13/04/2017 at 02:37 10 comentários

Anúncios

Entry filed under: Artigos.

Governador de São Paulo é inimigo dos servidores

10 Comentários Add your own

  • 1. dirceu de mello  |  13/04/2017 às 19:25

    estranho no boletim da apeoesp acima em reposição dos dias parados, em negociação com governo, nao tenha dia 29 de março não entendi….

    Responder
    • 2. apeoesp  |  15/04/2017 às 12:57

      Prezado professor Dirceu,
      Observei agora o boletim. Foi um erro de digitação. Será corrigido. Os dias são 28, 29, 30 e 31 de março.
      Obrigada.
      Bebel

      Responder
  • 3. Prof. Clóvis  |  14/04/2017 às 14:51

    Quando da nossa greve o governador falou que não haveria mudança em nossa aposentadoria, portanto a mesma não teria sentido. Agora ele está nos dando o motivo que faltava. Vamos rumo à greve por tempo indeterminado.

    Responder
    • 4. apeoesp  |  15/04/2017 às 12:48

      Prezado professor Clóvis,
      Também creio que temos motivos para isto, mas como vê, a categoria optou por um calendário de mobilizações e, por enquanto, adesão à greve geral do dia 28 de abril.
      Bebel

      Responder
  • 5. MeirellesMillennium  |  14/04/2017 às 16:31

    Processo contra a falta de revisão salarial. Está garantido na Constituição, mas o governo do Estado vale-se de subterfúgios para não cumprir a lei. Aumenta o próprio salário com reajuste a bel- prazer, mas pode deixar o professorado à míngua bem de acordo com os conchavos para a reforma da previdência e a terceirização. Há 13 anos o processo está no STF. Não foi suficiente o tempo para o STF posicionar-se a respeito?

    Responder
    • 6. apeoesp  |  15/04/2017 às 12:46

      Prezado professor Meirelles,
      Não foi. E ingressamos com novo processo no TJSP pelo cumprimento da revisão anual dos salários.
      Bebel

      Responder
  • 7. Laura  |  16/04/2017 às 03:32

    Bebel poderia solicitar que o governo estabiliza-se o professor categoria O que esteja com aulas atribuidas.Como foi conquistado pela categoria F.Muitos categoria O,não conseguiram ser aprovados np concurso…estabilização seria necessário…Outro ponto…que o professor categoria O pudesse ser diretor,vice diretor,coordenador e assumir aulas na Escola Tempo Integral…sou efetiva,mas já fui O e acho que deveriamos reivindicar isso tbm para nossos colegas!!! Abç

    Responder
    • 8. apeoesp  |  23/04/2017 às 11:55

      Prezada professora Laura,
      Nossa luta é pela concretização da estratégia 18.20 do Plano Estadual de Educação, que determina uma nova lei para dar aos professores temporários os mesmos direitos dos efetivos. No entanto, continuamos defendendo que o professor só se torne efetivo por meio do concurso público.
      Bebel

      Responder
  • 9. Carlos Magalhães  |  24/04/2017 às 11:14

    Bom dia,
    Gostaria de deixar aqui a minha indignação com nosso sindicato, um dos maiores da América latina.Assistindo uma reportagem, verifiquei que todas as categorias obtiveram aumento salarias, porteiros, empregadas domestica…enfim somente os professores da rede estadual não, pois a maioria das prefeitura tiveram, o que acontece com nosso sindicato e categoria? chamar greve junto com outros sindicatos? perdemos a força?a culpa é de quem?

    Responder
    • 10. apeoesp  |  30/04/2017 às 14:51

      Prezado professor Carlos,
      Releia o que escreveu, por favor. Você não citou nenhuma categoria vinculada ao Governo do Estado de São Paulo. Então, a culpa é da APEOESP e não do Governo Estadual? Lembre-se que fizemos uma greve de 92 dias em 2015 e de lá para cá temos feitos seguidas assembleias, atos, caminhadas, reuniões com o Secretário da Educação, paralisações e até mesmo ações judiciais pelo reajuste salarial. Você participou da greve de 2015? Tem participado das atividades da campanha salarial da categoria? Em lugar algum está dito – e seria um contrasenso – que a existência de uma entidade sindical garante reajuste salarial. O que pode garantir reajuste salarial, quando o patrão é tão duro quanto o Governo de SP, é a mobilização. O sindicato organiza a luta, mas sozinho (se pensarmos só em sua diretoria), não faz milagres.
      Bebel

      Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Mensagem da Presidenta da APEOESP às professoras

Clique no play para ouvir.

Blog Stats

  • 4,910,351 hits

%d blogueiros gostam disto: