Sobre a recondução de professores aos projetos da pasta.

23/04/2017 at 11:33 17 comentários

De acordo com o compromisso assumido, informo que o processo movido pela APEOESP para recondução de professores bem avaliados aos projetos da pasta continua em mãos do juiz relator, que deve colocá-lo na pauta para votação de recurso do Governo. Temos comparecido ao TJSP várias vezes por semana para acompanhar a tramitação e solicitar o julgamento. Infelizmente essa decisão não nos pertence.

Anúncios

Entry filed under: Artigos.

Pela unidade em defesa da democracia e do direito à aposentadoria Notícias sobre projetos da pasta e professores readaptados

17 Comentários Add your own

  • 1. Helena  |  24/04/2017 às 12:05

    Bebel, por favor faça um mural com nome e foto dos deputados que votarão à favor da reforma.
    Temos que saber, ser bem didático.
    Eu não vou pagar a conta da corrupção, tendo que trabalhar dez anos a mais.
    Quando entrei no magistério há 23 anos, eu fiz um projeto de vida, eles não tem esse direito.
    E pra terminar, não compro mais jequiti, telesena e vou desligar a tv.

    Responder
    • 2. apeoesp  |  30/04/2017 às 14:44

      Prezada professora Helena,
      Gostaria muito de fazê-lo, porém tenho que verificar juridicamente, tendo em vista que estarei presumindo o voto.
      Estamos lutando de todas as formas contra a essa reforma da previdência. Estou muito otimista quanto ao resultado, principalmente após a greve geral de 28/4. Acredito que se lutarmos mais, poderemos conseguir a retirada deste projeto.
      Bebel

      Responder
  • 3. Marcos  |  24/04/2017 às 23:00

    Querida Bebel.

    Não há a minima possibilidade da categoria S, ser atribuídas aulas em 2018?……Estou cansado de mesmo tendo vínculo com o Estado, só posso ser eventual ……Por favor nos ajude.

    Obrigado.

    Responder
    • 4. apeoesp  |  30/04/2017 às 14:41

      Prezado professor Marcos,
      A situação está muito ruim. O governo do Estado recusa-se a abrir novas contratações, vem mantendo salas superlotadas e o mínimo de atribuições de aulas possível. Estamos lutando contra isso, mas a situação não está muito fácil.
      Bebel

      Responder
  • 5. Carlos Roberto  |  01/05/2017 às 12:02

    Bebel,o estado soltou um cronograma sobre a realocação dos professores readaptados. até o dia 22 de maio todos já estarão atribuídos na s diretorias de ensino. O deputado Carlos Giannazi entrou com um projeto para sustar tal medida. Será que o projeto dele já foi votado? e se até lá,formos prejudicados, devemos procurar o advogado da subsede?

    Responder
    • 6. apeoesp  |  07/05/2017 às 22:15

      Prezado professor Carlos,
      O deputado Giannazi, cumprindo seu papel parlamentar, ingressa com projetos de lei sobre todos os assuntos. Porém, o governo estadual tem mais de 75 dos 91 deputados estaduais. A chance de seu projeto ser aprovado e entrar em vigor é inexistente.
      A APEOESP ingressou com ação coletiva contra a nova resolução dos readaptados e pediu liminar ao tribunal paras suspender todo o procedimento.
      Bebel

      Responder
  • 7. Ivonilda Alves dos Santos  |  01/05/2017 às 23:26

    Querida Bebel. Sou do município de Berizal/ MG SRE de Araçuaí
    Me chamo Ivonilda ainda não sou professora sonho ainda não realizado me formei em pedagogia no ano passado . Me inscrevi na designação deste ano em professor orientador de acompanhamento pedagógico do tempo integral . Gostaria de tirar uma dúvida :qual a carga horária de um professor designado pode exercer no estado ? um professor de tempo integral pode ter dois acompanhamentos pedagógicos ?em turno diferentes? como fica um professor que atua no tempo integral até 12:30 e 12:30 o mesmo tem um cargo professor de apoio? isso é possível ? Já questionei a tolerância de 15 minutos e o diretor me disse que na mesma escola não tem problema . Já li as resoluções e não é isso que entendi . Pode me ajudar ?

    Responder
    • 8. apeoesp  |  07/05/2017 às 22:09

      Prezada Ivonilda,
      A APEOESP tem abrangência apenas no estado de São Paulo. Solicito entrar em contato com o Sindiute/MG – Rua Ipiranga, 80 – Floresta – BH – MG – CEP: 31015-180 – Tel(31) 3481-2020 – Fax(31) 3481-2449.
      Bebel

      Responder
  • 9. vanessa botelho  |  02/05/2017 às 14:32

    Bebel, bom dia.
    De acordo com a resolução SE 18/2017 em que determina que readaptados “excedentes” nas U.Es , deverão participar de uma atribuição e ingressar numa nova escola, gostaria de saber se o trecho que fala assim:
    ” X – No corrente ano, as inscrições para mudança de sede de exercício, a pedido, para unidade escolar ou para Diretoria de Ensino diversa da de sua classificação, prevista no artigo 14 da Resolução SE 18/2017, ocorrerão, excepcionalmente, no período de 3 a 9 de maio de 2017, com divulgação da classificação até 12 de maio e com sessão de atribuição a ser realizada em 22-05- 2017, sequencialmente ao término do processo de atribuição de sedes de exercício para ajuste obrigatório dos módulos;”
    permite que o readaptado pode tentar mudar de sede antes do dia 09/05/2017 antes de sair a classificação geral.

    Responder
    • 10. apeoesp  |  07/05/2017 às 22:06

      Prezada professora Vanessa,
      A APEOESP ingressou com ação coletiva contra a resolução da SEE.
      bebel

      Responder
      • 11. Vanessa  |  07/05/2017 às 23:55

        Boa noite.
        A diretora da minha escala me fez assinar um papel com pedido de
        Para “transferência ” de U.E na quinta feira, dizendo que eu seria excedente, pois teriam três vagas na minha escola, duas seriam usadas por efetivos e uma por uma “F” com mais pontos.
        Eu sou “F”.
        Qdo na sexta feira voltou dizendo que eu tinha mais pontos que uma efetiva, e poderia então ficar ou continuar com meu pedido de transferência.
        Eu quis ficar, mas meu pedido de transferência já havia sido protocolado por ela na quinta feira, por erro de interpretação dela!
        Se der algo errado agora é me mandarem sair, como faço?
        Eu quero ficar, ela errou!
        Fiz o q ela mandou!

      • 12. apeoesp  |  14/05/2017 às 15:04

        Prezada professora Vanessa,
        Sugiro que desde já procure o advogado na subsede de sua região para verificar que procedimentos deve tomar para não ser prejudicada.
        Bebel

  • 13. Lidia  |  17/05/2017 às 23:57

    Boa noite, Bebel!
    Sou diretora de uma escola municipal, trabalho 8 horas diárias e acumulo cargo com a categoria F, é uma escola compartilhada, estado e município juntos, tenho 9 aulas atribuída, surgiu mais 14 aulas na minha escola, gostaria de saber se sou obrigada a pegar, já que na minha inscrição foi feita para 19 aulas, o horário do estado não bate com o município. O acumulo me ajudaria a não pegar ou sou obrigada em caso de não conciliar terei que sair da categoria F.

    Responder
    • 14. apeoesp  |  21/05/2017 às 14:58

      Prezada professora Lidia,
      Nesses casos, temos solicitado que a SEE tenha flexibilidade, mas nem sempre acontece. provavelmente irão forçá-la a pegar as aulas. Neste caso, procure o departamento jurídico na subsede e verifique o que pode ser feito. O acúmulo não impede que tentem forçá-la a ter que optar por uma das redes.
      Bebel

      Responder
  • 15. Angela Maria Luize  |  20/05/2017 às 15:59

    O CPP conseguiu vitória contra a Res SE 18/2017 mas só os associados do CPP podem ser beneficiados e nós que somos associados da Apeoesp não poderemos nos beneficiar dessa decisão?Por favor, precisamos de orientação pra podermos dormir tranquilos. Obrigada.

    Responder
    • 16. apeoesp  |  21/05/2017 às 14:32

      Prezada professora Angela,
      A APEOESP ingressou antes do CPP com ação semelhante. A juíza teve entendimento equivocado sobre a questão e negou a liminar. A APEOESP ingressou com recurso e aguardamos decisão. Com a liminar concedida ao CPP, vamos ingressar com pedido para que se estende a todos os que estão na mesma situação.
      Bebel

      Responder
    • 17. apeoesp  |  21/05/2017 às 14:44

      Prezada professora Angela,
      A APEOESP ingressou antes do CPP com pedido de liminar. A juíza não compreendeu a urgência, considerou que não haveria efeito imediato e indeferiu a liminar. Ingressamos com recurso e esperamos que seja deferido. Entretanto, também vamos ingressar com medida judicial para que liminar do CPP beneficie a todos e todas.
      Bebel

      Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Mensagem da Presidenta da APEOESP às professoras

Clique no play para ouvir.

Blog Stats

  • 4,929,226 hits

%d blogueiros gostam disto: