APEOESP cria grupo para tirar dúvidas sobre atribuição de aulas

20/01/2015 at 12:44 88 comentários

A partir desta terça-feira à tarde, dúvidas sobre atribuição de aulas podem ser esclarecidas pelos telefones 11.33506104 ou 33506070.

Informa urgente 200115
Informa urgente 200115 1Informa urgente 200115 2

Anúncios

Entry filed under: Artigos.

Governo do PSDB inicia sexto mandato fazendo os professores pagarem a conta Tire suas dúvidas sobre a atribuição de aulas

88 Comentários Add your own

  • 1. Gustavo  |  20/01/2015 às 13:17

    Bebel,Bom dia,Poderia me esclarecer a seguinte questão?
    Sou docente categoria O que ainda deverá cumprir a duzentena imposta pelo governo,porém vejo que a nota obtida no concurso servirá como classificação para o processo de atribuição. Em 2013 optei pela não realização do concurso,mas fui aprovado no processo seletivo.Como ficará minha classificação final após o cumprimento da duzentena ou quarentena?

    Responder
    • 2. apeoesp  |  25/01/2015 às 11:46

      Prezado professor Gustavo,
      Você participará do cadastro emergencial a partir de 02/02 em sua Diretoria de Ensino. Cumprida a quarentena, poderá pegar aulas imediatamente.
      Bebel

      Responder
  • 3. Daniela Fornel Teles  |  20/01/2015 às 15:56

    Olá Bebel
    O pagamento que será efetuado em abril para os aprovados na prova do mérito será retroativo a que período?
    obrigada

    Responder
    • 4. apeoesp  |  25/01/2015 às 11:57

      Prezada professora Daniela,
      Terá que ser retroativo até julho de 2014.
      Bebel

      Responder
  • 5. Cristina Ponce  |  20/01/2015 às 17:25

    OI boa tarde.
    Eu precisava saber se professora cat O que foi convidada para ser PA ( professora que fica a disposição na escola)com contrato valendo , pode acumular com prefeitura

    Responder
    • 6. apeoesp  |  25/01/2015 às 11:58

      Prezada professora Cristina,
      Sim, o acúmulo é possível, desde que haja compatibilidade de horários.
      Informe-se melhor pelo telefone 11.33506214 ou pelo chat do jurídico, que funciona até 30/01 (www.apeoesp.org.br).
      Bebel

      Responder
  • 7. Cristina Ponce  |  20/01/2015 às 17:42

    Essa professora na prefeitura também é contrato.
    Obrigada Cris

    Responder
  • 8. Benedito  |  20/01/2015 às 18:19

    Presidenta, em primeiro lugar, sabemos que todos os anos a Secretaria da Educação estão com a bola no pé sempre e nós na defensiva nos esquiando dos ataques por eles desferidos.Em segundo lugar, me sinto como se estivesse em um laboratório de provas, pois constantemente abre-se diversos paliativos para fazer com que o aluno aprenda ou recupere aquilo que não conseguiu aprender, para depois, logo ali,acabar com elas ou coloca-las para o escanteio,caso das aulas de de leitura, salas de aceleração e agora as aulas de PA..Fechamento de salas , todo o ano se discute o fechamento de salas, ora por falta de demandas, ora porque um diretor ou dirigente resolveu que não quer ir trabalhar mais á noite ou a desculpa de sempre; Não tem demandas.Na sua opinião qual deveria ser o número de alunos para se manter uma sala de EJA? Na minha opinião a todos aqueles que quiserem estudar. Fechamento de salas de aulas, na escola em que leciono, já se fechou salas da EJA , por terem segundo eles apenas 4 salas funcionando e isso era desperdício(eles, direção de escola e D.E),além do mais, as inscrições são feitas na secretaria da escola, não temos controle sobre isso o que viabiliza as afirmações de que não há demandas.No período de 2009 até agora fecharam em torno de seis salas da EJA, mais três do ciclo dois á tarde e e pelo menos mais umas três na parte da manhã ciclo dois.Querem fechar que fechem!, Mas não mexa no salário do professor, não é nossa culpa o fechamento de salas! É um absurdo isso! Em qualquer tipo de trabalho quando se diminui a produção, se reduz as horas de trabalho, se faz alguma coisa, mas no salário, não! Penso que temos razões de sobras para buscarmos a nossa valorização por salários, pela carreira,mas prova de mérito não! Bonificação é um agrado é bem vindo, mas atrelados á resultados não! Você sabe presidenta, já esteve em salas de aulas, você sabe a vida do professor como é ; Almoçar a merenda dos alunos na salas dos professores sem um mínimo de privacidade, com todos falando, ás vezes cuspindo no seu prato de comida, ás vezes cabelo caindo em sua comida, cadê nossa dignidade, pelo menos na hora do lanche? Nossa hora de almoço? Professor vai de uma escola para outra e vai só com a merendo ou faz um lanche rápido enquanto se desloca para outra escola, comendo no ônibus, comendo no carro.Será que não teríamos que ter um local para nos alimentar assim como também um horário de almoço como todos os demais tem? Ou isso também temos que fazer por amor á profissão? E falando em comida! Que palhaçada é essa e ticket alimentação? Além de ser uma merreca , só recebe se você não ultrapassar o valor estimado pela secretaria! Só para lembrar, o valor do vale refeição da USP, que aliás são dois, totalizam mais de 1200 reais, o que equivale ao salário de muitos professores na rede.Sem querer estender me mais, mas há de convir que nossas escolas estão cheios de diretores com síndrome de pequeno poder, assediam os professores, abusam da autoridade, recebem verbas do governo depois apresentam as planilhas para o conselho assinar e á você poderá me dizer, vocês não fiscalizam? Penso que não só eu mas a maioria não se mete a besta para fazer isso, falta respaldo,assim como falta para tantas outras coisas.A síndrome do pequeno poder, também abate sobre os diretores da APEOESP,, muitos se desfiliam por não aquentar ver diretor do sindicato destratando o associado, e sabemos que em grande parte prefere que fique como está , não querem largar ” o pequeno poderzinho”, não querem sair da zona de conforto; tem viagens, pagas, têm hotel pagos, têm famtas abonadas, têm diárias etc, não estou dizendo que essas coisa para a manutenção da luta e para a construção do sindicato não tenham que ter , é lógico que tem que ter, mas… é isso, muita gente se agarrou a isso e não faz e não deixar ninguém fazer.Depois eu escrevo mais.Abraços.

    Responder
    • 9. apeoesp  |  25/01/2015 às 12:05

      Prezado professor Benedito,
      Há meses vimos denunciando o fechamento de classes e solicitando que os casos sejam informados pelo email presiden@apeoesp.org.br. Temos levado todos esses casos ao Secretário da Educação, exigindo providências. Ele sempre diz que não há orientação para fechamento, se houver demanda, mas os casos continuam a acontecer em todo o Estado. Considero que uma sala de aula não deve ultrapassar 35 alunos.
      Por toda essa situação, estaremos realizando um ato público no dia 29/01, às 15 horas, na SEE. E nossa proposta é de greve em 2015.
      Bebel
      Creio que todos os casos em que um diretor da APEOESP ou quem quer que seja destrate alguém deve ser denunciado, citando nomes e os fatos. se não fizermos assim, nunca corrigiremos esses comportamentos. As pessoas tem que assumir suas responsabilidades. Por outro lado, desconheço todos esses “benefícios” que você aponta aos diretores do sindicato. Todas as despesas são comprovadas e há limites. Entretanto, o grande fiscal da atuação dos diretores do sindicato é a categoria. É preciso denunciar qualquer abuso, mas, como já disse, de forma responsável e não assim, genericamente, tornando suspeitos todos nós, que lutamos pela nossa categoria. Não aceito e não concordo com isso.
      Bebel

      Responder
  • 10. Cristina Ponce  |  20/01/2015 às 20:04

    Oi
    Professor que é cat O, eventuou no inicio de 2014, após abril ficou com aulas atribuidas.
    Não recebeu férias e disseram pra ele q ele não vai ter direito, procede?
    ele foi dispensado dia 19 de dezembro e tem duzentena.
    obrigada Cris

    Responder
    • 11. apeoesp  |  25/01/2015 às 12:11

      Prezada professora Cristina,
      O Estado só paga férias a quem completa 12 meses de vínculo. Caso ele não receba, deve ingressar com ação para receber férias proporcionais.
      Bebel

      Responder
  • 12. ricardo  |  20/01/2015 às 23:18

    Olha, atribuição de aula justa é a maior piada de todos os tempos, todo mundo sabe que isso não existe. Isso não é novidade e todo mundo da APEOESP sabe disso .

    Responder
    • 13. apeoesp  |  25/01/2015 às 12:16

      Prezado professor Ricardo,
      No seu entendimento, então, devemos também abrir mão de salários justos, condições de trabalho adequadas, respeito, dignidade, valorização profissional, jornada de trabalho condizentes com nossas necessidades, já que nada disso existe, não é mesmo?
      Bebel

      Responder
      • 14. ricardo  |  28/01/2015 às 20:18

        Em 2013 estava disposto a lutar, mas a greve acabou….

      • 15. apeoesp  |  31/01/2015 às 12:01

        Prezado professor Ricardo,
        Não entendi sua colocação. A decisão de aderir ou não a uma greve é individual, mas a luta é coletiva. Estamos fazendo um chamamento à greve por salário, emprego e condições de trabalho. Esperamos a adesão da categoria para que o movimento seja forte e possamos conquistar nossas reivindicações.
        Bebel

  • 16. Cintia Maria  |  21/01/2015 às 00:59

    Boa noite Bebel, achei um absurdo o pagamento do mérito ser só em abril, temos que nos mobilizar e tomar alguma atitude, para que seja pago antes, contamos com a ajuda de vocês do sindicato para pressionar a SEE.

    Responder
    • 17. apeoesp  |  25/01/2015 às 12:20

      Prezada professora Cintia,
      Levaremos o caso de novo ao Secretário da Educação. No dia 29/01 vamos realizar um ato às 15 horas em frente à SEE para denunciar todos esses desmandos do governo. Compareça.
      Bebel

      Responder
  • 18. PROF NALDO  |  21/01/2015 às 01:18

    Ola Bebel, acompanho rotineiramente o seu blog e sempre percebo a justa reclamação da classe com relação a questão de aumentos salariais. Vou acrescentar aos caros colegas um dado mais cruel ainda! esta reposição de 7% do ano passado é ainda uma ultima parcela do que acordado com o Estado em 2011!! isto mesmo, 2011, frizo isto porque tenho certeza que muitos novos professores ou alguns ingressantes não sabem disto! Daqui alguns anos teremos professor recebendo salário mínimo. Fica aqui registrada minha indignação apos 27 anos de magisterio!

    Responder
    • 19. apeoesp  |  25/01/2015 às 12:22

      Prezado professor naldo,
      Sim, temos dito isso. A perspectiva é de reajuste zero em 2015. Por isso, vamos à greve. A mobilização começa com o ato público do dia 29/01, às 15 horas, na SEE.
      Bebel

      Responder
  • 20. luciaefigeniaapeoesp@hotmail.com  |  21/01/2015 às 03:26

    Muito útil as informações deste boletim!
    vem de encontro as muitas dúvidas dos professores e conselheiros!

    Responder
  • 21. Carolina F. Ladentim  |  21/01/2015 às 17:03

    Boa tarde Bebel, hoje fui na atribuição de aulas da minha escola e lá nos informaram que haverá ingresso de professores do concurso de PEB-I realizado no final do ano passado.
    Gostaria de saber se é legal haver ingresso antes da remoção, já que não tivemos no ano passado.
    Faz oito anos que efetivei no estado e até agora não consegui remoção para minha cidade ou até mesmo para uma cidade mais próxima. É justo os professores ingressantes conseguirem vagas em lugares mais acessíveis do que nós que já estamos há um bom tempo no estado?
    Desde já agradeço.
    Carolina

    Responder
    • 22. apeoesp  |  25/01/2015 às 12:31

      Prezada professora Carolina,
      Não há impedimento legal. O concurso de PEB I foi uma luta nossa, da APEOESP, pois há anos não havia. Não concordamos apenas que ingressem com o ano letivo em andamento, mas a SEE não conseguiu se organizar para que isso não acontecesse.
      O correto é haver o concurso de remoção antes, mas o concurso realizou-se em 2014 para ingresso agora no início do ano. Durante todo o ano de 2014 lutamos para houvesse remoção, mas o governo não atendeu.
      Bebel

      Responder
  • 23. Rosimar Sabino Pinto  |  21/01/2015 às 19:48

    Olá Bebel
    Não recebi 1/3 de férias conversei com a unidade escolar e fui informada que houve uma data de fechamento para o pagamento e como estava de licença premio no período de novembro retornando apenas em Dezembro fiquei sem o pagamento. A escola por sua vez disse que já tomou as providências de acordo com uma rede enviada no dia 19/01 segunda feira e que devo aguardar. A minha dúvida é vou receber e quando? Será pago com reajuste devido ao atraso?
    Obrigada Rosimar

    Responder
    • 24. apeoesp  |  25/01/2015 às 12:38

      Prezado professor Rosimar,
      Houve promessa de pagamento em fevereiro, mas sugiro que entre em contato com o advogado na subsede para verificar o que deve ser feito.
      Bebel

      Responder
  • 25. Waldemir Araújo Miranda  |  21/01/2015 às 20:13

    Os prof de categoria F será na 2ªfeira?????
    Estou aguardando a Agenda 2015!!!! Obrigado……

    Responder
    • 26. apeoesp  |  25/01/2015 às 12:40

      Prezado professor Waldemir,
      Sim, a atribuição será no dia 26/01.
      Quanto à agenda, já foi enviada. Se não recebeu, envie mensagem para presiden@apeoesp.org.br.
      Bebel

      Responder
  • 27. susi  |  21/01/2015 às 21:26

    Bebel,
    Gostaria muito do retorno da jornada reduzida. Há essa possibilidade para o proximo ano ? Grata

    Responder
    • 28. apeoesp  |  25/01/2015 às 12:41

      Prezada professora Susi,
      Temos lutado, inclusive na justiça. Por enquanto são possíveis apenas ações individuais para os professores prejudicados. Continuaremos lutando por isso, pois é direito do professor escolher sua jornada.
      Bebel

      Responder
  • 29. Fátima  |  22/01/2015 às 09:50

    Olá Bebel, estou com dúvidas com relação ao acúmulo de cargos, sou efetiva e vou participar da atribuição como categoria O também (já fiz isto em 2013), um possível problema será o horário dos ATPCs. Legalmente, quantos horários de ATPCs a escola pode ter? Pode ser feito a noite? Existe uma lei que fale sobre isto? Obrigado pela atenção.

    Responder
    • 30. apeoesp  |  25/01/2015 às 12:52

      Prezada professora Fátima,
      Pode haver um ATPC por período. A decisão é da escola. Você deve conversar com a diretoria, pois a ordem da SEE é facilitar o acúmulo. Para mais informações, entre em http://www.apeoesp.org.br e converse online com os advogados (chat da atribuição de aulas).
      Bebel

      Responder
  • 31. Luana Ribeiro  |  23/01/2015 às 12:46

    Oi gostaria de saber se esse ano haverá remoção para os professores. E se houver ela deverá ser antes de nova chamada do concurso de PEB II? Pois seria o correto não é?
    Obrigada

    Responder
    • 32. apeoesp  |  25/01/2015 às 13:17

      Prezada professora Luana,
      A SEE afirma que sim, e que será antes da próxima chamada do concurso.
      Bebel

      Responder
  • 33. Felipe  |  23/01/2015 às 14:34

    atribuições mais tristes possíveis.Muitos professores adidos, salas fechadas e com número excessivo de alunos, escolas com menos de 8 salas não terão mais coordenação pedagógica e as aulas para professores categoria “F” e “O” ainda nem foram atribuídas

    Responder
    • 34. apeoesp  |  25/01/2015 às 13:22

      Prezado professor Felipe,
      Vamos transformar nossa tristeza e indignação em luta.
      Grande ato público no dia 29/01, às 15 horas, na Praça da República.
      E vamos à greve em 2015.
      Bebel

      Responder
  • 35. Gullar  |  23/01/2015 às 15:11

    Cara Presidenta,

    A Apeoesp tem entrado com alguma ação coletiva pedindo que os reajustes dado ao Piso Nacional seja estendido a nós, tive que entrar com ação individual contra a prefeitura local…

    Responder
    • 36. apeoesp  |  25/01/2015 às 13:24

      Prezado professor Gullar,
      O salário base no Estado está 8% superior ao valor do piso. Este índice já chegou a ser de 37% em 2009, o que mostra o desgaste de nossos salários. Enquanto o nosso salário base for de valor superior ao PSPN, não caberá ação judicial.
      Bebel

      Responder
      • 37. Gullar  |  31/01/2015 às 19:07

        Cara Bebel, tenho que discordar do seu entendimento, ao afirmar que nosso salário está 8% acima, a senhora está aceitando o Piso como referência, quando na verdade o Piso é para ensino médio, ou seja, magistério, portanto, como preconiza a CNTE deve o piso para licenciaturas ser 50% maior, isto é, 2.876,67, portanto, ganhamos abaixo do piso, gostaria muito ver nossa representatividade questionando isto, não consigo entender, não há cabimento, devemos provocar a justiça para que o reajuste do piso seja dado, vários estados estão dando, mesma pagando acima do piso. Outro fator, o plano de carreira que não temos de fato, isto fará com que cada vez mais nossa profissão se torne pouco atraente! Parabéns por sua participação na CONAE 2014, assisti sua fala no DF.

      • 38. apeoesp  |  07/02/2015 às 14:31

        Prezado professor Gullar,
        Está enganado. Não há nenhuma referência ao ensino médio na lei 11738/08. O PSPN não é nossa referência de um salário ideal. Aqui em SP nunca lutamos pelo PSPN. Nós o utilizamos apenas para demonstrar a desvalorização de nossos salários, assim como utilizamos também o salário mínimo. Não acha que estamos reivindicando ganhar o salário mínimo como salário base da categoria, não é?
        Se lesse os materiais do sindicato, veria que nossa reivindicação é de um aumento de 75,33% para equiparação com as demais profissões que tem nível superior completo. Sua proposta de uma remuneração básica de R$ 2.876,67 rebaixa nossa reivindicação. Mais ainda, nossa referência de salário base é de um salário mínimo do DIEESE por jornada de 2O horas semanais de trabalho. Nossa reivindicação, portanto, é superior ao que reivindica a CNTE.
        Bebel

  • 39. Renata  |  23/01/2015 às 21:28

    Bebel, por favor, preciso tirar uma dúvida. O professor categoria F perde a categoria se pegar aulas em escola integral ? Se participar da atribuição normal e pegar aulas e for para escola integral, o que acontece com essas aulas ? Se não der certo pode voltar ?
    Preciso urgente dessas informações….
    Obrigada

    Responder
    • 40. apeoesp  |  25/01/2015 às 13:48

      Prezada professora Renata,
      Creio que não poderá voltar no decorrer do ano letivo. Por favor, entre no chat da atribuição de aulas (www.apeoesp.org.br) e tire sua dúvida online.
      Bebel

      Responder
  • 41. Renata Martins  |  26/01/2015 às 13:26

    Bebel, sou cat O e meu contrato venceu em Dez de 2014. Quando posso atribuir aulas novamente?
    obrigada.

    Responder
    • 42. apeoesp  |  31/01/2015 às 13:27

      Prezada professora Renata,
      Sim, se ainda não havia usado quarentena antes.
      Bebel

      Responder
  • 43. Marina Mesquita  |  17/02/2015 às 00:23

    Bebel,por favor estou no 2 semestre da faculdade de matemática e gostaria de saber como faço para pegar aulas, estou totalmente perdida. Preciso fazer alguma prova? Aguardo resposta.Grata.

    Responder
    • 44. apeoesp  |  21/02/2015 às 12:56

      Prezada professora Marina,
      Você pode tentar aulas como eventual. Procure a escola de seu interesse.
      Bebel

      Responder
      • 45. Marina  |  21/02/2015 às 18:00

        Mas para pegar aulas como Professora eventual preciso me cadastrar? Ou devo somente me dirigir a escola de meu interesse.

      • 46. apeoesp  |  28/02/2015 às 14:37

        Prezada professora Marina,
        Procure a escola de seu interesse. Dependendo da necessidade, a escola resolverá a questão.
        Bebel

  • 47. Ana Paula Oliveira Silva  |  24/02/2015 às 05:37

    Bebel , em 14/10/2011 a 12/10/2012 trabalhei em escola como agente de organização escolar , cumpri os 200 dias para assumir como professora em 17/08/2013 a 19/12/2014 , agora terei que cumprir novamente os 200 dias ou só 40 dias

    Responder
    • 48. apeoesp  |  28/02/2015 às 13:16

      Prezada professora Ana Paula,
      No meu entendimento, 40 dias, pois cumpriu 200 dias em outra função. Informe-se melhor pelo telefone 11.33506214.
      Bebel

      Responder
  • 49. Gabriel  |  08/07/2015 às 02:46

    Boa noite!
    Gostaria de saber se posso fazer a prova de mérito? Trabalho na mesma unidade escolar desde o início de 2012, porém trabalhei em 2013 e 2014 como professor coordenador e agora estou novamente como pebll… A minha goe não soube me esclarecer, já que existe uma resolução que autoriza o vice-diretor, mas não menciona o PC.

    Obrigado!!

    Responder
    • 50. apeoesp  |  11/07/2015 às 11:25

      Prezado professor Gabriel,
      No meu entendimento, é preciso cumprir os interstícios como professor, não importando a função que exerceu. Entretanto, para melhor esclarecimento, sugiro que ligue para 11.33506214.
      Bebel

      Responder
  • 51. Miriam Lima  |  06/08/2015 às 03:39

    Por favor qual a carga horária máxima do professor por período? Visto que posso dois cargos F e efetivo pebII.

    Responder
    • 52. apeoesp  |  09/08/2015 às 12:06

      Prezada professora Miriam,
      Para obter melhor informação,ligue para 11.33506214.
      Bebel

      Responder
  • 53. Miriam Lima  |  06/08/2015 às 03:46

    Estava de licença maternidade que venceu no dia 20/07/2015 e fiz um ano de efetivo no dia 23/07/2015 e continuo com meu cargo de F, gostaria de saber se tenho direito de tirar os 15 dias de férias, e se tiver contaria durante o recesso ou após o recesso?
    ATT
    Miriam Lima
    ,

    Responder
    • 54. apeoesp  |  09/08/2015 às 12:05

      Prezada professora Miriam,
      O Estado só concede férias aos professores em janeiro e julho. Assim, poderá gozar esses 15 dias em janeiro. Para melhor informação, ligue para 11.33506214.
      Bebel

      Responder
  • 55. Elizangela  |  29/08/2015 às 18:23

    Boa tarde,sou categoria O o meu contrato foi efetuado em 2014, eu não estou liberada para este cadastro no gdae, será que fico na duzentenas ? ou aguardo o cadastro emergencial no inicio do ano de 2016 para participar das atribuições ou como eventual? na verdade estou preocupada será que fico na quarentena ou duzentenas …. muito obrigada fica no aguardo .

    Responder
    • 56. apeoesp  |  06/09/2015 às 14:53

      Prezada professora Elizangela,
      Se é seu primeiro contrato, você deveria entrar em quarentena. De toda forma, a APEOESP ingressou com ação para que todos possam participar da atribuição.
      Bebel

      Responder
  • 57. EDGARD  |  10/09/2015 às 20:52

    Professora Isabel, a apeoesp já questionou a secretaria de educação referente a redução da quarentena proposta pelo governador?

    Responder
    • 58. apeoesp  |  13/09/2015 às 12:29

      Prezado professor Edgard,
      Não há proposta de redução da quarentena por parte do Governador. O que divulgamos diversas vezes é que o Secretário da Educação nos disse que seria enviado um projeto de lei para a ALESP aumentando o período de contrato para até três anos e dez meses, com intervalo de 180 dias até novo contrato. Não firmamos nenhum acordo sobre isso, até porque nossa greve foi suspensa sem nenhuma solução devido aos descontos nos salários. Queremos que o projeto seja enviado para que possamos fazer emendas, para tentar acabar com qualquer intervalo, ou pelo menos reduzir para 40 dias. Temos cobrado isso o tempo todo e não estamos sendo atendidos. Por isso temos assembleia marcada para o dia 25/09, às 14 horas, na Praça da República.
      Bebel

      Responder
  • 59. Elaine  |  24/11/2015 às 13:10

    Olá, Bebel. Sei que estamos em constante estado de luta e de reivindicações, mas você sabe que atribuição é sempre uma lacuna, cada um diz uma coisa diferente. Primeiro, gostaria de saber se um professor que foi removido para minha U.E. e tem mais tempo do que eu escolhe na frente, ou por eu ter mais pontos na casa, atribuo primeiro? Têm escolas que adotam esta prática, e se for , qual a lei? A outra questão é: esse mesmo professor pode pegar de primeira carga integral e deixar os últimos da casa adidos? Ou todos escolhem suas cargas (24 ou 25 aulas, se for o caso) e o que sobrar depois suplementam?
    Desde já agradeço!

    Responder
    • 60. apeoesp  |  28/11/2015 às 13:03

      Prezada professora Elaine,
      A classificação para a atribuição de aulas é composta por diversos fatores, em seu conjunto. Os pontos na casa sozinhos não determinam a ordem de escolha. Se o professor tiver mais pontos no geral, escolhe primeiro. Cada professor compõe sua jornada, mas depende do diretor harmonizar os procedimentos para que haja menos prejuízos para todos.Informe-se melhor pelo telefone 11.33506214.
      Bebel

      Responder
  • 61. eleniza  |  22/01/2016 às 14:57

    olá sou professora de educação fisica cat.o trabalhei em dois mil e quatorze, em 2015 não atribui aula, tentei fazer a inscrição e não consegui só que passei no concurso de 2013 peb II, sou saldo remanescente que até então não precisava fazer a inscrição, mais qual não foi a minha surpresa? em dezembro o gdae abriu para fazer essa tal inscrição e mesmo assim eu não consegui não fui informada de nada tentei entrar tantas vezes e não conseguiu e por fim não fiz a inscrição já que no diário oficial dizia que o saldo remanescente estava desobrigado dessa inscrição. fui na diretoria de ensino de taboão que é a minha e lá também mem eles sabiam que tinha mudado, mais mudou e perdi a oportunidade de ter a chance de atribuir aula e agora o que devo fazer alguma informação o meu contrato encerrou no fianl do ano letivo de 2014 e 2015 não atribui aulas…
    eleniza

    Responder
    • 62. apeoesp  |  23/01/2016 às 13:09

      Prezada professora Eleniza,
      O que ocorre é que Governador editou decreto proibindo novas contratações. Quem estava em exercício teve os contratos prorrogados com base na nova lei. A SEE disse que vai quantificar o número de professores necessários e que solicitará ao Governador autorização para abrir o cadastro emergencial, mas ainda não temos datas.
      Bebel

      Responder
  • 63. Maria da conceição Martins silva  |  29/01/2016 às 16:00

    Estou cursando 0 4º semestre de licenciatura matemática gostaria de dar aulas no estado ou na prefeitura como consigo?? como participar do processo de atribuição de aulas…

    Responder
    • 64. apeoesp  |  30/01/2016 às 22:46

      Prezada Maria da Conceição,
      Decreto do governador proíbe novas contratações. Será aberto cadastro de houver aulas disponíveis. Poderá ministrar aulas na ausência de professores habilitados. Fique atenta.
      Bebel

      Responder
  • 65. Adriana Nunes  |  18/02/2016 às 00:28

    Boa noite, quando abrir cadastro emergencial é na diretoria de ensino direto, ou nas escolas?
    Estou no 3º semestre de sociologia e quero muito dar aulas, tenho que aguardar?

    Responder
    • 66. apeoesp  |  20/02/2016 às 13:54

      Prezada professora Adriana,
      Novas contratações estão suspensas por decreto do governador. Não há ainda previsão de cadastro emergencial.
      Bebel

      Responder
  • 67. Simone  |  19/02/2016 às 16:29

    Bebel, sou categoria O minha classificação ficou bem abaixo de algumas outras colegas que passaram na minha frente, achei isso errado pq não houve tempo hábil para arrumar a classificação, que a cada ano muda de posição me senti prejudicada. Por outro lado minha classificação que está em 237 na próxima atribuição sou obrigada a pegar uma sala, pois ouve comentários que se não pegarmos teremos que retroceder ou seja só pegar em caráter emergencial… Isso procede?

    Responder
    • 68. apeoesp  |  20/02/2016 às 13:53

      Prezada professora Simone,
      Para melhor orientação, por favor, ligue para 11.33506214.
      Bebel

      Responder
  • 69. Andrea  |  02/03/2016 às 02:38

    Boa noite,
    Passei em 2 lugar no concurso municipal, só tendo aulas de manhã.
    Se pegar aula no estado como cat O, de manhã e for chamada para assumir no município, devo largar o estado.
    Minha pergunta é, o que acontece com meu contrato que está no 3 ano de acordo com a prorrogação da nova lei?
    E se tem chance deste contrato de 3 anos virar uma cat F?

    Responder
    • 70. apeoesp  |  06/03/2016 às 13:09

      Prezada professora Andrea,
      Você somente pode ser da categoria F se estava com vínculo na rede estadual de ensino em junho de 2007.
      Quanto ao contrato, se você desistir de aulas, pode ser rescindido e você não poderá participar das próximas atribuições. Informe-se melhor pelo telefone 11.33506214.
      Bebel

      Responder
  • 71. Vanessa  |  10/03/2016 às 15:19

    Boa tarde.
    Sou professora do Ensino Fundamental e Ensino Médio , tenho 12 aulas no Fundamental e 20 no Ensino Médio posso fazer 2 Atpcs no Fundamental e 1 no EM?

    Obrigada.

    Responder
    • 72. apeoesp  |  13/03/2016 às 17:34

      Prezada professora Vanessa,
      Por favor, ligue para 11.33506214 para melhor orientação.
      Bebel

      Responder
  • 73. Brenda  |  30/03/2016 às 23:30

    Boa noite, sou professora de Artes do Proeti(Tempo Integral) e na minha escola surgiram mais vagas da minha área, só que de ensino regular 1º ao 5º ano. A escola pode estar me oferecendo estas vagas ou tenho que passar pelo processo de designação novamente!?
    Obrigada

    Responder
    • 74. apeoesp  |  03/04/2016 às 12:20

      Prezada professora Branda,
      Creio que pode, mas para melhor informação e orientação, você deve ligar para 11.33506214.
      Bebel

      Responder
  • 75. Josy  |  29/07/2016 às 17:46

    Boa tarde, gostaria de saber como proceder em relação a atitude tomada pelo diretor da minha escola no qual não mudou o horário das aulas para eu pegar.Mas mudou o quadro de horário para outros no qual eu estava na frente da classificação.

    Responder
    • 76. apeoesp  |  30/07/2016 às 12:20

      Prezada professora Josy,
      Por favor, envie um email para presiden@apeoesp.org.br com detalhes do caso, para que possamos levar ao conhecimento do gabinete do Secretário da Educação, para que possa ser revertida.
      Bebel

      Responder
  • 77. Marcelo  |  01/09/2016 às 22:39

    Boa noite na inscrição de classes e aulas esta escrito nao encontrou registro isso quer dizer que nao esta fazendo por causa que nao tem contrato.

    Responder
    • 78. apeoesp  |  04/09/2016 às 13:19

      Prezado professor Marcelo,
      Sim, novas contratações estão suspendas desde novembro de 2015. Agora, as medidas do governo biônico e golpista de Michel Temer vem reforçar as barbaridades que Alckmin está fazendo em SP. Por isso é muito importante comparecer á assembleia de 22/9 na avenida Paulista.
      Bebel

      Responder
  • 79. Marcelo  |  06/09/2016 às 10:58

    Teve alguma novidade na assembleia passada ?

    Responder
  • 81. Marcelo  |  09/09/2016 às 15:29

    Prezado Professor,

    Comunicamos que haverá sessão de atribuição de aulas para os candidatos do Cadastro Emergencial, no dia 12/09/2016 às 9h, na sede da Diretoria de Ensino Leste 4.

    Rua Dona Matilde, 35 – Vila Matilde

    IMPORTANTE:

    Somente participará dessa sessão, o professor que foi convocado por email e que não tenha “Contrato V”.

    Atenciosamente,

    Comissão de Atribuição de Classes e Aulas

    DER Leste 4 boa tarde me mandaram esse email gostaria de saber que sem contrato será que atribui desde já agradeço

    Responder
    • 82. apeoesp  |  10/09/2016 às 20:06

      Prezado professor Marcelo,
      Creio que sim. Informe-se melhor na própria diretoria de ensino.
      Bebel

      Responder
  • 83. Marcelo  |  12/09/2016 às 18:03

    Participei da atribuiçao mesmo nao tendo contrato só que a mulher da DRE falou que era so um contrato na disciplina de geografia e eramos em 4 a primeira pegou e como pode convocar e ficar aula e nao quer abrir contrato suficiente.

    Responder
    • 84. apeoesp  |  18/09/2016 às 14:10

      Prezado professor Marcelo,
      O governador restringiu a contratação de professores. Veja se algo pode ser feito pelo telefone 11.33506214. Temos assembleia dia 22/9, 14 horas, na Avenida Paulista (MASP0. Espero vê-lo lá.
      Bebel

      Responder
  • 85. JAIME PEREIRA DASILVA  |  03/01/2017 às 20:39

    OLA BOA TARDE BOM MI FORMEI EM HISTORIA ANO PASSADO GOSTA DE SABER QUANDO E COMO POSSO MI ESCREVER PARA PARTICIPAR DE ATRIBUIÇÕES DE AULAS ESTE ANO SOU DA ZONA SUL DE SÃO PAULO

    Responder
    • 86. apeoesp  |  07/01/2017 às 10:59

      Prezado professor Jaime,
      Ainda não estão previstas novas contratações. Há grande número de professores desempregados. Fique atento ás publicações da Secretaria da Educação.
      Bebel

      Responder
  • 87. brunamenezesalves  |  12/06/2017 às 18:42

    Olá meu nome é Bruna fui aprovada no concurso de 2014 em 67º de Educação física na DE de Caieiras e perdi a primeira chamada a qual fui chamada, hoje vi que houve mais uma chamada de NOVA OPORTUNIDADE porém esta chamando do 103 ao 145, pelo que percebi provavelmente já passou meu número novamente, posso ir nessa atribuição mesmo assim, e conseguir aula? Preciso de ajuda, estou desempregada e preciso muito trabalhar tenho como conseguir aula ainda?

    Responder
    • 88. apeoesp  |  17/06/2017 às 15:40

      Prezada professora Bruna,
      Toda tentativa é válida, mas creio que se limitarão à atribuição das pessoas que foram convocadas.
      Bebel

      Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Mensagem da Presidenta da APEOESP às professoras

Clique no play para ouvir.

Blog Stats

  • 4,831,336 hits

%d blogueiros gostam disto: