31/05/2014 at 19:39 28 comentários

Apresentação1

Apresentação3

Anúncios

Entry filed under: Artigos.

Por unanimidade, delegados de 161 países elegem professor João Felício, ex-presidente da APEOESP, presidente da CSI O PNE foi aprovado. Agora a luta é pelo cumprimento das metas e pelo Plano Estadual de Educação

28 Comentários Add your own

  • 1. ROSANA  |  31/05/2014 às 21:47

    OI! BEBEL
    POR FAVOR ESCLAREÇA ALGUMAS DÚVIDAS:
    1º) FUI INFORMADA QUE NESTE MÊS DE JUNHO NÃO TEREI PAGAMENTO(TENHO AULAS LIVRES ATÉ O FINAL DO ANO) AINDA ESTOU COMO CATEGORIA “O” COMO DEVO PROCEDER???
    2ª) TENHO UMA SENTENÇA GANHA COMO CATEGORIA “F” E UMA LIMINAR TAMBÉM QUE ME GARANTE COMO “F” (TAL AÇÃO FOI INGRESSADA PELA APEOESP) COMO DEVO PROCEDER?
    3º) SOLICITO AINDA DE TI LEGISLAÇÃO QUE NÃO ME DEIXE SEM O “MENCIONADO SALÁRIO COMO FOI EXPOSTO.
    A MINHA SUBSEDE DA APEOESP FICA EM TAUBATÉ -SP.
    GRATA!
    ROSANA

    Responder
    • 2. apeoesp  |  01/06/2014 às 12:25

      Prezada professora Rosana,
      Você necessita de orientação jurídica.
      Por favor, procure o departamento jurídico na subsede ou entre em contato com o telefone 11.33506214.
      Boa sorte.
      Bebel

      Responder
  • 3. ROSANA  |  31/05/2014 às 23:00

    BOA-NOITE!
    BEBEL
    COMO DEVO PROCEDER SE TENHO AULAS LIVRES DESDE FINAL DE JANEIRO ATÉ DEZEMBRO/2014. E ONTEM FUI AVISADA QUE NÃO TEREI SALÁRIO EM 06/06/2014???COMO DEVO PROCEDER? NEM MEU HOLERITE ESTÁ ON LINE E JÁ OLHEI “NO BANCO DO BRASIL EM “LANÇAMENTOS FUTUROS NÃO CONSTA NADA. AS MINHAS AULAS SÃO REGULARES.
    GRATA!
    ROSANA

    Responder
    • 4. apeoesp  |  01/06/2014 às 12:23

      Prezada professora Rosana,
      Sua situação necessita de uma orientação jurídica. Por favor, procure o departamento jurídico na subsede ou entre em contato com o telefone 11.33506214.
      Boa sorte.
      Bebel

      Responder
      • 5. Aurora Silva de Almeida Marcondes  |  03/06/2014 às 14:34

        Bebel parabéns pela sua reeleição. Muitas vezes revoltada com problemas na aposentadoria questionei a competência do sindicato. Sou readaptada e hoje estou afastada, aguardando a publicação da aposentadoria (processo nº 1233/002/2010),graças a liminar impetrada pela Apeoesp; o que fez com que eu voltasse a confiar no sindicato. Os problemas continuam: Minha liquidação foi publicada no D.O em 07/07/2012, não pude me afastar, me fizeram assinar a aposentadoria comum e depois da liminar me chamaram para assinar a aposentadoria especial novamente; assinei em 25/07/2013 e me afastei em 23/10/2013; a aposentadoria não sai e estão descontando o abono de permanência e ninguém sabe me explicar por que! Se a liminar devolveu o meu direito a aposentadoria especial continuo fazendo jus ao abono de permanência ou eles podem descontar?! Na D.E dizem que eles estão descontando um período, mas não sabem explicar por que! Mandaram eu fazer o formulário 12, pedindo verificação de pagamento que iam enviar para são Paulo e até agora não obtive resposta. O que devo fazer? Me oriente por favor! Confiante no meu sindicato aguardo resposta.

        PROFª AURORA SILVA DE ALMEIDA MARCONDES
        E-MAIL: asamar@bol.com.br

      • 6. apeoesp  |  08/06/2014 às 14:46

        Prezada professora Aurora,
        Nosso sindicato procura sempre fazer o melhor trabalho em defesa dos professores. Nem sempre depende de nós. Há graves problemas na conduta do Estado e mesmo no judiciário encontramos grandes obstáculos.
        Vou passar seu relato ao departamento jurídico, solicitando que entrem em contato, via e-mail. Também vou levar seu caso, à SPPREV e ao Secretário da Educação.
        Boa sorte.
        Bebel

  • 7. Fábio  |  03/06/2014 às 03:21

    Olá Bebel, tenho dúvidas, iniciei no estado em março de 2007, porém eu era eventual, será que tenho direito de ser Categoria F, pois fui admito antes da publicação da lei 1010 de 2007. Trabalhei como categoria L, e posteriormente Categoria O….
    Abraços…

    Responder
    • 8. apeoesp  |  08/06/2014 às 14:52

      Prezado professor Fábio,
      Você tem o direito de ingressar com ação judicial visando seu reenquadramento como categoria F. Por favor, procure o departamento jurídico na sua subsede.
      Bebel

      Responder
  • 9. Camila Santos  |  03/06/2014 às 03:46

    Sinto-me envergonhado por ser representado por este sindicato…
    Greve às portas de um recesso ? Parabéns. . .
    Vocês conseguem ser piores do que o governo os julga.
    Sinto que esta greve é politico-partidária….

    Responder
    • 10. apeoesp  |  08/06/2014 às 14:49

      Prezada professora Camila,
      Creio que antes de sentir-se envergonhada, você deveria comparecer à assembleia, onde as questões são decididas, e manifestar seu ponto de vista. Por outro lado, antes de fazer acusações infundadas, deveria informar-se melhor, pois a assembleia de 30 de maio decidiu que a decisão sobre a greve deverá ser tomada em assembleia no dia 15 de agosto.
      Cada um tem liberdade para adotar a posição que quiser, mas sua defesa de um governo que nos massacre, isto sim, deveria envergonhá-la.
      Bebel

      Responder
  • 11. Cleber Gomes  |  03/06/2014 às 21:50

    É sério mesmo que a assembléia estão marcados para agosto, 1 mês após a data programada para aquele pífio reajuste de 7%? Alckmin deve estar rindo até agora, vocês tem muito o que aprender com o sinpeen. Toda essa conversa de representantes enviados para escolas de panfletos e cartazes no bairro eu NUNCA vi nada disso na escola onde leciono há 3 anos, nunca furei uma paralisação, mas fica difícil quebrar o argumento dos colegas que se recusam a participar do movimento com esse esforço fraco. Já cheguei até mesmo a ligar nas subsedes para cobrar o comparecimento de um representante, mas cada subsede me informou que a escola onde leciono estava sob jurisdição da outra, no final das contas acabei ligando na central, na república, e nem lá ninguém soube me informar qual a subsede responsável pela minha escola.

    Responder
    • 12. apeoesp  |  08/06/2014 às 14:31

      Prezado professor Cléber,
      Sim, é sério. Uma assembleia com 3 mil professores decidiu. Como sabe, as assembleias da APEOESP são abertas, realizadas em praça pública e amplamente convocadas. Temos enviado mensagens fonadas, mensagens de texto e, ainda, publicamos matéria paga na TV. Além disso, toda a atividade da APEOESP pode ser acompanhada pela internet: http://www.apeoesp.org.br.
      A diretoria respeita e encaminha as decisões tomadas nesta instância democrática. Neste caso, faltou talvez a presença daqueles que achavam que a greve deveria ser imediata.
      Você tem razão em se queixar da falta de atuação da subsede de sua região. Para saber qual é a subsede, consulte a lista no site da APEOESP.
      Bebel

      Responder
  • 13. Luiz  |  04/06/2014 às 02:45

    Mais uma vez, infelizmente, haverá partidarização do movimento, já que a CUT, tão ausente em outros movimentos de outras categorias que criticam notadamente o governo federal, estará presente.
    De forma parcial, vai aproveitar a mobilização dos professores na Paulista para – acertadamente – tecer críticas públicas às licitações superfaturadas do Metrô-SP e sua superlotação; mas vai vergonhosamente se calar – e vergonhosamente continuará calada – com as mazelas efetuadas na Petrobrás e nos rombos noticiados nos Fundos de Pensão. Dois pesos e duas medidas de uma entidade que deveria lutar pelo trabalho independente de governos.
    Nesta eleição é disso que eu tenho mais receio: o PT se tornar nosso chefe e pouco mudar. E depois nossa categoria não vai dispor mais da “força” do “apoio” da pelega CUT.
    A CUT não é mais aquela mesma de outrora.

    Responder
    • 14. apeoesp  |  08/06/2014 às 14:23

      Prezado professor Luiz,
      Publico seu comentário, mas sinceramente não compreendi sua análise. Trata-se de uma posição absolutamente preconceituosa sobre a CUT. A atuação da CUT, que pode ser acompanhada por todo mundo porque ela é pública, não tem a menor relação com as coisas que você escreve. Logo se vê que você não acompanha a atuação da nossa central sindical e se manifesta a partir de uma posição de defesa do governo do PSDB, este sim, nosso patrão, que tem nos submetido a jornadas estafantes de trabalho, baixos salários, péssimas condições de trabalho, autoritarismo e assédio moral nas escolas etc.
      Bebel

      Responder
      • 15. Luiz  |  08/06/2014 às 17:04

        Prezada presidente Maria Izabel,

        A senhora pensou em não publicar meu comentário? Mesmo ele não xingando ninguém, não tendo críticas “ad hominem” pesadas? Entendi corretamente que a senhora ficou “injuriada” com a minha crítica, que julgo acertada – não tiro nada dela – à CUT?
        Acha mesmo que é preconceito à CUT? Embora ache o que vou dizer como “ensinar o pai-nosso ao vigário”, já que a senhora participa da CUT há tempos, vou repetir:
        – Por muito menos que fatos graves que acometem a Petrobrás e os Fundos de pensão federais, a CUT estaria na rua convocando as pessoas para expressar suas indignações. Onde a CUT está agora?
        – Eu nunca vi uma manifestação pública da CUT condenando mazelas de governos, independente das esferas, do partido de sua simpatia e, e alguns casos, de partidos aliados. A senhora pode demonstrar algum fato disso? A única saída para essa incoerência seria dizer que não há mazelas em tais governos. A senhora referenda isso?
        – Posição de defesa do PSDB? E desde quando criticar a atuação da CUT é defender esse partido? Infelizmente, eu é que não entendi a ligação. Preconceito sim é dizer que os críticos estão a favor do “inimigo” (e com esse seu argumento, fica claro que a senhora trata e tratará qualquer governo como inimigo, se este não for do partido de sua simpatia).Por favor, a senhora pode pensar muito diferente de mim, mas a considero inteligente demais para usar esse artifício de querer calar os críticos “no grito”.
        E volto a afirmar: bandeiras históricas da CUT foram rasgadas para sustentar o governo de sua simpatia. Posso citar muitas delas aqui, começando pela EC 41, muito pior que a EC 20, a liberação indiscriminada do salários dos servidores na internet, e muitas outras (não vou detalhar a posição da CUT sobre o “mensalão”). Crítica preconceituosa?
        Pois acho que é uma crítica bem construtiva. Ser coerente é uma coisa boa!
        Por fim, sustento o que disse: Se o partido de sua simpatia vencer o Estado, a CUT vai “mudar de lado”.
        Espero que a senhora publique esse comentário porque em nada respeito a senhora ou alguém. Mas se a senhora não publicar, já me basta saber que a senhora leu, pois foi para a senhora em lhe escrevi.
        Luiz

      • 16. Luiz  |  16/06/2014 às 20:40

        Prezada presidente Maria Izabel,

        Deixe-me fazer uma correção de um erro que saiu em meu último comentário, o qual pode dar impressão errada: faltou o sufixo “des” antes da palavra respeito no último parágrafo. De fato, quis dizer “em nada desrespeito”.
        Como dito anteriormente, podemos pensar muito diferente, principalmente ideologicamente. Mas a considero inteligente e sensata, embora defenda muitas ideias equivocadas.
        Luiz

  • 17. maria  |  04/06/2014 às 04:25

    BOA NOITE!
    Bebel, A APEOESP REALIZARÁ O CURSO ONLINE PARA OS PROFESSORES ASSOCIADOS…O CPP JÁ ESTÁ RECEBENDO
    INSCRIÇÕES…
    BEIJOS!
    maria

    Responder
    • 18. apeoesp  |  08/06/2014 às 14:20

      Prezada professora Maria,
      A APEOESP está providenciando a revista com análise da bibliografia para concurso de PEB I e ministrará cursos pelas subsedes.
      Bebel

      Responder
  • 19. maria  |  04/06/2014 às 14:13

    BOM DIA!
    BEBEL!

    Qual o motivo da não realização do concurso público de acesso ao cargo de professor PEB I.
    Porque você não luta para isso acontecer?
    ( na escola onde trabalho temos dúvidas a respeito)

    ABRAÇOS!!!!!

    Responder
    • 20. apeoesp  |  08/06/2014 às 14:18

      Prezada professora Maria,
      Creio que você não está bem informada. Lutamos e o concurso já foi aprovado pelo governador. O edital de inscrição deve ser publicado brevemente, com as datas de inscrição.
      Bebel

      Responder
  • 21. maria  |  09/06/2014 às 02:30

    BEBEL, TUDO BEM!
    Eu não me expressei direito, (pergunta 17)para lutar na realização de um concurso interno (categoria F e O ) e externo no mesmo edital . gostaria de saber a sua opinião” antes” de sair o edital? é justo ? é correto? pode ser feito? a lei permite? É válido.O que o sindicato acha ?
    A dúvida é essa?
    Beijos!!!!

    Responder
    • 22. apeoesp  |  14/06/2014 às 13:13

      Prezada professora Maria,
      Levamos esta discussão ao Secretário. Há impedimos legais. Concurso de ingresso na carreira tem que ser universal, ou seja, aberto a todos. Uma vez na carreira (como efetivo) é possível haver concursos de acesso (internos), mas temos dúvidas se isto é realmente benéfico.
      Bebel

      Responder
  • 23. carlos  |  09/06/2014 às 15:49

    Ola, para usar o juridico da apeoesp é preciso pagar algum valor?

    Responder
    • 24. apeoesp  |  14/06/2014 às 13:15

      Prezado professor Carlos,
      Para ações individuais, uma taxa de R$ 66,00. É preciso esclarecer que este valor é praticamente simbólico, pois não cobre as custas do processo.
      Bebel

      Responder
  • 25. Rodrigo  |  18/06/2014 às 15:51

    É verdade que várias diretorias de ensino não abriram mais vagas para a 2ª chamada para que os professores não efetivos ñ percam suas aulas?

    Responder
    • 26. apeoesp  |  21/06/2014 às 14:13

      Prezado professor Rodrigo,
      Não temos confirmação desta informação. Temos cobrado da SEE a divulgação do total de vagas existentes, por disciplina e DRE, previamente a qualquer convocação, mas não obtivemos resposta favorável. Alega a Secretaria que esta situação muda a todo momento em função de aposentadorias e outros fatores. Continuamos insistindo, para que possamos ter um quadro correto da rede estadual de ensino e podermos defender melhor os direitos dos professores.
      Bebel

      Responder
  • 27. Ingrid  |  21/06/2014 às 22:25

    É possível compor Jornada inicial com 18 aulas da disciplina específica e 2 aulas não específica( Inglês) ou correlatas ou projeto, pois 3 salas no fundamental de Língua Portuguesa não completam 19aulas e se o professor acumular com jornada integral com mais de 20 aulas pode ultrapassar 65 horas.

    Responder
    • 28. apeoesp  |  29/06/2014 às 15:54

      Prezada professora Ingrid,
      Sim, é possível.
      Bebel

      Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Mensagem da Presidenta da APEOESP às professoras

Clique no play para ouvir.

Blog Stats

  • 4,859,400 hits

Comentários

apeoesp em
apeoesp em Temer, inimigo da educação, ve…

%d blogueiros gostam disto: