SEE garante que nenhuma escola será fechada

18/11/2017 at 09:08 8 comentários

A APEOESP está atenta e luta para que não sejam fechadas classes e escolas na rede estadual de ensino. Denuncie toda situação deste tipo no portal do sindicato (www.apeoesp.org.br).
A SEE afirma que nenhuma escola será fechada.
Estamos em luta para que 30 mil professores temporários (categoria O) não tenham que ficar 180 dias afastados da rede e para que possam assumir aulas no início do semestre letivo de 2018. Ainda não há uma resposta definitiva por parte do governo estadual sobre este ponto.
Na terça-feira, 21/11, estaremos na Assembleia Legislativa em audiência pública com o Secretário da Educação para cobrar este ponto, reajuste salarial, a retirada do “PL da morte” e demais reivindicações.

Anúncios

Entry filed under: Artigos.

Carta publicada no Jornal Folha de S. Paulo Viva o Dia Nacional da Consciência Negra!

8 Comentários Add your own

  • 1. valdo  |  22/11/2017 às 20:50

    Boa noite Bebel! Por favor ! Sabe alguma coisa sobre uma nova convocacao de aprovados PEB II ainda em 2017?

    Responder
    • 2. apeoesp  |  26/11/2017 às 21:42

      Prezado professor Valdo,
      Sim. Na primeira semana de dezembro. Lista de vagas deve ser publicada no dia 28/11.
      Bebel

      Responder
  • 3. Alessandro Lino Netto  |  26/11/2017 às 12:01

    Bebel, o professor aposentado por invalidez por vias psiquiátricas tem direito à integralidade do provento?E tem direito ao abono de permanência? Obrigado.

    Responder
    • 4. apeoesp  |  03/12/2017 às 16:17

      Prezado professor Alessandro,
      Para melhor informação e orientação, por favor, ligue para 11.33506214.
      Bebel

      Responder
  • 5. Kátia Cilene Saccomani Colovatti  |  01/12/2017 às 01:16

    Boa noite Bebel!!! Você teve alguma novidade sobre o projeto mediação para 2018? Eu sou ainda dá Recondução q não conseguimos nada em 2017, como será q vai ser feito a escolha das mediadoras… não foi nada justo simplesmente tirarem nós q tínhamos vice dá escola dá família e não sermos reconduzidas…uns ficam outros não… gostaria de saber!!! Agradeço desde já.

    Responder
    • 6. apeoesp  |  03/12/2017 às 15:57

      Prezada professora Kátia,
      Infelizmente, pelos meios de que dispõe, com acesso direto à cúpula do Tribunal de Justiça, o governo conseguiu travar o processo que vínhamos vencendo em 2017. Estamos cobrando da SEE uma comissão entre a Secretaria e o sindicato para discutirmos as regras para 2018, mas ainda não conseguimos.
      Bebel

      Responder
  • 7. EDSON  |  01/12/2017 às 21:58

    Cara presidente, gostaria de saber o que a apeoesp está pretendendo fazer quanto a questão da “duzentena”, acredito que a situação merece um movimento específico, sem misturar outras lutas com a dos cat. o,

    Responder
    • 8. apeoesp  |  03/12/2017 às 15:55

      Prezado professor Edson,
      Sim, este é um movimento específico e estamos fazendo há vários meses. Estamos fazendo gestões junto à Secretaria, que ofereceu a proposta de reduzir para 90 dias,a qual recusamos por não atender às necessidades deste segmento. Queremos a redução para 40 dias e a efetivação da estratégia 18.20 do Plano Estadual de Educação, que é uma nova lei com equiparação de direitos com os professores efetivos.
      No dia 28/11, publiquei nas redes sociais a seguinte nota:
      Informo aos professores da categoria O que a luta pela redução da chamada “duzentena” (180 dias de afastamento) para 40 dias é prioridade da APEOESP neste momento. Estamos em pressão constante, diária, sobre a SEE, que por sua vez está discutindo o assunto com a assessoria do Governador e com a Procuradoria Geral do Estado. Foi apresentada pelo Governo a proposta de redução para 90 dias, mas a APEOESP e os professores não podem aceitá-la, pois não resolve o problema de mais de 30 mil professores cujos contratos se encerram e ficarão sem aulas na atribuição. Estamos na luta e confiamos que vamos reduzir o afastamento para 40 dias.
      Importante frisar que o nosso maior objetivo é uma nova lei de contratação de professores temporários, cujos direitos sejam equiparados aos dos professores efetivos, conforme a estratégia 18.20 do Plano Estadual de Educação.
      Professora Bebel – Presidenta da APEOESP
      Bebel

      Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Mensagem da Presidenta da APEOESP às professoras

Clique no play para ouvir.

Blog Stats

  • 5,115,989 hits

%d blogueiros gostam disto: