Professores da rede estadual de SP definem início de greve na semana que vem

23/05/2014 at 12:34 28 comentários

O Estado de S. Paulo – 22/05/2014.

Professores da rede estadual de São Paulo também podem entrar em greve por melhorias salariais e nas condições de trabalho, a exemplo dos docentes da rede municipal da capital paulista – parados desde o dia 23 de abril. O Sindicatos dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo (Apeoesp), o maior sindicato da categoria, aprovou indicativo de greve e faz uma assembleia no próxima semana, dia 30, sexta-feira.
O ato está marcado para ao vão livre do Masp, na Avenida Paulista, e a presidente da Apeoesp, Maria Izabel Azevedo Noronha, a Bebel, espera que a categoria vote pela greve. “Vamos deliberar se a categoria entra em greve e qual data faremos isso”, disse Bebel.

Os professores estaduais querem ampliar o reajuste previsto para este ano, que é de 7% – a ser pago a partir de julho. “Sabemos que o governo tem capacidade de chegar a 15%”, diz Bebel.

O reajuste faz parte de um pacote de reajuste fechado em 2011, que somou 42,2% de aumento divididos em 4 anos. No ano passado, o governo revisou a correção dos professores e servidores estaduais da educação depois de pressão das entidades sindicais. No lugar dos 6% previstos desde 2011, o aumento foi de 8% para corrigir perdas com a inflação. A categoria luta pela mesma coisa.

A forma de contratação dos professores temporários, da chamada categoria ‘O’, também terá prioridade na pauta de reivindicação. Atualmente, 48 mil docentes atuam nas escolas paulistas como temporários. Eles representam 21% da rede, de um total de 230 mil professores estaduais.

O sindicato espera garantir forte adesão, mesmo com o período curto para o fim do primeiro semestre. Bebel descartou articular o movimento das escolas estaduais com a greve da rede municipal. “Nosso objetivo é cumprir nossa agenda, porque o secretário de Educação (Herman Voorwald) fala que levou proposta para o Palácio dos Bandeirantes mas não avança”, diz ela. “Nosso patrão não é o Fernando Haddad. É o Geraldo Alckmin.”

A chapa de Bebel venceu meste mês a reeleição na Apeoesp. Ela segue para o quarto mandato.

Anúncios

Entry filed under: Artigos.

APEOESP conquista mais uma vitória: quinquênio e sexta-parte para categoria O Por unanimidade, delegados de 161 países elegem professor João Felício, ex-presidente da APEOESP, presidente da CSI

28 Comentários Add your own

  • 1. Fábio Fetz de Almeida  |  23/05/2014 às 18:52

    Olá,

    Sou professor da rede pública estadual e municipal. Gostaria de destacar que estou em greve na rede municipal e que expresso meu apoio à greve na rede estadual.

    Entretanto, gostaria de frisar o meu descontentamento com a forma como o prefeito da cidade de São Paulo, e seu secretário municipal de educação, vem tratando os professores em greve. Estão utilizando as mesmas ferramentas do PSDB para esvaziar o movimento, como, por exemplo, ameaçam apontar faltas e cortar o ponto dos grevistas. Sendo assim, pergunto à presidenta da Apeoesp, representante do Partido dos Trabalhadores na sindicato: está é a forma que o PT tem a nos oferecer quando alcança o poder? Vocês poderiam formar, juntos, um novo partido: o PTSDB.

    Fábio F. Almeida

    Responder
    • 2. apeoesp  |  25/05/2014 às 17:24

      Prezado professor Fábio,
      Como sindicalista, presidenta da APEOESP, sou totalmente solidária à luta dos professores municipais e sou contra medidas autoritárias, partam de onde partirem.
      Você comete um grave erro quando me qualifica de representante do partido dos trabalhadores no sindicato. Não represento o PT nem qualquer outro partido. Fui eleita e pela terceira vez reeleita legitimamente para a Presidência da APEOESP pela maioria absoluta de seus associados e como tal exijo respeito.
      Se quer discutir política partidária, sugiro que procure os espaços adequados.
      Bebel

      Responder
      • 3. Fábio Fetz de Almeida  |  28/05/2014 às 03:19

        Prezada Bebel,

        Conheço a dinâmica do sindicato, pelo qual sou filiado e militante ativo há alguns anos. Compreendo as razões da sua afirmação, na qual procura se desvencilhar de um determinado partido político. Entretanto, cabe frisar que a articulação sindical possui, sim, ligações com o Partido dos Trabalhadoes, e a articulação está à frente do sindicato. Portanto, é ilusório desconsiderar essa realidade.

        Fico satisfeito em ter minha mensagem publicada, demonstrando que o seu blog é democrático.

        Reconheço que este não é o espaço adequado para discutir questões inerentes à Prefeitura da Cidade de São Paulo. Porém, não posso deixar de registrar a minha insatisfação com a atitude da Prefeitura em descontar os dias de paralisação, pois ela fortalece para que seja aplicada por outros governos. Assim, ficamos sem alternativas políticas para as eleições para o governo do estado de São Paulo, pois aquele que empunhava a bandeira da renovação o fazia sem pretensões de apresentar o novo.

        Fábio Fetz de Almeida

      • 4. apeoesp  |  01/06/2014 às 13:31

        Prezado professor Fábio,
        Sou sindicalista, defendo o direito de greve e não concordo com atitudes truculentas, como a suspensão do ponto e medidas repressivas seja de que governo for.
        Bebel

      • 5. Fábio Fetz de Almeida  |  28/05/2014 às 03:24

        Em tempo: não fui seu eleitor e o tom final de sua resposta demonstra que estou coberto de razão ao afirmar que você representa, sim, o Partido dos Trabalhadores.

        Em tempo: me diga qual é o espaço posso realizar esta discussão? Se o seu blog não é este espaço, desconecte-o do site do sindicato.

        Fábio Fetz de Almeida

      • 6. apeoesp  |  01/06/2014 às 13:30

        Prezado professor Fábio,
        Este espaço é para discussões educacionais relativas aos professores do Estado de São Paulo. Discussões partidárias não se dão neste espaço.
        Bebel

  • 7. Prof Clovis  |  23/05/2014 às 19:02

    Vamos ter que trabalhar muito, estou chegando da RE da subsede sudeste centro que não aconteceu por falta de quórum, oposição e situação (que elegeu 30 conselheiros) não compareceram. Vergonhoso!!! Chega de episódios infantis em assembleias. Precisamos de seriedade no trato de nossos graves problemas.

    Responder
    • 8. apeoesp  |  25/05/2014 às 17:26

      Prezado professor Clóvis,
      Lamento muito que isto tenha ocorrido. Vamos ter realmente que trabalhar muito para termos um movimento à altura de nossas necessidades. Tenho, contudo, informações de excelentes e muito representativas reuniões de REs na região sudoeste do estado e em outros locais.
      Bebel

      Responder
  • 9. Mirian  |  23/05/2014 às 23:05

    Bebel tem como pedir para o Herman Voorwald que a próxima chamada dos aprovados seja antes das atribuições de Janeiro 2015? Obrigada.

    Responder
    • 10. apeoesp  |  25/05/2014 às 17:31

      Prezada professora Miriam,
      Vamos levar esta posição a ele.
      Bebel

      Responder
  • 11. Murillo Scarpineti  |  26/05/2014 às 00:34

    Boa Noite! Sou professor estadual Categoria O e efetivo na rede municipal do municipio de Olimpia=SP. Tenho muito a agradecer a Apeoesp pelas conquistas ja efetuadas, pois desde 2010 sofro com essa contratacao precaria que todo inicio de ano letivo e um terrorismo feito pela SEE ja que nunca sei se poderei participar da agribuicao ou nao.Pois bem como disse tambem sou professor efetivo municipal e na rede que atuo nao temos Plano de Carreira digno que nos de uma perspectiva de evolucao funcional. Fizemos uma manifestacao e o Prefeito nos prometeu o envio a Camara Municipal de um Projeto de lei que atualize o Plano existente que esta obsoleto. Professora gostaria de saber se ha alguma lei superior que trate da implantacao do Plano de Carreira do Magisterio, uma vez que ha rumores na cidade de que os prefeitos devem cria-los ate 2015. Desculpe indagar-lhe sobre assuntos de esfera municipal. Mas e que o Sindicato Municipal que nos mal representa e omisso e infelizmente em 2014 ainda vivo em uma cidade onde impera o Coronelismo. Muito Obrigado!

    Responder
    • 12. apeoesp  |  01/06/2014 às 14:22

      Prezado professor Murillo,
      Não há uma lei, mas existem diretrizes para os planos de carreira, das quais fui relatora no Conselho Nacional de Educação. É um bom guia para um plano de carreira.
      Você pode conseguir estes texto no site do Conselho Nacional de Educação. Copie o endereço: http://portal.mec.gov.br/index.php?option=com_content&view=article&id=12449&Itemid=754. Ali, procure o Parecer CNE/CEB n. 9/2009 e a Resolução CNE/CEB n. 2/2009. São documentos da Câmara de Educação Básica.
      Boa sorte.
      Bebel

      Responder
  • 13. vinicius  |  26/05/2014 às 22:15

    Bebel se vc conseguir q os professores assumam só em 2015 meus exames vc vai pagar de alguma maneira….ta de palhaçada vc…

    Responder
    • 14. apeoesp  |  01/06/2014 às 13:57

      Prezado professor Vinicius,
      Creio que sua forma de dirigir-se a mim evidencia um comportamento que não é condizente com um educador. Lamento. Ofensas não resolvem o fato de que o governo opôs professores contra professores e que a maioria, em assembleia geral, na Praça da República, quer que a APEOESP lute pelo ingresso em 2015. Como Presidenta da APEOESP, eu, assim como toda a diretoria, cumprimos a decisão da assembleia. Por mais que você tente me ofender, isto não irá mudar.
      Bebel

      Responder
  • 15. vinicius  |  26/05/2014 às 22:18

    Tem q brigar por salários plano de carreira e nao contra professor que estuda e passa no concurso ….se toca…

    Responder
    • 16. apeoesp  |  01/06/2014 às 13:55

      Prezado professor Vinicius,
      As decisões na APEOESP são tomadas pelos professores em praça pública, em assembleias amplamente convocadas. Recomendo que participe das atividades do sindicato e defenda seus pontos de vista. Palavras ofensivas e falta de educação, ainda mais partindo de um educador, não resolvem nossos conflitos, provocados por erros do Estado.
      Bebel

      Responder
  • 17. Professor Paulo  |  27/05/2014 às 14:42

    Bom dia Bebel não sei o que fazer, estou de licença médica e passei por perícia em Rio Preto e o perito me assediou e queria algo mais, como eu não deixei ele avançar ele alegou que pediria que a licença fosse negada e foi. Não fiz BO, pois não consegui o nome do infeliz e agora?

    Responder
    • 18. apeoesp  |  01/06/2014 às 13:45

      Prezado professor Paulo,
      Creio que você ainda pode fazer o BO. Pode também denunciá-lo na Ouvidoria do Estado. Procure o departamento jurídico na subsede.
      Bebel

      Responder
  • 19. Silmara  |  28/05/2014 às 23:14

    Bebel, será realmente difícil fazer com que haja adesão para uma greve que se faz necessária mas que está demorando muito para começar. Deveríamos estar em luta assim como os colegas do município. SE a greve começar, que tipo de pressão acha que poderemos fazer se estaremos todos em férias? Sinceramente, a categoria, ou boa parte dela não acredita mais em seus representantes, o que leva ao esvaziamento dos movimentos por melhorias, infelizmente.

    Responder
    • 20. apeoesp  |  01/06/2014 às 13:11

      Prezada professora Silmara,
      Concordo com você sobre a necessidade da greve, mas a decisão pertence à base da categoria. Não podemos impor uma greve. Nosso calendário não deve ser regulado pelo de outras categorias, às quais somos solidários. Nosso patrão é o Governo do Estado de São Paulo e temos uma pauta específica. A assembleia de 30/05 achou por bem manter o indicativo de greve para o reinício das aulas.
      Bebel

      Responder
  • 21. João Carlos Capeldi  |  29/05/2014 às 13:26

    Prezada Bebel,

    Tenho 10 dias de licença saúde no interstício dos últimos três anos. Mesmo assim, poderei participar da promoção pelo memorial que será implantada em breve? Tenho neste período uma pós-graduação latu sensu (Redefor), mais três cursos de curta duração pela EFAP, projetos na escola, dentre outras coisas.
    Será que essa licença saúde será um impeditivo para evoluir na carreira via memorial?

    Obrigado pela atenção.

    Prof. João Carlos

    Responder
    • 22. apeoesp  |  01/06/2014 às 13:02

      Prezado professor João Carlos,
      Infelizmente, no que toca às faltas, conseguimos flexibilizar um pouco, mas licenças ainda causam restrição no tempo necessário para a promoção na carreira.
      Bebel

      Responder
  • 23. Andreia  |  01/06/2014 às 00:34

    Bebel tem como pedir para o secretario que a próxima chamada dos aprovados seja antes das atribuições de Janeiro 2015?

    Responder
    • 24. apeoesp  |  01/06/2014 às 12:22

      Prezada professora Andreia,
      Sim, é o que temos feito.
      Bebel

      Responder
  • 25. Laerte  |  05/06/2014 às 11:43

    Bom dia! Não seria o momento dos professores do estado entrarem em greve. Não vejo um posicionamento objetivo do sindicato.

    Responder
    • 26. apeoesp  |  08/06/2014 às 14:04

      Prezado professor Laerte,
      As decisões do Sindicato são tomadas em assembleias realizadas em praça pública e amplamente convocadas. A diretoria havia encaminhado indicativo de greve, mas a assembleia decidiu que a greve só será possível no segundo semestre. A assembleia não é composta apenas de associados. Todos os professores devem participar. Talvez tenha faltado a presença daqueles que acreditavam que este era o melhor momento para que a categoria entrasse em greve. Prevaleceu outra posição.
      Bebel

      Responder
  • 27. sueli  |  06/06/2014 às 23:37

    Olá!
    O que é promoção memorial, que foi citado acima?
    Esclareça me por favor.
    Abçs.

    Responder
    • 28. apeoesp  |  07/06/2014 às 15:54

      Prezada professora Sueli,
      É uma forma de currículo, onde constem todos os cursos, projetos, aperfeiçoamentos e iniciativas do professor, que serão submetidos a uma avaliação. Este assunto ainda está pendente de regulamentação, para que seja estabelecido como funcionará na prática. Será uma alternativa à prova de mérito e dará direito ao mesmo percentual de reajuste (10,5%).
      Bebel

      Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Mensagem da Presidenta da APEOESP às professoras

Clique no play para ouvir.

Blog Stats

  • 4,831,336 hits

%d blogueiros gostam disto: