável ao nosso pedido). No entanto, ainda não havia subido para o Tribunal de Justiça de São Paulo, para julgamento do recurso de apelação apresentado pela Fazenda Estadual (recorreu contra a decisão que nos foi favorável).

      2. A liminar foi deferida, e após regular notificação, a CGRH (antigo DRHU), passou informações às Diretorias de Ensino, as quais os professores que compõem esta ação são vinculados.

      3. Nós entendemos que a tutela antecipada (liminar) concedida abrangeu todos os pedidos formulados em nossa ação inicial, inclusive o correto reenquadramento na categoria “F”. Já a CGRH entendeu que a tutela antecipada serviria apenas para que os autores da ação (professores) pudessem participar da atribuição de aulas para o ano de 2013, nas mesmas condições que os professores pertencentes à Categoria “F”, sendo, entretanto, mantidos na categoria “O”.

      4. O Juiz já foi informado através de petição protocolada em 06/03/2013, sobre como a tutela antecipada (liminar) está sendo cumprida pela ré (Fazenda Pública). Se o juiz não concordasse com a interpretação dada pela ré ao despacho que concedeu a tutela antecipada, ele novamente iria intimá-la para efetivo cumprimento, sob pena de desobediência e imposição de multa diária.

      5. Estávamos aguardando nova manifestação do Juiz, já que não seria prudente uma nova petição, uma vez que tal medida retardaria ainda mais o envio do processo ao Tribunal de Justiça, que julgará a apelação apresentada pela Fazenda Pública, sendo certo que, somente após o julgamento do recurso da Fazenda é que a decisão se tornará definitiva.

      6. A manifestação que estávamos aguardando, foi publicada no Diário Oficial do dia 15/05/2013, em que o Juiz determinou o seguinte: “Comprove a ré o cumprimento da liminar, sob pena de multa diária de R$ 1.000,00”. Dessa forma, o juiz pediu para que a Fazenda se manifeste sobre o cumprimento, ou não, da liminar e só depois da informação prestada é que poderá aplicar a multa diária de R$ 1.000,00.

      7. Portanto, precisamos aguardar as informações da Fazenda Pública (que ainda será intimada da publicação de ontem, dia 15/05) e a posterior apreciação do Juiz, para pedirmos o cumprimento conforme nosso entendimento (que foi julgado procedente), sob pena de pagamento da multa diária.

      Esclarecemos, por fim, que a tramitação de um processo é complexa e demorada, uma vez que comporta diversos incidentes (manifestações, pedido de informações, decisões e recursos) e, mesmo tendo uma liminar, seu cumprimento pode ser obstruído durante a tramitação processual, o que, infelizmente, tem se verificado no presente processo.

      Continuaremos lutando para a concretização da decisão que nos é favorável e reforçamos o compromisso de bem acompanhar e defender fielmente os interesses dos professores.

      Boa sorte.
      Bebel

      Responder
  • 15. Luiza  |  17/05/2013 às 01:20

    Bom Bebel, então precisamos rever os acordos firmados, pois os professores categoria “O” tiveram seus contratos interrompidos durante o período de greve, agora pós greve fomos recontratados, isso interfere na reposição de aula, pois como já afirmei os descontos de salário só poderão serem repostos se eu for e repor as minhas aulas como eventual, pois durante a greve meu contrato ficou interrompido, portanto me prejudica no 13º salário e férias. Qual seria o posicionamento da apeoesp frente a isso, pois nós não podemos ser prejudicados devido a greve!

    Responder
    • 16. apeoesp  |  19/05/2013 às 14:27

      Prezada professora Luiza,
      Se os contratos não tivessem sido interrompidos, os professores da categoria O teriam que ser demitidos, pois está em vigor a lei 1093/09. Por isso queremos acabar com esse tipo de contratação, o que ainda não conseguimos.
      Quanto à reposição, estamos aguardando a apresentação das normas que a SEE emitirá para discutir as situações específicas. Não queremos precipitar detalhes que podem, no fim, prejudicar a reposição em vez de beneficiar os professores.
      Bebel

      Responder
      • 17. Rodrigo  |  21/05/2013 às 17:30

        Pelo fax 27, começo a achar que nada entrará no papel e será mais um compromisso de “boca” nunca oficializado como o do parcelamento da lei do piso proposto numa ligação telefônica na paralisação de 2012 😦

      • 18. apeoesp  |  22/05/2013 às 01:36

        Prezado professor Rodrigo,
        Não sei com base em que você acha isto, pois a informação que estamos transmitindo é justamente o contrário: haverá um norma geral sobre a reposição de aulas. Não consigo entender que prazer há em torcer contra a própria categoria.
        Bebel

  • 19. Camila  |  17/05/2013 às 12:01

    Bom dia!
    Eu fui a unica da minha escola a aderir a greve, também vou ter o direito de repor?

    Responder
    • 20. apeoesp  |  19/05/2013 às 14:21

      Prezada professora Camila,
      Pelo que foi negociado, sim. Aguarde as normatizações que serão emitidas pela SEE.
      Bebel

      Responder
  • 21. Tina  |  17/05/2013 às 13:21

    Bebel já ocorreu a mudança na lei para o atendimento ao iamspe para a categoria o?

    Responder
    • 22. apeoesp  |  19/05/2013 às 14:19

      Prezada professora Tina,
      Segundo o Secretário da Educação, está sendo redigido projeto de lei a ser enviado à Assembleia Legislativa.
      Bebel

      Responder
  • 23. katita  |  17/05/2013 às 14:00

    Olá Bebel,bom dia! Mais uma vez peço sua ajuda, na minha UE, muitas professoras estão fazendo o curso OFECIDO pela SEE de gestão, pois bem, as colegas são obrigadas a a ir e nós que ficamos ….amargamos, pois a equipe gestora divide as salas e nós que já temos nossos alunos, ainda ficamos com os das colegas……gostaria de saber onde está a legislação que fala sobre DISTRIBUIR alunos, agradeço desde de já. Abraços!!

    Responder
    • 24. apeoesp  |  19/05/2013 às 14:16

      Prezada professora Katita,
      Creio que este é um procedimento irreglar e anti-pedagógico. A escola deve convocar eventuais, neste caso. Confirme pelo telefone 11.33506214 ou procure o departamento jurídico na subsede para verificar que providências devem ser tomadas. Você também pode encaminhar um documento, assinado pelos professores prejudicados, à DRE.
      Bebel

      Responder
  • 25. Vilma  |  17/05/2013 às 19:10

    Cara Bebel,
    Sobre o aumento de 8%, será dado em agosto?
    e a nossa data-base, não teria de ser um pagamento retroativo á maio?
    Grata

    Responder
    • 26. apeoesp  |  19/05/2013 às 14:08

      Prezada professora Vilma,
      Nossa data-base, por uma lei proposta pelo próprio executivo em 2006, é março. Mas a lei complementar 1143/11 estabelece os reajustes anuais em julho, como pagamento em agosto. É o que está válido neste momento.
      Bebel

      Responder
  • 27. Vanessa  |  17/05/2013 às 23:20

    Bebel,
    Eu já te fiz essa pergunta antes, certamente você deve ter respondido, mas procurei pelo site todo e não encontrei, por isso refaço a pergunta.
    Então haverá concurso para o professor PEB II, mas e para o professor PEB I? Haverá algo, ou continuaremos na mesma?
    Obrigada,
    Vanessa.

    Responder
    • 28. apeoesp  |  19/05/2013 às 14:04

      Prezada professora Vanessa,
      Não haverá por enquanto, mas estamos reivindicando. A Secretaria alega que não há vagas suficientes.
      Bebel

      Responder
  • 29. Leandro  |  18/05/2013 às 02:23

    Olá Bebel, li uma resposta sua pelo blog e me surgiu uma dúvida,

    Você disse:

    Prezada professora Andreia,
    O professor da categoria O já é estável e só pode ser demitido por justa causa, após processo regular e com amplo direito a defesa. Tem todos os direitos. Pode efetivar-se por meio de concurso público.
    Bebel

    Quer dizer que o Categoria O tem a estabilidade do F ? e como será feita a classificação para 2014? Em 2011 acertei 38 questões e com tempo de trabalho fui classificado como aprovado, isso prevalece? Serei aprovado em 2014? Obrigado

    Responder
    • 30. apeoesp  |  19/05/2013 às 13:55

      Prezado professor Leandro,
      Desculpe-me. Foi um erro de digitação. Tanto a pergunta quanto a resposta se referem ao professor da categoria F. Já corrigi o erro. Obrigado.
      Bebel

      Responder
  • 31. silzana  |  18/05/2013 às 04:50

    Ola Bebel estou no est desde 2003 e entrei com processo de manut de categoria em 2010 será que tenho chances de ganhar uma vez que na categor O me sinto muito…por favor responda-me e obrigada por lutar bravamente por nós vc e sua equipe…sucessos…

    Responder
    • 32. apeoesp  |  19/05/2013 às 13:52

      Prezada professora Silzana,
      Obrigada pelo apoio. As chances de vitória em processos judiciais depende muito de qual juiz julgará, os fatos em si e outras variáveis. Temos, sim, vencido muitos processos semelhantes. Boa sorte.
      Bebel

      Responder
  • 33. ANNa  |  19/05/2013 às 11:33

    Bom dia !
    No dia 19/04 foi colocado substituto nas salas de aulas para os professores que estavam parados , com essa situação poderemos repor ?
    E a falta justificada que assinei será retirada do meu prontuário?
    grata

    Responder
    • 34. apeoesp  |  19/05/2013 às 13:46

      Prezada professora Anna,
      Acreditamos que até quinta-feira desta semana teremos um novo contato com a SEE, no qual ficarão definidas as normas para a reposição. Apresentaremos essas e uma série de outras dúvidas e questões.
      Bebel

      Responder
  • 35. Ione  |  19/05/2013 às 17:35

    Ola bebel gostaria de esclarecimentos sobre os quinquenios atrasados desde 2001 como esta esse processo pois li que a apeoesp ganhou mas ate agora nada foi pago e isso mesmo ? Parabens a vc pela luta

    Responder
    • 36. apeoesp  |  22/05/2013 às 02:25

      Prezada professora Ione,
      Por favor, procure o departamento jurídico na subsede ou pelo telefone 11.33506214 para verificar o que deve ser feito.
      Bebel

      Responder
  • 37. Vanessa  |  20/05/2013 às 13:25

    Bebel,
    Em todas as escolas estaduais de PEB I pelas quais eu já passei, pouquíssimas são as professoras efetivas e de categoria F. A grande maioria é formada por professoras da categoria O. E quando vou até a atribuição de aula da minha diretoria, sempre acontece até alguma confusão por causa da grande quantidade de professoras candidatas à contratação. E sei que nas outras diretorias, também é assim. Não dá pra engolir essa resposta da secretaria de que não há vagas suficientes para professor PEB I. Daqui a pouco, as poucas efetivas que restam vão se aposentar, em questão de 5 anos, e só vai ter professoras O nas escolas de PEB I. Desde 2005 não abrem concurso para professor PEB I.
    Fiquei agora indignada com a resposta da secretaria. É uma grande mentira!!!!

    Responder
    • 38. apeoesp  |  22/05/2013 às 02:03

      Prezada professora Vanessa,
      Muito obrigada pelas suas informações. Na próxima reunião com o Secretário voltaremos a este assunto.
      Bebel

      Responder
  • 39. Rose Marie R M Viscaino  |  20/05/2013 às 18:13

    Pelo amor…..não há nada , nenhuma lei que nos ampare para não irmos trabalhar no sábado?????? Estou REVOLTADA com isso. A informação que tive do jurídico é de que temos que ir porque está aprovado no Calendário Escolar e depois a gente entra com recurso pedindo extra. E se abonar, o diretor pode acatar ou não. Não é justo!!! Eu tenho minha vida!!!

    Responder
    • 40. apeoesp  |  22/05/2013 às 02:01

      Prezada professora Rose,
      A informação do departamento jurídico, infelizmente, procede.
      Bebel

      Responder
  • 41. johnny gargioni  |  20/05/2013 às 21:34

    Boa noite Bebel a minha dúvida é o seguinte , sou categoria O já tenho 10 mil ponto de tempo trabalhado existe nota de corte para o categoria O seu acertar 32 pontos ajunta com o meu tempo , ou eu tenho que fazer os 40 pontos ???

    Responder
    • 42. apeoesp  |  22/05/2013 às 02:20

      Prezado professor Johnny,
      A prova deixará de ser obrigatória. Se desejar fazê-la, poderá somar o tempo de serviço para compor a nota.
      Bebel

      Responder
  • 43. shirlei  |  20/05/2013 às 22:05

    ALGUMA NOVIDADE SOBRE O ARTIGO 22?

    Responder
    • 44. apeoesp  |  22/05/2013 às 01:59

      Prezada professora Shirlei,
      Não há novidades.
      bebel

      Responder
  • 45. Maria Ivaniilda  |  20/05/2013 às 23:07

    OI Bebel.boa noite.Gostaria de saber se sou obrigada a ir pra escola dia 25/de maio e se a escola pode me dar falta.Atenciosamente Ivanilda.

    Responder
    • 46. apeoesp  |  22/05/2013 às 01:58

      Prezada professora Maria Ivaniilda,
      Sim, a presença é obrigatória. Poderá ficar com falta.
      Bebel

      Responder
  • 47. willian  |  20/05/2013 às 23:42

    Boa noite!Uma dúvida em relação a prova da categoria O: entrei esse ano com aulas atribúidas, porém em cadastro emergencial…de um lado, ano que vem não vou ser ingressante no magistério, porém por outro lado, eu não fiz a prova…terei que realizar a prova?

    Responder
    • 48. apeoesp  |  22/05/2013 às 01:59

      Prezado professor William,
      Você poderá realizar a prova, mas ela não será obrigatória, no seu caso.
      Bebel

      Responder
  • 49. Fernando  |  20/05/2013 às 23:49

    Olá, gostaria de entender a demora para ocorrer essa próxima reunião, pois a greve foi “encerrada” há dez dias e até agora nada. Pelo que me lembro da última assembleia logo na próxima semana iria acontecer uma nova reunião para acertar os detalhes dessa suposta negociação.Será que não esta na hora de cobrar ou vamos esperar, esperar, esperar….

    Responder
    • 50. apeoesp  |  22/05/2013 às 01:57

      Prezado professor Fernando,
      Estamos em contato praticamente diário com a SEE. As providências estão sendo tomadas. Há projetos de lei sendo redigidos, bem como a instrução para a reposição de aulas. Creio que até segunda-feira tenhamos definidas boa parte das questões da negociação havida.
      Bebel

      Responder
  • 51. Ana Paula  |  21/05/2013 às 02:53

    Fui convocada pela diretoria de ensino para orientação técnica de 8 horas. Neste dia, tenho apenas 6 aulas. Preciso atender à convocação de 8 horas????

    Responder
    • 52. apeoesp  |  22/05/2013 às 01:54

      Prezada professora Ana Paula,
      Sim, se lhe forem pagas horas extras. Informe-se melhor pelo telefone 11.33506214.
      Bebel

      Responder
  • 53. raimundo  |  21/05/2013 às 13:02

    Prezada Bebel porque não posta o resultado do julgamento do recurso do governo. A rede ou melhor os professores da capital já sabem o resultado.Perdemos mais uma vez. Não adianta argumentar que o Ministro Mercadante vai editar medida, pois este mesmo Ministro não tem força se quer para fazer seus companheiros governadores do Rio Grande do Sul e Bahia , se quer pagar um piso de R$ 1.000,00 ( Um mil Reais ) para os professores. Portanto , creio que em São Paulo já é matéria decidida o governo cumpre legalmente a jornada de um terço da lei do piso. Se for para o STJ, vai dar na mesma pois os Estados citados acima governados pelo PT, SE QUER PAGAM A LEI DO PISO , E NADA ACONTECE COM SEUS GOVERNANTES?
    Nós professores da capital esperamos que o sindicato, nos passe informações boas os ruins. O RESULTADO DO JULGAMENTO FOI ONTEM, APÓS 24 HORAS O SINDICATO IGNORA SEUS ASSOCIADOS AO NÃO PUBLICAR O RESULTADO.
    ABRAÇOS.

    Responder
    • 54. apeoesp  |  22/05/2013 às 01:43

      Prezado professor Raimundo,
      Como cheguei a dizer em assembleia, a possibilidade de perdermos no âmbito do TJSP era bem previsível, dada a composição deste tribunal e a influência do governo. Queríamos que ocorresse logo o julgamento para descongelar o processo e podermos recorrer às instâncias superiores em Brasília, o que faremos tão logo o acórdão seja publicado.
      Bebel

      Responder
      • 55. Rodrigo  |  22/05/2013 às 23:03

        E por que o resultado não vai para o site da apeoesp, informando a todos?

      • 56. apeoesp  |  24/05/2013 às 02:36

        Prezado professor Rodrigo,
        Não entendi sua pergunta.
        Bebel

  • 57. Tolotto  |  21/05/2013 às 18:18

    Boa tarde Bebel. Li em algumas redes sociais que o TJ SP acatou o recurso da SE quanto a Lei do Piso. Você poderia nos dar algum esclarecimento sobre esse assunto?

    Responder
    • 58. apeoesp  |  22/05/2013 às 01:34

      Prezado professor Tolotto,
      Sim, é verdade. De certa forma, o resultado era previsível. O importante é que agora o processo foi descongelado e podemos recorrer às instâncias superiores. Lembramos que o STF, em Brasília, declarou a constitucionalidade e autoaplicabilidae da lei 11.738/08.
      Bebel

      Responder
  • 59. Rosana  |  21/05/2013 às 23:57

    Bebel, e a promessa do Mercadante? Os quinze dias que ele pediu já se foram… Algum parecer?

    Responder
    • 60. apeoesp  |  22/05/2013 às 01:25

      Prezada professora Rosana,
      O Conselho Nacional de Educação fará um ajuste técnico na reunião da primeira semana de junho. Em seguida o parecer deverá ser homologado.
      Bebel

      Responder
  • 61. CLAUDIONOR  |  22/05/2013 às 01:29

    ISABEL
    ….QUE M…É ESSA DE DIA DO PAI NA ESCOLA NO SÁBADO…A APEOESP NÃO IRÁ SE PRONUNCIAR!

    Responder
    • 62. apeoesp  |  22/05/2013 às 02:28

      Prezado professor Claudionor,
      Trata-se de atividade prevista no calendário escolar. A APEOESP não se pronuncia contra atividades que visem integrar a escola com a comunidade, embora duvidemos deste tipo de iniciativa isolada, sem um projeto permanente e sem gestão democrática e participativa.
      Bebel

      Responder
  • 63. Vilma  |  22/05/2013 às 17:28

    Olá Bebel fiquei muito feliz com a nossa conquista da prova da categoria O, obrigada a todos da apeoesp, tenho uma dúvida passei na prova em 2012 com 48 pontos, mas não consegui passar em 2013, será que terei que fazer a prova novamente de acordo com a nova lei?

    Responder
    • 64. apeoesp  |  24/05/2013 às 02:55

      Prezada professora Vilma,
      Você só precisará fazer a prova que quiser melhorar sua nota.
      Bebel

      Responder
  • 65. Luciano  |  22/05/2013 às 20:23

    Olá,
    No calendário anual da DE-Itapetininga, consta dia letivo para o próximo sábado (25/05/2013), está especificado como “1 dia na escola do meu filho”. No total, estão contabilizados 203 dias letivos para serem cumpridos durante o ano. Pergunto: Até onde, legalmente, posso ser convocado para trabalhar no sábado? Sendo que no momento, estou com um cargo (jornada integral) de licença prêmio, e o outro (jornada reduzida) em exercício, trabalhando apenas nas terças e quartas?

    Responder
    • 66. apeoesp  |  24/05/2013 às 02:39

      Prezado professor Luciano,
      Este dia consta no calendário escolar. Você é obrigado a comparecer. Poderá tentar falta abonada por motivo juustificável, sujeita a aprovação pelo superior imediato. Pod4erá ingressar com ação para receber horas extras.
      Bebel

      Responder
      • 67. Luciano  |  24/05/2013 às 14:38

        Bebel,
        Obrigado pelo esclarecimento.

        Luciano

  • 68. Emerson Pereira Silva  |  23/05/2013 às 00:56

    Bebel, os dias parados serão descontados antes de repor? Onde está a Lei do direito de greve!! governo ditador!!! abraços

    Responder
    • 69. apeoesp  |  24/05/2013 às 02:36

      Prezado professor Emerson,
      Este é o acordo, semelhante aos de 2008 e 2010. Eventualmente poderíamos endurecer o jogo, mas perderíamos a chance de um acordo para que todos possam repor.
      Bebel

      Responder
  • 70. Maria  |  29/05/2013 às 22:48

    BOA noite,pois entreguei as aulas que tinha por motivo particular, sou categoria O e quero voltar pois fechou meu contrato, tenho que esperar tanto tempo de 200 dias com tanta falta de professores, ou é 40 dias só?OBRIGADA.

    Responder
    • 71. apeoesp  |  30/05/2013 às 13:46

      Prezada professora Maria,
      Por favor, entre em contato com o departamento jurídico da APEOESP ou ligue para 11.33506214. O estado pode considerar seu caso como rompimento unilateral do contrato e não permitir que volte nos próximos cinco anos. Informe-se.
      Bebel

      Responder
  • 72. Everton  |  01/07/2013 às 17:42

    Boa tarde

    Sou professor categoria O e fui informado pela direção da minha escola que não posso repor pois tenho a carga máxima, e a reposição seria paga como aula eventual, o que no meu caso não seria possível.
    Por outro lado, ouço de colegas que se eu não comparecer às reposições, minhas faltas ficaram computadas e irei perder meu contrato.

    Gostaria de um esclarecimento sobre esse assunto, já que a publicação do DO de 21/05/13 sobre a reposição não deixa claro essas informações.

    Grato

    Responder
    • 73. apeoesp  |  02/07/2013 às 21:10

      Prezado professor Everton,
      Você precisa de uma orientação jurídica. Por favor, entre em contato com o telefone 11.33506214 ou com a sua subsede.
      Bebel

      Responder
      • 74. Everton  |  04/07/2013 às 20:10

        Bebel

        O Departamento jurídico não está passando informações porque não sou associado ao sindicato.
        Por hora devo confessar que me sinto frustrado com a maneira como a APEOESP vem tratando os professores categoria O, já que quando vocês chamaram a gente pra compor a greve e encher as ruas, lá estivemos e apoiamos a causa. Porém, agora que estamos sendo pressionado pelo Estado (e este mês de julho acabo de descobrir que NÃO iremos receber salário), esse sindicato não está no amparando em nada!

        As informações estão vagas e desencontradas, isso quando oferecidas abertamente…

        Fica meu desabafo e crítica, e espero que você Bebel, como representante da categoria e responsável pela organização deste sindicato possa responder à minha e a de tantos outros professores categoria O que estiveram na luta e agora estão afundados em dúvidas, incerteza e medos.

        Aguardo resposta.

        Everton

      • 75. apeoesp  |  06/07/2013 às 14:34

        Prezado professor Everton,
        A APEOESP é uma entidade sustentada pela filiação voluntária de professores. Ela é regida por um estatuto que regula direitos e deveres e a diretoria está submetida a este estatuto. Quando um professor adere à greve da categoria, não deve fazê-lo para atender a um pedido da APEOESP. Ele o faz por ter consciência de esta é a forma de conquistar as reivindicações.
        Já fomos alertados para o problema da reposição dos professores da categoria O, sendo que o Secretário da Educação nos assegurou que todos podem repor e receberão as aulas repostas. A SEE nos pediu um prazo até depois do feriado, pois na segunda-feira não trabalham, para nos responder como ficará esta situação.
        Bebel

  • 76. Flávia  |  12/07/2013 às 13:30

    A resposta sobre a reposição de aulas do categoria O já apareceu?
    Existe em algum lugar uma resolução que diga que TODOS os professores que fizeram greve têm direito à reposição?
    A escola diz que como nosso contrato foi “suspenso”, essas aulas não existem no plano de reposição, e que portanto, não temos nem faltas, nem aulas pra repor…

    Responder
    • 77. apeoesp  |  13/07/2013 às 13:13

      Prezada professora Flávia,
      Por favor, leia texto que publiquei hoje aqui no blog. Todos podem repor. Informe, por favor, sua Diretoria de Ensino. O procedimento está incorreto. Informe aqui mesmo ou pelo e-mail presiden@apeoesp.org.br.
      Bebel

      Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Mensagem da Presidenta da APEOESP às professoras

Clique no play para ouvir.

Blog Stats

  • 4,910,555 hits

%d blogueiros gostam disto: