A desgovernança é o legado tucano no estado de São Paulo

10/12/2017 at 12:41 5 comentários

Neste domingo, 10/12, o Deputado Federal do PSDB Floriano Pesaro utiliza espaço no jornal Folha de S. Paulo para enaltecer o que ele chama de “legado tucano” no estado de São Paulo.
 
Nada surpreendente em se tratando de integrante de um partido cujo recém-eleito Presidente, o Governador Geraldo Alckmin, joga sobre acusações sobre alto desemprego e quebra de empresas sobre o ex-Presidente Lula, justamente aquele em cujo governo a economia brasileira atingiu altas taxas de crescimento, empregabilidade e lucratividade das empresas.
 
A miopia política do senhor Pesaro e dos tucanos em geral não os deixa ver as falhas e malfeitos de seus governos. Então é preciso ajudá-los a enxergar.
 
Pesaro diz que a gestão tucana é exemplo de “boa governança pública”. Na realidade, o estado está desgovernado. Andemos pela cidade de São Paulo e veremos a quantidade de obras do metro paralisadas por falta de planejamento. E, ainda, será que o senhor Pesaro não enxerga que um governo que gera uma dívida com a União de R$ 232 bilhões, mas, ao mesmo tempo, deixa de recolher R$ 174 bilhões de impostos de empresários não pode ser exemplo de boa governança? Menos ainda quando pretende aprovar um “PL da morte” para que a população e os servidores públicos paguem ainda mais pela incompetência deste governo?
 
Será que ele não enxerga o abandono das escolas públicas, a falta de material, as classes superlotadas, a recusa de atendimento à demanda por vagas nas escolas estaduais que fecham classes em muitas regiões? Não vê a falta de políticas para minimizar a violência nas escolas, cujos índices voltaram a subir quando o governo reduziu o programa de mediação escolar?
 
Será que não vê a ameaça de demissão de 33 mil professores temporários em pleno Natal? Não enxerga o assédio moral, a desvalorização dos professores, a sobrecarga de trabalho; não vê que os professores estão há mais de três anos sem reajuste salarial?
 
O Deputado do PSDB não se interessa em ver que a sociedade paulista, por meio de mais de 70 entidades, elaborou e conseguiu aprovar na Assembleia Legislativa um Plano Estadual de Educação que aponta soluções para os problemas da educação paulista, mas que o governo estadual ignora, não tendo tomando providências para colocar em prática nenhuma de suas metas e estratégias.
 
Não, o senhor Pesaro e demais políticos do PSDB não tomam conhecimento da realidade no estado de São Paulo e trabalham sempre no sentido de impedir que a sociedade a enxergue. Porém, nós, professoras e professores, nossos estudantes, os pais, os setores sociais com quem nos relacionamos, sabemos muito bem que o mundo cor de rosa de “realizações” e “sucessos” dos sucessivos governos tucanos no nosso estado não existe. Basta tirar a venda da propaganda e do apoio da grande mídia para podermos enxergar o que de fato ocorre.
 
Por isso denunciamos as políticas autoritárias e antissociais do PSDB e buscamos alianças cada vez mais amplas com todos os segmentos que compõem a comunidade escolar (estudantes, pais, diretores, supervisores, funcionários) e com todos os segmentos sociais, por meio de suas entidades e movimentos, para que possamos mudar esta situação e para que, afinal, tenhamos um verdadeiro legado de políticas públicas que atenda às necessidades e interesses da maioria da população no estado de São Paulo.
 
Professora Bebel – Presidenta da APEOESP
Anúncios

Entry filed under: Artigos.

Governo desumano quer demitir 33 mil professores no Natal Mais uma conquista da APEOESP

5 Comentários Add your own

  • 1. Igor  |  11/12/2017 às 12:01

    Gostaria que vcs fizessem um post esclarecendo a balela que eh essa regra de transicao que o governo esta pregando que vai levar 20 anos pra acontecer, mentira.
    Meu caso que estou estou a 7 anos da aposentadoria a regra de transicao me jogara para 17 anos a mais. Tempinho pouco nao, 10 anos a mais?

    Responder
    • 2. apeoesp  |  17/12/2017 às 14:30

      Prezado professor Igor,
      Estamos editando uma cartilha sobre a reforma da previdência e vamos soltar outros materiais. Obrigada.
      Bebel

      Responder
  • 3. Terezinha Pessoa  |  11/12/2017 às 17:34

    Tudo bem que os tucanos realmente já deixaram a desejar, mas, dizer que no governo Lula tudo foi mil flores, não dá para aceitarmos. Realmente parecia que tinha sido um ótimo presidente, mas depois que a sujeira foi varrida para fora do tapete (estava escondida) pela Lava-Jato, agora esperamos justiça pois fomos roubados. E ainda tem quem apoie esse ladrão? Me poupe, Bebel!

    Responder
    • 4. apeoesp  |  17/12/2017 às 14:30

      Prezada professora Terezinha,
      Luto pela educação e apoio tudo o que for feito de positivo pela educação pública neste país. Reivindico do governo Alckmin, como reivindiquei do governo Lula, do governo Dilma, do prefeito Haddad, de Covas, Kassab e de todos os governantes. Ao contrário de você, que coloca preconceitos à frente. Todos devem ser julgados e condenados, se forem culpados. Mas mediante provas. A justiça não é e nunca foi infalível. Haja vista o que fizeram durante a ditadura militar. Juízes condenaram Tiradentes. O judiciário brasileiro já cometeu muitos erros e perseguições. Basta lembrar do caso dos irmãos Naves e outros.
      Bebel

      Responder
      • 5. Terezinha Almeida  |  17/12/2017 às 18:28

        Nunca fui preconceituosa e jamais serei. Você é cega, pelo visto, pois, meus comentários jamais tiveram conteúdo preconceituoso com quem quer que fosse. Votei em Dilma, mas nem por isso sou petista. Sou honestíssima, o que difere de muitas pessoas. Não tenho rabo preso com quem quer que seja e nem preciso disso. Quando comento, expresso meu ponto de vista. Mas tem uma coisa: quando sou julgada, exerço o bate e volta, pois não admito que me chamem de preconceituosa. Aliás, sempre votei na senhora, pois “a via como excelente pessoa para o sindicato”. Hoje vejo que sua imagem está desgastada. Cuide-se para não morrer na praia na próxima eleição. Quanto aos réus, com certeza todos os citados serão juilgados e CONDENADOS, pois a justiça chegou no Brasil através da Lava-Jato e seus dignos representantes. Professora, volte para a sala de aula. Quem sabe lá você poderá fazer a diferença, assim como tenho feito em minha digna profissão.
        Feliz consciência!!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Mensagem da Presidenta da APEOESP às professoras

Clique no play para ouvir.

Blog Stats

  • 5.316.224 hits

Comentários

apeoesp em
JOSE DA CONCEICAO BA… em

%d blogueiros gostam disto: