Governo Alckmin ainda não propôs reajuste para professores

23/07/2015 at 13:51 13 comentários

Governo do Estado não cumpre seus compromissos. Continuamos na luta por aumento salarial e valorização profissional. Representantes de Escola se reúnem no dia 06/08 e o Conselho Estadual de Representantes em 14/08. Há dissídio impetrado pela APEOESP em tramitação no TJSP.

Clique para ler a matéria do jornal O Estado de S. Paulo publicada hoje, 23/07/2015.

http://educacao.estadao.com.br/noticias/geral,governo-alckmin-ainda-nao-propos-reajuste-para-professores,1730215

Anúncios

Entry filed under: Artigos.

Alckmin é intimado a explicar como pagar professor que fez greve

13 Comentários Add your own

  • 1. Edu  |  23/07/2015 às 17:26

    Nem proposta de reajuste e nem uma nova convocação. Que diziam que sairia agora no segundo semestre e nada acontece até quando teremos que ficar calados, e sem perspectiva de tomadas decisões que precisam ser tomadas com um urgência um absurdo ter aquela paralização ter acontecido e terminada derepente sem nenhuma esperança de nada

    Responder
    • 2. apeoesp  |  26/07/2015 às 11:38

      Prezado professor Edu,
      Não estamos calados. Acompanhe, por favor, tudo o que estamos fazendo e divulgando pelo site da APEOESP. Há dissídio coletivo em tramitação no Tribunal de Justiça de São Paulo. Houve nestes últimos 15 dias diversas matérias nos jornais sobre o descumprimento da promessa do governo de dar o reajuste em julho. Publicamos nesta semana 3 matérias pagas na TV sobre este assunto e sobre a reposição. Quanto à greve, se você participou dela sabe que não terminou de repente. Foram 92 dias de paralisação e só foi suspensa porque os professores ficaram sem salários e sem condições de continuar o movimento.
      Quanto à terceira chamada do concurso, a promessa do Secretário é fazê-la no segundo semestre após o concurso de remoção. Legalmente, não pode fazê-la antes. Vamos cobrar, porque sabemos que não podemos confiar nas promessas do governo.
      Bebel

      Responder
  • 3. ALESSANDRA  |  24/07/2015 às 11:55

    Bom dia Bebel, gostaria de saber sobre a situação da categoria O.Liguei na Apeoesp e eles disseram que o contrato sera de 3 anos agora. Estou no final de contrato que termina agora em 2015.Obrigada

    Responder
    • 4. apeoesp  |  26/07/2015 às 11:29

      Prezada professora Alessandra,
      O Governo ainda não enviou para a ALESP o projeto de lei. Segundo disse o Secretário, o contrato poderá chegar a 3 anos e 10 meses, com intervalo de 180 dias. Vamos produzir emendas nas ALESP de acordo com as necessidades dos professores.
      Bebel

      Responder
  • 5. Prof Clóvis  |  25/07/2015 às 10:11

    Sou RE e não poderei ir a nenhuma reunião. Tenho aulas de reposição até 11/12 todas as tardes. São 64 dias letivos para repor. Obrigado.

    Responder
  • 6. Prof. Sebastião MigueL  |  27/07/2015 às 19:27

    Bebel, ainda não houve nada a respeito do descumprimento da liminar? Poxa vida! Recebi 230 reais de maio que não tinha nada a ver com a greve. Os dois meses de março a abril não recebi nada. Já estou repondo aulas, como é que vai ficar? Não seria hora de nova greve em agosto? Como pode depois de mais de três liminares e o governo ainda não paga.
    Já não sabemos mais o que fazer, com nome indo para o beleleu do Serasa e SCPC.

    Responder
    • 7. apeoesp  |  02/08/2015 às 14:17

      Prezado professor Sebastião,
      O TJSP reafirmou a ordem para que o Governador pague. Pedimos providências ao juiz que podem chegar até mesmo à prisão do Governador. Quanto à greve,sugiro que faça a proposta ao representante da APEOESP na escola para que ele leve à discussão na reunião de RE e, posteriormente, ao CER.
      Bebel

      Responder
  • 8. Silvia Miranda  |  30/07/2015 às 01:55

    Boa noite Bebel

    Não sei se é de seu conhecimento, mas já está provisionado o nosso provento no banco e não teve nenhum aumento de salário

    Prof Silvia Miranda

    Responder
    • 9. apeoesp  |  02/08/2015 às 13:56

      Prezada professora Silvia,
      Sim, claro. Este Governador não cumpre promessas, por isso a nossa greve era justa. Pena que nem toda a categoria aderiu. Agora, vamos retomar a mobilização em agosto.
      Bebel

      Responder
  • 10. Antonio Rijo dos Santos  |  30/07/2015 às 21:03

    Gostaria de saber a situação do PROFESSORES categoria O.

    Responder
    • 11. apeoesp  |  02/08/2015 às 13:53

      Prezado professor Antonio,
      Mais uma vez o Governador Alckmin não cumpriu sua promessa de enviar os projetos de lei que mudam a forma de contratação (para até 3 anos e dez meses de contrato) e garantia de atendimento médico pelo IAMSPE.
      Estamos pressionando e vamos retomar a mobilização em agosto.
      Bebel

      Responder
  • 12. Magali de Cássia Merenda  |  03/08/2015 às 16:27

    Bebel
    Boa Tarde!
    Gostaria de uma informação: Caso não haja acordo e que nenhuma das nossas revindicações no TJSP sobre o nosso dissídio não sejam aceitas, poderá ser levado ao STF, para uma possível solução favorável? Um abraço.
    Profª Magali

    Responder
    • 13. apeoesp  |  09/08/2015 às 12:52

      Prezada professora Magali,
      Utilizaremos todos os recursos judiciais possíveis, inclusive no STF.
      Bebel

      Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Mensagem da Presidenta da APEOESP às professoras

Clique no play para ouvir.

Blog Stats

  • 4,831,336 hits

%d blogueiros gostam disto: