Vitória judicial da APEOESP garante pagamento correto da GTCN

04/05/2018 at 00:19 12 comentários

Informo, com satisfação, que a APEOESP venceu mais uma batalha judicial em prol da nossa categoria.

A CGRH/SEE encaminhou às Diretorias Regionais de Ensino comunicado para que toda a rede estadual de ensino cumpra decisão judicial em mandado de segurança coletivo impetrado pela APEOESP para que a Gratificação por Trabalho em Curso Noturno (GTCN) não mais seja limitado a 100 horas mensais, mas sim sobre a quantidade de aulas que o docente ministra no noturno. A sentença já transitou em julgado, ou seja, não cabe mais nenhum tipo de recurso, em nenhuma instância judicial.

A APEOESP luta em todas as frentes em defesa dos direitos e reivindicações das professoras e dos professores. Nosso sindicato negocia com as instâncias do Governo, mobiliza nas escolas e nas ruas, promove atos, paralisações e greves e, também, utiliza o direito de acionar o poder judiciário quando o Estado comete ilegalidades e não se dispõe a corrigir seu desvio de conduta por meio do diálogo.

Professora Bebel
Presidenta da APEOESP

Anúncios

Entry filed under: Artigos.

Os golpistas estão levando o Brasil ao abismo PUBLICADO NOVO EDITAL DE CONVOCAÇÃO DE PEB I PARA ESCOLHA DE VAGAS

12 Comentários Add your own

  • 1. teresinha Kroeff daglhawi  |  04/05/2018 às 00:37

    Gostaria de saber do retroativo 7%

    Obter o Outlook para Android teresinhakroeff@hotmail.com

    ________________________________

    Responder
    • 2. apeoesp  |  05/05/2018 às 09:54

      Prezada professora Teresinha,
      Deverá ser pago na semana que vem, juntamente com o salário de maio.
      Bebel

      Responder
  • 3. Débora Natal  |  05/05/2018 às 03:16

    E o aumento quando vemm>>>

    Responder
    • 4. apeoesp  |  05/05/2018 às 09:50

      Prezada professora Débora,
      A justiça deu prazo ao governo até dia 12/5.
      Bebel

      Responder
      • 5. Sandra Brandini  |  13/05/2018 às 12:06

        Professora Bebel, dia 12 de maio se foi e nada dos 10, 15% de aumento. ´´E desanimador isso. Dá vontade de largar tudo.

      • 6. apeoesp  |  13/05/2018 às 14:51

        Prezada professora Sandra,
        Nós estamos em luta para garantir o reajuste de 10,15% para toda a categoria. A APEOESP luta em todas as frentes. A Procuradoria Geral do Estado conseguiu uma medida extraordinária da Presidenta do Supremo Tribunal Federal utilizando dados alarmistas. Ingressamos com recurso para reconsideração colocando os “pingos nos is”. O STF não revogou a sentença favorável, nem julgou o mérito da nossa ação. Quanto a isso, está ganha e não há retrocesso. O Estado de São Paulo, o maior da federação, tem que cumprir a lei do piso salarial profissional nacional, assim como estados mais pobres, como Maranhão, Piauí e tantos outros cumprem.
        Temos assembleia no dia 18/5 no MASP. É importante a presença de todos lá.
        Bebel

  • 7. Leandro  |  07/05/2018 às 12:35

    Esse pagamento do GTCN também contempla os readaptados?

    Responder
    • 8. apeoesp  |  13/05/2018 às 15:11

      Prezado professor Leandro,
      Creio que sim. Por favor, ligue para 11.33506214 para melhor informação.
      Bebel

      Responder
  • 9. Rita  |  10/05/2018 às 01:43

    boa noite:
    está correndo nas redes sociais que o STF concedeu ao governo do estado a suspensão do pagamento referente aos 10.15% aos professores. essa notícia é verdadeira? ainda não vi nenhuma entidade do magistério se manifestar.

    Responder
    • 10. apeoesp  |  13/05/2018 às 15:08

      Prezada professora Rita,
      Nós estamos em luta para garantir o reajuste de 10,15% para toda a categoria. A APEOESP luta em todas as frentes. A Procuradoria Geral do Estado conseguiu uma medida extraordinária da Presidenta do Supremo Tribunal Federal utilizando dados alarmistas. Ingressamos com recurso para reconsideração colocando os “pingos nos is”. O STF não revogou a sentença favorável, nem julgou o mérito da nossa ação. Quanto a isso, está ganha e não há retrocesso. O Estado de São Paulo, o maior da federação, tem que cumprir a lei do piso salarial profissional nacional, assim como estados mais pobres, como Maranhão, Piauí e tantos outros cumprem.
      Bebel

      Responder
  • 11. Wanderley Cantarin  |  05/06/2018 às 00:11

    Boa noite, tenho uma dúvida sobre o pagamento do GTCN. O valor do GTCN é pela hora-aula ou pela hora relógio? Desde 2014 atuo no CEEJA, das 19 horas até 22, computando 4 horas aula. Sempre recebi o GTCN pela hora relógio, mas agora, com a mudança de GOE, começaram a pagar pela hora relógio. Qual a forma correta?
    Desde já, grato.

    Responder
    • 12. apeoesp  |  17/06/2018 às 11:56

      Prezado professor Wanderley,
      Por favor, ligue para 11.33506214 para melhor informação.
      Presidência da APEOESP

      Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Mensagem da Presidenta da APEOESP às professoras

Clique no play para ouvir.

Blog Stats

  • 5,115,989 hits

%d blogueiros gostam disto: